História Benjamin - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags A Terra Prometida, Benjamin, Iru, Isabella, Melina, Reinodeai, Romance
Exibições 25
Palavras 1.406
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente.

Eu sei que ainda não é dezembro mas vou postar o primeiro capítulo da segunda fase para deixar vocês com ansiedade
hahahahehehe.

ELENCO:
Chay Suede - Benjamin - Hebreu
Mel Fronckowiak– Isabella – Cananeia de Ai
Carla Diaz – Melina – Cananeia de Ai
Guilherme Boury – Iru - Hebreu
Karen Junqueira – Sarai – Cananeia de Jerusálem
Roberto Bontempo – Kamir – Cananeu de Ai
Rafaella Mandelli – Ula – Cananeia de Ai
Igor Rickli – Marek – Cananeu de Ai
Vera Zimmermann – Débora - Hebreia
Juan Alba – Zinri - Hebreu
Igor Cosso – Levi - Hebreu
Léo Rosa - Tupak - Cananeu de Ai
Rayana Carvalho – Adira - Midianita
Jonathan Haagensen – Baruc - Nubio
Adriana Garabone – Hadassa - Hebreia
Luciano Szafir - Adoni-Bezeque – Cananeu de Jerusálem
Sergio Malheiros – Temá – Midianita e Nubio
Milhem Cortaz – Calebe - Hebreu
Nivea Stellmann – Noemi - Hebreia
Marisol Ribeiro – Acsa - Hebreia
Leonardo Miggiorin – Otniel - Hebreu
Victor Hugo – Dário – Rei dos Anaquins
Lizandra Parede – Jezabel – Rainha dos Anaquins
Sidney Sampaio – Josué - Hebreu
Thais Melchior – Aruna - Hebreia
Miriam Freeland – Raabe – Cananeia de Jericó
Rafael Sardão – Salmon - Hebreu
Pietro Bouanafinna – Boaz – Cananeu de Jericó e Hebreu
Zé Carlos Machado – Ismael - Hebreu
Leonardo Franco – Gibá - Cananeu
Eliana Guttman – Esther - Hebreia
Daniela Galli – Vasti – Cananeia de Ai
Daniel Erthal – João - Cananeu de Ai
Benvindo Sequeira – Eli – Hebreu
Petronio Gontijo – Acabe - Cananeu de Ai
Paulo Goulart Filho – Talmal – Cananeu | Gigante
Leticia Medina – Lila - Hebreia
Julio Oliveira – Gael - Cananeu de Ai e Hebreu
Floriano Peixoto - Zadoque - Hebreu

Primeiros capítulos:
Rei Kadmo - Marcos Reis - Cananeu de Jericó
Rainha Liora - Leticia Tomazella- Cananeia de Jericó
Yussuf - Roberto Frota - Caneneu de Ai
Participação - 1 CApitulo
Lemuel - Dudu Oliveira

O nosso protagonista como capa.

Capítulo 3 - 2 Fase - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Benjamin - Capítulo 3 - 2 Fase - Capítulo 1

Ocorre uma passagem de tempo de vinte anos. Ai ainda é o ponto central dessa história linda. Ai, com a derrota de Jericó se tornou a maior potencia economica, estratégica e politica de toda a Canaã. Mas isso não impedia de ser ruim com os seus súditos e com seus escravos. O rei ainda era Kamir e a rainha era a senhora Ula, ainda na familia de nobres Marek, o mais velho tendo trinta e um anos, depois vem Melina com vinte e nove anos e a caçula Isabella com vinte e cinco anos. Ainda no palácio tinhamos Tupak, o servo da rainha Ula, tinha Adira, Baruc, eles se casaram, Temá que é filho dos dois. Na cela dos escravos temos Benjamin, o menino que foi acusado de matar o principe Meseque de Jerusálem, quando ele morreu o rei Adoni-Zedeque deixou em Ai a filha de Meseque, Sarai. No templo temos ainda a Vasti. João,Acabe e Gael são os palhaços do reino.

