História Babuina Gay - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Friends, Idiotas, Originais
Exibições 15
Palavras 454
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ecchi, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Desculpem a demora ;'3

Capítulo 8 - FLOCOS MALDITOS


Fanfic / Fanfiction Babuina Gay - Capítulo 8 - FLOCOS MALDITOS

O milkshake da layza foi feito primeiro. Ela o pegou e quando tomou...

— tem flocos... — Ela começa a chorar enquanto sorria (a nossa clássica layza é assim)
— se fodeo — Eliza começou a debochar da cara da depressivona, Amanda não estava prestando atenção nas duas.

Logo o Milkshake de Eliza foi feito, e ela tomou... A garota fez cara de cachorrinho chorão e:

— Tem flocus... — Ela fala choramingando.
— Vai zuar da cara dos outros otária — layza deu uma risada fraca e de deboche.
— Oque foi gente?
— t-tá c-cum FLOCOS!!! BWUAAAAH — Eliza começou a fazer um escandalo maravilhoso, que foi interrompido por um soco de Layza.
— xiu! Escandalosa. — Ela parecia brava, provavelmente seria pq seu milkshake estava com flocos.

Logo Amanda pegou o seu milkshake e ela não teve problema com os flocos... Igual duas pessoas. Elas passearam por todo lado compraram mais alguns salgados, pararam em um parque e comversaram mais um pouco. E logo voltaram para casa.

— Chegamos! — Eliza toda sorridente grita como se tivesse alguem as esperando.
— o gabriel foi jogado pela janela e a julia esta no vizinho, não tem ninguém te esperando iludida — Layza acabou com a felicidade da garota que a mesma atacou o pescoço de Layza e elas começaram a tretar. Amanda apenas ignorou elas e foi em direção à janela em que tinha arremessado um anão.
— Caralho... Se ainda ta aí — Diz a Amanda sem emoção na voz mais para o "foda-se"
Ela percebeu que ele não havia à respondido e então ela jogou uma pedra nele(de onde raios ela tiraste uma pedra, ngm sabe, nem mesmo eu)
— Ai! — ele resmunga.
— para de drama e sai dai logo. — ela diz desinteressada sainda de perto da janela.
— AMANDÃO!!! — A mina de ócrim chega nos encadalos pulando na pequena titã. — Vamo fazer um bolo? — os olhos da garota estavam brilhando.
— um bolo?
— sim!
— de quê?
— De colorido!!!
— Eoque?
— c-o-l-o-r-i-d-o
— ta ta, já entendi.
— Então vamos? — os olhos dela começaram a brilhar novamente e fica só nos pulinho.
— para sua esperma mal reproduzida. — a pequena titã tava ficando impaciente com o jeito da outra. — Alias... Onde que está a layza?
— ela... Não sei!
— LAYZAAAAAAAAAA — A pequena titã da sej melhor berro.
— QUE FOE?!?! — A outra responde nos berros chegando na sala onde as duas estavam.
— VAMO FAZER BOLO COLORIDO! — Diz a Eliza toda boba alegre.

(...)

Um tempinho depois que elas foram comprar as coisas da receita...


Notas Finais


Obg por lerem >•<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...