História Beautiful Sunrise - (Terminada) - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camila, Camila Cabello, Camren, Fifth Harmony, Lauren, Lauren Jauregui, Norminah, Trolly, Vercy
Visualizações 440
Palavras 2.638
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Drama (Tragédia), Famí­lia, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P), Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 14 - 14


Fanfic / Fanfiction Beautiful Sunrise - (Terminada) - Capítulo 14 - 14

- Camila Cabello -

Acordei com muita dor e já era de se esperar eu estava com meu último mês de gestação, olhei para o lado e vir Enzo dormindo. Sentir mais uma dor e gemir alto e então Enzo se mexeu.

Suspirei e passei a mão em minha barriga.

- Calma meu amor...eu sei que está na hora. - Balancei Enzo.- Amor...- Estava doendo muito então não aguentei quando veio outra dor e agora a bolsa estourou. - ENZO! - ele levantou em um pulo da cama e me olhou.

- O que foi amor? - Fiz uma careta.

- Está na hora... A bolsa estourou. - Ele arregalou os olhos e correu pra dentro do closet. Eu olhei o relógio e vi que marcava duas e trinta da manhã e não poderia esquecer que hoje é aniversário de Miguel. - Meu bebê, você vai dá o melhor presente pro seu irmãozinho...- Acariciava minha barriga mais logo gemi de dor.

- Vem amor. Deixa eu colocar esse vestido em você.- Ele estava com medo eu podia ver em seu olhar seu desespero, também ele já perdeu Megan. Depois de vestidos ele me pegou no colo e me levou pro carro. - Vou ligar pro pessoal e pegar Miguel, vou rápido eu prometo! - Saiu correndo pra dentro de casa mais logo voltou com Miguel sonolento em seu colo e com um pijama de ursinho e um moletom.

Logo ja estávamos a caminho do hospital, tenho certeza que Enzo vai levar várias mutas, no caminho ele ligou para os meus pais e os deles, depois foi pro casal Vercy, Trolly, Semi, Keana, Norminah e Larry. Quando chegamos em frente ao hospital a doutora Nina já estava lá com dois enfermeiros, quando saímos do carro Enzo me pegou no colo e Miguel veio atrás com as bolsas. Eu gemia de dor e parece que o nosso filho já iria sair. Miguel veio até mim e me deu um beijo na testa.

- Eu vou está aqui quando a senhora e meu irmãozinho sairem mamãe e não irei sair daqui. - Eu podia ver medo em seus olhos também.

- Eu volto logo meu amor...- Beijei sua bochecha e logo gritei de dor. Os enfermeiros me levaram pra um quarto onde séria o parto e me colocaram em uma cama. Depois de alguns minutos a Doutora Nina entrou junto a Enzo.

- Pronta Camila? - Assentir e Enzo veio para o meu lado e segurou minha mão. - Ótimo está na hora. No três. Um. Dois. Três! - Metir força e eu sentia que estava sendo rasgada. - De novo ...Um... Dois... Três! - Metir força de novo e a dor não parava. - Só mais essa Camila....

- Vamos amor eu sei que você consegue... Você é forte. - Ele beijou minha testa.

- Eu não Consigo....- Sentir dor novamente.

- Amor eu não posso te perder... Vamos meu amor eu estou com você.- Ele estava chorando. Eu não podia ver ele chorando eu também não podia deixá-lo.

- Vai Camila... Um... Dois... Três!-Fiz força e no momento seguinte eu pude ouvir o choro de bebê, não só dele como o de Enzo também. - Nasceu...Parabéns Camila.

- Ele nasceu meu amor...você está aqui pra vê-lo crescer amor. Nós vamos poder cuidar dele juntos. - Ele sorriu e me beijou, a enfermeira trouxe um embrulho pequeno em uma manta azul e entregou a Enzo. - Nosso filho é lindo amor...- Ele me mostrou e eu me entreguei ao choro.

- Nós iremos levar-ló pra fazer exames e cuidar de você Camila, preciso que se retire tudo bem?! Mais logo, logo lhe chamarei. - Tocou no ombro de Enzo que assentiu e entregou nosso filho a Nina

- Eu vou está lá fora. Eu te amo. - Me beijou.

- Eu te amo...- Falei sonolenta. Ele sorriu e logo saiu.

