História Batman:medo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Batman
Visualizações 5
Palavras 565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Drogas, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - O medo chega a Gotham


“Viatura 267?  Viatura 267 esta ai?”

Oficial Maicon: 267 na escuta. Oque é?

 “Denuncia anônima, pouca informação, apenas que é na Evanstown, aparentemente tem barulhos estranho em uma casa lá, pessoas passando perto estão com medo”

Oficial Maicon: Evanstown? Isso é quase fora da cidade, está tarde quebra esse galho para gente, não deve ser nada.

“Não posso, o novo capitão não quer que nada seja ignorado, sabe como ele é.”

Oficial Maicon: Estamos vendo o jogo dos Gotham Knights. Não da para mandar outra?

“Não interessa oque estão fazendo, vocês são a viatura mais perto”

Oficial Maicon: ok...  já estamos a caminho.

                Já era quase 1 da manha quando a viatura chegou no local, uma velha casa de campo mal cuidada com estilo vitoriano muito comum nas residências mais antigas da cidade, estava frio, o vento carregava as folhas secas no chão e fazia os galho balançarem, dava para ver uma pequena luminosidade pelas janelas. Os policias se aproximaram da porta e bateram, a porta abriu sozinha como se quem tivesse saído não tivesse se preocupado em fecha-la direito muito menos em tranca-la. Chamaram mas ninguém atendia, ate que ouviram um grito de extremo pânico vindo dos fundos da velha propriedade. 

“ELE ESTÁ VINDO”

                Os policias entraram correndo na casa, rapidamente passando pelos varios cômodos e corredores em direção aos fundos da casa, tudo bem velho e mal cuidado, passaram tão rápido que nem notaram os frascos e tubos de ensaio como se lá fosse um lugar para fabricação de droga, quando saíram deram de cara com um campo aberto com algumas árvores espalhadas e um espantalho tremulando com o vento. Logo um segundo grito surge e estranhamente vem do espantalho.

“ELE ESTÁ VINDO”

                Os policias se aproximam e retiram o chapéu do espantalho e vem que na verdade é um homem amarado, o homem chorando e olhando para todos os lados continua gritando apavorado.

“ELE ESTÁ VINDO”

Oficial Maicon: Quem está vindo.

“O ESPANTALHO...”      

                No terraço do departamento de policia de Gotham o Capitão Gordon fuma um cigarro ao lado do bat-sinal, olhando para a cidade. Batman chega sorrateiramente e surpreende Gordon.

Batman: Achei que tinha parado de fumar.

Gordon: E eu achei que você não viria hoje, já está quase de manhã.

Batman: Tive um contratempo com a gangue dos Faces Falsas.

Gordon: Eu fiquei sabendo, 5 dos chefões da gangue na mesma noite, surpreendente ate para você. Da uma olhada nisso é de 4 horas atrás.

                Ele tira uma pasta debaixo do braço e a entrega ao vigilante, ela contem informações do caso que agora é chamado de “caso espantalho”. Fotos da casa, a fixa do homem que estava no local, identificado como Dylan Williams, um traficante de esquina.

Gordon: Como não  conseguiram acalmar esse tal de Dylan, o sedaram e colocaram sob observação na clinica Kane, alguns exames preliminares indicam que ele foi drogado com algum composto não identificado.

Batman: Eu vou ficar de olho nesse caso de perto.

                Os primeiros raios do sol já estavam aparecendo quando batman adentrou o quarto em que Dylan estava sendo mantido, Dylan estava amarado na cama, seu olhar fixo na parede branca sem absolutamente nada chamou a atenção do morcego, batman se aproximou e perguntou quem fez isso a ele, Dylan sem muita pressa sussurrou.

“Espantalho, espantalho, espantalho...”

                Batman percebe que não vai conseguir muita coisa com o pobre Dylan e vai embora.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...