História Bad Girls - Capítulo 29


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 53
Palavras 1.400
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie!!
Mais um capitulo para vocês ai, eu acho que vocês vão ter uma surpresa, mas não garanto nada
Então, Boa Leitura

Capítulo 29 - San Diego... Parte 3 (Final)


Fanfic / Fanfiction Bad Girls - Capítulo 29 - San Diego... Parte 3 (Final)

Quando eu tropeço e caiu da escada minha visão embaça e então não vejo mais nada...

NAMJOON P.O.V

Estava eu no meio daquele tiroteio todo, a garota linda com quem eu estava dançava sumiu no meio confusão... Quem será ela?... Foco na missão,não e hora de pensa nela em meio desse tiroteio...

Algumas minutos atirando e acabei acertando em alguém... Uma garota, eu acho ... também não importa agora.

HOPE P.O.V

Estava indo procurar os garotos, quando vejo a garota com quem falei a uns minutos atrás caída no chão. Estava desacordada , não pensei duas vezes, peguei ela no colo e a para leva pro hospital, notei que ela sangrava muito.

Sai daquele local e peguei meu carro, coloquei ela no banco de trás e foi para o banco do motorista, durante todo o caminho ela continuava desacordada.

Depois de alguns minutos cheguei no hospital, parei o carro o mais perto possível da entrada do hospital, peguei a mesma no colo e entrei no hospital, logo uma enfermeira veio e pediu para eu coloca-la na marca e fazer o registro da mesma, o problema e que eu não sabia o nome dela, então inventei um nome para ela.

Passei mais ou menos 1 hora lá a espera de alguma noticia dela, logo vê o médico vindo em minha direção.

- Senhor Hoseok e o acompanhante da senhorita Acacia? - Pergunta o médico 

- Sou, ela tá bem? Já acordou?- levantei em um pulo

- Ela está bem, mas eu tenho uma noticia ruim 

- Qual doutor?

- Ela perdeu o bebê

- Como assim?

- Ela estava grávida de duas semanas, o senhor não sabia?

- Não - sentei de novo e passei minha mão pelo meu rosto 

- O senhor pode ve-lá, creio que ela já tenha acordado e acho melhor não falar nada para ela, para evitar problemas na saúde.

- Claro doutor, licença 

Fui direto para para o quarto dela, bater e porta e logo abre a mesma, quando entrei ela virou o rosto e eu não acreditei em quem eu estava vendo era a Charlotte, então eu ia ser pai?? como assim??, e por que ela estava naquela festa??. São perguntas que eu vou saber a resposta agora, pelo menos eu tenho que saber de uma só resposta, o por que ela estava lá?

- Hope? - ela me chamou me tirando dos meus devaneios 

- O que você esta fazendo naquela festa? - fui direito e um pouco grosso com ela, eu não queria mais era preciso 

- Do que está falando?

- Você faz parte do grupo Bad Girls??

- Faço 

- E por que não me falou nada

- Pois e uma coisa que eu não saiu falando para todo mundo por ai, e também não queria te colocar em risco.

- Eu quero saber de tudo - Peguei uma cadeira e coloquei perto da cama dela, a mesma suspirou 

- Tá bom 

NATY P.O.V 

Ainda quero saber quem foi o desgraçado que atirou em meu ombro, ta doendo para caralho mano.

O tiroteio ainda continuava... Essa porra não vai para não, já tem mais de meia hora. Me encostei na pilastra, para não leva mais um tiro.

- Você ta bem? - um rapaz me perguntou, ele estava atrás de um sofá segurando uma arma

- Grrr... eu pareço bem?  - eu acabei sendo um pouco grossa com ele

- Bora Blondie (Naty) - Diz Baby (Mel) um pouco longe, sinalizei que eu tinha levando um tiro, logo ela veio e me ajudou s sai da l.

Saimos de lá o mais rápido possível, entramos nos carros e formos em direção a casa do JB, eu nunca vê a Mel dirigir desse jeito, ela colocou realmente o pé no acelerador, em pouco minutos já tínhamos chegado em casa, meu ombro sangrava muito e eu não sei como eu suportava a dor.

Logo os meninos apareceram na frente da casa, o Mark me levou até a enfermaria que tem na casa deles para vê meu "Pequeno" tiro no ombro.

