História Bandit Love // Justin Bieber - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alfredo Flores, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Matthew Espinosa, Pattie Mallette, Ryan Butler
Personagens Alfredo Flores, Chaz Somers, Christian Beadles, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Matthew Espinosa, Pattie Mallette, Personagens Originais, Ryan Butler
Tags Justin Bieber
Exibições 42
Palavras 888
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Festa, Mistério, Policial, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Heeey Bandit's, espero que gostem não só desse cap mas, da fanfic inteirinha! Bjinhosss s2

Capítulo 2 - ✨2° Capítulo de Bandit Love✨


[6 meses depois]

Victória POV's

Já haviam chegado as férias do meio do ano e eu passei. Nessas férias decidi focar nas investigações do FBI já que meu pai havia viajado com a minha mãe à trabalho e só ficou eu e a Nicole em casa junto das empregadas e dos seguranças que o meu pai havia posto. Antes da viajem à trabalho do meu pai com a minha mãe, ele havia dito que era para Lesly e eu tomarem conta das investigações do Justin Bieber o maior traficante de Atlanta (essa era uma investigação dele, mas ele teve que resolver umas outras investigações, então ele conversou com o chefe dele e o chefe dele concordou em passar esse caso para nós, eu e Lesly) e eu realmente fiquei surpresa porque ele é o FUCKING JUSTIN BIEBER e geralmente meu pai e Dr. Simon (o chefe que manda na porra toda dos melhores agentes) só deixavam a gente cuidar dos bandidos de "pequeno suporte".

>> OBS: Lesly é uma garota piranhuda e chata para caralho que era igual a mim no quesito de vida. Ela tinha 18 anos igual a mim, estudava e trabalhava no mesmo posto que eu, nós duas não se dávamos muito bem, mas tínhamos que aprender a trabalhar juntas nessa. <<

Então fui para o meu quarto, me sentei na cadeira e pesquisei bastante sobre ele, havia vários arquivos dele na qual eu não tinha acesso e agora tenho pois estava cuidando do caso dele e me surpreendi com várias coisas.

[...]

Depois de 4 horas pesquisando sobre ele, resolvi descer para comer algo porque eu estava morta de fome. Lá estava Nicole lanchando e assistindo à um desenho animado, Sandra e mais duas empregadas novas estavam arrumando a casa e conversando entre elas sobre a vida.

-Boa tarde! - eu disse.

-Boa talde! - disse Nicole embolando as palavras, vindo para o meu colo e me surpreendendo com um abraço apertado.

-Boa tarde! - disseram Sandra e as empregadas nova Maria e Lia.

-Deseja alguma coisa Senhorita Victória? - perguntou Sandra em um tom irônico, o que me fez rir pois ela já me conhecia desde pequena e sabia quando eu estava com fome feito dragão.

-Aham! Quero um sanduíche e um suco de laranja natural. - eu disse segurando a risada da fala dela.

-Pode, deixar minha princesa irei preparar! - disse Sandra com um sorriso lindo que eu amava.

Sentei-me no sofá com a Nicole e estava passando um desenho legalzinho, quando me celular vibra no meu bolso e vejo no visor da tela a Lesly me ligando.

-Argh! ela?! - disse resmungando para mim mesma.

Fui para a sala de jantar que não havia ninguém e atendi o celular.

-O quê quer? - disse fria.

-Nossa parceirinha, vai com calma! Estamos juntas nessa, não devemos se prender a uma briga do passado. - disse ela em um tom de deboche.

-Fala logo garota. - disse quase me irritando.

-Seu papi poderoso pediu que fossemos prender uma carga do Bieber amanhã. - disse ela sendo direta ao assunto.

-Mas ele nem nos deu tempo direito nem se quer para pensar em como fazer isso. - disse entrando em desespero.

-Pois é! Mas ordens são ordens. Ou você aceita ou eu vou sozinha. - disse ela logo desligando o celular na minha cara e eu odeio que façam isso.

Fiquei um tempo pensando e logo depois voltei para a sala, peguei meu lanche e sentei no sofá, logo comecei a ingerir tudo bem rápido e voltei para o meu quarto para pensar em um plano perfeito, pois ele era bom e quando eu digo bom é porque ele era realmente bom e não deixava nem um rastro se quer de seus tráficos, roubos...

O dia havia amanhecido e eu mal dormi pois estava tão focada no plano de prender a carga do Bieber que perdi o horário. Fiz minhas higienes e vesti uma blusa branca soltinha, uma calça jeans, uma jaqueta de couro preta e botei uma bota sem salto preta, deixei meu cabelo cacheado solto que já batiam em minha cintura por sinal, peguei os papéis organizei tudo em uma pasta e coloquei dentro da minha bolsa, desci as escadas e fui direto para a cozinha, lá peguei uma maçã e fui comendo no caminho dentro do meu carro indo para a delegacia.

[...]

Chegando lá, pedi para que separassem os 40 melhores polícias e fui conversar com a Lesly que já estava preparada. Pegamos as minhas ideias e a dela e juntamos e confesso que gostei do resultado, pegamos nossos distintivos, nossas armas e coletes, fomos para nossos carros que eram diferentes um do outro e dirigimos até o local. Nada de barulho de sirenes pois se não o barulho iria desperta-los e daria tudo de errado.

Chegamos no local e cada um se aprontou em seu posto para começarmos. Justin me surpreendeu pois diferente dos outros caras, ele era lindo, jovem e gostoso pra caralho. Ele estava conversando com um negociador, quando o negociador foi embora fiz um sinal para os polícias me seguirem e outros seguirem Lesly. E então saquei a arma e apontei para Bieber enquanto Lesly e outros polícias estavam escondidos, caso houvesse algo errado.

-Ora, ora, ora! Quem será essa moça tão bonita em minha frente?! Apontando algo tão quanto perigoso. - disse Bieber com um tom irônico, o quê me fez ficar irritada por ele não estar surpreso e com medo.


Notas Finais


OOOOOI AMOREZZZZ! Gostaram desse cap meio radical? Muitas coisas ainda irão acontecer! Então, me aguardem Bandit's hahaha! Bjinhosss s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...