História Bad reputation - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Girl's Day
Personagens Hyeri, Minah, Sojin, Yura
Tags Hyera
Exibições 7
Palavras 717
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Fluffy, Mistério, Orange, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - One


Fanfic / Fanfiction Bad reputation - Capítulo 1 - One

“Você viu quem passou?” Sojin sussurrou, me fazendo desviar o meu olhar disfarçadamente para a mesa ao lado da nossa. Como de costume, ela estava lá. Aquela era a sua mesa e ela se sentava ali todos os dias, sempre acompanhada das outras líderes de torcida.

Lee Hyeri era uma menina rica, popular e muito bonita. Seus cabelos eram curtos e castanhos. Ela sempre estava usando aquele uniforme roxo e amarelo minúsculo, acompanhado da jaqueta colegial de um dos jogadores do time de basquete – aquela roupa era ao menos três números a menos que o dela, o que não justificava nada, já que seu corpo era magro, e honestamente, parecia pequeno dentro daquela jaqueta folgada e roupa extremamente justa.

Minha amiga sempre afirmava com todas as letras que ela vivia flertando comigo. E talvez ela estivesse certa, já que toda vez que eu desviava o olhar para a sua mesa, ela acenava com a cabeça e piscava para mim.

Eu não era de se importar com aquilo, até achava algo nojento ás vezes. Não me julgue, não era pelo fato de Hyeri ser uma garota ou qualquer coisa assim, mas sim porque ela flertava com todas as meninas bonitas daquele lugar, então sua reputação não era muito boa. Na verdade, os boatos que espalhavam sobre ela eram horríveis, mas ela não parecia ligar. Eu até já cheguei a pensar que ela gostava de ser o centro das atenções.

Pousei meus olhos naquela mesa cheia, e notei que ela me observava atentamente, enquanto as outras líderes de torcida pareciam se preocupar com suas refeições e assuntos particulares. Assim que Hyeri percebeu que eu a olhava de volta, ela acenou com a cabeça e abriu seus lábios em um sorriso largo, revelando seus dentes que mais pareciam pérolas. Ela tinha mesmo me lançado um sorriso? Ou era para alguma garota sentada atrás de mim? Talvez ela tivesse sorrido para as duas ao mesmo tempo, se tratando de Lee eu não duvidava.

“Yura, por quê diabos ela não pode chegar e falar com você?” Foi a vez de Minah se intrometer.

“É, ela poderia admitir que tem uma quedinha por você ou qualquer coisa do tipo” Sojin concordou.

“Se ela admitisse isso nós teríamos uma guerra feita nesse colégio. Haveria muita gente se descabelando por esses corredores, vocês não acham? Eu digo... Ela é popular. Todo mundo quer uma chance, ou pelo menos a maioria das pessoas.” Eu respondi.

“Até eu morreria de inveja” Sojin disse enquanto brincava com a colher em seu pudim de chocolate.

A verdade é que tudo que poderia se ver era Hyeri flertando descaradamente com algumas pessoas. Ela nunca convidava ninguém para sair. Ela nunca ficava com ninguém nas festas. Tudo que ela fazia era piscar e acenar, e, ás vezes, trocar algumas palavras.

 

Aquele era o primeiro dia de aula do último semestre e eu tinha cerca de 90 dias antes que eu pudesse me formar oficialmente. Meus sentimentos viviam misturados entre a felicidade por aquele ser o último ano escolar, e a tristeza pelo mesmo motivo. Não me leve a mal, mas eu adorava passar o meu dia no colégio. Era bom estar com minhas duas inseparáveis melhores amigas. As aulas também não eram ruins. Exceto as aulas extras de teatro, que eu teria que começar a frequentar naquele semestre.

No último ano, a minha escola exige que seus alunos comecem a fazer uma aula extra de alguma disciplina. Eu adoraria ter ficado com astronomia, mas quando fui fazer a minha inscrição o bloco estava cheio. Eu tinha três opções: ou faria aula de teatro, ou matemática avançada, ou eu poderia muito bem optar por repetir o ano. Então acabei por não escolher passar três meses quebrando a cabeça no meio de tantos cálculos e fórmulas inúteis.

Quando o sinal tocou e eu terminei de fechar a porta de ferro do meu armário. Eu tive que ir seguindo para o último andar da minha escola para que eu pudesse dar início as minhas “aventuras na atuação”. Tudo que eu esperava era que eu não sofresse durante aqueles cinquenta minutos diários para aprender sobre peças clássicas ou sei lá o que, e o que eu menos esperava era empurrar a porta de madeira da sala e dar de cara com Lee Hyeri por lá.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...