História Because the night belong to love. - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~ParkByun12

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Baekhyun, Chanbaek, Chanyeol, Férias, Havaí
Exibições 317
Palavras 3.576
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie meus amores <3

Sei que vocês devem está estranhando eu está postando uma nova fic, sendo que tenho duas pra terminar huehue.
Mas bem, essa ideia surgiu já a um tempinho e então eu e a ~ParkByun12 resolvemos fazer essa OS, que sinceramente esperamos que gostem :3

Enfim... Boa leitura ~


Obs: quero agradecer a ~Tiavivi pela capa maravilinda <3 e a ~Yumi_Akane por ter betado <3

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Because the night belong to love. - Capítulo 1 - Capítulo Único

Estavam todos muito ansiosos para a viagem de cinco dias que passariam no Havaí, poderiam descansar um pouco depois dos dias que tiveram de trabalhar mais que o necessário por conta dos shows que estavam promovendo. Mas em especial, haviam dois jovens garotos que esperavam por isso muito mais que os outros dos grupos.

ChanYeol e BaekHyun desde que souberam da viagem ficaram imaginando e planejando tudo o que fariam para se divertirem - já que eles eram os mais bagunceiros do grupo.
Após o encerramento das promoções, os meninos foram para seus dormitórios e arrumaram suas malas - sendo a do casal "ChanBaek" como algumas fãs falavam, já estando prontas desde o dia que ficaram sabendo do passeio.

Todos foram dormir quando terminaram de verificar se tinha colocado tudo nas malas, por terem medo de ter esquecido algo que fossem chegar a precisar.
Acordaram no dia seguinte, animados - principalmente BaekHyun e ChanYeol -, onde trocaram de roupas após fazerem sua higiene e pegaram suas malas, indo despedir-se dos quatro que não iriam à viagem - Chen, Lay, Kai e KyungSoo, este último que na opinião do Byun, não iria, pois queria ficar cuidando de Jongin e por isso inventou a desculpa do musical. Deram abraços aos quatros e saíram do dormitório, indo para os carros que já estavam à espera dos mesmos.

Haviam acabado de chegar ao aeroporto e várias fãs já o aguardavam, nem bem saíram do veículo e já foram recebidos com vários flashes em seus rostos, BaekHyun até mesmo se assustou.
Por mais que os managers pedissem para que ele e ChanYeol não andassem muitos juntos ou que pelo menos parassem de usar acessórios parecidos - o que levava as shippers à loucura -, era quase como uma missão impossível para ambos. Principalmente para o maior, que já estava cheio de ciúmes por causa da aproximação do outro com os atores do drama que estará participando, Chanyeol gostava de demonstrar que o Byun era seu e somente seu.

O mais alto segurava as passagens dos dois e Baekhyun ainda não tinha visto onde eram as poltronas onde sentariam juntos, cutucou de forma discreta a cintura de Chanyeol.

- Chanyeol-ah, onde são os nossos lugares? - perguntou enquanto aumentava os passos para chegar mais perto do mesmo, que começava a andar mais rápido do que suas curtas pernas permitam. Com certeza algumas fãs que estavam perto ouviram, pois Baekhyun teve que falar um pouco alto demais para que o outro pudesse o escutar melhor.

Todos os grupos da SM que iriam nessa viagem embarcaram no avião depois de cumprimentar algumas fãs que estavam no aeroporto e de fazer o check-in.
Chanyeol e Baekhyun sentaram em seus acentos, - sendo Byun próximo à janela -. Os dois sorriram um para o outro, como duas crianças que estavam planejando algo, o que no caso deles era se divertir o máximo que conseguir - ou até cansar -.

-Animado? - Perguntou o Park enquanto se acomodava mais em sua poltrona e fechava os olhos para descansar nas horas que passariam dentro daquele avião.

