História Behind the scenes (Larry e Niziam - ABO) - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Abo, Amor, Harry Alfa, Harry Tops, Infantilismo, Larry, Liam Alfa, Louis Bottom, Louis Ômega, Mpreg, Niall Ômega, Niziam, Submisso, Universo Alternativo, Zayn Alfa
Visualizações 672
Palavras 3.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Me perdoem a demora meus amores, eu sei que estou em divida com vocês, mas eu estou um pouco desanimada de fanfics; Rpg's e acabei sumindo de tudo nos ultimos dias.. mas estou de volta com capitulo novinha e bem legal pra vocês!!
Espero que Gostem xx

Capítulo 37 - Matthew


Fanfic / Fanfiction Behind the scenes (Larry e Niziam - ABO) - Capítulo 37 - Matthew

 

 

POV NIALL 

A melhor coisa da vida é sonhar com a pessoa que você ama, a segunda melhor é ver que o sonho é realidade, acordar sentindo beijos e caricias pelo corpo dos seus alfas é a melhor sensação do mundo.

- vocês vão acabar me matando assim - sussurrei baixo antes de gemer manhoso com os beijos depositados em minha barriga

- Nossa anjinho acordou Ze..

- acho que ele já acordou animado Leeyum olha isso aqui - senti as mãos de Zayn descendo pelo meu corpo e chegar na minha ereção descoberta, tinha dormido pelado pela noite anterior, confesso ainda estar dolorido, mas nunca é demais ter meus dois alfas dentro de mim ao mesmo tempo.

- vocês acabaram comigo ontem, e me acordam assim hoje, o que esperam de mim?

Sussurrei novamente ainda com os olhos fechados e logo depois sinto os lábios necessitado de Liam em minha boca, o beijei de volta segurando seu cabelo enquanto sentia Zayn distribuir beijos e mordidas pelas minhas coxas.

Liam desceu os lábios para meu maxilar e logo depois meu pescoço.

Gemi alto quando a língua de Zayn começou a brincar em minha entrada e sua mão descia e subia devagar em meu membro.

- Zayne, não judia - falei em meio aos gemidos.

Ele apenas riu e voltou a sugar e beijar minha entrada, abri os olhos procurando por Liam e o vi ficar de joelhos me olhando.

- Vem cá baby, chupa seu daddy bem gostoso.

- A boca do Zayn é melhor daddy..

- é? deixa eu testar então vem aqui.

sorri provocativo e peguei seu membro o masturbando, Liam jogou a cabeça pra trás gemendo baixinho e chupei a cabecinha.

- Poem tudo na boca meu amor.

Fiz o que ele mandou e logo sinto suas mãos apertando meus cabelos e começando a estocar em minha boca, gritei quando senti algo maior em minha entrada e logo Zayn me penetrava rapidamente

- ooh .. me-meu Deus.

Liam se afastou ficando atras de Zayn que jogou o corpo por cima do meu me beijando, passei os braços pelo seu pescoço arranhando suas costas e puxando os cabelos do moreno que mordeu minha marca no pescoço, me fazendo gritar pela sensação.

Liam estocava um dedo em Zayn que começou a rebolar rapidamente

- Zayne, mais forte a-alfa

Assim ele fez, voltou a me estocar com força, meus olhos rolando de prazer

- po-porra Liam

- shiix, sem xingar Zayn.

- o-oh De-deus. - Zayn gemeu em meu ouvido arfando e eu abri os olhos Liam tinha dois dedos na entrada de Zayn estocando rapidamente, gemi pela visão.

- eu não vou te foder hoje Zayn, mais vou te dar um belo orgasmo apenas com meus dedos. - o alfa maior falou me deixando curioso. - ter anos de convivência com você me deram algumas armas, volte a foder nosso omega, quando estiver perto me avise.

Zayn fez o que foi mandado voltando a me penetrar com força e rapidez.

-A-alfaaaaa

- o que houve amor?

- tão bomm. hmm.. o-oh deus..

