História Bad boy Vs Bad girl - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Tags Justin Bieber
Exibições 184
Palavras 1.128
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - Puta de uma raiva.


Fanfic / Fanfiction Bad boy Vs Bad girl - Capítulo 21 - Puta de uma raiva.

As aulas passaram mais de vagar do que o normal e eu já queria jogar a cadeira nessa professora.

Gorda nojenta, se ela vim reclama que eu não to fazendo nada ela vai levar uma cadeirada, não quero nem saber, a raiva que estou sentindo é maior que tudo!

Quem o Bieber pensa que é? Depois que viu aquela cena, saiu e não volto, ignorou minhas ligações e mensagens. Se eu ver ele na minha frente não vou me responsabiliza pelos meus atos.

-Menina Jackson, da pra parar de riscar a folha desse jeito? -a gorda me fala-

Nem percebi que estava riscando a folha daquele jeito.

-Não -falo seca-

-Mas eu não estou pedindo, estou mandando.

-O caderno é meu, a caneta é minha então se eu quiser eu posso riscar sim essa merda! -falo entre dentes-

-O mundo de hoje esta perdido por causa de pessoas qu... -interrompo ela-

-Que nunca cuida da sua vida, agora volta a dar essa merda que você chama de aula e me deixa quieta caralho.

Escuto uns cochichos no meu lado e me irrito mais. Jogo tudo dentro da bolsa e saiu sem a o menos deixar a gorda fala alguma coisa.

Eu vou descobrir o porque do Justin ter saido daquele jeito ou eu não me chamo Savannah Jackson.

Pov's Camila


Eu tinha calculado tudo, sabia que eles iam ver eu e o idiota do Evam. E deu tudo certo, Bieber bravo e nossa querida Savannah mais ainda.

Agora é esperar que o idiota do Evam vá atrás dela, pedindo desculpa e fazer aquelas merdas de declaração de amor e tal. O aniversário dela é amanhã e se depender de mim vai ser o pior.

-EVAM, TU É BURRO?! Espera o sinal bate e vai fazer a merda de declaração, quando eu ver o Bieber te aviso e tu tasca um beijo nela pra ele ve, entendeu?

-Burro e teu pai, é claro que entendi o caralho.

-ENTÃO VAI POHA! tem que colocar o plano em prática agora!

Ele revira os olhos e sai andando na direção do patio, se der tudo certo, Justin Bieber vai ser apenas meu e é claro que vou fazer aquele papel de amiga, que se preocupa com ele.

Solto uma gargalhada com meus pensamentos.

Hoje promete!

(...)

Vejo o Justin entra pelo portão e pego o celular, ligo pro Evam.

- Ele chegou

-To conversando com ela, ja posso beija?

-Espera... Espera

Sigo o Bieber e vejo que ele ta perto do pátio.

-Beija, agora!

Desligo e entro no pátio, vejo Evam beijar a Savannah e logo Justin, parado observando a cena sem explicação nenhuma. Ele sai andando e logo empurra Evam pra longe e começa a grita.

-TA LOUCO O FILHO DA PUTA, TALARICA, CUZÃO DO CARALHO -Justin da um chute no estômago dele e eu apenas assisto o show-

-JUSTIN! PARA -ele não escuta e continua a chuta, logo puxa ele pra cima e distribui socos pela sua face.

Ele ia bater em Evam até desmaiar, eu sabia disso, já vi várias brigas dele. Eu sei de tudo.

Não me queira como inimigo Jus.

Pov's Justin

Eu não consegui me controlar, ver ela beijando outro doeu e muito, mas esse cuzão vai paga por pega mulher dos outros.

Distribuo soco por ele enquanto o mesmo tenta se defender, escuto Savannah grita igual uma louca e tenta me puxar.

Desculpa baby, mas ele mexeu com a pessoa errada.

Solto ele no chão e vou dando chutes pelo seu corpo sem parar, estou dominado pela raiva e não consigo parar.

-Você vai mata ele, amor para! -escuto a voz dela e vou parando a os pouco.

Ela se joga no chão e passa a mão tremendo pelo rosto dele, chorando e sussurrando palavras que não consigo entender.

Eu sabia que ele era importante para ela, que eram amigos desde pequenos, eram como irmãos mas eles tiveram um romance. Chris descobriu tudo isso pra mim.

-Savannah -chamo ela mas a mesma me ignora- amor, olha pra mim -me ignora de novo- OLHA PRA MIM POHA! -agora ela me olha.

Eu via raiva, dor, culpa e tristeza em seus olhos azuis perfeitos.

-Me... Me desculpa... 

-Va-Vai se ferrar -ela ajuda Evam a levanta e sai andando com ele, me deixando sozinho ali com todos me olhando.

May era a pior, parecia que ia me matar ali mesmo, com a pior tortura do mundo. Sinto uma presença atrás de mim e me viro.

Forço um sorrio a o ver quem era, era nada mais nada menos que Camila.

-Quer conversar? -ela pergunta-

-De você eu quero distância -saiu andando e ela me campanha, reviro os olhos e vou em um lugar a fastado que tem no colégio.

Camila continua a me seguir, essa não desiste fácil. Prendo ela na parede.

-O QUE VOCÊ QUE POHA?!

-Oh Jus... -ela fala apertando sua intimidade contra a minha, logo separo- você nunca reclamou -fala manhosa-

-Cala a boca sua cadela.

-A cadela quer mama -choraminga, falsa-

-Problema teu Camila, agora some daqui!

-Não jus... -ela se aproxima e me beija.

Eu queria parar, não queria retribuir mas meu corpo me enganou. Eu retribui o beijo apertando sua bunda e ela sorri, Vadia.

Prendo ela contra a parede colando nossos corpos, ela aperta sua intimidade na minha soltando um gemido de excitação.

(...)

EU FIZ MERDA, trai Savannah no nosso primeiro dia de namoro e pior, com a puta da Camila, eu to me odiando por isso e não sei o que fazer agora.

Vocês não sabem quem é Camila né? Ela é minha antiga namorada, me levou pro mundo das drogas e esta me dando muito trabalho nos outimos tempos.

Camila não esta pagando as drogas que está comprando e fica ameaçando chamar os tiras. Eu ainda me importo cima ela e tals.

Sei que fui um filho da puta agora.

-Ryan, fiz merda cara.
  -Justin

-Você e suas merdas, que foi dessa vez?!
  -Ryan

-Trai a Savannah irmão.
  -Justin.

-Vem pra casa, agora.
  -Ryan

Eu sou um idiota.

Pov's Savannah

Estou preocupado com Evam, foi errado ele me beija eu sei, mas ele é meu amigo, meu irmão. Justin não devia ter batido nele, não devia.

Eu não sei o que fazer em relação a isso, ele não era o mri Justin era outra pessoa, eu me lembro dos seus olhos terem ficado pretos.

Aquilo me deu medo.

(...)

Depois de um banho, estou jogada na minha cama pensando sobre minha vida, ela mudou muito.

Não posso reclamar de nada, me apaixonei, conheci amigos, irmãos, minha nova família que seria, Ryan, Chris, Chaz e Justin.

Justin.

Alguma coisa me diz que ele fez merda, prefiro acreditar que não. Durmo embaixo dos meus endredons deliciosos.

Amanhã é meu aniversário.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...