-Com certeza. - Baekhyun murmurou baixo imitando o gesto do maior ao seu lado, e fechando os olhos, e não demorou muito para que pegassem no sono após um tempo.

(...)

Depois de horas no avião, - o que todos ou a maioria aproveitou dormindo -, os meninos desembarcaram e foram pegar suas malas, logo seguindo os seus managers para os carros que estavam à espera dos grupos.

Baekhyun adentrou no carro sentando ao lado do jovem Park que não lhe deu a mínima atenção e ficou o caminho todo até o hotel conversando com o Sehun, o que fez o menor entre eles suspirar baixo enquanto olhava pela janela tentando não se irritar com isso.
Saiu do carro ao finalmente chegarem ao hotel, onde passariam os cinco dias.

Byun pegou suas malas e ficou a espera de Chanyeol, mas desistiu ao ser novamente deixado de lado, - sendo agora, porque o maior preferiu ir caçar Pokémon -, o que o deixou chateado, já que odiava ser ignorado, principalmente pelo orelhudo.
Respirou fundo para não acabar se estressando e adentrou o hotel indo para seu quarto, que por azar - ou não -, iria dividir com o Chanyeol.

Havia pedido para alguém pegar suas malas e levar para o quarto, queria olhar o hotel onde ficariam. Estava com o chapéu do Chanyeol, esqueceu-se de pegar o seu dentro da mala e acabou ficando com o de seu "colega" de grupo.
Suas pernas começaram a se cansar e então decidiu que era hora de ir para o seu quarto, queria mandar uma mensagem para Chanyeol vir descansar antes da festa que ocorreria mais tarde, mas claro que ele poderia ignorar. Não se aguentou e acabou pegando seu celular do bolso e mandando uma mensagem para o mais novo.

Baekhyun: -Venha descansar Chan, você acha que a vida é caçar  pokémon?

Escreveu rápido enquanto continuava caminhando com destino a seu quarto. Até se assustou com seu celular vibrando, não estava tão surpreso assim, Chanyeol sempre o respondia rápido.

Chanyeol: -Por que você não vai comprar algo pra você?  Quando você terminar, você me manda uma mensagem e eu vou buscar você. aproveitamos e passamos em algum lugar para comer.

Baekhyun até teria ficado chateado com a mensagem, pelo fato do maior ter mudado de assunto, mas só de pensar em depois poder ir almoçar com ele e passar algumas horas a mais antes da festa, não evitou em sorrir, e apenas mandou uma mensagem escrevendo um simples “Okay, até mais tarde.

O menor apenas tomou um banho rápido e logo trocou de roupa. Arrumou seus fios que estavam um pouco rebeldes e pegou seu celular e a carteira, saindo do quarto, indo até algumas das lojas que haviam ali perto, mas antes avisando ao seu manager que por sorte encontrou no hall do hotel.

Olhou várias coisas em lojas diferenciadas, apenas comprando pequenas lembrancinhas, que a seu ver eram fofinhas. Depois olharia outras coisas com mais calma e poderia comprar, apenas queria ir almoçar logo já que estava com fome - o que não era tanta novidade.

Saiu da loja com o celular em mãos, pronto para mandar uma mensagem a Chanyeol para que fosse a algum lugar comer algo. Estava tão distraído que nem percebeu uma garota tirando algumas fotos suas atrás de uma árvore.

Baekhyun: -Onde você está? Eu estou com fome, vamos logo.

Passaram-se 10 segundos e seu celular já vibrava em suas mãos, sorriu com a mensagem e olhou para frente, encontrando o sorriso de seu coleguinha de grupo. Guardou seu celular no bolso e foi andando com um sorrisinho de lado até Chanyeol, que estava com o braço enfaixado por ser desastrado demais e ter caído encima de seu braço enquanto tentava ajeitar uma coisa no apartamento que dividiam juntos.

