História Babyboy - Imagine Lim Changkyun (I.M) - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Min Hyuk, Personagens Originais, Show Nu, Won Ho
Tags Im ( Changkyun), Imagine Im, Monsta X
Visualizações 335
Palavras 1.084
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Festa, Fluffy, Hentai, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Antes que vuxês me matem, matem o tio Spirit!!! Ele Naum gosta de eu e fica dizendo que eu não posso postar capitulo porque num sei lá o que!!! Mas hoje eu acho que consegui resolver.
Antes... PREPAREM OS KOKORO AI, LA VEM TRETA DAS GRANDE!!!
Divirtam-se *-*

Capítulo 25 - Your Fool!!!


Fanfic / Fanfiction Babyboy - Imagine Lim Changkyun (I.M) - Capítulo 25 - Your Fool!!!

Voltei pra onde os meninos estavam sentados fazendo o piquenique e vi Changkyun com a cara emburrada.

Mas eu decidi de vez. Agora que Kihyun vai embora, acho que vai ser um pouco mais fácil pra mim organizar meus sentimentos direito. Talvez eu até concorde com isso de ser namorada do lesma do Chang…

Me sentei do lado de Changkyun de novo rodeando sua cintura.

- Tudo bem?

- É.

- "É" o quê?

- Tô bem sim.

- Também tá de TPM? - tirei meu braço dele e peguei uma maçã vendo os meninos conversando animadamente.

- Acho melhor a gente ir embora.

- É, também acho.

Me despedi dos meninos e Changkyun foi na frente sem falar com ninguém. Agora quem é que tá com ciúmes em Lim Changkyun??

Fui andando devagar pra casa vendo as costas de Changkyun se afastando mais rápido que o Flash. Quando ele chegou na porta, o vi limpar os olhos.… Ela tá chorando…?

Ele me esperou de pé na porta, já que eu tava com as chaves. Ele olhava pra cima evitando contato visual comigo.

Abri a porta e ele entrou, mas antes que se afastasse eu o puxei.

- ….Chang? - aquela anta acéfala ficava olhando de um lado pro outro, batendo o pé. Parecia aquelas criancinhas extremamente birrentas, sabe?

- Olha. pra. mim. Lim Changkyun. - falei pausadamente o puxando pra mais perto.

- Que foi que te deu coisinha? - ele segurou o riso pelo apelido.

- Bora, fala!

- Você e o Kihyun…

- Você não confia em mim não?

- Em você sim, eu não confio é nele!

- Eu não sei se você sabe, mas eu sei muito bem me afastar de alguém quando as coisas mudam de figura.

- Ei… Eu confio em você… É só… Eu tenho medo de te perder. Eu não sou lá a melhor pessoa do mundo, na verdade eu não chego nem perto…

- Mas eu gosto de você! Mesmo você sendo chato, perturba pra caralho, não sabe cozinhar, é pidão..

- AMOR! - ele me interrompeu rindo. - Já entendi! - nós rimos.

- E sabe de uma coisa… - coloquei meus braços em volta do pescoço dele vendo ele sorrir malicioso. - Eu tô com uma baita vontade de fazer uma coisinha lá em cima…

- É? - ele mordeu os lábios me olhando fixamente.

- Você sabe o que é... Oppa?

- Aish… Não faz assim... Eu quero muito que seja o que eu tô pensando…

- E o que você tá pensando Oppa? - falei me esticando pra ficar na altura do ouvido daquele poste. Vi ele se arrepiar e dei um selinho molhado em seu pescoço.

- Você quer mesmo saber..?

- Uhum… - murmurei dando mais selinhos no seu pescoço.

Chang puxou um pouco meus cabelos sussurrando no meu ouvido.

- Eu quero te foder tão forte que você vai ficar rouca de tanto gemer meu nome... - arregalei um pouco os olhos mas logo senti minha calcinha molhar.

- E porque não faz isso hein… meu Babyboy? - ele sorriu malicioso.

- Não sei o que deu em você, mas eu tô adorando isso! - Changkyun me colocou no colo me levando até o meu quarto e me deitando na cama. Ele tirou a camisa e a calça com certa pressa olhando pra mim como se eu fosse uma barra de chocolate gigante prestes a ser devorada.

