História Behind Hazel Eyes - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias F(x), Girls' Generation, Mamamoo, Super Junior
Personagens Choi Siwon, Krystal Jung, Moonbyul, Solar, Taeyeon
Tags Hannibal, K-pop, Mamamoo, Moon & Sunrise, Moonbyul, Moonsun, Solar, The Silence Of The Lambs
Visualizações 213
Palavras 2.441
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yuri
Avisos: Canibalismo, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AAAAAAA~
BHE está de volta~!!

Primeiro capítulo é mais pra um prólogo, então deixei ele em 3ª pessoa pra ficar bem impessoal.
A partir do próximo devemos ter a Yongsun narrando algumas partes novamente >3<

Espero que gostem... e vamos q vamos nessa nova jornada -q

Capítulo 15 - Segunda Temporada - Capítulo 01


Era manhã, ela estava deitada com os olhos fechados enquanto seu grupo estava a caminho de uma emboscada que armaram para uma das maiores chefes de corrupção da Coreia do Sul com a ajuda de um informante. Enquanto a morena estava de olhos fechados, seus companheiros estavam conversando.

“Como ela consegue dormir numa hora dessas?” – um deles perguntou, e ela resolveu ficar em silêncio como se estivesse mesmo dormindo.

“Ela esteve acordada nas últimas três noites preparando para que tudo desse certo. Ela está descansando agora para reunir forças para mais tarde.” – Chorong respondeu, defendendo a morena que estava deitada. Elas se conheceram assim que ingressaram na polícia, de começo, não conversaram muito por serem tímidas demais para dar o primeiro passo. Yongsun entrou para as Forças Especiais depois de um ano. E alguns meses depois, Chorong também entrou. Com o tempo, ficaram próximas e perceberam como tinham coisas em comum.

 

_____

 

Cerca de 1h depois, chegaram a cede que montaram próxima do local onde a emboscada havia sido marcada.

“Yong, chegamos.” Chorong sacudiu a morena que abriu seus olhos, levantando vagarosamente enquanto bocejava.

“Ah, obrigada.” Yongsun respondeu e em seguida saiu do carro, indo até o porta-malas onde pegou algumas pastas e papéis.

A morena então adentrou o galpão onde tinham vários policiais de uniforme e disfarçados. Ela caminhou até uma mesa, jogou as pastas e em seguida abriu um mapa e falou:

“Certo, pessoal. Prestem atenção. Aqui está o mapa detalhado do local onde a emboscada foi planejada.” Antes dela continuar, é interrompida por uma das oficiais.

“Com licença. Eu sou a Oficial CL do distrito de Seul.”

“Sim, dá pra saber pelo seu distintivo.” Yongsun respondeu.

“EU estou no comando dessa missão.” Ela disse dando ênfase ao ‘eu’.

“Oficial CL, eu sou a Agente Especial Kim Yongsun. E para não começarmos com o pé errado, deixe-me explicar o porquê de estarmos aqui: Estamos aqui porque eu conheço Kim HyunAh, ou HyunA como as pessoas a conhecem melhor. Eu já consegui prendê-la duas vezes. Temos aqui forças especiais relacionadas a porte de arma, narcóticos e eu no comando da de tráfico de pessoas. E temos você aqui porque nosso prefeito quer que a polícia mostre serviço na área das drogas. Especialmente depois dele ter sido condenado por uso de cocaína. Com isso ele espera se redimir, e está usando você pra isso.”

“Você tem uma boca inteligente, moça.” CL disse interrompendo-a.

“Eu apreciaria se você me deixasse continuar, Oficial.” Yongsun respondeu mantendo seu tom de voz firme.

Algumas pessoas a volta sorriram ao ver que Yongsun tinha culhões para responder a Oficial CL daquela maneira, outras apenas ficaram em silêncio. CL ficou ereta e cruzou os braços se calando para que a morena continuasse sua explicação.

“Certo, deem uma olhada.” A morena apontou para uma parte do mapa e as pessoas em volta se aproximaram para ver.

“Tem o mercado de peixe próximo ao mar, do outro lado da rua, no térreo, está localizado o laboratório de metanfetamina.” Ela apontou para um ponto específico do mapa e olhou em volta para ter certeza que todos estavam acompanhando. Então ela abriu uma das pastas e retirou fotos e documentos sobre a HyunA.