O caminho todo foram falando de algo aleatório, Chanyeol dava aquelas sua típica risada escandalosa quando Baekhyun fazia uma piada que não lá muito engraçada. No meio do caminho, encontraram Heechul e logo atrás Taeyeon vinha com uma expressão nada feliz no rosto.
Baekhyun tentou ao máximo não se importar muito com a expressão de sua ex –  se é que deveria a chamar assim - e apenas cumprimentou o Heechul, mas não demorando muito, pois logo sentiu a mão do Park puxando a sua e murmurando um baixo "vamos logo".

Despediu-se de Heechul e saiu ao lado de Chanyeol, indo para algum dos restaurantes que tinha ali por perto. Por mais que quisesse comer outro tipo de comida, optou apenas por um simples hambúrguer, já que os mesmos não poderiam se demorar, pois tinham uma festa para ir à noite e como sempre, o Byun passava séculos para se arrumar.

Ambos comiam com calma, sem notar que ao longe, algumas fãs tiravam fotos dos mesmos.
Riam às vezes das piadas do maior, que como de costume, falava besteiras para arrancar risadas do mais baixo. Após comerem, pagaram a conta e voltaram ao hotel que por sorte não ficava muito longe dali, e foram direto para o quarto em que estavam hospedados.

(...)

Todos estavam no lugar onde ocorreria a festa, já deveria passar das 10 da noite e ninguém tava ligando para o horário ali. Baekhyun estava todo de branco e ChanYeol todo de preto, por mais engraçado que fosse eles não combinaram aquilo, era como o anjo e o demônio. Ou o todo purinho e o gótico das trevas.

Quase todos estavam muito bêbados, até mesmo ChanYeol estava um pouco, mas não como MinSeok. BaekHyun subiu no palco, pegou o microfone e começou a falar "EXO!" e depois apontava o microfone para a "plateia" repetir.

Com uma garrafinha de água em mãos, o mais velho passava entre alguns de seus colegas de trabalho para chegar até onde ChanYeol estava com alguns staffs bêbados. Nem reparou que havia dois homens quase engolindo a cabeça um do outro na mesa ao lado.

- ChanYeol-ah! - gritou, na esperança que o mais alto ouvisse.

ChanYeol se virou quase de imediato ao ouvir a voz de seu adorado namorado, como ele estava um pouco distante de si, o puxou para mais perto e se afundou na curvatura do pescoço de Baekhyun. O outro sentiu um arrepio gostoso percorrer seu corpo ao sentir Chanyeol fungar em seu cangote.

- Vamos para o quarto Baekhyun-ssi? - depositou um demorado beijo no pescoço do outro, visualizou um tom meio avermelhado ao que deixou o pescoço. Gostava de marcar Baekhyun para saberem que o mesmo já estava com alguém.

Riu baixinho ao perceber como ChanYeol estava um pouco alterado por conta da bebida, o que era até engraçado de se ver, pois ele acabava sendo ainda mais desastrado do que o normal.

-Para o quarto? Mas já? Está cedo, Channie. Nem aproveitamos a festa ao máximo. -Falou sussurrando próximo à orelha do Park, que deu um pequeno sorriso de canto, deixando o jovem Byun ainda mais confuso.

-E quem disse que não vamos aproveitar? Nós iremos, e muito, Baek. Mas... Apenas nós dois, no nosso quarto. -Sorriu de forma maliciosa, deixando uma leve mordida discretamente no lóbulo da orelha do menor, que se arrepiou novamente fazendo ChanYeol rir.

Byun mordeu o lábio levemente, agora sim se dando conta de quais eram as intenções de seu namorado. E devia admitir, mesmo que para si mesmo, que estava morrendo de saudades de ter os toques do maior em sua pele, já que fazia algum tempo que os dois não tinham nada por estarem sempre cansados ultimamente. Sorriu passando a língua entre os lábios avermelhados, e se levantou segurando a mão do maior que não demorou muito em acompanhá-lo.

