História Bad Things: Betrayed - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Camila Cabello, Halsey, Harry Styles, Hayley Kiyoko, Justin Bieber, Lana Del Rey, Louis Tomlinson, Melanie Martinez
Personagens Ariana Grande, Camila Cabello, Harry Styles, Hayley Kiyoko, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Justin Bieber, Lana Del Rey, Melanie Martinez
Tags Camila Cabello, Camren, Fifth Harmony, Harry Styles, Justin Bieber, Larry, Lauren Jauregui, Louis Tomlinson, Originais
Visualizações 37
Palavras 1.215
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que tenham gostado! Mais coisinhas nas notas finais. Boa leitura!
Twitter: @alwxbieber

Capítulo 14 - You, Again.


No dia seguinte...

"Amor... Meus pais estão passando mal aqui na casa deles. Eu não poderei ir nesses dias te ver. Mas prometo que depois eu tô aí." - Era Lauren, me enviando mensagens novamente. Por um momento, eu pensei que ela não estava querendo me ver, mas pensei não falar para não criar confusões. 

"O que eles têm? Não demore, estou com muitas saudades." - Respondi, com uma cara de 'Magoada', mas eu não poderia ser egoísta para fazê-la escolher entre os pais dela e eu. 

"Ok, prometo de dedinho que estarei aí, na quinta. Isso se meus pais estiverem melhores." - Ela respondeu. 

"Hoje vai ter uma festa na casa da Ariana. Eu vou. Não me ligue por volta das 9:00 pm." - Naquele momento, eu só estava querendo que ela ficasse com ciúmes de mim, nada mais. 

"Promete que não vai ficar com ninguém?" 

"Prometo, de dedinho." - Fiz uma referência com àquela mensagem que ela tinha mandado segundos antes. Desliguei o celular e fui dormir novamente. Anda era nove da manhã, e a única que me acordou foi a linda mensagem de 'Bom dia.' de Lauren. Eu adorava quando ela me acordquee o  com essas mensagens e quando me enviava um coração enorme e vermelho, brilhante. Eu adorava isso, de verdade. Eu até havia esquecido o que tinha acontecido alguns dias antes, com o lance da tal 'Halsey' que tinha o nome de 'Hayley' e que essa garota tinha chamado a minha garota (eu adoro chamar ela desse jeito. É tão bom me sentir dona de alguém.), Lauren, de 'Amor'. Mas seria melhor eu esquecer, sinceramente, eu achava isso também. 

"Meninas, a festa foi adiada. Vai ser às 10 pm. Mas vocês podem estar aqui uma hora antes, para ajudar nos preparativos e etc." - Melanie disse por mensagem no grupo das nossas amigas, onde haviam somente as melhores pessoas da minha vida: Ariana, Lana e Melanie. 

"E quem te contou isso?" - Perguntou Lana. 

"Ariana, ué. Já que a festa vai ser na casa dela." - Respondeu Melanie. Será que Melzinha estava brava com Lana? Ela nunca tinha falado tão seco com uma de nós.

"Olha, o que tá acontecendo aqui?" - Perguntei. 

"Nada, por quê?" - Respondeu Melanie. 

"Por quê você tratou Lana desse jeito?" - Perguntei, novamente. Mandei um emoji de raiva. Era um emoji que tinha a caricatura sem o corpo, onde a cabecinha era só uma bola vermelha com apenas uma expressão furiosa.

"O que tá acontecendo com VOCÊ, Camz?" - Perguntou Lana. Eu já desconfiava que Ariana estava dormindo, então foi por isso que estranhei que ela não estava junto na conversa que logo iria virar uma discussão. Ariana era A Garota que adorava uma treta. 

"O quê? A Melanie te tratou mal e você ainda irá protegê-la?" - Perguntei, me referindo à Lana. 

"Camz... Melanie não me tratou mal. Ela me tratou normalmente. O que há de errada contigo?" - Respondeu Lana.

"É. Não entendi a preocupação." - Mandou Melanie. 

Será que eu estava ficando paranóica e fiquei vendo briga onde não teve? Será que eu estava louca por não falar com qualquer uma delas há quase dez dias? Ou será que eu estava certa e eram elas que estavam fingindo? Ah (eu comecei a gritar em minha mente, baixinho, mas só eu conseguia ouvir.), mas que droga!

"Desculpe meninas. Faz tempo que não vejo a Lauren e já estou ficando preocupada." - Respondi, com no final da mensagem de texto, o emoji de uma carinha triste.

