História Bakugan Z - Guerreiros do Infinito - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bakugan Battle Brawlers, Dragon Ball
Tags Bakugan, Croosover, Dragon Ball
Exibições 20
Palavras 460
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drabble, Ecchi, Luta, Romance e Novela, Saga, Super Power
Avisos: Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Os Atributos


Fanfic / Fanfiction Bakugan Z - Guerreiros do Infinito - Capítulo 4 - Os Atributos

|Goku P.O.V|


Goku: Ei Apollonir, não cheguei a perguntar, mas porque está aqui?

Apollonir: Também, não sei fui enviado aqui por Materyus Diós.

Goku: Materyus?

Apollonir: O atributo da Antimatéria.

Goku: Como assim?

Apollonir: Pyrus, Ventus, Haos, Subterra, Aquos e Darkus nāo são os únicos atributos. Esses são os atributos básicos de Vestroia.

Vegeta: Quais são os outros?

Apollonir: São 17 atributos no total. Os atributos básicos: Pyrus, Ventus, Haos, Subterra, Aquos e Darkus.

Os atributos Alpha, as evoluções dos atributos: Infernus a evolução de Pyrus, Celestium  a evolução de Haos, Tornadus a evolução de Ventus,  Líquios a evolução de Aquos, Gaia a evolução de Subterra e Cerberus a evolução de Darkus.

E os Atributos Lendários: Materyus o atributo da Antimatéria, Relampium o atributo da Eletricidade, Venus o atributo do Veneno, Arquius o atributo do Arco-íris e Examinis o atributo dos Mortos.

Goku: Uau mais que incrível. (falando com o estilo goku de se falar)

Vegeta: Mas quem é esse Diós?

Apollonir: O Bakugan Mestre de Materyus.

Goku: Quem são os outros Bakugans Mestres?

Apollonir: Relampium Trifon, Venus Harley, Arquius Kríno, Examinis Leondria.

Vegeta: Hmm.

|Dan P.O.V|


Havia acordado do sonho mais sem noção que já tive e fui para cozinha do Shun comer alguma coisa e percebi que Alice estava ao ponto de chorar.


Dan: Oi Alice, por que você tá tão triste?

Alice: Eu não estou triste.

Dan: Olha Alice, você mente muito mal, eu não preciso ter o sensor de mentiras do Shun para saber que você está mentindo.

Alice: É o que todos dizem.

Dan: É óbvio que sim.

Alice: Meu avô morreu.


Ela começou a chorar (igual no outro capítulo) e eu dei um abraço de amigo para confortá-la e acredito que essa foi a pior escolha da minha vida. Nesse momento Marucho, Shun e… Runo estavam descendo. O Shun e a Runo viram aquilo e os dois queriam me explodir. O Shun saiu querendo querendo me destruir e a Runo saiu chorando, eu não sabia o que fazer, eu tinha uma amiga magoada, um amigo puto e uma amiga explodindo de raiva de mim. O Marucho estava praticamente dormindo ainda, quase quebrou a cozinha trombando em tudo.

Eu já falei que só faço Merda.

|Shun P.O.V|


Mas que vontade de socar a cara daquele desgraçado do Dan, ele sabe que eu gosto da Alice e ele vem e faz aquilo. Tudo bem que eu fiz a Alice chorar ontem e não consegui fazer nada, mas ele não devia fazer isso comigo.

|Runo P.O.V|


Eu ainda não sei como eu gosto do Dan ele só faz merda, ele me chama pra sair e depois eu encontro ele abraçando a Alice. Que raiva.

|Alice P.O.V|


Meu deus, o que eu estou fazendo da minha vida, eu deixei o garoto que eu gosto desde sempre e a minha melhor amiga com muita raiva na mesma hora, não falta nada na minha vida.

|Marucho P.O.V|


Mas que fome que eu tô.


Continua...







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...