- eu te amo baby, te amo - Zayn sussurrou arfando em meu ouvido e não consegui responde-lo, Zayn estocou com força, gritei gozando e escutei a voz do moreno

- to perto daddy -Zayn avisou

- hm, sabe o que acontece se eu penetrar você e levantar meus dedos meu amor?

- na-nãoo fa-az . - Zayn gemeu ainda me estocando e eu arfei, a sensação de gozar e ainda ser fodido era demais, olhei pro moreno que abriu os olhos arregalados.

- Po-porraaaa LIAAAAM

- Calma amor. - o mais velho falou tranquilo. - aqui é seu ponto baby, se eu continuar pressionando você vai esvaziar tudinho dentro no nosso omega, goza pra mim baby

Zayn enterrou a cabeça em meu pescoço me mordendo e eu gritei gozando novamente ao mesmo tempo que o moreno, sentia o liquido de Zayn em mim e não parecia acabar nunca

- LI-LIIIII PA-PARAAA. POR-PORRAAA.

- não , eu quero tudo Zayn, me dê tudo.

- e-eu .. eu quero .. o-ohhh

- você já esta gozando amor, se concentra em Niall. - senti algo molhar meu pescoço e logo percebi ele estava chorando.

Ele concordou, a cabeça ainda em meu pescoço e voltou a se mexer devagar, seus olhos fechados com força e lagrimas caindo aos poucos, sua expressão era de dor e isso me preocupou.

- Leeyum.. - sussurrei.

- não amor, não se preocupe, hm? sei o que estou fazendo e ele também.

puxei o cabelo de Zayn o forçando a me olhar e o beijei..

- eu também te amo alfa. - sussurrei com nossos lábios encostados sentia Zayn estocando devagar enquanto ainda gozando em mim, ele gemeu fraco sorrindo dolorido e depois caiu sobre mim.

nossas respirações estavam irreguladas esperei um tempo e beijei seu pescoço, ele rolou saindo de mim e suspirou

- Porra Leeyum - falou fraco

- eu to vazando muito - sussurrei e Liam riu

- você mereceu Zayn, e sabe disso muito bem. - Liam falou dando um tapa na coxa do moreno e depois me deu um selinho.

- Bom dia anjinho

- o que foi isso ?

- Quando eu faço o que fiz, todo gozo acumulado jorra, só que ele não tem o prazer que se tem normalmente quando se goza, ele fica com a sensação de ainda precisar chegar no clímax. isso foi um castigo, eu falei que ia te fazer gozar, só não falei se ia ser bom.

- eu odeio quando você faz isso. Dói Liam, e eu preciso gozar - choramingou se masturbando

- mas você mereceu baby. E você já gozou não tem mais nada ai dentro - falou sorrindo, se jogou em meus braços puxando o moreno junto.- para com isso vai se machucar, sabe disso Zayn - deu um esporro básico no moreno que enterrou a cabeça no meu Pescoço .

- porque? - perguntei sem entender

- ele acordou comigo o penetrando com dedo. - falou o moreno emburrado e eu ri - não ria, isso é horrível

- você mereceu - falei junto com Liam e os três rimos.

- vamos tomar um banho, temos horário pra chegar ao orfanato.

- Não consigo levantar li - Zayn gemeu

- vem cá amor - o maior falou rindo depois de levantar e o pegou no colo

- não sinto minhas pernas. - choramingou me fazendo rir e levantei indo atras deles.

Liguei a banheira colocando uns sais de banho e em seguida entramos na água quentinha.

- Alfa?

- sim anjinho.

- você ... sabe.. érh.. go-gozou? - ele riu me puxando pros seus braços e beijou meus cabelos.

- Ver vocês juntos com aquela interação toda não tinha como não gozar amor, não se preocupe.

|x|

Chegamos no orfanato sendo  recebidos pela Senhora Judith, ela nos cumprimentou e nos encaminhou para uma sala, respondemos algumas coisas enquanto ela verificava toda a papelada .

- Essa é a terceira visita de vocês?

