História Belo Desastre - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Exibições 9
Palavras 704
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Trying


Estava sentada na mesa da cozinha tomando meu café da manhã, foi então que ouvi a campainha tocar. Engoli uma colherada do meu cereal favorito e me levantei para atender a porta. Era a Kylie.

-Oi Ky. -Ela sorriu, me abraçou e logo em seguida entrou pela porta.

-Vai fazer o que amanhã à noite Hails? -Voltei a me sentar na mesa e bebi um gole do meu suco de laranja.

-Nada, porque? –Kylie se sentou na minha frente e sorriu.

-Vai ter uma festa que os garotos estão organizando, e pediram pra eu convidar minhas melhores amigas. –Ela pegou minha mão e demos uma risadinha.

-Quem vai? –Perguntei curiosa enquanto levava a louça até a pia.

-Nós e a Ken, Tyga claro. –Revirei os olhos. –Justin e Harry. –Deixei o copo cair com tudo na pia.

-Pera, três caras e três garotas? –Kylie sorriu. –De jeito nenhum, melhor você chamar a Jordyn ou a Stassie.

-Qual é Hails! Você precisa ir. A Kendall me contou que você gostou do Justin e eu estou te dando uma ajuda pra se aproximar dele. –Engoli em seco. Ás vezes odiava o fato dessas duas serem irmãs.

-Eu não posso Ky, sério. Ele terminou o namoro dele faz uma semana, eu não posso simplesmente chegar e tentar ter algo com ele. Eu não sou assim e você sabe disso. –Kylie abaixou a cabeça.

-Ok, eu chamo mais uma garota. –Sorri. Nos despedimos e Kylie foi embora. Subi até meu quarto e liguei a televisão. Estava passando uma entrevista do Justin ao vivo com o Ryan Seacrest e embora eu quisesse trocar de canal, quando ele sorriu eu simplesmente não consegui. Fiquei ali deitada por uma hora e meia assistindo aquela entrevista e quando Ryan perguntou sobre a Selena, senti meu corpo tremer. Justin estava com a mão no queixo.

-Eu e ela, bom... nós somos amigos agora, e eu a amo. Mas acho que vamos ser melhores juntos como amigos do que como namorado e namorada. –Justin sorriu de lado e Ryan concordou com a cabeça. Eu estava gritando por dentro. Ele realmente tinha terminado com ela, graças a Deus. Joguei minhas pernas pra cima e as balancei sem parar.

-O que aconteceu Hails? –Olhei para a porta e vi Kendall parada dando risada. Me sentei na cama incapaz de tirar meu sorriso do rosto.

-Nada, só estou feliz. –Ela se sentou ao meu lado.

-Tem algo a ver com aquele cara ali na televisão? –Olhei para a tv e vi que a entrevista com o Justin ainda estava passando então fiquei sem reação. Eu não conseguia dar uma dentro. Jesus. Kendall riu.

-Não, só estou feliz. –Sorri tentando parecer indiferente e ela se jogou na minha cama.

-Minha irmã já deve ter te contado sobre a festa de amanhã à noite, certo? –Concordei com a cabeça. –Então, com que roupa você pretende ir? Porque eu realmente não faço a mínima ideia do que vestir.

-Então somos duas, amiga. –Kendall riu.

-Você ficou sabendo que o Justin vai também, certo? –Tentei conter a emoção e concordei com a cabeça. –Bom, ele e a Selena acabaram de vez e acho que você devia tentar, sei lá, beijar ele ou coisa do tipo.

-Não! –Gritei e me levantei da cama. Eu queria mesmo fazer isso, mas não podia. Afinal, eu só tinha visto ele uma vez em toda a minha vida.

-Porque não? Vocês são solteiros e bonitos, o que te impede?

-Kendall, eu mal o conheço, não posso chegar e tentar beijar ele como se fosse a coisa mais natural do mundo! Nós nem sequer conversamos. Eu acho ele bonito, fim de papo. Não estou apaixonada por ele ou coisa do tipo, então você e a Kylie precisam parar de tentar bancar as cupidas pra cima de mim, porque eu e ele definitivamente não vai rolar. –Kendall revirou os olhos.

-Ok, desculpa. –Sorri. –Mas o Harry vai nessa festa e eu não sei o que fazer.

-Bom, você gosta dele? –Me deitei ao seu lado na cama e ela virou de frente pra mim.

-Acho que sim, mas todos falam que ele é gay. –Demos risada.

-Eu também acho que ele seja, Ken.

-Eu também! –Rimos mais ainda.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...