- Enzo Jauregui -

Eu estou tão feliz e não posso imaginar que Camila e meu pequeno estão aqui comigo.

Fui até a sala de espera onde nossa família estava. Eu estava com um sorriso que dava voltas em meu rosto. Quando me viram eles levantaram.

- E então nasceu? Minha filha está bem? - Alejandro foi o primeiro a levantar.

- Como eles estão filho? - Mamãe me abraçoum

- Cadê minha irmã? - Sofia perguntou sonolenta.

- O bebê tá bem? - Sinu apertou o terço em sua mão.

- Como o bebê é? - Taylor perguntou abraçada a Sofia.

- Ele tem os olhos verdes? - Demi levantou a sobrancelha.

- A Camila ta bem? - Chris perguntou preocupado.

- Cadê eles? - Percebi que Mani estava impaciente.

- Fala logo Enzo. - Lucy me balançou.

- Minha amiga está bem? - Selena sempre foi super amiga de Camila.

- Fala branquelo. - Vero se pronunciou.

- Cadê a Malévola ? E o pequeno? - Harry estava roendo as unhas.

- Amor calma.- Louis falou a Harry.

- Tem muita gente aqui...- Troy olhou em volta.

- Camila e o bebê estão bem? Aconteceu algo? - Keana estava preocupada.

- Ele tem cara de joelho? - Todos olharam pra Dinah. - O que foi?

- Quieta! - Todos falaram juntos e ela se encolheu.

- Credo...

- Gente deixa ele falar...vamos filho como Camila e o bebê estão? - Papai sorriu para mim.

- Vocês não sabem o quando eu estou feliz... E eles estão bem. Dinah bebês não tem cara de joelho. - Rimos e depois todos vieram me abraçar.

- Então Camila esta bem? - Minha mãe tinha medo de me ver desaba como fiz quando Megan morreu mais quando vir Miguel bebê, eu tinha certeza que ele me faria ficar forte.

- Sim mãe. Ela está segura agora e nosso bebê também. - Sorrimos. - Cadê o Mig?

- Aqui papai! - Ele estava no colo da mãe de Camila. - A mamãe esta bem ne? - Ele também esta com medo.

- Vem cá. - Ele veio pro meu colo e me abraçou. - Ela está bem e vai está aqui com a gente pra sempre e seu irmãozinho também. Feliz aniversário meu amor.

- Nossa eu ja tinha esquecido...- Ele bateu em sua testa. Hoje ele estava fazendo cinco anos. - Obrigado papai. - Me abraçou.

- Mais tarde eu trago seu presente tudo bem?

- É o meu irmãozinho? - Todos riram.

- Também. Agora o que acha de ir pra casa com a tia Keana?

- Eu não quero ir papai...- Fez biquinho.

- Credo...ele é sua cópia palmito. - Dinah fez uma careta.

- Eu acho que é porquê é meu filho ne tapada. - Ela me mostrou língua. - A pequena Lauren ficou com quem?

- Com meus pais.- Foi até Mani e a abraçou.

- Vamos Mig? - Keana o chamou ele me olhou.

- Eu prometo te trazer aqui quando o bebê acorda e sua mãe também ok?

- Promete de dedinho?

- Prometo de dedinho agora vai meu amor, papai te ama. - Dei um beijo estalado em sua bochecha.

- Também te amo papai e fala que eu amo a mamãe se não ela fica com ciúmes.

- Pode deixar. - Keana pegou ele do meu colo e nos despedimos dela e de Chris que logo foram embora.

- Parabéns papai! - Alejandro me abraçou forte.

- Obrigado. - depois ficamos conversando até Nina aparecer.

- Senhor Jauregui? - Me levantei. - A Camila acabou de acorda e vocês ja podem entrar. - Ela olhou em volta. - Todo mundo é parente da senhorita Camila?

- Bom...- Dinah me interrompeu.

- Sim somo. Podemos vê-la?

- Tudo bem mais não façam barulho ok?! - Assentimos e caminhamos até o quarto onde Camila esta.

Quando entramos ela estava olhando pela janela.

- Chancho! - Exclamou e correu até ela pra abraça-lá.

- Cheeche!

- Como você está?

- Ela acabou de ter um filho deve está...- Vero fez um gesto com a mão e levou um tapa de Lucy. - Ai!

