História Bad Woman - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Drama, Fifth Harmony, Romance
Exibições 37
Palavras 2.203
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Iai pessoal, peço desculpas pela minha ausencia eu ainda estou em semana de prova na faculdade. Quem está acompanhando I Wanna Be Yours não preocupa que semana q vem eu vou atualizar ela. Também fiquei impactada com nosso querido PR(marketing) Laucy , imaginei que muitos desistiriam de Camren e das fics por achar que aquele beijo era real e não PR. Espero que gostem e entendam que enquanto as ferias não vem os capítulos serão mais breves, mas assim que entrar de ferias atualizarem a fic 2 vezes por semana e farei capítulos mais extensos

Boa Leitura e CAMREN IS REAL

Capítulo 7 - Our little secret


Fanfic / Fanfiction Bad Woman - Capítulo 7 - Our little secret

Camila Maltel POV

 

Lauren e eu nos despencamos na cama após um orgasmo incrível. Subitamente eu soube que a noite estava apenas no começo. Lauren e eu nos encontrávamos insaciáveis meu corpo a queria com todas as forças de meu ser. Passar meses sem seus toques havia me deixado em um estado sem explicação. Lauren prontamente começou a beijar meu pescoço novamente meu corpo respondeu rápido a seus estímulos. Lauren desceu até meus seios ela os beijou de forma calma, enquanto com uma das mão massageava o outro. Meus gemidos novamente começaram a inundar o quarto. Após alguns minutos sentido a boca de Lauren maltratando meus seios, a morena com agilidade virou nossos corpos me colocando de forma habilidosa em cima de seu quadril

- Ah, Karla, rebola bem gostoso pra mim! - Ela disse em uma voz arrastada e sexy me fazendo ficar úmida.

Me encaixei em Lauren e comecei a me movimentar em cima da morena de uma forma gostosa, nossos gemidos se fizeram mais altos. O atrito entre nossos sexos já molhado me atordoava. Lauren levou suas mãos até minha bunda me dando mais impulso.

- M-a-a-is rápido! - Ela gemeu e eu rapidamente atendi seu pedido, aumentei meus movimentos em cima da morena que gemia e xingava palavras desconexas.

- Me diga, gosta que eu faço assim? - Minha perguntou saiu da forma mais sexual que se possa imaginar

-Ah Camila – ela gemeu novamente de uma forma gostosa. Os gemidos de Lauren só aprofundava mais o meu estado de clímax

- Diga! - Eu insisti enquanto me remexia mais rápido que podia. Eu sentia o orgasmo se construir em meu ventre e soube que não aguentaria muito tempo.

- Ahh sim, Eu a-mo! - Respondeu meio a um folego. Não conseguia mais inclinei meu corpo pra receber mais contato e meu corpo começou a entrar em um estado de orgasmo que se seguiu por um orgasmo de Lauren, nossos corpos vibravam juntos e nossos gemidos se misturavam no quarto quente.

 

Lauren e eu estávamos acabadas, não tínhamos mais forças nem para um banho pós sexo, caímos na cama e apagamos. Pude sentir antes de apagar o corpo da Lauren se aconchegar ao meu nos unindo. Eu confesso que estranhei no inicio a atitude, porém poucos segundo depois se tornou gostoso, sentir o calor dela durante a noite me trazia uma segurança fora do normal.

 

Lauren Jauregui POV

 

Acordei as 5 da manhã, Camila ainda dormia serenamente, seu corpo latino desnudo sendo coberto apenas por um pouco de lençol. Merda ela era perfeita. Aquele corpo exposto me enlouquecia, mas nesse momento eu teria que focar no meu real objetivo. Levantei da cama peguei minhas peças intimas e coloquei o hobby que estava no chão colocando-o e fui até minha bolsa que estava jogada na grande sala peguei um Pen drive e a mini câmera. A câmera era imperceptível, pra quem via o objeto era uma caneta normal. Subi até o escritório de Richard onde coloquei a caneta junto as outras que se encontravam em um recipiente na mesa do homem. Imediatamente coloquei o Pen drive no notebook que por sorte estava ligado porém bloqueado por senha. E rapidamente o software do Pen drive começou a carregar 10%… 20%… A cada espera meu coração se acelerava mais, com medo de camila me pegar ali. Finalmente em minutos que pareciam horas pra mim, o Pen drive concluiu o carregamento. Tratei de retirar o mesmo e caminhei em passos apressados para a cozinha onde comecei a preparar um café da manhã para a latina que dormia serenamente no quarto

FLASHBACK ON

Após a ideia de Vero decidimos tentar por em prática, eu conversaria com Normani. Em pouco minutos estava na frente da Agencia onde fui atendida

- Lauren, que visita inesperada! - Normani e eu nos abraçamos por alguns segundos.

-O que te traz aqui? - Ela perguntou curiosa – Queria lhe pedir um favor Normani – Disse calmamente ,Normani tinha uma expressão de dúvida ainda.

