História Behind The Play (HIATUS) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Gabriel Jesus
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Gabriel Jesus, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Sexo
Exibições 73
Palavras 1.003
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Esporte, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura! Obs: a foto da amanda

Capítulo 3 - Power


Fanfic / Fanfiction Behind The Play (HIATUS) - Capítulo 3 - Power



Você é o cara, mas eu tenho, eu tenho, eu tenho o poder. Você faz chover, mas eu vou fazer, vou fazer, vou fazer cair os céus. Você deveria saber, sou eu quem está no controle.
   
                           Power- Little Mix

    

                 São Paulo, Brasil.- 09:30 A.M
     


 P.V.O.S GABRIEL JESUS

Acordei com uma puta dor de cabeça, culpa de quem? De mim mesmo. Não tenho regrado minha alimentação, meus hábitos estão meio desorganizados, por conta das férias.

- Bom dia.- Normani falou irradiando aquele lugar que só tinha silêncio 

- Bom.- respondi 

-O que houve.- perguntou alisando meu ombro.- O que houve?

- Minha alimentação está péssima, totalmente desorganizada, minhas práticas físicas diminuiram. E antes de tudo, sexo não é atividade física 

- Calma, você não precisa ficar assim por causa da sua alimentação, você tem nutricionista, fisioterapeuta, professor sei lá. - falou. - Nao é motivo pra essa cara, e alimentação a gente resolve  

- Você só come porcaria Normani


- Eu sou saúdavel.


- É, cheia de refrigerante na geladeira de casa.


- Eu AMO refrigerante! serio ainda mais coca-cola, amooo demaiss!


- Cruz credo, isso é um veneno. Eu tenho que ser saudavel!


- Melhor que as saladas que você come


- Prefiro comer você.- falei malicioso


- Deixa pra comer mais tarde


- Isso é uma promessa?


- É!


- Chata!


- Não exagera. Mais trocando de assunto, eu acho que vou posar nua, para uma revista

- Como assim, posar nua?

- Não é nua, é um ensaio sensual, provocante, picante, só pra atiçar a imaginação masculina 

-Você vai atiçar é a minha raiva, se você posar nua. Você não vai 

-Como assim? Eu não vou? Quem é você, pra dizer o que eu faço ou deixo de fazer? 

-Sou alguém que pode acabar com a sua pose de "feminista" .- falei no ouvido dela 

- Não pense, não é tão simples assim


- E não


-É só eu pegar as pílulas que você usa. É fácil, fácil eu provar!



P.V.O.S NORMANI KORDEI HAMILTON
  

         ***Ligação ONN***


- Mani, vem quando pra cá?

- Talvez, mês que vem

- COMO ASSIM MÊS QUE VEM? NORMANI TEM O LANÇAMENTO DO CD, ENTREVISTAS, ABERTURA DA TURNÊ E TUDO MAIS, AMIGA ACORDA PRA VIDA, VOLTA PARA SUA VIDA!

- Dinah Jane Hansen, primeiro você não é minha mãe, segundo eu sei todos os compromissos da banda, terceiro eu estou no Brasil resolvendo algumas coisas 

- Você não ta resolvendo algumas
 " coisas", você está resolvendo" a coisa"

- Que coisa mulher?

-Problema chamado Gabriel Jesus, jogador do Palmeiras, bonito, gostoso, rico, brasileiro

- Meu homem, tira o olho Jane

- Pode deixar Hamilton 

- Amiga preciso ir, mês que vem estou ai! Te amo 

- Te amo!

          *** Ligação off***


              Flashback onn

 - Dinah, será que o Ney está mesmo namorando essa menina? - questionei 

- Se está eu não sei. Só sei que você podia pedir o nosso amigo pra desenrolar né, tipo.- Dinah respondeu 

- Caraca mano, Dinah não desiste!.- Camilla dizia rindo 

- Eu também não desistiria do crush fácil assim!.- rebateu Lauren 

- Vocês tem que preocurar uma igreja, se consertar, ai depois vocês falam 
disso!.- Ally se manifestou


- Falou a santa! .- respondi 


- MAIS EU SOU!