- Fica quieta Veronica! Desculpa por isso Camila.

- Tudo bem Lu. - Depois de todos falarem com Camila, falaram que iriam embora mas mais tarde eles voltavam pra vê-lá e ver o bebê. Quando todos foram embora Camila me chamou até a cama. - Vem aqui amor.- Fui até ela. - Deitada aqui.

- Não acho uma boa idéia amor.

- Vem logo. - Me deitei do seu lado e ela repousou sua cabeça em meu peito. - Você não precisa ficar mais com medo amor... Eu estou aqui não estou. - Soltei o ar.

- Eu sei amor... Mais eu fiquei com tanto medo de perde você. Eu não aguentaria te perde. Eu te amo muito. - Beijei sua testa.

- Eu também te amo meu amor. - Ficamos mais um pouco até a enfermeira entrar e trazer nosso pequeno.

- Oh... Desculpe é que esse lindinho precisa se alimentar. - Assentir e me levantei e ajudei Camila a se ajeitar na cama. - Aqui. Segure ele assim. - Colocou ele nos braços de Camila. - Agora coloque o bico do seu seio na boca dele. - Camila fez tudo o que ela mandou.

- Uau! - Ela exclamou e eu me aproximei e não pude segurar as lágrimas, era a primeira vez que eu estava vendo Camila amamentando. - Ele está morrendo de fome amor. - Ela me olhou e pude ver que também chorava.

- Ele é lindo...- Peguei sua mãozinha com meu dedo que ele logo agarrou e fez uma forcinha. - Amor...- Ele abriu os olhos e me olhou com os olhos verdes e mais intensos do que o meu.

- Ele tem seus olhos amor. - Assentir e beijei a cabecinha dele e fiz o mesmo com Camila.

- Obrigado por me dá esse presente tão lindo meu amor. - Ela sorriu, nós ficamos brincando com ele até ele ficar cheio e a enfermeira vim ensinar a Camila como fazer pra arrotar. Ja que eu que cuidei de Miguel desde bebê, eu tenho pratica.

- Pega ele um pouco amor.- Fui até ela e peguei ele nos meus braços.

- Ele tem seu nariz amor. - A olhei e ela sorriu com a língua entre os dentes. - Você é linda. - ela corou.

- Amor eu acabei de ter um filho como eu estou linda? - Rir da carinha de emburrada dela.

- Você é linda de qualquer jeito...não é filhão? - Ele sorriu bangelo. - Você está com sono amor... Pode dormir eu estarei aqui quando você acorda.

- Promete? - Ela bocejo e eu assentir.

- Prometo. Nós dois estaremos aqui. - lhe dei um selinho e logo ela dormiu. - É garotão mamãe estava com sono. - Fui até a janela do quarto com ele. - Olha só meu amor... Como Nova York está linda essa manhã. - olhei no relógio que marcava sete e quinze da manhã.

- Camila Cabello -

Acordei com vozes falando em sussurros e reconheci que era Enzo e Miguel.

- Não papai.- O que será que eles estão falando.

- Você não quer?

- Eu tenho medo...- Tá, não to entendendo nada. - Vai que ele quebra quando eu segurar. - Ata... Ele está falando do irmãozinho.

- Senta na poltrona que eu seguro com você tudo bem?

- Ta papai. - Ele correu até a poltrona que estava ali e se sentou. Enzo pegou o bebê e foi até Miguel.

- Prontinho. Tá vendo como não é difícil. - Miguel sorriu pro irmão.

- Papai ele tem os olhos igual o meu...só que o meu as vezes fica azul.

- É porquê os olhos da sua mãe Megan eram azuis pequeno. - Quando Enzo falava de Megan eu não sentia ciúmes mesmo ela não estando viva já que ela foi muito importante pra ele.

- Eu queria tê-la conhecido, mais ela mandou a mamãe Mila no lugar dela pra cuidar de nós dois e agora do meu irmãozinho. - Eu sorri. eles ainda não tinha notado que eu estava acordada. - Papai eu vi uma foto da mamãe Megan na suas coisas quando nós nos mudamos. - Enzo suspirou, eu não tinha visto ainda quem era Megan.

- Sim Mig eu tenho algumas fotos da sua mãe Megan, ela foi e sempre vai ser muito importante pra mim assim como a mamãe Mila sempre foi importante. - ele beijou a testa de Miguel.

