História Bad Girl (Imagine Suga- BTS) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Bts, Imagine, One-shot, Suga, Yoongi
Visualizações 335
Palavras 1.076
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


⚠Plágio é crime!⚠

Olá kookies confeitados!!!

Hoje trago a vocês a one-shot do Yoongi que vocês pediram e que é presente de aniversário da minha unnie
~BiscoitoMuiDoce Parabéns Unnie!!! ❤

Capítulo 1 - Swap roles


Fanfic / Fanfiction Bad Girl (Imagine Suga- BTS) - Capítulo 1 - Swap roles

                 Capítulo único

             


                Troca de papeis


"Ah, eu adoro a sensação que você me dá, oh, você me excita

É exatamente o que eu desejo, dê pra mim com força

E me encontre no meu quarto, faça meu corpo dizer ah ah ah"



Mais uma vez me encontrava anciosa e sedenta pela vinda dele. Eu e Min nos encontravamos frequentemente em um quarto de hotel. 

Poderiamos ser mal vistos pela sociedade, principalmente eu por ter nascido mulher num mundo estupidamente maxista. Mas que mal tem em satisfazer um dos desejos mais primitivos do ser humano, o sexo.

Posso ser considerada uma devassa somente por querer aquele corpo divino nu enquanto mete bem forte em mim? Ou sou uma vadia por querer sua boca habilidosa me chupando com volúpia?

Não. Com certeza não. E pra falar a verdade, não me importo. Como poderia ser, quando ele insiste em me foder rudemente.

Saio de meus desvaneios quando escuto batidas na porta. Retiro os cabelos do meu rosto e abro a porta dando de cara com o ser que me faz gozar deliosamente a noite inteira.

_Demorou. -sorri para ele.

_Atrasei no trânsito. -retribuiu o sorriso.

_Entra. -dei passagem. _Sabe que vai ser punido por isso, não sabe? Por me fazer esperar.

Ele caminhou em silêncio até a cama, sentou-se nela e se pronunciou.

_Que tal se a gente fizesse diferente hoje?

_O que tem em mente, Min Yoongi?

_O que acharia de não ter o controle da situação?

_Você quer ficar no comando? Não vai dar certo. -soltei uma risada fraca.

_E por que não? -me encarou desafiador.

_Porque eu gosto de ficar no controle.

_Ah S/N, não seja tão teimosa, hum? Você vai gostar! -disse me puxando para perto de si.

_Tudo bem só hoje... -cedi sentando em seu colo, logo começando um ósculo intenso.

Yoonie cravou suas mãos em minha cintura forçando-a para baixo, me fazendo inconscientemente rebolar na sua ereção. Agarrei os cabelos de sua nuca entrelaçando-os com os dedos.

Gemidos quase inaudíveis, apertos e chupões, apenas o início de um deliciosa noite. O gostoso do Yoongi continuava muito vestido para meu gosto, -na verdade seria bom se ele não trajasse nenhuma roupa-, então tomei a iniciativa e comecei a dispi-lo pela sua requintada gravata.

_Parece que temos uma apressadinha aqui! Não iria me deixar no comando? -me empurrou para o lado e me deixou no centro da cama.

_Tira a roupa... Oppa. -mordi lentamente o lábio inferior, tenho total noção de quanto eu mexo com o psicológico dele quando o chamo de oppa.

E assim ele fez. Retirou suas roupas apressadamente, um tanto agressivo como se fosse me devorar. E ele vai.

Ficou somente de boxer, vi um sorriso maquiavélico brotar em seu rosto. Min recolheu suas roupas espalhadas e prendeu meus pulsos na cabeceira da cama com sua camisa, e me vendou com a gravata. Estar vendada deixaram as coisas muito mais interessante.

Senti falta do seu calor, então deduzi que ele havia se afastado. Logo depois de alguns minutos agoniantes em que tive que espera-lo, senti a cama afundar e ouvi um barulho de copo sendo colocado no criado-mudo.

_Vamos brincar um pouco baby, você não faz ideia do quanto te ver amarrada na cama me deixa excitado. -sua voz rouca arrepiou-me por inteira.