"Que isso, Camz? Você nunca foi tão..." - Iniciou Ariana. Parecia que ela finalmente tinha acordado.

"Me fala. Estou ficando estranha?" - Perguntei, mandando outro emoji de uma carinha triste.

"Sim, você está. Sei lá, você nunca tinha ficado assim por alguém." - Respondeu Ariana. 

"Concordo com você, Ari. Ela está ficando muito dependente de Lauren." - Afirmou Lana, como se eu nem estivesse na conversa. 

"Calem a boca, menina. Ela só deve estar passando por um momento de 'paixãozinha agúda'. Não é, Camz?" - Mesmo depois de ter julgado Melanie, ela ainda me defendia. Pra isso que eu valorizava a nossa amizade.

"Meninas, eu sou apaixonada por essa garota. Vocês estragaram minha vida com essa surpresa. Era pra eu ainda estar com Edward! Não estou culpando vocês, longe disso. Não entendam mal! -Mandei, logo me levantando da cama e indo direto para o banheiro.

"Vá acordar, primeiro, Camz. Tu precisa de nós aí." - Respondeu Lana. 

"Meninas, preciso de vocês aqui. Venham me visitar antes da festa, aí podemos sair daqui e ir direto para a casa de Ari. O que acham?" - Sugeri, com a esperança de que pelo o menos alguma garota viesse em minha casa. Eu ainda estava escovando os dentes, mas ainda não desgrudava do celular.

"E quem vai cuidar dos preparativos?" - Perguntou Ariana.

"Não sei, mas podemos deixar por contas dos garotos. Justin e Mac vão, né?" - Perguntei, já colocando minha roupa.

"Ok, podemos fazer isso! Lana, vá falar com seu namoradinho, e Ariana, Mac é por sua conta!" - Ordenou Melanie, como se fosse a dona do bagulho todo. 

"Af, ok. Até mais tarde, e encontro todas vocês na casa da Camz. Bye, garotas!" - Respondeu Lana. 

Depois disso, todas as garotas se despediram e eu desliguei meu celular, colocando ele para carregar. Eu desci para cozinha para preparar meu glorioso café da manhã. Eu fiz somente um café e coloquei um pão na torradeira. Percebi que ainda era dez horas da manhã e eu nem sabia o que faria de almoço. E como eu poderia chamar as meninas em casa, sendo que nem fazia ideia do que fazer para comermos. 

Decidi ir ao mercado.

Peguei as chaves e minha carteira e saí. Vi que tinhas umas cartas na caixa de correio, mas pensei que poderia pegá-las depois que viesse do mercado, que ficava umas duas quadras depois da minha belíssima casa. Eu já imaginava que seria cobranças, já que fazia um tempo que não pagava minhas contas. Eu tinha sido despedida do trabalho, e como iria pagar as contas?

Segui meu caminho e fui caminhando até mercado. Chegando lá, peguei alguns refrigerantes e algumas bebidas. Peguei alguns salgados, amendoins (Eu meio que deveria pegar os amendoins. Melanie era viciada em sabor pimenta.), e claramente, meus gloriosos chocolates. Eu era uma chocolátra de carterinha! Eu não conseguiria imaginar um mundo sem o chocolate, sério. Fui ao caixa e logo paguei. Empacotei tudo numa sacola de papelão, estilo americana, e fui seguindo meu caminho de volta para minha conchegante casinha.

Entrando na quadra de minha casa, percebi que o carro de meus tios estavam estacionados na frente de minha casa. Achei estranho, então apertei o passo e percebi que eles estavam batendo na minha porta. Eu ainda estava do outro lado da rua, mas já conseguia ouvir o que eles estavam dizendo. 

Atravessei a rua e entrei no meu gramado. Eu percebi que eles ouviram o barulho de meus pés entrando na grama.

Eles se viraram e vi que eles estavam com uma cara péssima. Suados e vermelhos. 

- O que querem aqui? - Perguntei, apontando para os dois.

- Viemos conversar. Por favor, nos escute. - Respondeu minha tia. 

Por um momento, eu cedi. Eu deveria escutá-los, e entender o porquê partiram. Ainda era dez e quarenta da manhã, seria bom bater um papo de família.

 


Notas Finais


Eu não tenho muito o que falar desse capítulo. Mas gostei dele, e gostei do final. Gostaram do capítulo, pessoal? Espero que sim, continuem lendo tudo, ok? Beijocas na teta de vocês!
Me sigam e deem FAV na história, para receber notificação de quando eu mandar novos capítulos. Beijooosss, bye.
Twitter: @alwxbieber


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...