“Tomem cuidado com a HyunA, o teste de H.I.V. dela deu positivo, ela vai cuspir e morder se for encurralada, então vocês devem tomar cuidado. E se um de vocês for a pessoa que a colocar no carro de patrulha, tomem cuidado na hora de abaixar a cabeça dela, pois certamente terá uma agulha em seu cabelo. Queremos pegá-la dentro do local, não nas ruas.” A morena fez uma pausa, olhando em volta novamente para ver se todos estavam prestando atenção, e então começou a falar sobre seu plano.

“Podemos nos aproximar usando uma van. Se não tivermos problemas, chegamos pela frente, a força tarefa de porte de armas cercam por trás, o pessoal da narcóticos dão reforço, vocês irão disfarçados. Ela certamente terá pessoas de olho por pelo menos três quarteirões, certamente ela saberá que tem algo estranho, mas vamos nos aproveitar do nosso número e o elemento surpresa do pessoal disfarçado.”

 

_____

 

Algumas horas depois, alguns dos policiais disfarçados chegaram ao mercado de peixe e começaram a se espalhar pelo local fingindo serem compradores. O grupo de Yongsun também foi pela linha de frente na van e começaram a se dividir.

Cerca de 30m depois, alguns carros chegaram com pessoas cheias de tatuagens e todas se dirigindo para o outro lado da rua. Um dos carros parou exatamente na frente de uma porta do edifício que ficava do o outro lado da rua. Uma mulher carregando algo em seus braços e escoltada por três homens armados.

“Droga, é ela!” Yongsun xinga ao ver a cena.

“Pessoal, ela está se preparando para sair do local.” A morena disse no rádio.

“Ela está carregando algo...” Ela disse no rádio novamente.

“DROGA! É um bebê! Esse local está muito lotado.” Ela xingou novamente, mas dessa vez falando no rádio.

“Há muitas pessoas aqui. Acho melhor cancelarmos a missão. O que vocês me dizem, Comandantes?” Ela disse se dirigindo aos comandantes das forças tarefas.

“Concordamos. Todos se retirem.” Disseram no rádio para suas respectivas unidades.

“Entendido.” Ambas unidades responderam aos seus capitães.

“Aqui é a CL. Mantenham sua mira no alvo.”

“EU MANDEI AS UNIDADES SE RETIRAREM!” Gritou um dos comandantes das forças tarefas.

“Tarde demais, estamos indo pra cima.” CL disse finalizando sua transmissão.

“CL! Eles mandaram se retirar. Então, SE RETIRE!” Yongsun disse no rádio enfatizando a parte do ‘se retirar’.

“Ela está carregando um bebê. Eu repito, ela está carregando um bebê. Todas as unidades se retirem.” Yongsun repetiu para todos no rádio novamente.

CL fingiu não ouvir a ordem e começou a se aproximar do alvo, sacando sua arma.

“Guarde já essa arma, CL!” Yongsun disse com um tom sério.

“CL! SUA FILHA DA PUTA!” Yongsun gritou quando viu os homens de HyunA sacando suas armas e mirando para o meio da multidão.

Sem ter mais o que fazer agora com o combate iminente, ela saca sua arma e grita:

“VÃO TODOS PRA CIMA!”

Começou o tiroteio entre a polícia e os criminosos. Vários homens armados começaram a sair do prédio. HyunA entrou no carro e seus homens tentaram tirá-la de lá o mais rápido possível, mas um dos carros dos policiais disfarçados a fechou por trás e o motorista de HyunA acelerou com tudo pra frente, atropelando várias pessoas e barracas.

Yongsun correu para tentar se posicionar e atirar contra o carro, ela conseguiu acertar o pneu, fazendo com que ele perdesse o controle. Enquanto isso a polícia estava ganhando no combate contra os criminosos.

A morena se aproximou do carro com Chorong protegendo sua retarguarda.

“PAREM DE ATIRAR!” Ela gritou para os homens dentro do carro que estavam feridos.

Os três homens saíram do carro preparados para atirar, então Yongsun e Chorong atiraram matando-os.

“HyunA, saia do carro!” Yongsun gritou.

“Querida Yongsun, é você?” HyunA perguntou.

“Se afaste do carro e me mostre suas mãos!” Yongsun gritou novamente.

HyunA saiu do carro a seu passo, sem se preocupar em seguir as instruções da morena.