O rei Kadmo e a rainha Liora foram espertos e fugiram antes que Jericó fosse destruida e estão hospedados em Ai.

Em Israel, Debora, mãe de Benjamin se casou de novo e é Zinri um homem viciado em cerveja, com ele, ela teve um filho,Levi. Ainda em Gilgal, temos a anciã e fofoqueira Esther casada com Ismael, o líder Josué e sua esposa Aruna, o casal Raabe e Salmon, com o seu filho Boaz, Raabe está esperando outro. Calebe e Noemi são pais de Iru e Acsa. Acsa é casada com Otniel. Temos, ainda, Lila uma orfã, irmã de Salmon. Eli é um dos anciões que vive em pé de guerra contra Esther.

Já em Jerusálem temos Adoni-Zedeque e sua mulher Hadassa e seu servo Lemuel.

Gibá, o mercador de escravos está preso em Jerusálem.

Vamos parar de explicar e vamos para as cenas.

Na cela de Benjamin

- Pronto, pronto, pronto, esse foi o seu ultimo aniversário desse jeito - Diz Isabella acabado de fazer novos curativos em Benjamin.

- Obrigado, Isabella. Faz muito tempo que eu não vejo a minha mãe será que ela está bem? - Diz Benjamin olhando para o anel de sua mãe.

- Creia em Deus! Você ainda vai reencontra-la - Diz Isabella olhando para o anel de Debora.

- Adoro esse seu jeito de falar da fé - Diz Benjamin levantando a mão e passando no rosto de Isabella. Eles se aproximam para se beijar...

- Isabella! - Chama Melina adentrando a cela. Benjamin e Isabella retraem o corpo.

- Diga minha irmã - Manda Isabella

- Papai a chama, aliás você também Benjamin - Diz Melina se retirando.

No acampamento

- Que cara é essa Debora? - Pergunta Zinri tomando água.

- Saudades do meu filho - Diz Debora desanimada

- Deixa disso, sua boba - Diz Zinri saindo da tenda.

Debora chora e tem a ideia de procura-lo, ela já sabe que em Jericó porque foi destruida.

Na tenda de Calebe

- O que você está fazendo Iru? - Pergunta Acsa vendo o hebreu arrumando uma trouxa 

- Vou mostrar para o papai que eu posso matar o rei de Ai - Diz Iru colocando sua espada na cintura.

Debora e Iru saem do acampamento mas não juntos.

Na sala do trono

- Com licença, papai - Diz Isabella se curvando

- Se curve, hebreu - Manda Kamir

Benjamin abaixa somente a cabeça

- Bem eu tenho uma para você, peste - Diz Kamir - Você vai levar uma mensagem para o meu sogro em Jerusálem.

- Sim soberano, mas qual? - Pergunta Benjamin

- Você dará o convite para o aniversário de Melina - Diz Kamir

Nos aposentos emprestados para Kadmo e Liora

- Eu te amo, Liora - Diz Kadmo beijando Liora

- Nós temos que sair desse reino, ninguém nos quer aqui - Diz Liora

Na cela de Benjamin

- Bom eu estou pronto - Diz Benjamin fazendo uma trouxa

Sarai adentra a cela de Benjamin

- Olá Ben - Diz Sarai

- Eu estou saindo - Diz Benjamin

- Eu sei da sua missão por isso você vai levar um presente meu - Diz Sarai agarrando Benjamin e o beijando. Isabella vê. Uma lagrima de amor escorre pelo seu rosto.

- Me solta, sua sem vergonha - Diz Benjamin

- Pensei que você ia gostar - Diz Sarai

- Não quero saber, Tchau - Diz Benjamin saindo da cela

- Isso não vai ficar assim - Diz Sarai - Vou te conquistar ainda.

No acampamento

- Mãe, mãe, mãe! - Chama Levi e fica sem resposta.

Levi pensa : - Onde que aquela velha foi? Aff, vou ter que ir naquele estabulo fedorento, e velha que dá trabalho.

