História Baby Lolo (Camila G!p) - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Baby, Camila Cabello, Camila G!p, Camren, Camren G!p, Infantilismo, Lauren Jauregui, Mommy
Visualizações 1.187
Palavras 625
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey ♡

Capítulo 26 - Capítulo 25


     Pov Camila

Chego a casa de Lauren e uso a copia de sua chave que tirei enquanto a mesma estava comigo pra entrar em seu apartamento. Olho em volta e percebo o quão deprimente estava o cômodo, cortinas fechadas, coisas espalhadas pelo local que aliás possuía uma atmosfera bem pesada devo dizer 

-Lauren? -A chamo enquanto ando até a cozinha. O cômodo estava mais organizado que a sala, mas mesmo assim ainda tinha aquele clima estranho que chega dar uns calafrios no corpo

Sinto um aperto no coração e saio as presas da cozinha

-Amor aparece-Digo enquanto praticamente corro até seu quarto. Também estava vazio, só que diferente do silêncio que o resto da casa possuía era possível escutar acho que uma banheira enchendo

-Lauren? -A chamo novamente enquanto ando até o banheiro

Horrorizada

Essa palavra me definia naquele instante

A minha pequena estava se olhando no espelho enquanto direcionava sua mão com alguns comprimidos a boca

-LAUREN-Grito seu nome enquanto corro até ela e jogo os comprimidos na pia

-M-Mommy-Diz com a voz quebrada enquanto me olha como se estivesse vendo um fantasma

-Querida o que está fazendo? -Pergunto desesperada e a olhando de cima a baixo. A morena estava pálida, sua boca naturalmente rosada agora estava quase branca e ela se segurava na pia em busca de apoio

-D-Des-culpa C-Camz-Pede com a voz embargada e deixando as primeiras lágrimas caírem

-Tudo bem querida-Digo a puxando prós meus braços tentando lhe dar proteção-Está tudo bem

-E-Eu n-não q-que-ro v-viver sem v-você-Diz e eu assinto beijando sua testa

-E-Eu estou aqui babe-Digo tentando não mostrar meu medo-Q-Quantos comprimidos você tomou?

-E-Eu s-sinto m-mui-to-Diz entre soluços

-Esta tudo bem meu anjo, vai ficar tudo bem. Você só precisa me dizer quantos comprimidos tomou -Digo tentando lhe passar tranquilidade

-E-Eu preciso de você-Diz com a voz trêmula e cansada

-Eu também preciso de você babe, nunca mais vou te pedir pra sair do meu lado. Eu fui tola, de certa forma desconfiei do que sente e ainda quase te fiz tirar a própria vida-Digo sentindo o choque passar e a culpa aparecer

-M-Mommy não s-se c-culpe-Pede alisando meu rosto-Você está magra

-Acho que você não tem se olhado no espelho ultimamente-Digo tentando ganhar um sorriso seu e suspiro aliviada quando consigo

-Não sai mais de perto de mim não-Pede em sussurro

-Nunca mais babe-Digo no mesmo tom de voz

-Eu te amo Mommy-Diz e eu sorrio lhe dando um selinho demorado

-Também te amo babe-Digo acariciando sua bochecha

-Foram 5-Diz e eu assinto sorrindo fraco

-Esta tudo bem querida-Digo tentando lhe passar conforto

-Eu juro que não queria, mas ficar sem você era insuportável-Diz ameaçando voltar a chorar

-Eu entendo querida-Digo beijando sua testa-Vamos ao hospital ver se está tudo bem contigo e depois iremos pra casa. Pra nossa casa

-Promete que agora é pra sempre? -Pergunta olhando em meus olhos

-Prometo-Digo e ficamos mais um tempo ali, abraçadas e tentando matar um pouco da saudade que sentimos uma da outra, mas como tudo que é bom dura pouco saímos de lá e fomos pro hospital ver se minha pequena estava bem

Quando pedi pra ela ir nunca me passou pela cabeça que as coisas chegariam a esse nível. No fundo eu sabia que ela me amava, que ela voltaria pra mim, mas nunca achei que ela tentaria tirar a própria vida por não conseguir viver sem estar ao meu lado

-Já estamos chegando babe-Digo ao ver a morena bocejar no banco do carona 

-Okay Mommy-Diz sonolenta e eu me viro pra mesma quando paro no sinal. A vendo com mais tranquilidade a mesma realmente emagreceu, seu tom de pele está mais claro que o normal e seu rostinho está com olheiras-Prometo que vou cuidar de você

Nunca mais vou sair do teu lado


Notas Finais


COMENTEM

COMENTEM

COMENTEM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...