“HyunA, por favor!” Yongsun gritou mais uma vez.

A chefe do crime novamente não seguiu suas intruções e apenas sorriu enquanto mudava seu bebê de posição.

“Mostre suas mãos!” A morena gritou com firmeza mais uma vez.

“Como anda você, querida?” HyunA a ignorou novamente.

“Não faça isso.” Yongsun disse.

“Fazer o quê?” HyunA perguntou tirando uma MAC-10 de suas costas e atirando em direção a Yongsun que pulou rolando para o lado direito esquivando dos primeiros disparos e mirou no peito de HyunA acertando-a sem atingir o bebê.

HyunA cai para trás segurando o bebê. Os policiais começam a cercar a cena, Yongsun foi baleada no torso, mas estava usando colete. A morena levantou se arrastando pela dor e foi até HyunA, tirou o bebê de seu colo que estava todo ensanguentado, e o pegou para ver se ele estava bem. Quando viu que ele estava apenas chorando pelo susto, começou a limpá-lo o máximo que pode. Quando foi chamar Chorong para ajudá-la, notou que sua parceira estava caída no chão e dois policiais tentando socorrê-la. Yongsun correu até ela com o bebê e viu que ela havia sido baleada.

 

_____

 

Naquela noite quando chegou em casa, a morena deitou no sofá e começou a chorar com todas as suas forças.

 

_____

 

Ela acordou na manhã seguinte, sem saber em que momento havia pegado no sono.

                Ela ligou a TV e o noticiário falava sobre a chacina que ocorreu no mercado de peixes.

“Amigos, família, companheiros de trabalho se reuniram essa manhã no cemitério de Seul para enterrar os Oficiais ShinHyuk, SeungJae, Chandon, SeoHyunk e a Agente Especial Chorong mortos em serviço na operação de ontem no mercado de peixes. Mais nove pessoas foram mortas também na operação de ontem, dentre civis e criminosos, e tiveram vários feridos no local. A polícia e forças especiais estão sendo questionadas por terem aberto fogo em um local com tantas pessoas ao invés de terem evitado o conflito. A Agente Especial Kim Yongsun estava na linha de frente de comando. Ela ficou famosa quatro anos atrás quando foi a pessoa quem “MoonByul – A Canibal” resolveu que daria informações, que levou ao resgate de Kang Seulgi, que é filha de nossa antiga presidenta. Entretanto, quando ela voltar ao serviço na próxima semana, ela certamente não será tal figura admirada. O advogado Oh Sehun, que está representando uma das famílias da chacina, disse que irá processar...”

Ela desligou a televisão e foi tomar um banho, pois certamente hoje o dia seria longo no trabalho.

 

_____

 

Chegando ao trabalho, ela foi chamada na sala de seu superior. Ela já sabia o que estava por vir. Certamente a corregedoria iria solicitar uma investigação sobre sua conduta na operação.

Assim que entrou, viu que tinham mais pessoas na sala e então seu superior, Kim DoHoon, começou a falar sem nem ao menos cumprimentá-la.

“Agente Kim, esse é Kim MinSeok – chefe da Força Tarefa de Porte de Armas; Do KyungSoo – Diretor Assistente; Park Chanyeol que você já conhece, que agora é Diretor do Escritório de Assuntos Internos; Kim JongIn – chefe dos narcóticos; Kris Wu – assistente do prefeito; e por último, Este é Kim JunMyeon, que veio da promotoria para os ajudar, de maneira não oficial, como um favor para nós. Em outras palavras, ele está mas não está aqui.”

Então devo assumir que vocês já viram o noticiário e os jornais?” Yongsun disse num to sarcástico.

“Eu não tive nada a ver com as notícias, senhorita Kim.” Disse JunMyeon fazendo uma pequena pausa antes de continuar. Ele conhecia Kim Yongsun da época que ela entrou oficialmente para a polícia. Como sempre lidava com os assuntos internos e ajudava a polícia com os problemas legais, ele acabou se aproximando de Yongsun com outros interesses, pois ficou encantado pela morena à primeira vista, mas Yongsun nunca aceitou suas investidas, então ele sempre tentava dificultar as coisas para ela, como uma forma de se vingar por ela nunca ter aceitado sair com ele.

“A mulher tinha um bebê em seus braços. Há fotos. Acho que você pode entender onde está o problema.” JunMyeon disse rebatendo o sarcasmo de Yongsun.

