História Backstage - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Visualizações 13
Palavras 1.088
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Obrigada pela leitura e pela confiança! A história é de minha total autoria :)

Capítulo 1 - Férias


Hoje é o ultimo dia de aula e eu não poderia estar mais feliz!

 Eu tenho 18 anos, porém nunca terminei a escola. Sempre fui levando com a barriga até o nono ano, a onde eu decidi parar de estudar e focar nas coisas que eu realmente amo. há dois anos atrás meu pai ficou doente e disse pra mim que o sonho dele não era ver seu império crescer mais e mais, seu sonho verdadeiro era me ver voltar a estudar e viver uma vida normal, sem meus luxos, como uma adolescente qualquer. Então em 2015 eu voltei a estudar e fui para o nono ano. 

Desde então estudar pra mim foi sempre muito difícil, eu não podia revelar aos meus colegas quem eu era, ou quem eram meus amigos. Tive muita dificuldade no início, pois não lembrava quase nada do que eu havia aprendido. Eu repeti o nono outra vez e hoje eu estou no primeiro ano do Ensino Médio. 

Eu também tive muitas dificuldades em me adaptar na escola, fazia parte do sonho do meu pai de me ver com amigos da escola, não atores, cantores e socialites milionários, então tive que me esforçar para fazer amigos, porém tudo era muito mais difícil que parecia. A diferença de idade entre mim e meus colegas de classe era muito grande e nossos interesses eram totalmente diferentes. Imagina se elas soubessem que eu namoro o ídolo delas? Isso não iria dar certo.

Fazia parte da adaptação um disfarce no meu rosto, eu colocava um adesivo de espinhas todos os dias, aparelho, e um alargador dentro do meu nariz, para ele aparentar ser maior. Eu nem preciso falar que eu odiava isso tudo. 

Mais conforme o tempo passou eu fiz amigos na escola e acabei me apegando a eles. Eu descobri que havia sim gente legal lá e que eu era mais parecida com eles do que eu me lembrava. Conheci uma garota muito legal chamada Barbara, ela era doce, gentil e linda! Meu pai se curou da doença e eu continuei estudando e seguindo com a minha vida. 

Mas nunca abandonei meu lado de luxo e glamour, e sempre que posso dou uma escapadinha para Los Angeles para a onde tudo começou. 

Sai de casa cinco minutos atrasada como sempre, fui no andar do apartamento do meu pai, apertei a campainha para ele descer e me levar para a escola. Eu morava sozinha em um apartamento em cima do dos meus pais. Ele não era muito grande, então compramos o do lado e aumentamos. Eu acho que eu tenho um gosto razoavelmente bom, então ele está decorado com as minhas coisinhas. É claro que ninguém da escola sabe disso, então quando eu preciso que elas venham na minha casa eu as levo no apartamento dos meus pais que é muito simples. Eles não gostam muito de luxo ao contrário de mim. 

Cheguei na escola e já encontrei com a Barbara, ela me deu um sorriso e disse:

- Finalmente!! Ultimo dia de férias!! To muito animada, a gente vai fazer muita coisa juntas até eu viajar pra disney :(  Ai a gente vai ficar um mês separadas!

Ela estava triste, mais por dentro eu estava gritando de felicidade! Não me leve a mal, eu amo ela, porém eu programei uma viajem com meu melhor amigo Justin. 

Justin e eu somos alma gêmeas! Ele me entende como ninguém, e gosta de mim pelo o que eu sou, não pelo meu dinheiro. Ele tem fama e dinheiro o suficientes para não querer o meu. Nós nos conhecemos em 2011 quando ele veio ao Brasil com sua turnê e eu era muito nova na época. Eu tinha dez e ele quinze. Nossos pais viraram amigos e conforme o tempo passou eu cresci e nós nos tornamos grandes amigos. Ele é a pessoa mais bonita que eu já conheci e eu tenho muita sorte de ter ele na minha vida. As pessoas o tratam como um objeto, e eu não vejo isso nele. 

- Vou sentir muito a sua falta Barbara. 

- Eu também Ana, mas nós podemos nos falar por FaceTime! Eu vou te ligar todos os dias.

Eu até queria mostrar para ela o meu mundo, só que sou muito insegura e tenho medo que isso interfira na nossa amizade tão pura. Eu tenho um estilo de vida muito louco, acho que ela não entenderia. 

Nós duas subimos as escadas e entramos para a sala de aula para aturar pela ultima vez o professor falar sobre algo que ninguém queria saber. Eu senti alguém me cutucar por traz, era o Felipe querendo me mostrar o Matheus dormindo na carteira. Eu comecei a rir muito e o professor acabou botando eu e o Felipe pra fora. 

O Felipe é um menino alto, loiro dos olhos castanhos que virou muito meu amigo de um ano pra cá. Ele é uma das pessoas mais engraçadas que eu conheço e confesso que se a gente tivesse a mesma idade eu daria uma chance pra ele hahaha.

...

O sinal da ultima aula tocou, eu guardei meu material correndo e fui de encontro com a Barbara que já estava impaciente me esperando. Nós duas apostamos corrida na rampa que dava acesso as salas de aula e fizemos muito barulho, mais idai? É ultimo dia mesmo. 

Cheguei na saída e minha mãe já estava lá me esperando para me levar para o aeroporto, eu iria direto pra Los Angeles encontrar meus amigos. Me despedi de todos, dei muitos abraços na Barbara e no Felipe e fui embora. Mal podia esperar pra ver todo mundo! Minhas melhores amigas, meu squad, meu amigos, minha família, emfim a galera toda. 

Mas como tudo na minha vida tem um porém, tem um problema. Como eu tenho uma vida a manter no Brasil eu não posso ser vista com meus amigos, minha vida viraria um inferno! Por isso eu adotei um disfarce. Tudo começou quando a minha amiga Selena queria postar uma foto comigo no instagram de qualquer jeito, por isso criei um insta privado com o nome de arlequina ( o nome da minha personagem favorita dos quadrinhos). Eu cobri meu rosto e tiramos a foto e ela postou. A foto logo viralizou e todos queriam saber quem eu era. O tempo foi passando e meus amigos foram postando fotos comigo e meu rosto sempre estava tampado e meu instagram misterioso marcado. Então se iniciou uma caça dos paparazzis e dos sites de fofoca atras da minha verdadeira identidade. 


Notas Finais


Bom esse foi o primeiro capitulo de muuitos hahaha. Perdoa os meus erros de ortografia e não desiste de mim!
Eu só queria agradecer pra qualquer pessoa que chegou até aqui e colocou um voto de confiança na minha história!! Eu elaboro ela na minha cabeça há anos e só hoje estou passando ela da minha cabeça pra realidade. Ficou um pouco grande e chato, mais era pra fazer uma introdução e pra vocês entenderem um pouco desse universo da Ana.
Voces podem esperar muito babado e confusão, esse cap foi calminho mesmo haha
Deixa um fav pra fortalecer e é isso, muito obrigada e até o próximo!
Meu twitter é jelefav e meu insta é wordsjelena ( sim sou jeleninha, meu otp vai ressurgir! )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...