Levi corre até o estabulo

- Papai a mãe sumiu - Diz Levi ofegante

- O que? - Pergunta Zinri

- Su miu, su miu, evaporou, desapareceu - Diz Levi

- Meu Deus, vamos falar com Josué ele sabe o que fazer - Diz Zinri começando a correr

Na tenda de Josué

- Josué, Calebe, a minha mulher sumiu - Diz Zinri sem respiração

- O que? Minha irmã? - Pergunta Calebe

- Sim isso mesmo - Diz Zinri

- Por que você deixou isso acontecer? Seu idiota - Pergunta Calebe, furioso

- Calma! - Diz Josué - Muitas coisas pode ter acontecido com a sua esposa.

- Sim, eu acredito que ela pode ter ido atras de Benjamin - Diz Zinri

- Não se descarta a possibilidade de ela ser atacada pelos cananeus - Diz Josué

Josué ordena que alguns soldados vá atras de Debora.

Em Ai.

Isabella e Benjamin estão saindo de Ai. Sarai os observa de cima do muro da cidade. Eles estão disitantes e Sarai entra para Ai.

Iru surpreende os soldados que luta bravamente mas um dos soldados lhe dá uma pedrada na cabeça que o desmaia e dois soldados entram com Iru no palácio. Debora se aproxima do soldado restante.

- Com licença moço, eu quero falar com o meu filho - Diz Debora

- Quem é esse seu filho? - Pergunta o Soldado

- É Benjamin - Diz Debora

- Haha, um escravo me perdoe mas não tenho permissão da sua entrada - Diz o Soldado

- Por favor, deixe eu o levar embora - Diz Debora 

- Não. Agora vaza daqui - Diz o Soldado

- Que Deus tenha piedade de vocês, imundos - Diz Debora

- Sai pra lá mulher mandadora de praga - Diz o Soldado jogando Debora no chão.

- Isso não vai assim, eu vou voltar e vou pegar meu filho - Diz Debora

O Soldado ri.

No deserto

- Está tudo bem? Você não disse nada até agora - Pergunta Benjamin

-  Estou, é que eu mordi a lingua - Diz Isabella

- Então tá - Diz Benjamin.

Iru chega junto dos soldados na sala do trono

- Soberano Kamir esse hebreu tentou invadir a cidade - Diz um dos dois soldados

- Ótimo. Precisamos de informações mesmo - Diz Kamir.

Iru acorda.

Iru imediatamente agarra o pescoço de Melina.

- Parada - Diz Iru 

- Por favor não me mate - Diz Melina quase chorando.

À NOITE

No acampamento

Calebe chega em sua tenda.

- O que foi Noemi? - Diz Celebe vendo Noemi chorar

- Iru sumiu - Diz Noemi

- Não é possivel. Vou ver se Zinri sabe de algo ou Quenaz - Diz Calebe se retirando

Debora chega em sua tenda.

- Onde você andou? - Diz Zinri. Calebe está ouvindo a conversa deles.

- Fui atras da minha vida, meu filho - Diz Debora chorando - Mas fui barrada nos portões do palácio

- Você é louca - Diz Zinri

- Não sou - Diz Debora

- É sim - Persiste Zinri

- Devo ser louca mesmo, para ter casado com você, você me trai toda as noites. Pensa que eu não sei? Você se deita com as suas,  suas, suas mulheres e depois se afunda na cerveja até o sol nascer, depois sou eu que tenho que lavar as suas roupas fedidas, tenho que lavar mais de cinco vezes mais mesmo assim não sai aquele cheiro horrivel! - Grita Debora

- Cala a boca! - Grita Zinri

- Por que? Vai me bater? - Questiona Debora.

Zinri dá um tapa na cara de Debora.

- Vamos de outro - Manda Debora

Zinri dá outro.

- Muito bem Zinri - Diz Calebe - Vi tudo.

 


Notas Finais


Obrigado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...