Ele ficou só de cueca e subiu em cima de mim beijando meu pescoço com um pouco de força.

- Eu quero que a rua todo ouça o que vamos fazer aqui… - ele sussurrou com a voz rouca me deixando arrepiada.

- Entendeu?

- Sim…

- Sim o quê?

- Sim Daddy

- Boa menina! - ele tirou minha blusa e os shorts os jogando pra sei lá onde. Tendo um deus grego na minha frente a última coisa que eu vou olhar é roupa 🌚.

- Acho que é minha vez de dar um pouco de prazer pro meu Daddy… - falei sorrindo e ele mordeu os lábios com força e deu uma palmada no meu bumbum.

- Ahn… - ele riu se divertindo.

Quando eu estava prestes a arrancar o último pedaço de pano que tava no corpo dele, ele me tirou de cima dele e segurou a correntinha que Kihyun me dera. Vai da merda...

- Eu tenho certeza de que esse "K" não tem nada haver com meu nome… - ele disse com o olhar raivoso.

- POR QUE CARALHO VOCÊ TÁ COM UMA CORRENTE COM A INICIAL DO KIHYUN?? VOCÊ TÁ DANDO PRA ME TRAIR AGORA??? - ele se levantou vestindo a calça.

- Changkyun você tá me ofendendo… Eu poso ser tudo, menos infiel.

- AH É? NÃO É O QUE PARECE!!! VOCÊS DOIS TÃO TENDO UM CASO NÃO É?? ELE TE DEIXOU EXCITADA E VOCÊ VEIO ATRÁS DE SEXO COMIGO COMO UMA VERDADEIRA PUTA!!! SINCERAMENTE... - ele arrancou a correntinha do meu pescoço e eu me levantei.

- Devolve…

- O QUÊ? ISSO AQUI! PORQUE? O QUE TEM DE TÃO IMPORTANTE NISSO? AH É! É DO SEU AMANTEZINHO! DESCULPA!! - ele disse rindo irônico e jogou a correntinha no chão. Eu a peguei e coloquei no meu pescoço de novo e comecei a me vestir.

- ONDE VAI? ATRÁS DO NAMORADINHO É??

- CALA BOCA!! CALA A PORRA DA SUA BOCA!! QUER SABER? EU CANSEI!! O KIHYUN ME DEU ISSO PORQUE ELE VAI EMBORA SEU IDIOTA! E ELE TAMBÉM É IMPORTANTE PRA MIM, ASSIM COMO VOCÊ ERA A ALGUNS MINUTOS ATRÁS! EU CHEGUEI AQUI DISPOSTA A FICAR COM VOCÊ, EU ESTAVA ATÉ PENSANDO EM OFICIALIZAR ISSO QUE VOCÊ CHAMA DE NAMORO!! MAS AGORA EU QUERO QUE VOCÊ SE FODA!! EU NÃO VOU TE EXPULSAR DAQUI, PORQUE EU NÃO DEIXARIA NEM MEU PIOR INIMIGO NUMA CASA COM AQUELE TAL DE MINHYUK, MAS EU ESPERO QUE VOCÊ ACHE UM LUGAR PRA VOCÊ E ME DEIXE EM PAZ!!!

- ____________….

- ____________ O CARALHO! NÃO ME TOCA SEU IMBECIL! TUDO QUE EU TE PEDI FOI CONFIANÇA, E AGORA… OLHA NO QUE DEU! A BOBINHA AQUI ACHAR QUE AS PESSOAS MUDAM NÃO É MESMO!

- Eu mudei por você…

 - VOCÊ ACABOU DE ME CHAMAR DE PUTA!!!! EU FUI SÓ MAIS UMA DA SUA COLEÇÃO!!! COMO EU FUI IDIOTA MEU DEUS!!! EU ESPERO QUE VOCÊ TENHA UMA VIDA DE MERDA!! - saí do quarto batendo a porta e sai de casa, procurando algum bar pra beber.


Notas Finais


Iai gostaro?? Kkkk Algo me diz que persongemzin de um grupin bem famosin vai entra na histórinhaaa!
Eu não vou postar cap quando chegar do colégio pq hj é meu niver e eu vou ficar cantando Pity Party da Melanie Martinez a noite toda!!

BeiJin ' 3'


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...