História Bangtan Boys VS Bangtan Girls - Interativa. - Capítulo 10


Escrita por: ~ e ~Allison_Hale

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Alegria, Amor, Bangtan Boys, Bangtan Girls, Big Hit, Brigas, Bts, Bty, Dor, Drama, Festas, Fic Interativa, Gayo, Interativa, K-pop, Momentos Clichês, Momentos Hots, Músicas, Ódio, Romance, Sete Garotas, Sete Garotos, Sete Mais Sete, Sexo, Treta
Exibições 92
Palavras 839
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Fluffy, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


- Bônus do casal JiLena, mostrando o que rolou quando eles foram tomar sorvete.
- Vou tentar postar o próximo capítulo hoje mesmo.
- Desculpem os erros.
- JiLena S2
- Boa leitura!! *-*

Capítulo 10 - Por que isso agora? (Bônus).


Fanfic / Fanfiction Bangtan Boys VS Bangtan Girls - Interativa. - Capítulo 10 - Por que isso agora? (Bônus).

Helena me puxou para fora da empresa dizendo que eu irei sim ou sim lhe comprar sorvete.

- Pra onde vamos? - Perguntei enquanto era guiado por ela pelas ruas movimentadas.

- Já disse, comprar sorvete!

- O parque é pra lá... - Apontei na direção oposta.

- Eu sei, mas vamos para uma sorveteria. - Soltou minha mão, admito ter sentido um incomodo ao vê-la me soltar. Sorriu, me fazendo sorri também. - Lá tem mais opções e como é você que pagará não tenho porque me preocupar com o dinheiro.

- Mas que interesseira! - Fingi está bravo.

- Depois eu te compenso com sei lá o quê. Agora vamos logo!

. . .

Entramos numa sorveteria toda colorida, onde há só adolescentes, até mesmo os funcionários são jovens. Sentamos-nos no centro, uma funcionária veio nos atender, ela não parava de tentar flertar com comigo, olhei de relance para minha acompanhante ela fuzila a gaçonete sem nem disfarçar, ri fraco e disse:

- Um sorvete, o maior que tiver com varios sabores, para eu dividir com minha namorada.

- S-Sim, claro. - Ela anotou o pedido e se retirou decepcionada.

- Tem que saber disfarçar seu ciúmes. – Disse brincalhao, ela me olhou fazendo beiço.

- Oi? Ciúmes? - Se fez a inocente. - Mentir é feio. Que namorada? - Riu na mesma intensidade, apoiando o queixo em ambas maãs sobre a mesa.

- Só disse aquilo para ela deixar de me flertar, relaxe.

- Hum... - Riu amarelo. - Perdi a fome. - Se levantou, indo para fora da sorveteria.

Me levantei indo atrás dela rapidamente, que andava em passos rápidos em direção ao apartamento, que fica a mais de cinco quadras depois da Big Hit.

- Helena, espera! - Nem olhou. - Helena! Por favor, me espera! - Também não olhou, a puxei pelo braço, fazendo com que me olhe nos olhos. - Tira esses fones. - Apontei para minha orelha para que ela entendesse. Tirou os fones brancos e forçou um sorriso. - Eu disse algo errado? - Fez beiço. - Foi por causa da gaçonete?

- Talvez. - Cruzou os braços. Um taxi estava passando por ali, fiz sinal para ele parar e a empurrei para dentro do mesmo. - Jimin! Ficou louco!?

- Nos leve ao Prédio Dormitório da Big Hit. Por favor. - O motorista assentiu. A Big Hit chegou a ser tão famosa que basta dizer que quero ir para uma de suas propriedades que me levam para lá em poucos minutos.

Paguei o taxista e a puxei para o terraço do prédio, ela continuou fazendo beiço, se mostrando estar emburrada.

- Vem cá. - A chamei com a mão. Se aproximou receosa ficando do meu lado, sinalei o céu, que está nublado, evitando que possamos ver o sol. - Sabe, gosto de vir aqui, é calmo, me ajuda a pensar. - Sorri lhe olhando de relance, ela fitava o céu intesamente. - É como meu cantinho segredo, como minha Bat Caverna. -Ela riu na última parte. - Se sinta honrada por estar aqui, - Brinquei fazendo aegyo. - podemos vir aqui para fazer um piquinique, ninguém nos incomodará, podemos passar mais tempos juntos.

- Por que isso agora? Desde que vocês entraram para a Big Hit, a gente sempre estive aqui e nunca nos falamos senão fosse de forma formal. Por que agora?

- Por que eu achava todas as garotas ridiculas. - Ri sem graça coçando a nuca. - Eu cresci e meus pensamentos mudaram, junto de meus sentimentos por você, que cresceram. - Sorri, ela também sorria. Ambos corados. - Só tem uma coisa que não entendo... Se vocês estavam aqui há muito mais tempo que a gente, por que não debutaram antes?

- O motivo é bem idiota... - Riu ao se lembrar de algo. - Quando eu entrei o Sr. Bang fazia todas as vontades da Mikaela e ela disse que não queria fazer parte de um grupo, durou meses para fazê-la mudar de ideia, então vocês apareceram e ela disse ao presidente para focar somente em vocês... - Arregalei os olhos, surpreso. - As palavras dela foram: ''Quando eles ficarem famosos iremos entrar em ação e provar que as garotas são melhores que os garotos.'', sendo assim, Sr. Bang concordou e focou apenas no Bangtan Boys.

Ri internamente com isso. A ruiva sempre desejou provar que elas eram melhores que a gente, antigamente ela e Suga discutiam e competiam por coisas bobas para provar e reprovar quem era o melhor, era hilário.

- Acho que vocês teriam feito sucesso na época. - Baguncei seus fios coloridos. - Então... Aceita uma vez ou outra vir me fazer companhia? - Assentiu sorridente, retruibi o sorriso, passamos o resto dia conversando sobre coisas banais e sobre os anos em que estavamos na empresa sem trocar muitas palavras. Ao escurecer lhe deixei na porta de seu apartamente e fui para o meu, pensando em cada gesto e palavras que trocamos hoje, isto me fez querer conhece-la mais, muito mais.


Notas Finais


- Não teve beijo, desculpem, puxei o lado mais fofo... Desculpa Leeh~
- Qualquer duvida só dizer. E se a Helena estiver fora da personalidade dela, diz, okis Leeh?
- Beijinhos! s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...