Os dois saíram discretamente, indo para seu quarto, enquanto trocavam sorrisos cúmplices um com o outro.

(...)

Entraram aos beijos dentro do quarto, Chanyeol segurava firme na cintura de Baekhyun enquanto ao mesmo tempo tentava abrir a porta. Não estava nenhum pouco a fim de soltar dos lábios de seu pequeno, mas não estava conseguindo de forma alguma abrir a porta daquele jeito que estavam.

Ouviu um resmungo descontente ao que desfez o beijo e riu baixinho do menor, rápido tratou de abrir a porta e puxar Baekhyun para dentro consigo.
Segurou firme nas nádegas de Baekhyun e o puxou para cima, fazendo com que o mesmo ficasse em seu colo.  O beijo já estava durando mais que o necessário, mas Chanyeol gostava de beijar Baekhyun, gostava do gosto que o menor possuía e que lhe deixava mais excitado do que com qualquer outra pessoa.

O jogou na cama, fazendo Baekhyun formar um bico nada feliz por ter sido jogado de forma tão bruta pelo namorado, mas logo sorriu ao que Chanyeol tirou sua blusa, deixando seu abdômen à mostra. Passou suas línguas pelos lábios, umedecendo-os para logo iniciar mais um longo beijo.

Chanyeol adentrava sua mão na blusa do menor abaixo de si, apertando as gordurinhas da cintura do BaekHyun, que soltava baixos arfares entre o beijo que trocavam.
Separa o beijo após deixar uma mordida no lábio inferior do Baek, descendo seus lábios ao pescoço do mesmo, que se arrepiava, enquanto soltava baixos murmúrios deleitosos.

BaekHyun, pendia sua cabeça pra o lado, dando mais liberdade para que o Park abusasse de seu pescoço como bem quisesse, enquanto puxava os fios de sua nuca, as vezes soltando gemidos baixos.

-C-channie... Vamos logo, e-eu preciso tanto de você - falou entre gemidos, vendo o sorriso malicioso que o maior deu, fazendo com que se arrepiasse dos pés a cabeça.

ChanYeol segurou na barra do moletom branco, o Byun levantou seu tronco possibilitando que o outro tirasse sua blusa com mais facilidade. O maior jogou a blusa para qualquer canto do quarto e voltou para o corpo do menor, beijando todo seu peitoral que ainda estava quase totalmente definido.
Os bicos rosados do peito de Baekhyun estava totalmente eriçados, e claro que Chanyeol estava louco para chupá-los e maltratá-los até que Baekhyun pedisse para parar. Mas Baekhyun não estava muito a fim de preliminares, queria partir logo para o 'vamos ver'.

- Eu sei que você me quer logo. - se aproximou do ouvido do menor e sussurrou rente a ele, sua voz estava ainda mais rouca e sexy para Baekhyun, do que o normal.

- Baekhyun, eu vou foder você e você vai implorar por mim.

O menor sabia como provocar Chanyeol, e se fosse para ter ainda mais prazer na cama. Faria.
- Eu duvido.

- Hmm, acho que terei que deixá-lo mancando novamente né?

Foi inevitável BaekHyun não se arrepiar e soltar um baixo arfar apenas em imaginar como ficaria no dia seguinte, o que com certeza todos iriam estranhar, mas eles não se importava.

Passou seus braços envolta do pescoço do maior,  puxando-o para mais perto e voltando a atacar seus lábios em um beijo afoito.
Chanyeol por sua vez, aproveitava da distração do Byun, e levava suas mãos até a calça do pequeno, onde a retirava junto com a boxe, sorrindo satisfeito entre o beijo ao ouvir BaekHyun soltar um baixo suspiro aliviado.

Separou o beijo com uma mordida no lábio inferior do menor abaixo de si e se afastou um pouco para poder retirar sua própria calça e a boxe, que estavam marcadas com o volume de seu membro.
BaekHyun mordeu os lábios ao ver o tamanho do membro do Park, e sorriu de canto se ajoelhando na cama e empurrando o maior levemente fazendo se deitar na cama.

