História BANGTAN LOVE - BTS Imagines - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bangtan Love, Bangtan Sonyeondan, Bts, Hobi, Imagine, Imagine Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, Taehyung, Thebl, Yoongi
Exibições 486
Palavras 1.620
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


oii leitorinhos lindos? Prontos pra mais uma iludidazinha básica? ? 😉😉
💕

Capítulo 5 - Metrô - Kook 01 imagine


Fanfic / Fanfiction BANGTAN LOVE - BTS Imagines - Capítulo 5 - Metrô - Kook 01 imagine

Tudo bem, se ninguém encostasse naquele maluco logo o metrô pararia e o homem bêbado seria detido pela segurança na estação próxima, - você pensou, até que ele vem sentar-se bem ao seu lado e decide passar os braços ao redor de seu pescoço apontando o objeto afiado para seu rosto.

Era um dia frio, num cruzamento da linha Jungang com a Icheon. Era sábado e fim de tarde. O metrô estava quase vazio, apenas um senhor de idade sentado mais ao meio e poucas pessoas nos assentos da frente, quando o homem dos primeiros acentos se levantou e veio para o meio e anunciou o sequestro do vagão e segundos depois puxa um punhal de sua calça.

Você tentou manter a calma , mas já não podia manter os olhos  concentrados no livro que trazia em mãos, como antes. A pessoa sentada no banco à sua frente, que antes também prestava atenção à um livro que segurava em frente ao rosto praticamente todo tampado  por uma máscara, ergueu os olhos do livro e fitava você e o homem que havia te feito de “refém” no vagão.

Isso não era comum em Seul. Por que alguém iria querer sequestrar um vagão com no máximo cinco pessoas, com a intenção de se matar? Se ele queria mesmo fazer isso, por que tinha que colocar outras pessoas no meio?

- Por que está fazendo isso, se realmente você não quer fazer? – pergunta o garoto de máscara para o homem atracado a seu pescoço. O livro que antes lia estava fechado em seu colo.

O metrô seguia rápido seu curso normal, mas o tempo parecia passar mais lentamente. Ouvia-se um mínimo barulho do vagão a toda velocidade.

- Cala a boca seu pirralho, o que sabe sobre minha vida, minha família?  - o garoto da máscara arregala um pouco os olhos, talvez chocado com o nervosismo do homem. Ele se levanta, ficando de pé como se quisesse se aproximar de você.

O homem não faz nada com você mesmo com a aproximação do rapaz, mas ainda estava agoniada com os braços dele te apertando, estava ficando sem ar e se lembrava da ultima vez que você passou por uma situação parecida no Brasil, uma assalto.

Suas mãos começam a ficar trêmulas.

- Exato... – o garoto continuou – sua família, o que pensa que eles vão sentir se o senhor fizer isso? Vão sentir orgulho? Podem sentir orgulho? – os olhos do homem brilharam um pouco.

- Não tenho como pagar as contas, fui demitido, e para um homem velho como eu, o que acha que tenho para sentir orgulho?

- Deixe pelo menos ela livre... – ele pediu em relação a você.

- Você a conhece?

Uma criança com a mãe lá na frente começou a chorar, chamando a atenção sua e do homem, mas o rapaz continuava a olhar para você, quando então o homem desliza a mão pelo seu pescoço te soltando.

Nessa hora o garoto, num movimento rápido já havia te puxado para si, e você quase cai, desequilibrando-se e se  apoiando nele.

O homem então leva a mão com o punhal para seu próprio pescoço e faz  movimento acompanhado de uma cara de dor. Você fecha os olhos com força agarrando-se com mais força ao rapaz que te ajudava.

No fim, o metrô acabou parando e o homem foi socorrido para o hospital. Todos os passageiros foram liberados para suas casas, não sem antes deixar um depoimento do que havia acontecido, assim como você, que estava um pouco chocada e nervosa por ter visto o homem sangrando deitado no chão do vagão.

- Are you okay?  - ele te perguntou em inglês, provavelmente por você ser estrangeira. Ambos estavam já no lado de fora da cabine de segurança. Você acenou positivamente com a cabeça e ele continuava a te fitar, você podia ver apenas os olhos do rapaz.

- Obrigada, muito obrigada. – você disse em coreano, fazendo uma reverência de maneira a agradecer por ele ter te salvado.

Logo você estava caminhando ao lado dele, e se viu sem saber para onde estava indo.

- Você está dizendo que não sabe por onde mora?

Você estava nervosa e havia esquecido como chegar em casa. O garoto vendo seu estado se compadeceu e te ofereceu para te levar em casa, mas antes ele precisaria passar no “dormitório” dele e você foi junto.

- Qual é o seu nome? – você perguntou e o viu pensar um pouco antes de responder.

- Jeon. – disse apenas. - Pode me chamar assim...

Ele te ofereceu para entrar e tomar um copo de água. Você o ouviu dizer que não devia ter ninguém em casa. Apesar de não ter desconfiado muito, algo era meio estranho nele. Parecia um pouco, familiar? Ele não tirava aquela máscara nem ao chegar em casa.

