História Avengers - Texting - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Capitão América, Deadpool, Demolidor (Daredevil), Doutor Estranho, Elektra, Gavião Arqueiro, Homem de Ferro (Iron Man), Homem-Aranha, Homem-Formiga, Originais, Os Vingadores (The Avengers), Viúva-Negra (Black Widow)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Clint Barton, Dr. Bruce Banner (Hulk), Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), James Buchanan "Bucky" Barnes, Matt Murdock, Natasha Romanoff, Pantera Negra (T'Challa), Pepper Potts, Personagens Originais, Peter Parker, Pietro Maximoff (Mercúrio), Stephen Vincent Strange / Doutor Estranho, Steve Rogers, Visão, Wade Willson (Deadpool)
Tags Entretenimento, Espero Que Você Goste, Eu Não Sei O Que Estou Fazendo, Zueiras
Exibições 32
Palavras 617
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sorry

Capítulo 3 - Quer perder um dente?


Fanfic / Fanfiction Avengers - Texting - Capítulo 3 - Quer perder um dente?

    Depois de eu pegar meu sagrado lanche, fui me encontrar com a Nat e o Bucky. Eles estavam se divertindo sem mim? Que audácia....

    Merece uma vingança!
    Vingança em dobro! Hehe! Vou chegar lá na cautela, vou esperar eles irem beber e aí eu dou o ataque
    - Então eu respondi: Não me ataca que hoje eu tô NAJA! - Natasha diz e eles dois riem em seguida. Tão bebendo o refri, é agora!
    - NÃO É UM APOCALIPSE DE CLAUSTROFÓBICOS DURANTE UM ATENTADO A SUA CHATICE? - digo no ouvido deles (já que eles estavam bem perto) bem alto como se estivesse vendo Odin ali
    - AÍ MEU CORAÇÃO VÉI - ela exclama tão alto quanto eu
    - AÍ MEU OUVIDO! - Bucky diz enquanto eu estou morrendo no chão
    - Save Me Save Me - digo cantando entre as risadas
    - Te salvar teu cu! Tô surdo véi!
    - E eu tô precisando de um coração novo! - Natasha diz respirando fundo
    - Serve de lição pra vocês! Quem mandou se divertir sem a minha pessoa? - digo me sentando na mesa. Ainda bem que meu lanche continuava intacto e que não tinha quase ninguém na Praça nessa hora e que minha comida tava intacta. Eu já disse que ainda bem que minha comida tava intacta? Pois é. Inda bem que minha comida tava intacta.
    - Você é chata pra caralho man. Si fuder!
    - Também é opção - canto, eles não entendem. Bufo - Não me digam que nunca ouviram isso? - eles afirmam com a cabeça - Preciso ensinar umas coisas pra vocês depois
    - Se for para ficar igual a você, não obrigada - disse Bucky
    - Quer perder um dente?
    - Quer perder a moral? - disse o Bucky
    - Genteeeee! Aquele não é o guri que tu gostas Bárbara? - Natasha, Natasha... Acho bom você já ter escrito seu testamento visse?
    - Aquela ali não é tua moral? - digo apontando para a lata de lixo
    - EI! FULANO! VOCÊ MESMO! - Natasha grita para o senpai
    - O que foi Nat? - IXII FI! QUE INTIMIDADE É ESSA? QUER MORRER JOVI?
    - Oie! Queria que você falasse em francês, sabe? - pede ela. Guria tu não mexe comigo que eu sei arrancar cabelo
    - Que voulez-vous que je dise? ( O que você quer que eu diga?) AINQUEBUNITIN! Será que cabe num pote? Deve de caber...
    - Uma declaração, por exemplo! - Natasha exclama. Tu só quer fuder minha vida né feladapulta
    - Mon amour est si insignifiant près que m'a fait du bien. Chaque soir, je passais dans la pensée claire à vos yeux, me faire sentir le bonheur et l'harmonie avec moi-même. Je t'aime! (Meu amor é tão insignificante perto do quanto me fez bem. Todas as noites que passei em claro pensando em seus olhos, me fazem sentir felicidade e harmonia comigo mesmo. Eu te amo!) É hoje que eu como galinha frita no jantar!
    - Muito obrigada! Vai me ajudar bastante nas aulas de francês! - Natasha diz e o Mozão vai embora dando um tchauzinho com com mão
    - Tu não é fluente em francês? - Bucky pergunta
    - Tu é bobo ou se faz? - Natasha diz. Eu? Ah, eu estava no chão tendo um ataque do coração enquanto minha mente estava relembrando a cena dele fazendo a declaração em francês
    - Vingança é um prato que se come frio. Mas, eu gosto dele quente! - Natasha diz e dá uma daquelas risadas sinistras dela


Notas Finais


Espero que tenham gostado! E não me matem! Eu estava sem celular durante esse tempo que não postei.
Porque não postou pelo computador?
O capítulo estava no celular. Pelo menos metade dele!
ENTAUM, deixem suas opiniões nos comentários e até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...