- isso..

-Ok, bom, como chegaram cedo hoje, vão poder ver melhor todo nosso orfanato e aproveitar melhor a visita. Vou levá-los onde as crianças estão agora de manhã e deixá-los sozinhos .

Concordamos nos levantando e logo depois a seguimos para um espaço grande onde tinha crianças de várias idades correndo e brincando.

Olhei para Zayn e ele sorria, seus olhos brilhavam, olhei pra Liam e ele me encarou sorrindo também, assenti com a cabeça lendo seus pensamentos.

Estava indo tudo perfeitamente bem e logo logo iríamos ser pais.

Tinha vários brinquedos, nos afastamos caminhando, olhava os pequenos brincando, alguns no escorrega, outros apenas correndo, fui mais para trás do grande quintal e vi um pequenino se balançando sozinho, ele não me parecia muito animado então decidi me aproximar .

- oi - falei quando cheguei perto dele. O menininho levantou a cabeça me olhando e voltou abaixa-la

-oi - sussurrou

- qual seu nome pequeno?

-Matthew, mas gosto de matt - continuou falando baixinho e me sentei no balanço do seu lado.

- porque está aqui sozinho? A propósito me chamo Niall, mas pode chamar de Ni - sorri simpático

- oi tio Ni . Matt não tem amiguinhos, ninguém gosta de brincar com Matt.

- porque você acha isso?

- tia jud diz que Matt tem muita força e não sabe contola. acabo fazendo dodói  em amiguinho.

- como um rapazinho desses pode ser tão forte?

- Matt sabe não. - ri e acariciei seus cabelos castanhos, ele parecia muito o Zayn, e isso me assustou um pouco. Ele tinha a cor do cabelo de Liam, mas o topete e os olhos eram de Zayn.

- quantos anos você tem ?

- Matt acha que é isso - falou me olhando e fez um número 4 com os dedos.

- você é lindo sabia? Se parece muito com um dos meus maridos.

- tio tem malido?

- tenho dois - falei sorrindo e apontei pra Zayn - aquele ali Oh, é um deles - depois apontei pra Liam e sorri vendo o pequeno acompanhar com o olhar - e aquele é o Liam.

- ah sim.

- você é muito fofo. Quer brincar um pouco comigo?

- Tio pode balança Matt?

- claro amor - me levantei ficando atrás dele e comecei a empurra-lo

- masi alto! Alto tio!  - o pequeno falou rindo e eu ri também.

Depois de um tempo me cansei e parei vendo ele resmungar e gargalhei. Procurei os alfas pelo quintal e vi eles juntos num canto me olhando e sorri

- Tio Niall gostou muito de você amor, o que Matt acha de conhece meus maridos?

- Matt tem vergonha, mas Matt aceita, tia Jud diz que Matt é especial e tem que ser colajoso.

O olhei orgulhoso e sorri.

- você já é corajoso pequeno. Vem aqui. - o peguei no colo e ele deu um gritinho.

- Matt é gande Tio. Podi anda.

Gargalhei e beijei o topo de sua cabeça o colocando no chão . Dei as mãos a ele e fui em direção aos alfas.

- Oi - falei sorrindo pros meninos.

- Oi amor - falaram juntos e depois olharam pro pequeno. - e quem é esse?   - Zayn falou se abaixando e Liam fez o mesmo.

- esse é o Matthew, Matt esse é Zayn e esse é Liam, são meus maridos.

-Oi titios . - falou doce e sorriu envergonhado.

Liam me olhou sorrindo e assentiu com a cabeça.

- Quantos anos você tem pequeno ? - perguntou e Matthew o olhou fazendo o número 4 com as mãozinhas .

- o que acha de brincarmos todos juntos? - perguntei

- Matt não que faze dodói tio Ni. - falou baixo e eu sorri o puxando para um abraço.

- não se preocupe meu anjo, você não vai nos machucar ok? Você sabia que eles dois são alfas e também são bem fortes?