Haviam posters de grupos de k-pop e de outros cantores pelas paredes.
Quando de repente uma figura surge do corredor ao lado.

- Kook, já está em casa? – você se virou para ver de onde havia saído aquela voz quem havia dito aquilo. O garoto de cabelo verde, que você não podia acreditar em quem era, arregalou os olhos ao te ver.

Mi Yoongi... – Você sussurrou e de relance olhou para o JEON. Isso fazia sentido agora! – ele não te olhou mas ainda deu tempo de você ver a cara de susto que ele fez para o hyung.

A porta lateral se abriu revelando o líder do grupo tão conhecido por você. Ele tinha uns livros na mão e quando te viu ele voltou o olhar para o mais novo parado no meio as sala.

- Pensou que não nos encontraria em casa hyung? – ele sorriu e olhou para você te cumprimentando com um "Hello". Você abaixou a cabeça em reverência e um pouco emocionada.

- Trazendo garotas em casa? Ta querendo quebrar as regras maknae?

- Na-não é nada disso Nanjoom.

JungKook explicou como te encontrou, e que vocês haviam passado por todo aquele sufoco a alguns minutos no metrô. Eles te oferecerem para sentar um pouco e você preferiu não rejeitar já que estava a espera de Kook que se ofereceu para te ajudar a encontrar seu apartamento.

- É-é um prazer conhecê-los. – Você olhou pra JungKook. Ele acabou perguntando se você os conhecia, e óbvio né, você respondeu que sim, e que era uma fã.

No fim, ele te levou mas teve que pedir a Nanjoom para leva-los de carro já que ele ainda não podia dirigir. Ele foi de bom grado e vocês foram no banco traseiro, Kook foi te fazendo companhia.

Ele te fazia várias perguntas, sobre você, sobre por que escolheu a Coreia para morar e descobriu que seu país de origem era o Brasil.

Você tinha o endereço no seu celular e com a ajuda do Gps logo Nanjoom achou o local. Kook tirou o celular dele e estendeu para você registrar o seu número e alegou poder te ajudar com alguma coisa que você precisasse já que era estrangeira e então você acabou pegando o celular para salvar o número dele.

- Não era mais fácil se você ligasse para mim? – você perguntou rindo.

- Ah, é... – fazendo-o rir meio envergonhado. O maknae era mesmo a criatura mais fofa do mundo!

- Ai gente, eu amo vocês. Sério, não é só por terem me trazido em casa. Você riu divertida e eles seguiram seu gesto.

Eles foram tão fofos e educados, principalmente o "biscoito", como você o chamou na despedida e viu o rosto dele corar um pouco com o apelido.

Depois de ter feito sua higiene e de já estar deitada, resolveu pegar o celular só para checar suas redes sociais e notar que o papel de parede era diferente. E não era só isso, já que seu celular havia se transformado magicamente de um Android para um Iphone 6.

O celular do Jungkook vibrou em suas mãos. Uma mensagem de S/N. – ou seja, sua:

kook: parece que trocamos os celulares ><

você: Ah, sim e tem uma tal de S/N falando comigo agora mesmo...

kook: E comigo um tal de Jungkook...

Você sorria olhando para o celular dele em suas mãos.

você: não vai precisar dele?

kook: Sim, amanhã eu passo para buscar, pode ser?

você: Ok. eu prometo que não vou bisbilhotar ;P

kook: @-@

você: O que foi??

kook: Eu bisbilhotei o seu...

você: O que?

kook: desculpa... so olhei as fotos

você: o.o
nunk mais vou conseguir te olhar cara a cara

kook: porque?
te achei linda, não só por causa das fotos

você: o.o
obrigada kook *--*

kook: posso perguntar uma coisa, estou curioso

você: sim

kook: quem é seu bias no grupo?

você: um tal de kookie.

kook: serio?? t.t

você: sim 😶🙉

kook: fico muito feliz

você: ^-^
ei, você gosta de ler que eu vi no metrô mas o q tava lendo?

kook: nada muito interessante...

você: ah, quero saber me conta

kook: quadrinhos...

você: ah...só podia! mas vc quer dizer mangá? eu tbm adoro!

kook: sério? e como sabia q eu gostava?

você: esqueceu q é meu bias?

kook: -.-
mas eu gosto mais de ler pessoas

você: ah é? e o q conseguiu ler sobre mim?

kook: ah, vc quer saber?

você: huhum...

kook: vejo que vc é legal

você: hummm acertou... kkkk
vc é mesmo um fofo kook 😶

kook: nao vai chamar de novo daquele jeito?

você: como? Kookie? (vc digitou em inglês, que quer dizer biscoito)

kook: ^^ yeahh
entao, boa noite army S/N.

você: boa noite oppa

kook: *-*

Mensagem off

Parece que você veria seu bias de novo...


Notas Finais


Diz aí pra mim nos comentários embaixo, o que você tá achando dos imagine


OU NÃO VAI TER CONTINUAÇÃO DO KOOK ♡
BJINHO OBG POR LEREM ♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...