-Eu estou apressado, mas nem por isso vou deixar você me foder sem ao menos um lubrificante.
Falou com um pequeno bico nos lábios, o que na visão de Chanyeol, deixava tudo ainda mais erótico.

Byun voltou a sorrir, se abaixando e ficando na altura do membro de Chanyeol, logo o  abocanhando de uma vez, começando com movimentos lentos enquanto olhava o maior que mordia o lábio soltando baixos suspiros.
 
Baekhyun chupava o membro de seu namorado com gosto, pois adorava ver a expressão de prazer que o Park fazia a cada chupada que dava. Sua língua passava por toda a extensão grossa de Chanyeol, deixou alguns selares na glande e logo o abrigou na sua boca novamente.

Chanyeol estava quase enlouquecido com o quão gostoso era a boca de Baekhyun, e o quão bom era ver sua cabeça subido e descendo. Seus olhares nada inocente fazia com que seu membro doesse mais e praticamente implorava para foder a bundinha de Baekhyun. Colocou sua mão direito nos cabelos de fios castanhos claro recentemente pitando, e tentou ditar o ritmo que queria. Indo mais fundo na boquinha de Baekhyun.

- Eu espero que esteja gostando tanto quanto eu... - sussurrou entre gemidos.

Baekhyun sentia o canto dos lábios começaram a arder, mas estava tão gostoso a forma bruta que Chanyeol o fazia chupar, que não conseguia parar. Depois de se sentir o suficiente lubrificado, Chanyeol saiu de dentro da boca de Baekhyun.

- Fique de quatro pra mim bebê - praticamente ordenou que Baekhyun fizesse, e sem pestanejar e nem nada, Baekhyun fez o que lhe foi pedido.

Ficou de quatro e empinou o quanto pôde sua bunda.
Chanyeol sorriu de canto mordendo seu lábio inferior ao ter a bela visão que era a bunda do Byun toda empinada para si, sentindo seu baixo ventre formigar em antecipação.

-Ah Baek, vou te fazer gritar tanto hoje, que os vizinhos do quarto ao lado vão escutar.
Riu baixinho se aproximando do menor ficando por trás dele, levando suas duas mãos a cintura di outro, enquanto roçava seu membro na entrada de BaekHyun, que suspirava baixinho em antecipação.

-Channie, vai logo, eu estou necessitado de ti. - falou manhoso sabendo que o maior não resistia.

E obedecendo ao pedido do menor, Chanyeol o penetrou de uma vez sem nenhum aviso prévio, fazendo BaekHyun gritar como prometido.

-A-aaahn Yeollie
O maior sorriu satisfeito com o grito de Baek, ficando parado por enquanto para que ele pudesse se acostumar com seu volume, mesmo que sua vontade era de o foder sem dó nem piedade, ele não queria o machucar no fim das contas.

BaekHyun mordia seus lábios contendo os baixos arfares, tentando se acostumar com o tamanho do membro de seu namorado, que pra sua felicidade -e a de Chanyeol-, não demorou muito e logo rebolou no membro dele dando sinal para que começasse com a diversão deles.

O maior soltou um baixo gemido quando sentiu Byun rebolar, voltando a segurar na cintura dele começando a se mover dentro do mesmo lentamente apenas para provocá-lo, rindo soprado com as reclamações do menor.

Já cansado de apenas o provocar, foi aumentando o ritmo de suas estocadas, indo fundo no interior de BaekHyun que gemia manhoso mordendo seus lábios.

-Geme... Geme pra mim, Baek. - pedia, enquanto puxava os fios castanhos do mais velho, mordendo seu próprio lábio quando o menor se empinou mais pra si.