O menino olhou pra Liam e depois pra Zayn os analisando e os nós três sorrimos .

Ele me olhou questionador e sussurrou no meu ouvido

-tio Ze não palece forte.- gargalhei e Zayn riu junto.

- não pareço forte é ? - falou brincando, sorriu pegando o menino de surpresa e fazendo aviãozinho, no início o pequeno se assustou mais depois começou a gargalhar .

Passamos o início da tarde brincado, quando as crianças foram chamadas para almoçar Matthew pediu para ficarmos com ele, ele não gostava de ficar sozinho, disse que estava feliz brincando conosco .

Zayn estava todo bobo e não parava de Sorrir, o menino se deu muito bem com os dois alfas e toda hora dava um jeito de brincar comigo, de fato Matthew é bem forte, mas algo nele o fazia se controlar quando brincava comigo, era como se ele sentisse que dos 4 eu era o mais fraco. Mas esses fatos só me faziam sorrir ainda mais e o adora-lo a cada segundo.

Depois de um tempo dona Judith chegou até nós sorrindo.

- vejo que se divertiram muito hein?

- sim, Matthew é incrível.  - falei arfando tínhamos acabado de apostar corrida e estava exausto.

- Ele tem uma história bem forte de vida. Mas é uma criança adorável, difícil de socializar. Mas é bonzinho.

Me afastei um pouco junto a senhora para conversarmos.

- quanto tempo ele está aqui?

- Matthew chegou com quase dois anos aqui, ele veio de uma família de Ômegas, seu pai e sua mãe eram ômegas, difícil, porém não impossível- ela sorriu - mas, quando nasceu, sempre demonstrou ser muito forte e acabou mesmo que inconscientemente machucando a mãe, e o pai por não poder controla-lo,  o colocava em castigos pesados. O menino não entendida e o motivo é bem óbvio, quando desistiram de criá-lo o deixaram aqui alegando que não queriam um 'monstrinho' em casa . Foi difícil, até hoje ele tem alguns pesadelos, mas acredito que esta melhorando com o tempo.

- nossa.. Não acredito que tiveram uma coragem dessas, ele é incrível!

- É sim.. - falou doce

- como nunca o vi por aqui?

- Matthew não costuma descer do quarto, ele já viu vários amigos de quarto sendo adotado, chegou a ser uma vez, mas foi devolvido, ninguém aceitava um menino dessa idade ser mais forte que os pais. Mas hoje é dia de faxina, ele tem alergia a poeira e a alguns produtos de limpeza então sempre o peço para descer um pouco para não ficar doente.

- Que horror - falei sentindo meus olhos marejarem. - isso não é motivo para rejeita-lo.

- eu sei - olhei pra ela e ela sorria compreensiva . - acho que seus alfas se decidiram não é ? - falou voltando a olhar para os três que brincavam juntos ainda.

- sim.. Matthew é incrível e ele foi feito pra nos.

- eu nunca vi dois alfas se darem tão bem .

- eles são incríveis, Zayn e Liam são perfeitos, eles têm uma sincronia inacreditável. Um completa o outro

- E você?

-acho que cheguei para somar. Começamos a nos dar bem rápido demais, não tinha como ter sido melhor.

- que bom. Fico feliz com isso. Só pensem com cuidado antes de deixarem o menino com esperanças, eu não sei se ele aguentaria outra devolução.

- Nós nunca faríamos isso. Pode acreditar, essa semana é o rut de Liam, vai demorar para voltarmos, mas quando viermos vamos acertar tudo, tenho certeza.

-NIALL! - Liam nos olhou sorrindo me chamando

-vai lá. Aproveita esse tempo juntos para tomarem suas decisões e seja ela qual for, sejam felizes 

- Obrigado. - falei sincero e fui atrás de Liam e Zayn junto com Matthew

- e aí meus amores?

- sabe o que ficamos sabendo aqui? - Zayn falou sorrindo

- o que ?