Alguns Dias depois 

WINE P.O.V

Já se fazer alguns dias desde daquela "missão" mais ou menos, e parece que tudo deu errado, por que?, Charlotte tava grávida e perdeu o Bebê, o Hope saber quem nos somos, Naty levou um tiro, aquele ataque no meio da missão.

Depois que a gente se mudou para Coreia, tudo ficou de pernas por ares, as missões estão sempre com algum problema, as meninas se apaixonaram e estão namorando, até eu que sou a mais durona estou amando alguém e esse alguém tem nome, sobrenome e tem um sorriso lindo.

Como dá saudades de seus toques dos seus beijos, nossos corpos colando com na última vez, me lembro como se fosse hoje, aquela noite de nois dois e mais ninguém.

Tudo aconteceu quando eu descobre que a janela do quarto do jimin era de frente para minha

FlashBack on 

Depois de uns filmes com as meninas, eu subir para dormir, desliguei tudo e fui para baixo do meu coberto, se passou alguns minutos e eu ouvir a janela sendo aberta, logo abre os olhos, e peguei uma faca que tinha abaixo do criado mudo, liguei a luz do abajur e eu vê com mais clareza ele, há aqueles cabelos loiros, esse sorriso que me faz desarma.

- Olá coisa linda 

- O que você faz aqui? - falei com um sorriso de canto 

- Vê você, meu doce - Diz ele vendo e minha direção -  Eu tava com saudades, sabia -  ele me puxa pelo braço me fazendo ficar de pé na frente dele, logo me dando um beijo carinhoso, suas mãos foram a minha cintura, e as minhas mão ao seu cabelo dando leve puxões o beijo se tornou selvagem e intenso.

Ele me empurrou para cama e deitou em cima de me, seu olhar era de puro desejo, ele me queria assim como eu queria ele.

Ele voltou a me beijar e sua mão passeava por todo o meu corpo, eu esta com uma blusa larga sem sutiã e de calcinha. Sua mão foi para baixo da minha blusa e indo em direção aos meus seios dando apertos nos mesmo, me fazendo arfar durante o beijo, tirei sua blusa e revelando seu abs definido passei minha unhas e ele se arrepiou e eu dei um sorriso.

Seus beijos passaram pelo meu pescoço dando beijos e chupões de leve me fazendo da gemidos baixos, ele tirou minha blusa e jogou em algo canto do quarto, desceu até meus seios e logo abocanhou o mesmo.

- Uhum... J-jimin 

- Isso gemi pra me

- Mas... e... as ... meninas... elas...podem...ouvir

- E só geme baixo e no meu ouvido, meu amor

 Ele desceu até minha calcinha, que já se encontrava molhada, passou o dedo mesma me fazendo morde os lábios para não fazer nenhum barulho.

- Tão molhada...

Tirou minha calcinha e á jogou em algum canto, ele começou a massagear meu clitóris e introduziu dois dedo me fazendo enlouquece, logo ele começou a chupa minha intimidade me fazendo ir ao céu.

- Me desculpe amor, mas eu quero te sentir logo 

Ele tirou sua calça moletom com a Cueca junto, seu membro pulou para fora, ele posicionou seu membro na minha entrada e me penetrando devagar, seu movimentos eram precisos e firme.

- Mais...Rápido 

O mesmo não disse nada e logo acelerou os movimentos, podia ouvir o barulho dos nossos corpos se chocando. Meu Deus, como esse homem mexe comigo.

Ele inverteu as posições me fazendo ficar em cima dele, não demorou muito e eu gozei e logo depois ele.

Cai ao seu lado, suada e com a respiração descontrolada, me virei para ele e o mesmo estava me olhando.

- Saber desde da primeira vez que te vê, me encantei por você - diz ele acariciando meu rosto e logo me beijando 

FlashBack off

Aquela foi a melhor noite da minha vida, ele fez meu sentimentos por ele aumenta ainda mais, eu acho que estou amando alguém além da minha familia e minhas amigas.

Pois é quem diria, logo eu apaixonada.

E vamos lá encara mais um dia de escola, o pior que eu nem dormir direito.

Foi tirada dos meus devaneios por alguém abrindo a porta bruscamente.

- O que foi? -  perguntei me sentado na cama 

- Vem logo, ta acontecendo...

Continua...


Notas Finais


Desculpe qualquer erro ortográfico
Espero que tenham gostando
Até o proximo capitulo.
Bjss na Teta!! <3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...