Imediatamente senti algo extremamente gelado sendo pressionado no meio dos meus peitos, arfei em resposta. Yoongi rasgou meu sutiã, então pude ter aquela sensação mais intesamente quando o cubo de gelo, -deduzi- passou bem em cima do meu mamilo duro pela excitação.

Um gemido involuntário escapou da minha garganta.

_Yoongi-ah haaa.

Repitiu o mesmo processo com o outro seio. E desceu a boca por minha barriga, até chegar na minha calcinha. Ele a tirou com uma paciência irritante, a cada minuto eu me encontrava mais necessitada.

_Oppa... -Min abriu bem minhas pernas e eu arfei quando senti sua respiração quente tão perto da minha intimidade.

Novamente se afastou. Dei um gritinho quando de repente ele abocanhou minha vagina com um cubo de gelo na boca.


Não consiguia conter os gemidos. Não tinha como. Aquela língua circundando meu clitóris, aquele cubo de gelo derretendo contra minha bucetinha flamejante.


_Yoonie waaanw... M-mais. -eu me contorcia querendo toca-lo, querendo descontar minha excitação em alguma coisa.

Atendeu meu pedido prontamente, agora me fodendo com os dedos enquanto mantinha sua língua habilidosa chupando meu pontinho. Ah eu estava no paraíso.

Não demorou mais que três minutos pra me fazer gozar. Ainda fez questão de limpar qualquer resquício.

_Hum, sempre tão gostosa S/N!

_O-oppa me fode...eu não aguento maiis.. -digo me contorcendo.

_Vou ser bem bonzinho com você. -selou nossos lábios brevemente.

Logo senti meus pulsos apertarem, o mais velho havia me colocado de quatro.

_Empina bem esssa bunda gostosa pra mim, amor.

Empinei o máximo que pude, e assim um estalo juntamente com um gemido meu ecoaram o quarto.

Um gemido ficou preso na minha garganta quando sem mais delongas ele meteu até o talo, me fazendo revirar os olhos. Quando ele saiu para meter novamente um gemido manhoso espou-me entre os lábios.

_Ah amor você é tão gostosa... -disse pesadamente.

Paciência nunca foi uma das melhores qualidades de Yoongi, a não ser quando é para me provocar. Ele não iniciava suas estocadas lentas pra depois aumentar o ritmo, ele já começava num ritmo frenético e isso me enlouquecia.

Gemidos e mais gemidos saiam pela boca de ambos, minha bunda se chocando contra o quadril dele, não poderia estar mais perfeito.

Até que ele diminuiu o ritmo, me colocou de bruço e se deitou po cima de mim, colando seu tórax nas minhas costas e gemendo rouco em meu ouvido.

_Awwwn Yoongi-ah mais r-rapido!

_Seja uma boa garota e peça direito para seu oppa. -diminuiu mais ainda.

_N-nunca. -falei com dificuldade.

_Vamos S/N, se não pedir com jeitinho não vou te deixar gozar. -começou a rebolar deixando o sexo insuportavelmente gostoso.

_P-por favor! -choraminguei.

Sua risada de deboche ecoou meu ouvido, o loiro soltou meus pulsos e agarrou meus cabelos para trás, me fazendo sentar em suas coxas.

Mordeu meu pescoço enquanto voltada a estocar com agilidade e precisão. Atingiu meu ponto G várias vezes até me ver gozando e choramingando.

Min só parou quando senti sua porra na minha bunda. Eu caí exausta do orgasmo maravilhoso que me foi proporcionado.

_Eu disse que não seria má ideia eu ficar no controle! -me aconcheguei sonilenta em seu braços.


_Você deveria fazer isso mais vezes. -ele riu e beijou o topo da minha cabeça.


_Com certeza. Boa noite, S/A.


_Boa noite, Oppa!



"O amor é ótimo, o amor é bom (oh oh oh oh oh)

Com criatividade e sem limites (Oh oh oh oh oh)

A aflição da sensação me deixa querendo mais."

S&M - Riahnna


Notas Finais


Bjinhos da Sthe <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...