- Eu queria ir onde ela está. - Ele sussurrou e abaixou a cabeça. - Eu queria ver onde ela foi enterrada papai. - Para um menino de cinco anos Miguel é super inteligente, e isso vem do pai.

- Ela foi enterrada em Paris... O que acha de irmos lá assim que sua mamãe estiver bem e esse pequenininho estiver maiorzinho?

- Nós podemos? - Eu vi seus olhos brilharem.

- Sim meu amor, mais nós teremos que falar com a mamãe tudo bem?

- Assim que eu estiver melhor eu gostaria de ir...- Me pronunciei e eles me olharam.

- Você acordou amor. - se levantou com Miguel e o nosso filho e vieram até mim. - Como está se sentindo?

- Bem melhor...- olhei Miguel. - Sobe aqui com a mamãe meu amor. - Ele subiu e eu o enchi de beijos. - Feliz aniversário meu docinho.- Ele soltou uma gargalhada tão gostosa de se ouvir.

- Obrigado mamãe.- Sorri e o abracei.

- Desculpe não preparar uma festinha de aniversário pra você...- Eu queria ter preparado algo pra ele mais o irmão dele quis vim logo.

- Eu to feliz assim, mesmo sem festa mamãe...- A porta foi aberta e de lá apareceu todos os meus amigos e familiares com um bolo gigante que era segurado por Dinah e Vero e os outros estavam com balões e presentes na mão.

- FELIZ ANIVERSÁRIO MIG! - Falaram todos juntos, e eu olhei para Miguel que estava com um sorriso lindo no rosto.

- Eu preparei isso já que vocês não poderia sair e muito menos depois fazer uma festinha pra ele. - sussurrou em meu ouvido e beijo minha bochecha.

- Obrigado tios e tias e vovôs e vovós e mamãe e papai e maninho e....faltou mais alguém? - Olhou em volta e Rimos dele. Mais logo as risas foram interrompidas por um choro.

- Olha só quem acordou... Opalmitinho. - Ela foi até o berço que ele estava. - Awn ele tem os olhos verdes amor.- Olhou para Lucy que correu até o berço.

- Ai Mila ele é tão lindo.- Olhou pra vero. - Vamos ter um amor?

- Oque? - Ela arregalou os olhos e nos rimos dela.

- Sai daí! - Empurrou Vero e foi ver o pequeno. - Awn olha ele Mani é a coisa mais fofa e chorona que eu ja vi. - O bebê chorou mais ainda e então Enzo foi pega-lo.

- Amor eu acho que ele está com fome. - Veio até mim e me deu. Vi que todos estavam me olhando e corei.

- Vai Mila eu quero ver você metendo essa tua teta na boca do branquelinho. - Olhei indignada pra ela.

- Não liga não Mila. - Mani estava com a pequena Lauren no colo.

- Como está hija? - Mamãe veio até mim e me deu um beijo na testa e meu pai fez o mesmo.

- Estou bem mama. Cadê Sofi? - Até agora não vi e nem Taylor.

- Cadê a Tay mamãe? - Enzo perguntou à Clara.

- Ela foi no banheiro filho.

- Sofi falou que iria na lanchonete tomar algo. - Mamãe deu de ombros mais logo as duas entraram juntas no quarto completamente coras.

- Oi gente...- Sofia falou desviando o olhar pra algo na parede.

- Oi...- Taylor acenou. Essas duas estão escondendo algo.

- Onde estavam? - Enzo me olhou e depois pra duas.

- Eu no banheiro...- Taylor gaguejou e olhou para Sofi.

- Eu na lanchonete...

- Sei...- Enzo arqueou a sobrancelha.

- Então cadê o pequeno? - Tay mudou de assunto e veio até mim. - Qual o nome dele?

- Verdade Cha, vocês não falaram qual é o nome dele. - Olhei pra Enzo, ele que tinha escolhido o nome do pequeno.

- Família esse é o pequeno Anthony Cabello Jauregui. - Ele falou orgulhoso e sorrimos.

- Que nome lindo. - Keana sorriu e depois de todos ficarem um pouco com Antôny nós voltamos a comemorar o aniversário de Miguel e a chegada do novo membro da família.


Notas Finais


Até amanhã seus safados


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...