- Pois peça, nunca tivemos burocracia para pedir favores Lauren. -Um sorriso brotou em seus lábios e eu retribui, de fato eu e Normani eramos muito francas e diretas umas com as outras, mesmo quando eu era superior a ela nas investigações.

- Queria que você fizesse um pedido formal para a Secretária pedindo minha participação restrita nas investigações de Camila Maltel durante esse tempo de arquivamento do caso.- Normani ficou com uma postura tensa.

- Mas você não esta sendo consultada e acompanhando os interrogatórios?

- Sim, mas eu acredito que isso não seja o suficiente. Posso conseguir evidencias se participar das investigações de forma mais furtiva – Normani tinha uma expressão de incerteza – Espionagem Lauren? - Ela foi direta.

- Sim, e eu preciso de requisição do seu distrito pra poder atuar desta forma sem me meter em problemas.

- Lauren, o problema não é te colocar nessa área e sim o fato de que você jamais conseguiria informações como infiltrante. Todos sabem quem você é! - Ela disse o obvio e por um tempo eu pensei se deveria continuar com essa ideia de Vero.

- Você tem razão – E por um minuto hesitei. - Que bom que você entende esse ponto! - Me pus a prosseguir, já que estava aqui.

- E se dissermos que estou fora do caso. Afinal o marido da Maltel entrou com um pedido para que escolhessem outro promotor,mas que foi negado. Basta o juiz não soltar essa informação e tratamento de espalhar a noticia na mídia. - Eu disse em um folego

- Desculpa Lauren,mas isso parece loucura, como que eu vou falar pro juiz manter segredo sobre sua situação no caso?E mesmo que consigamos o que te faz pensar que um deles vá confiar em você sendo que você trabalha pra justiça.

-Vero disse que entrará com um pedido de sigilo sobre minha situação. Mani, eu posso te garantir que nesses 6 meses eu conseguirei mais do que um desconhecido infiltrado. Apenas confia em mim como confiava. Tenho meus meios! - A mulher ficou pensativa provavelmente analisando cada palavra que disse, até quebrar o silencio

-Lauren esse é meu trabalho eu não posso me deixar errar aqui!- Ela se limitou a dizer.

-Eu entendo perfeitamente Mani! - Apesar da frustração de não poder falar a ela qual seria meu método eu entendia perfeitamente a incerteza de Normani. Afinal não daria pra falar a ela “Eu vou fazer um sexo selvagem com a Maltel e enquanto ela dorme eu aproveito e grampeio a casa” .

-Contudo Lauren, você nunca me decepcionou e apesar de não está muito certa, eu atenderei seu pedido. - Fiz um movimento de comemoração com o braço que logo reprimir

- Não vou te decepcionar Manibel - Sorri para a mulher que me devolveu um sorriso terno.

- Tudo bem, então te dou a resposta hoje o mais rápido possível para entrarmos em ação! - Abracei-a e me pus para fora da Agencia. Me encontrava tão feliz pelo exito que tive. Rapidamente liguei para Vero

- Alô!

-Safada você tinha razão, Mani concordou em me ajudar!

-Eu sabia, eu sou incrível, não duvidei por um minuto! - Ela disse convencida do outro lado da linha.

-Agora tira essa sua bunda encostada dai e entre com a papelada para sigilo.

-Tudo bem mandona! - Ela riu e eu ri do outro lado da linha.

Após algumas horas Normani me telefonou pedindo para que retornasse a agencia, pois o pedido havia sido aprovado.

- Acho que agora vamos nos ver com frequência não é Jauregui? - A voz de Mani ressoou pela sala enquanto ela caminhava em minha direção

-Animada para começar? - Eu assenti com a cabeça

Bom,você já sabe de tudo,como funciona as coisas por aqui, então vou deixar você com a senhorita Brooke para que ela possa te ajudar nos equipamentos necessários á investigação. - Novamente assenti a morena

-Outra coisa Lauren, somente quero que informe seu objetivo no caso para as pessoas que der autorização dentro da agencia. - Enquanto Normani falava entrou na sala uma mulher muito bonita, era baixa, olhos de cor caramelado.

-Pode deixar! - Me limitei

- Olá senhorita Brooke essa é a senhorita Jauregui, vocês vão trabalhar nesse caso, e como havia dito a Lauren, isso fica limitado a nós. - A pequena assentiu e Normani nos direcionou para fora da sala, nos deixando a sós

- Muito prazer Senhorita Brooke meu nome é Lauren Jauregui – Estendi minha mão e ela prontamente pegou

-Alyson Brooke,mas me chamam de Ally. - Eu assenti.

-Eu conheço a senhora, é bem famosa em Miami. - Ela disse sorrindo de forma terna.

