História Back on love: uma história Bethyl - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Aaron, Abraham Ford, Beth Greene, Carl Grimes, Carol Peletier, Daryl Dixon, Enid, Eugene Porter, Glenn Rhee, Maggie Greene, Michonne, Morgan Jones, Negan, Rick Grimes, Rosita Espinosa, Sasha, Tara Chambler
Tags Beth Greene, Bethyl, Daryl Dixon, Romance, The Walking Dead
Exibições 117
Palavras 656
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Sci-Fi, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom galerinha essa é minha primeira fic e surgiu da junção de uma idéia maluca que eu tive com uma fic que eu lí no Niah e que aparentemente a autora abandonou.

Essa é mais uma história Bethyl, feita por alguem que ainda não se conformou com a morte dela.

Espero que gostem ^^

Capítulo 1 - Unknowing Girl


Fanfic / Fanfiction Back on love: uma história Bethyl - Capítulo 1 - Unknowing Girl

Beth andava sem rumo pelas estradas vasias, tendo como unica companhia um andante que crusava seu caminho por hora ou outra. Faziam mais ou menos 8 dias que ela havia acordado dentro de um carro parado no acostamento de uma estrada de terra, sentindo uma dor lacinante na cabeça. Porem seu maior susto veio quando ela parou para pensar no que havia acontecido, e as unicas coisas que se lembrava era de estar em um apocalypse zumbi, de ter tomado um tiro na cabeça, e a sensação de tudo sumir.  Alem do próprio nome e de outros nomes que flutuavam em sua mente como peças de um quebra-cabeças, bom... um nome em especial, Daryl Dixon... ela não sabia quem ele era, apenas tinha a impressão de que era importante que ela se lembrasse. 

 Agora, Beth seguia para lugar nenhum, sem rumo, sem identidade e sem pessoas para se apegar, aparentemente tudo que havia no mundo eram ela e os walkers. Ela já não comia nada a 5 dia, e sua ultima gota de água, que hávia pego de um riacho que milagrosamente surgiu em seu caminho, havia acabado no dia anterior. 

 Os cabelos loiros ainda exibiam uma mancha de sangue, aparentemente a bala tinha atravessado sua cabeça, e isso a fez apagar por alguns dias e provavelmente era a causa de sua perda de memória. A pele alva estava suja e as roupas manchadas de sangue e outras coisas que eram dificeis indentificar. Ela seria facilmente confudida com um dos walkers se alguem vivo passasse por alí, porem desde que acordou, a Greene não havia visto nem mesmo uma alma viva.

 Ela estava a ponto de deitar no chão e esperar a morte certa quando avistou enormes portões de ferro que se estendiam logo a frente, e quanto mais a loira se aproximava mais conseguia distinguir a altura dos muros, uma voz dizia em sua cabeça que aquele era um local seguro, e por algum motivo ela se sentiu atraida para lá. 

Quando estava diante dos portões percebeu uma arma apontada em sua direção, e logo sentiu suas pernas fraquejarem devido a avida caminhada que ela havia tomado a dias.

 - Não atire! - ela pode ouvir uma voz feminina gritar para o parceiro ao mesmo tempo em que o portão se abria e braços magros a puchavam para dentro.

                        { ¤¤¤ } 

Quando abriu os olhos novamente demorou um longo segundo para reconhecer onde estava, perceber o soro em seu braço, as paredes claras, e só então a mulher parada ao lado dela.

 - Bem vinda de volta raio de sol. - a voz soava sarcastica porem sem uma gota de crueldade. - fico feliz de saber que acordou.

 - Quanto tempo faz que eu estou aqui? - perguntou enquanto se levantava a ponto de ficar sentada na cama de hospital, ignorando a pontada de dor que correu por todo seu corpo.

 - 3 dias, você estava muito fraca e desidratada, acabou desabando assim que eu te trouxe para dentro. - disse ajudando a loira a se deitar novamente assim que viu a expressão de dor em seu rosto, que ela claramente falhara em tentar desfarçar. - Leve o tempo que precisar, assim que estivér se sentindo melhor, Rick e Deanna vão querer falar com você. 

 - Onde eu estou? - perguntou, ela reconhecia aquele nome, Rick... porem tentar se lembrar era como escavar algo que estava muito enterrado em sua mente, e sempre que tentava se lembrar do passado, ela sentia uma dor terrivel.

 - Alexandria, é uma cidade cercada por muros, você estará segura aqui. - ela fez uma pausa, porem logo continuou. - eu sou a Tara, e você, como se chama? 

 - Beth, Beth Greene. - pronunciou em tom monotono, desde que acordou naquele carro, ela se sentia como se não merecesse usar aquele nome, afinal, Beth Greene estava morta, tudo que ela era agora...

Não passava de uma pagina em branco 


Notas Finais


E então meus amores, o que acharam?
esse foi um capitulo bem breve, afinal a história só está começando e.e
Alguma critica ou sugestão?

Me digam o que vocês pensam ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...