História Bad Mind - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Caitlin Beadles, Chaz Somers, Christian Beadles, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Ryan Butler
Tags Ação, Justiça, Mente Ruim, Vingança
Exibições 7
Palavras 615
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Hentai, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Estou postando essa fanfic lá no wattpad, vou deixar o link na descrição. Obrigado.

Boa leitura.

Capítulo 1 - Prólogo


O cobertor estava quente, o travesseiro macio. Quase tudo estava perfeito, mas uma filha da puta estava gritando meu nome. Não tive opção, tive que levantar, sai de meu quarto e passei para a sala, então abri a porta.

-Oi - uma moça familiar apareceu em minha porta. - deve me conhecer, eu sou mãe de Jared.

-Ah, sim, claro - Jared era meu ex-namorado, alguns anos depois de terminarmos o namoro ele foi atropelado por um carro em alta velocidade. - bom, deve ter vindo me dar uma notícia, não é?

-Sim, ele me pediu para dar esse recado à você - ela entortou os lábios. - há uma semana atrás foi confirmado que ele  morreria, mas ele me pediu para contar algo à você depois que ele morresse. - não precisou que ela falasse mais nada para que eu transbordasse o chão de lágrimas. - Ele me disse que o pior de tudo foi que ele não conseguiu lutar por você.

Eu tentava conter as lágrimas, mas eu não conseguia. Eu amava Jared, mas eu precisei terminar eu não sabia se o amava mais, mas bastou a mãe dele me dar essa notícia para eu confirmar. Eu ainda o amava.

[...]

Havia uma semana que eu havia recebido a notícia que Jared havia morrido. E também havia uma semana que eu estava trancada em casa, sem ir trabalhar, sem ir comprar coisas para minha casa, ou para mim. Mas eu queria mudar isso, eu queria sair, então decidi ir até à casa de minha mãe, talvez pedir algum conselho para ela.

A casa dela não era muito longe da minha. Eu queria chamar a casa da minha mãe de casa de meus pais, mas meu pai morreu quando reagiu à um assalto. 15 minutos depois eu já havia chegado na casa dela.

-Donnatela, minha querida - minha mãe correu em minha direção para me dar um abraço.

-Mãe, não me chame de Donnatela - Revirei os olhos. - me chame de Donna.

-Mas Donna, Donnatela é o seu nome.

-Tudo bem mãe, mas eu não vim aqui para isso, vim para pedir um conselho - ela pediu para entrarmos. - Jared meu ex-namorado morreu, desde que ele morreu eu não saio mais de casa, fico sem disposição e eu não sei mais o que fazer.

-Por quê não sai? Vai se divertir, chame Anne, saiam, ou fiquem em casa vendo alguma coisa na televisão - ele depositou um beijo em minha testa.

-Tem razão, dona Marie. Tchau.

Saí da casa de minha mãe, em seguida liguei para Anne, minha melhor amiga.

Iríamos para o shopping, já que Anne insistiu fazer compras para meu guarda-roupa. E ela também queria comprar roupas para sair com Will, seu namorado.

[...]

Depois de irmos ao shopping, eu fui para a casa de minha mãe para agradecer o conselho e também passar um tempo com ela.

-Mãe, onde você tá? - Gritei, mas não tive nenhuma resposta. Então caminhei até seu quarto. - oi, mãe.

-Oi, filha. Vai dormir aqui hoje?

-Não, vim apenas para passar um tempo com você.

-Durma aqui, por favor. - ela segurou minhas mãos.

-Tudo bem.

Algumas horas depois, minha mãe foi dormir na sala, enquanto eu dormia em seu quarto. Mesmo eu insistindo para ela dormir em seu quarto, e eu dormir na sala, mas ela nunca me ouve.

-Não. - minha mãe gritava. - por favor não, não. - depois disso o silêncio tomou conta do local.

Eu sai correndo em direção à sala, e lá estava minha mãe, jogada no chão com uma poça de sangue em cima de seu abdômen. Aquilo foi o suficiente para eu chorar, chorar muito.

 

 

 


Notas Finais


https://www.wattpad.com/338220455-bad-mind-pr%C3%B3logo (Leiam no Wattpad)

O trailer será providenciado, não sei onde encomendar, mas vai ficar pronto.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...