- A mais santa sou eu, não tem jeito!.- Lauren falou


- Como vai as transas, Mani?


- A mesma coisa maravilhosa!


- Sangue de Jesus tem poder, ta reeprendido!


-Iaia

               Flashback off:


- Te amo. - Gabriel falou imitando minha voz 

-Eu sei disso!.- falei convencida 

-Vai viajar mês que vem Normani? Porque não me disse?

- Tenho que dizer tudo agora?

- Me deve no mínimo uma satisfação não acha?

-Não. 

-Pois bem, vou mandar as suas amigas te aturar, ouvir você cantando, me batendo, me arranhando e tudo mais. Vou mandar elas conviverem 2 segundos com você. Garanto que elas vão amar!

- Deixa de ser dramático, pelo amor de Deus. 

- Eu não sou dramatico, você que é calmo demais! 

- Voltando aqui, vai mesmo voltar mês que vem?

-Sim, tem o lançamento do CD, abertura da turnê, entrevistas, clipes. Enfim terei que voltar

-Mais você volta quando depois desses trecos?

- Talvez ano que vem.

-Só ano que vem? Meu Deus 

-Sim, infelizmente 

- Vou lá pra fora tomar café, vai vir comigo?.- questionei 

-Vai lá, depois eu vou.

Calçei o chinelo, soltei os cachos do cabelo e desci até a sala. Estavam lá a mãe, padrasto, e família de Gabriel que é imensa por sinal. 

-Bom dia gente. -Falei sentando no sofá 

-Bom dia.- respondeu Guillerme, irmão de Gabriel 

-Dormiu bem? .- perguntou a mãe do Gabriel, ela é muito simpática 

-Sim.- respondi 

-Normani é difícil aturar o Gabis né? .- perguntou Gustavo 

-Não, ele é normal .- falei e todos riram 

-Ele não é chato nenhuma vez?

-As vezes.

-Normani, depois posso conversar com você?.- perguntou dona 

-Pode, sim. - assenti, eu estava morrendo de medo 

- Como é ser cantora Mani?.- Gabriella, irmã mais nova de Gabriel perguntou 

- É meio difícil por conta da fama, os reporters, foto enfim, é meio complicado, ainda mais ser cantora de girlband, é super complicado!

- Ahm sim! 

                      [***]  


- E a vida de piranha como vai feminista?.- perguntou Amanda prima mais velha de Gabriel

- Vida de piranha? .-questionei ao ver que não havia ninguem na mesa e me deixando no ambiente com aquele ser 

- Ué falei alguma mentira? Maria chuteira, vagabunda, oferecida e etc. ..quer mesmo que eu descreva?

-Eu não sou você!

-Não queira ser mesmo não!  

-O que está acontecendo aqui?.- Gabriel questionou ao entrar no ambiente 

- Nada, é só uma conversa de mulher.- falou cínica 

- Ahm, sim. - assentiu o mesmo 

-Primo, posso pegar seu carro pra dar uma saída? 

- Ja é, pega lá.- respondeu e eu revirei os olhos


- Eu odeio essa garota.- falei 


-Amanda é tão boa pessoa. - falou colocando café no copo 


- Ahhhhh, vai ficar defendendo ela?. - questionei irritada


- Eu não to defendendo ninguém.- falou 


-Não, imagina. É seu espirito que está! .- debochei 


-Deve ser né. -continuou


-Quero voltar pros Estados Unidos!


- Vai voltar se eu quiser!


- Caralho, você é chato em!


- Amanhã, quero ir a praia!


-Vai com Deus, aproveita e leva sua pra junto!


- Ciúmes Mani?


- Ahhh garoto, me poupe!



Notas Finais


Continua?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...