História Bad Boy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys, Bts, Jimin
Exibições 124
Palavras 1.537
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Hentai
Avisos: Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Trabalho em dupla


Fanfic / Fanfiction Bad Boy - Capítulo 1 - Trabalho em dupla


Como de costume,toda tarde depois do escola vou andar pela praia para aliviar o estresse,não pelos estudos mas sim por um babaca que vive me atormentando,seu nome é Park Jimin,ele é do tipo valentão que faz todas as garotas correrem atrás dele,mas como eu apenas o ignorei no primeiro dia de aula ele resolveu me fazer de sua vítima preferida.Caminhei pelas areias até o anoitecer quando me deparei com o infeliz do Jimin sentado na areia,tentei dar meia volta para não lhe fazer me notar ali presente,mas tudo foi em vão quando senti tropecei em meus próprios pés e caindo na areia,logo escutei risadas dele e o escutei se aproximar.

-Olhe só,gosta tanto assim de mim que precisou me seguir até aqui?.-jogou areia em mim com os seus pés.
-Não enche.-me levantei me limpando.
-Vejo que você não precisa de mim para cair toda hora.-sorriu irônico.
-Só me deixa em paz,okay?
-Por que me odeia tanto?
-Deve ser porque você faz da minha vida um inferno?
-Admita que você gosta de mim e eu te deixo em paz.-sorriu de lado.
-Prefiro a morte à falar isto.-o empurrei e fui embora.Voltei para casa,tomei meu banho e jantei,fiz minha lição de casa e depois dormi.

Acordei às 06:00 como de costume,fiz minhas higienes,tomei um banho,tomei meu café da manhã,peguei minha bolsa e fui para a escola.Eu não tinha nenhum amigo na escola,todas as garotas são do tipo bobinhas e falam somente do que eu odeio,Jimin,eu nunca soube se deveria rir ou sentir pena delas.Retirei meus sapatos e entrei na sala,sentei em meu lugar e coloquei meus livros sobre a mesa.

-Ops.-Jimin disse ao derrubar de propósito meus livros no chão.-Foi sem querer.-como sempre apenas fiquei quieta,peguei meus livros e ele se sentou atrás de mim.

A aula logo começou,a primeira aula era de Filosofia,era minha matéria favorita até agora.A professora estava falando sobre o trabalho em dupla que deveríamos fazer,eu estava torcendo para cair com uma daquelas garotas bobocas,mas a sorte não parecia gostar de mim.

-O trabalho será sobre o tema "Amor".-todos se entreolharam e sorriram igual idiotas.-Como já sabem será em dupla,mas quem escolherá a dupla será eu.-a professora começou a falar as duplas e ao poucos todas as garotas já tinha seus pares.-Hum...Jimin e ________.
-O QUE?-falei alto.-Prefiro morrer à fazer dupla com esse delinquente.
-Não quero saber,fará dupla com Park Jimin sim.-e então o sinal tocou.-Quero todos os trabalhos na minha mesa amanhã.-todos saíram da sala e fiquei sozinha batendo a cabeça na mesa,prefiro morrer ao ter que aguentar Jimin fora da escola.
-Bata com mais força.-alguém falou e empurrou minha cabeça me fazendo bater com força ela na mesa.
-AI.-olhei e vi que era Jimin.
-Não pense que estou feliz em ter de fazer o trabalho com você.-me empurrou enquanto eu levantava para sair da sala.
-Prefiro ficar sem nota.
-E repetir o ano letivo?.-riu baixo.-Me encontre em frente à escola às 19:00.
-Pode esquecer,não virei.-dei de costas e fui em direção à porta.
-Hey.-ele veio na minha direção,me virou e me prensou na parede.-Não irei repetir o ano letivo por sua causa,esteja aqui às 19:00 ou amanhã sua vida vai ser um inferno.
-Ela já é só de ter sua presença.
-Não brinque comigo garota.-aproximou seu rosto do meu,chutei sua canela e sai correndo.

Fui direto para casa depois que sai da escola,fiz limpeza em casa a tarde e me deitei para descansar um pouco.O tempo passou rápido e já eram 19:00 quando olhei para o relógio,não estava com a minima vontade de ver a cara de Jimin,mas se eu ficasse com nota baixa meus pais me matariam.Caminhei contrariada até o banheiro,tomei um banho,e me troquei,coloquei uma lingerie branca,uma calça jeans e uma blusa branca,coloquei meu all-star,passei perfume,peguei minha mochila com o livro de Filosofia e sai de casa.Já estava escuro,não demorei muito e cheguei em frente a escola,vi Jimin com cara de bravo no portão,quando me viu veio em minha direção e segurou meu braço me puxando.Ele me levou até um prédio,subimos pelo elevador em silêncio e paramos no décimo andar,ele me puxou para fora e entramos em um apartamento,estava escuro,ele ascendeu a luz,pegou minha mochila e a jogou no sofá.