“Tecnicamente ela não estava segurando o bebê. Ela estava usando um canguru sling, então o bebê estava preso ao torso dela. E em uma das mãos ela estava segurando uma MAC-10.” A morena não se calou e respondeu novamente.

“Olha, estamos aqui para ajudar.” Kim MinSeok disse tentando acalmar os dois que já estavam prestes a começarem uma discussão. Os outros presentes na sala apenas observavam a troca de farpas entre os dois e mantinham silêncio.

“Vai ser um inferno se você continuar com essa sua atitude, senhorita Kim.” Chanyeol finalmente disse alguma coisa, tentando acalmar a morena.

Yongsun respirou fundo, tentando não perder a razão e falou:

“Posso falar livremente, Chefe DoHoon?” Seu chefe apenas balançou a cabeça confirmando e ela continuou, se dirigindo aos homens responsáveis pelas forças tarefas especiais.

“Sua agência ligou para este escritório pedindo que eu colaborasse com essa operação. Eu tentei fazer o meu melhor. Dei minha opinião que foi expressamente ignorada, e agora pociliciais e uma amiga agente está morta.” Ela suspirou ao terminar sua fala.

“Você atirou e matou 4 pessoas, Agente Kim. Você chama isso de ‘tentar o seu melhor’?” Kim JongIn diz com um tom sério.

DooHyun levanta ao receber uma mensagem no celular e pede que JunMyeon o acompanhe.

“Toda a operação foi uma bagunça. Eu acabei numa posição onde eu teria que atirar numa mulher carregando um bebê ou morreria. Eu escolhi. Eu atirei nela. Eu matei uma mãe segurando seu bebê. Eu me arrependo. Realmente me arrependo disso, mas–“

                “Com licença, cavalheiros. Vamos adiar essa reunião. Entratrei em contato com vocês individualmente por telefone mais tarde.” Kim DoHoon interrompeu Yongsun e ganhou olhares curiosos dos homens presentes na sala.

                “Mas que perda de tempo!” Do KyungSoo esbravejou ao ver que não chegaram ao lugar nenhum com a reunião.

                Ao verem que DoHoon não iria entrar em detalhes sobre o repentino fim da reunião, todos se levantaram e saíram da sala.

JunMyeon e DoHoon foram até Yongsun que ainda estava sentada na mesa.

“Parece que você tem uma nova admiradora secreta, Kim Yongsun.” Disse JunMyeon.

“Aparentemente, Koah WonB, uma das mulheres mais ricas da Coreia, tem informações sobre a Moonbyul e disse que irá compartilhar apenas com você.” DoHoon completou.

“Apenas comigo? Vocês querem a informação? Então devem dar seu jeito.” Yongsun respondeu de maneira irônica olhando para DoHoon e cruzando as penas.

“É melhor não fazermos dessa maneira.” JunMyeon disse enquanto encarava as pernas de Yongsun que estavam mais visíveis, devido a saia que usava.

“Eu não estava falando com você, senhor Kim JunMyeon. Quando eu for falar com você, olharei para você.” Yongsun respondeu friamente virando para direção de JunMyeon e vendo que ele estava fitando suas pernas.

“E por que é melhor não fazerem dessa maneira?” A morena voltou seu olhar para seu chefe.

“Porque a última vez que falamos com ela, foi quando tiramos a Moonbyul da lista dos dez mais procurados do país. Ela não gostou muito e não demos muita importância. Por algum motivo, ela parece ser uma daquelas fanáticas que é obcecada pela Moonbyul. Nunca entendi o interesse dela, mas se é algo que pode nos ajudar a colocar a Moonbyul novamente atrás das grades, acho que devemos tentar ver o que vai dar.” DoHoon explicou.

“Vou pensar.” Yongsun respondeu não aparentando muita emoção. E então levantou e caminhou até a saída.


Notas Finais


E galera que gosta do MAMAMOO ~ eu criei uma fanbase com umas amigas de MMM para traduzir vídeos/memos e manter umas notícias em dia - pq o MMMBR parou as atividades ;^; -
Então, se puderem, curtam lá (tem link do face tbm)
https://twitter.com/MOOMOOsBR

E ESTAMOS SORTEANDO 12 POLAROIDS DO MAMAMOO -q super fácil de participar!~
Dêem uma conferida!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...