- acho que encontramos um mini Niall.. - os olhei sem entender e o pequeno se escondia nos braços de Liam envergonhado - Esse menino além de forte come de tudo! - Liam falou rindo e eu sorri.

Olhei pros meus alfas confirmado o que eu precisava saber e eles assentiram.

- Vem aqui pequeno. - chamei sentado no chão e ele veio correndo se jogando nos meus braços,acabei caindo pra trás com a força e engasguei . Matt levantou depressa com os olhos arregalados

- tio. Tio . Deculpa.. Diculpa Matt - falou desesperado se afastando, respirei fundo retomando o ar e segurei seus braços devagar

- calma anjo, não foi nada ok? Não machucou. Ali Oh, tudo o que sinto eles sentem também - apontei pros alfas que sorriam - eles sabem que não doeu não é ?

- e sim.. Não se preocupa ok? Foi só o susto. - Liam falou

O menininho concordou e o puxei o abraçando, deixei ele sentado no meu colo olhei novamente pros alfa que sorriam.

- O que você acha de ter três papais Matt? - perguntei

- tresi? Matt pode te papa a mais?

- sim, o que acha de ir para casa conosco pequeno?  - escutei a voz de Zayn e sorri olhando pro mini castanho em meu colo de olhos âmbar .

- Matt não vai volta?

- não, Matt vai ter uma família, você quer ? - Liam o respondeu dessa vez e sorri.

-Matt que, mas Matt tem medo.

Sorri compreensivo e o fiz me olhar

- você gostou de brincar conosco? Gostou de me conhecer e conhecer eles? - ele assentiu baixando o olhar me fazendo sorrir novamente - você acredita em mim anjo?

- sim titio.

- então eu prometo pra você, que eu e eles nunca iremos deixar você passar por nada do que já passou novamente ok ? Nós vamos cuidar de você, protegê-lo e dar muito amor, nós temos um menininho bem especial também que sempre vamos vê-lo, ele é filho de um amigo nosso, eu aposto que vocês vão se dar muito bem.

- mas e se Matt machuca?

- esse amiguinho é bem especial Matt e eu tenho certeza que quando o conhecer vai saber ser carinhoso e cuidadoso com ele ok?

- Matt tem que ser fraquinho ?

- sim - sorri acariciando seus cabelos - mas vamos trabalhar isso com o tempo ok ?

- Matt pode chama Ni de momy?

Nós rimos

- você pode me chamar do que preferir amor,eles dois? Vai querer chamar como?

- Matt pode chama de papa - apontou pro Liam e depois apontou pro Zayn - de papai poque podi difelecia.

- eu aceito - Liam falou rindo da inteligencia do pequeno

- também aceito - Zayn falou sorrindo e acariciou as bochechas de Matt

- Matt quer ter dois papas e uma momy então. - concordou com a cabeça inocentemente.

- quer ir conosco então? - Zayn perguntou sorrindo se aproximando e me abraçou de lado, Liam me abraçou de outro e o pequeno sorriu concordando .

- Matt quer ter família. Matt 'gosta' muito de hoje.

Antes de irmos embora demos banho no pequeno e o colocamos para dormir, prometemos voltar explicamos que iríamos demorar por conta do rut, claro que não falamos o motivo, mas Matthew é bem esperto e eu tenho certeza que nos entendeu.

Sai do orfanato com coração na mão, eu queria levá-lo hoje conosco, sabia que não tinha como, então tentei me conformar.

A caminho de casa tudo se passava em meus pensamentos, o casamento, a decoração do quarto que iríamos fazer pra Matthew, as roupas, a escola, a reação de Noah com Matt.

-Ni? - fui puxado dos meus pensamentos pela voz de Zayn

-oi - sorri aéreo

-já chegamos anjo. Vamos. - Liam falou com a porta do carro aberta eu sorri me desculpando, desci depois de agradecê-lo pela porta aberta.

Tudo estava indo perfeitamente bem, a família realmente estava crescendo.


Notas Finais


comentem e compartilhem com os amiguinhos, sabado tem mais um capitulo s2s2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...