-Vamos terminar isso logo.-disse enquanto se sentava no chão em frente a mesa da sala.-Vai ficar em pé igual uma mosca morta ou vai fazer o trabalho?.-me sentei ao seu lado e começamos
a responder as perguntas que a professora fez para o trabalho.
-Primeira pergunta...O que é amor para você?-disse enquanto olhava a folha com as perguntas.
-Uma bobagem.-respondeu sem ao menos pensar.
-Você faria de tudo por quem amasse?
-Não amo ninguém.
-Aish...Você já se apaixonou?
-...óbvio que não.-demorou um pouco para responder.-Não perco tempo com essas bobagens.
-Você...aish,realmente.-revirei os olhos.-Você é assim o tempo todo?
-Sou.
-Duvido,sempre há um motivo para uma pessoa ser tão casca grossa assim.
-Não te interessa.
-Não é atoa que todas as garotas da escola gostam de você,aquelas da escola gostam de idiotas sem sentimentos.
-Nem todas gostam de mim.-me encarou e senti meu coração disparar por algum motivo.
-Sim,eu não sou idiota igual elas para gostar de você.
-Quem disse que eu gostaria de ter uma barata tonta igual você gostando de mim?
-Barata tonta?.-me levantei.-Você é o maior idiota que eu já conheci em toda minha vida escolar.
-Idiota?Olha quem fala,a garota que olha para todos como se fosse superior aos outros.
-Talvez eu seja mesmo em relação à aqueles descerebrados que ficam atrás de você.
-Valentão?-se levantou e me empurrou me derrubando no sofá.-Então me acha um valentão?
-Sim,um babaca também.-quando ia me levantar ele ficou em cima de mim no sofá e aproximou seu rosto do meu.
-Você realmente é sonsa assim ou apenas se faz?
-Sai de cima de mim seu idiota.
-Já chega.-nesse momento ele segurou meus braços e me beijou suavemente,eu não consegui reagir,apenas fechei meus olhos e retribui seus beijos,sua língua pediu passagem e eu cedi,ele soltou meus braços e eu os coloquei em volta de seu pescoço,o beijo então passou de suave para rápido e necessitado,ele me pegou no colo enquanto nos beijávamos e me levou até seu quarto,e fechou a porta atrás de nós,me deitou na cama e começou a beijar meu pescoço,senti um calor estranho como nunca havia sentido antes,ele então começou a beijar meu colo,então senti sua mão gelada por dentro de minha blusa.

-Jimin...
-Estou indo rápido demais?.-me encarou.
-É que...-senti-me corar.-Eu sou virgem.
-Verdade?.-sorriu.-Eu vou ser carinhoso,eu prometo.

Jimin voltou a me beijar e desceu o beijo para meu colo,então levantou minha blusa e a tirou me deixando apenas de sutiã e calças,ele começou a beijar minha barriga e passar as mãos por meus seios,retirou meu sutiã e o jogou o chão,gemi quando senti ele chupar meu seio direito enquanto massageava o esquerdo,depois de um tempo subiu e me beijou novamente enquanto com uma de suas mãos começou a descer minha calça,não demorou muito e ele já havia retirado-a completamente,ele ficou de joelhos em minha frente e sorriu ao me ver apenas de calcinha,senti meu rosto corar então ele retirou sua camiseta e sua calça,ficando apenas de boxe,ele voltou a ficar por cima de cima,e dessa vez retirou minha calcinha,senti meu corpo arrepiar quando senti sua mão passar por minha intimidade,ele começou a massagear meu clítoris suavemente para me acostumar,parou de beijar meu pescoço e desceu com a língua passando pelo meu corpo até chegar em minha intimidade,gemi baixo quando senti aquela língua gelada tocar minha intimidade,ele passava ela por toda minha intimidade enquanto me estimulada,estava chegando ao meu limite quando ele parou.

-AAAAH EU TE ODEIO.-ele sorriu malicioso e chupou os dedos.
-Agora você está pronta para mim.-senti um pouco de medo de sentir dor,ele tirou sua box e colocou a camisinha,então me puxou pelas pernas fazendo nossas intimidades se chocarem,ele colocou minhas pernas uma de casa lado em sua cintura e me penetrou lentamente,gemi de dor mas logo ele me beijou suavemente me fazendo relaxar,quando me acostumei com seu membro dentro de mim ele começou a fazer movimento devagar,então quando viu que eu já havia me acostumado aumentou a velocidade cada vez mais,a cada estocada em meu ponto G eu soltava um gemido,ele me penetrava rapidamente me fazendo gemer alto,o som de seus gemidos eram a coisa mais satisfatória que já havia escutado em toda minha vida,ele me mordia e eu o arranhava com os seus movimentos,fiquei por cima dele e ele segurava minha cintura me ajudando a fazer os movimentos,não demorou muito e acabamos chegando ao ápice juntos,cai exausta ao seu lado e ele me olhou sorrindo.Pela primeira vez achei o seu sorriso lindo,então ele me abraçou e ficamos em silêncio por um tempo,já era tarde e eu deveria ter de ir embora,nos vestimos,peguei minha mochila e ele me acompanhou até em casa,me deu um último beijo e foi embora.

No outro dia cheguei a escola um pouco atrasada,quando entrei na sala ele estava sentado no lugar ao junto ao meu,ele abriu um sorriso meio disfarçado,entreguei o trabalho e me sentei e meu lugar,assistimos a aula em silêncio e pela primeira vez ele não me provocou.Desde este dia nunca mais brigamos,ele mudou completamente sua personalidade e ficou carinho e amoroso comigo,desde então,sempre fazemos os trabalho juntos.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...