-Sou? - Disse um tanto curiosa. - É sim! - Retribui ao sorriso de forma terna também

-Bom por onde quer começar? - A menor iniciou. - Então, o que podemos pegar de informação da casa dos Maltel? Quais equipamentos você tem disponível? - Ally como a garota se pronunciou sorriu caminhando para sua ala, que prontamente segui.

-Então Lauren, temos mini-câmeras, grampos de telefone, porem demora estalar, escutas de ambiente. Você pode escolher!

- O que você tem para entrar em equipamentos eletrônicos? - A garota pensou por alguns estantes.

-Que tipo de equipamento eletrônico?

-Notebook ou celular! - Senti uma tensão sob a garota. - Está tudo bem senhorita Brooke? -Me preocupei.

-Sim, é que tenho o que você precisa mas não sei se estes termos são legais, ainda não recebi autorização de Normani.

-O que é? - Disse curiosa,fazendo a garota hesitar por um instante.

-Um vírus que fica no boot do computador e é ativado toda vez que a pessoa digita a senha a Agencia recebe todo o histórico feito no computador. Porém a descriptografia dos arquivos demora cerca de 20 dias.

-Ally eu preciso desse vírus, - Disse quase como uma suplica.

-Lauren eu não posso, Normani não autorizou o uso do software ainda. - Nitidamente a menor estava em uma batalha interna

-Olha quando conseguirmos uma quantidade boa de dados Normani já vai ter te dado uma resposta sobre o software. Se for negativo desativa o vírus e finge que nada ocorreu, se ela concorda já estaríamos com a faca sobre o queijo só esperando para cortar. O que me diz senhorita Brooke. - Disse desafiadora fazendo Alyson ficar pensativa

-Tudo bem,mas isso é entre nos! - Eu assenti.

Peguei todos os equipamentos necessários para começar. Fui até minha casa tomar um banho, eu precisava agora cuidar de Camila. Fazê-la entrar em meu jogo. Eu iria fazer a mulher confiar em mim.

 

FLASHBACK OFF

Após fazer um suco de banana, fiz uma salada de fruta, coloquei algumas toradas com nutella na bandeja.. Após colocar mais um pouco de coisas subi até o quarto de Camila que ainda dormia. Tirei o Hobby da mulher e coloquei minhas roupas. Após estar devidamente despida Tirei um papel e uma caneta de minha bolsa onde escrevi um bilhete

“Achei melhor não te acordar, mas deixei uma coisa pra lembrar de mim quando acordar! Espero que aprecie! Beijos L.J”. Me dei por satisfeita coloquei a bandeja no criado-mudo do lado da cama e em cima da bandeja o bilhete, Conferi se não havia nada meu naquele lugar, exceto o bilhete e após me convencer me retirei da mansão.

Camila Maltel POV

 

Me remexi na cama e não senti o calor de Lauren abraçado em minhas costas. Apalpei o outro lado da cama e percebi que estava sozinha na cama. Em um solavanco levantei, uma raiva me preencheu. Esfreguei meus olhos para enxergar o quarto e pude notar uma bandeja de café preparada no criado ao lado da cama. Sorri em reflexo com a atitude de Lauren. Peguei o papel em cima da bandeia.

“Achei melhor não te acordar, mas deixei uma coisa pra lembrar de mim quando acordar! Espero que aprecie! Beijos L.J”.

Meu sorriso se estendeu ao ler o bilhete. Havia anos que no recebia café na cama de Richard e por um curto espaço de tempo eu compare ambos, concluindo que talvez eu nunca o amei. O tesão, a luxuria que existia entre eu e Lauren jamais existiu com outro alguém e eu não sabia a onde isso iria nos levar. Eu apenas sabia que era bom a sensação. Tomei meu café e mandei uma mensagem para a morena

“Podia ao menos ter esperado eu acordar e tomado café comigo!”. Mandei a mensagem e em pouco tempo obtive resposta.

“To começando a achar que tá apaixonada por mim, fazendo tanta questão assim!”. Lauren era uma ótima jogadora com as palavras quando queria, conseguia me provocar de uma forma única. Mas por Deus ela jamais saberia do poder que tinha sobre mim.

“Você anda muito carente de ego criando essas fantasias e pensamentos inusitados na cabeça senhorita Jauregui. Eu não me apaixono!” - Tratei de arrumar a banheira para um banho.

“Ok, finjo que acredito!Não podemos ser vistas juntas ainda, está tudo recente. Receio que não teremos que evitar por um tempo”. Aquela mensagem me deixou em fúria,não queria ficar sem as mãos de Lauren por mais nem um minuto. Enquanto tomava meu banho pensava em como resolver tudo isso

E de todas as possibilidades somente uma resolveria “Sairmos de Miami”

 

 


Notas Finais


Esse capítulo foi mais explicativo, mas realmente essa nova ideia da camila pode render sérios problemas.
Espero que tenham gostado e os erros eu arrumo depois se eu achar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...