História Bangtan Girl - Capítulo 2


Escrita por: ~, ~little_pandaaa e ~PotatoLoka

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Bangtan, Bts, Fanfic, Fic, Girl, Jikook, Love, Music, Shipp, Vkook
Visualizações 65
Palavras 687
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii amores, eu decidi que vou postar os capítulos com frequência no começo para vcs irem se acostumando com a história
Espero que gostem e boa leitura
Bjusssss

Capítulo 2 - A Nova Vida


Hoje acordo bem cedo por algum motivo que não sei e fico surpresa em acordar antes da minha mãe ir para o trabalho. Entro na cozinha e vejo ela tomando café 

- Bom dia mãe! - digo para ela e a mesma arregala os olhos ao me ver acordada essa hora da manhã 

- Bom dia ____(S/N). Que coincidência, eu precisava falar com você hoje. - ela diz sorrindo

- Pode falar - digo e tomo uns goles de café

- Nós vamos nos mudar - ela diz e eu surpresa cuspo na hora o café que estava na minha boca - Filha o que é isso!?

- Isso é uma grande novidade! - digo tentando me segurar para não começar a pular de alegria - Onde moraremos?

- Bom, vou fazer um novo trabalho lá em Seoul então vamos morar lá. Amanhã de manhã já iremos e o caminhão de mudanças vem hoje levar alguns móveis.

Não consegui conter a felicidade. 

- Eu já fiz sua matrícula em uma escola de lá . Acho que você vai gostar. - diz ela e eu afirmo com a cabeça 

- Espero que sim.

- Tchau filha, vou sair agora, você já pode começar a se arrumar. - ela diz e me dá um beijo na testa.

- Tchau mãe! - eu digo e ela sai.

Eu não acredito que vou mudar de escola, minha felicidade é muita. Entro no banheiro e faço minhas higienes e coloco o uniforme.

Vou para escola e mal presto atenção nas aulas, não consigo parar de pensar na mudança. 

          (Quebra de tempo)

A aula acaba e volto para casa a pé. 

- Não precisarei mais me preocupar com essas patricinhas - digo com um sorriso nos lábios. Logo subo no meu quarto e começo a arrumar minhas malas.

O dia acaba e eu durmo melhor que nunca.

No dia seguinte eu acordo cedo como ontem e vejo minha mãe terminando de arrumar as malas dela em seu quarto. 

- Bom dia mãe! - digo sorridente

- Bom dia filha, pronta para viajar?

- Nasci pronta! - digo animada - Literalente - sussurro para mim mesma

    (Quebra de tempo)

Entramos no carro e logo chegamos naquela casa que mais parecia uma mansão. Fico de boca aberta.

- Isso é maravilhoso! - digo

A casa tem um quintal enorme e com algumas árvores, em uma delas tem um lindo balanço. Entramos na casa/mansão e o espaço é incrível. Entro no meu quarto e tem uma cama de casal espaçosa e uma janela bem grande e agradável. Tem uma cômoda onde posso fazer os deveres de casa e me maquiar. Parece um sonho.

Depois de conhecer a casa inteira, sento em um sofá e minha mãe senta ao meu lado

- O que achou (S/N)? - diz minha mãe curiosa

- É a melhor casa de todas mãe!

- Fico feliz que gostou.

- Posso sair um pouco para conhecer o bairro?

- Pode sim, enquanto isso vou arrumar algumas coisas lá em cima. 

Eu saio animada e realmente muito feliz por aquilo estar acontecendo. Por um momento me pergunto como minha mãe conseguiu comprar aquela casa.

Estou andando calmamente olhando as casas da rua e de repente eu vejo um menino andando do outro lado da calçada. Ele tem um cabelo preto e está com uma camiseta branca de manga curta e uma bermuda e estava com fontes de ouvido. Ele logo me olha e vem em minha direção, tirando os fontes de ouvido de sua orelha.

- Parece perdida - ele diz com uma voz doce

- Não estou perdida, estou conhecendo o bairro. Hoje me mudei para cá. - digo e sorrio 

- Ah, que legal! Eu também moro nesse bairro. - o garoto diz e aponta para uma casa à alguns metros de distância - Seja bem-vinda! Meu nome é Jungkook, mas pode me chamar de Kookie. Qual é o seu nome?

- Obrigada. M-meu nome é ____(S/N). 

- Que nome bonito. Bom, tenho que ir. Se precisar de qualquer coisa é só passar lá na minha casa. 

- Tudo bem, obrigada 

Depos volto para casa feliz e lembrando que amanhã vou começar na minha nova escola. Espero que faça muitos amigos.

Tenho que confessar que aquele menino era lindo...













Notas Finais


Desculpem qualquer erro
Espero que tenham gostado szsz
Hmmm se eu fosse a (S/N) também teria achado o Jungkook um gato, e quem n acharia né manas?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...