-P-porra Baek.
  Segurou firme na cintura fina do outro e suas estocadas estavam ainda mais intensas, gostava do interior apertado que o outro tinha e da forma com o acolhia. Poderia soar engraçado isso, mas realmente Baekhyun era por inteiro perfeito.

Inclinou-se até que ficasse rente ao ouvido de seu namorado, mordeu o lóbulo da sua orelha e sorriu ao que sentiu os pelos do corpo de Baekhyun se eriçarem.

- Você é lindo. - sussurrou baixo, fazendo com que sua voz saísse ainda mais rouca que o habitual.

Segurou no queixo do menor e o fez virar a cabeça, beijando os lábios que tinham um gosto de Álcool e chiclete de menta.
Por mais que o tempo passasse, Chanyeol continuaria achando que o melhor beijo sempre seria o de Baekhyun. Que o melhor toque e o melhor sexo, sempre seria dele. Mesmo que um dia o outro cansasse de si e achasse algo melhor.

Chanyeol sabia que mesmo que queira, nunca conseguiria esquecer Baekhyun ou apaixonar-se por outra pessoa; porque já o tinha por inteiro. Não só de corpo, como também de alma.

BaekHyun se sentia completo, não porque o maior estava dentro de si, mas porque se sentia perfeitamente bem quando estava ao lado do Park.
Se antes sua vida era preto e branco, quando conheceu o mais novo sua vida passou a ser colorida e banhada de emoções que nunca tinha sentido antes por mais ninguém.

-Ahn Channie

Byun soltava gemidos baixos e manhosos quando sentiu que o maior acertou sua próstata, enquanto mordia seu lábio já podendo sentir o próprio gosto ferroso de sangue, que fazia questão em passar a língua por cima, dando um pequeno sorriso de canto olhando o maior por cima do ombro.
Por outro lado,

Chanyeol soltava arfares baixos, às vezes desferindo tapas nas nádegas de Baekhyun enquanto se deliciava com os gemidos finos do mesmo, que servia como uma bela melodia de uma música não enjoativa.
 
Os corpos foram ficando mais quentes e as estocadas ainda mais intensas. Chanyeol deu uma curta pausa e virou o corpo de Baekhyun para que pudesse apreciar a expressão de prazer que o pequeno fazia ao está quase chegando ao seu orgasmo.

- Goza para mim. - sussurrou ao que se aproximou do rosto do mais velho.

Fez uma expressão desgostosa ao que viu Baekhyun levar sua mão até seu membro, sendo assim dando um tapinha fraco na sua mão.

- Você sabe que não precisa disso, quero que faça sem ter que se tocar.

Baekhyun sorriu e assentiu, gostava quando Chanyeol fazia isso consigo, e como o maior tinha dito, não foi preciso mais que alguns movimentos e em pouco tempo BaekHyun se desfez entre seus abdomens, soltando um gemido manhoso quando sentiu o líquido do Park em seu interior.

Chanyeol se retirou de dentro do menor e se deitou ao seu lado o puxando para um abraço, acariciando os fios de cabelos de BaekHyun que tinha deitado a cabeça em seu peito.

-Isso... Com certeza... Foi uma das nossas melhores loucuras. - O maior falou após regular um pouco a sua respiração.

O jovem Byun apenas riu baixo enquanto fechava seus olhos apreciando daquelas carícias que tanto gostava.

-Com certeza... Afinal, a noite pertencente ao amor.

Não era preciso de muitas palavras carinhosas ou os vários "eu te amo" que casais costumam falar para BaekHyun e Chanyeol saberem que um amava o outro. Eles tinham uma relação sólida, onde gestos valiam muito mais que palavras.


Notas Finais


Hello ~ olha eu aqui de novo -q

E então, gostaram? Sei que o lemon não ficou tão bom, mas relevem um pouco, é nossa primeira vez escrevendo uma OS 🙈

Bem... Críticas e elogios são sempre bem vindos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...