História Best Friends - Vkook 《 One Shot 》 - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, V
Tags Amigos, Amizade, Friends, Jungkook, Kooktae, Kookv, Melhores Amigos, One-shot, Romance, Taehyung, Taekook, Vkook
Visualizações 43
Palavras 1.311
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hiii! Entao.. eu tive a ideia dessa foto! Espero que gostem!
Fiz com carinho
Vkook é meu OTP1 😍😍😍
Amo muito esses dois!

Capítulo 1 - Capítulo Único - O Casamento


Fanfic / Fanfiction Best Friends - Vkook 《 One Shot 》 - Capítulo 1 - Capítulo Único - O Casamento

Taehyung Kim estava vestido com um terno branco, sua roupa era totalmente branca. Seus fios em um castanho quase louro estavam lisos e quase tampando seus olhos da cor mel.

Estava sentado junto a seus outros amigos, que conversavam com Jeongguk enquanto o estilista colocava o terno preto nele, enquanto algumas outras pessoas faziam sua maquiagem e arrumavam seus cabelos pretos.

Taehyung via o sorriso feliz no rosto de seu melhor amigo, queria sorrir também, mas o triste naquele momento é que ver Jeongguk feliz, deixava Taehyung infeliz, pois sua felicidade não era o Acastanhado, e sim um certo ruivo baixinho.

Jeongguk se casaria com Jimin Park em menos de uma hora, e o moreno não podia estar mais feliz, na verdade poderia, se talvez visse um sorriso no rosto de seu E.T preferido.

- Taehyung, Por que está com essa cara? – Hoseok perguntou, fazendo todos os outros amigos o encararem, incluindo assim Jeongguk.

- Eu estou bem.. Só um pouco nervoso.. – O acastanhado sorriu, tentou na verdade. Jeongguk estava preocupado, mas logo sua atenção foi desviada de Taehyung, por seus amigos.

《...》

Jeongguk já se encontrava arrumado, os casais Yoonseok e Namjin se despediram do mesmo, o desejando sorte.

Taehyung havia descido para pegar o bouquet de rosas vermelhas, para entregar a Jimin, como o pediram. Mas antes, ele queria se despedir de Jeongguk, afinal, ele não seria mais somente “seu” biscoito.

O acastanhado iria subir as escadas para ir ao quarto de Jeongguk, mas parou no primeiro degrau ao ver a silhueta do moreno descendo.

Deu um passo para trás, voltando assim ao piso amadeirado e sorriu para seu Maknae. O mesmo retribuiu e parou na frente de Taehyung.

- Você está lindo, biscoito.. – Taehyung segurava o bouquet na frente de seu peitoral, pensou um pouco e tirou uma rosa do bouquet, sem deixar algum espaço em vazio. Quebrou o cabo da rosa, retirando os espinhos e colocou no bolsinho do terno de Jeongguk, sobre seu peitoral. – Agora está perfeito.

Sem perceber Taehyung deixou uma lágrima escorrer por suas bochechas fofinhas, somente em imaginar que seu amor se casaria em instantes, que o perderia por um medo idiota de ser rejeitado.

Jeongguk se preocupou, e levou sua mão até a bochecha de Taehy, passando o polegar levemente, secando a lágrima. Deu um sorriso triste ao perceber o motivo da tristeza de seu Hyung.

- Por que não me disse antes Hyung? – Jeongguk perguntou com a voz embargada, agora , mesmo que amasse o acastanhado, não poderia fazer mais nada. Ou poderia?

- Por que não percebeu antes Kook? – Taehyung encarou Jeongguk , o moreno iria responder, mas foi atrapalhado pela voz de SeokJin, chamando Jeongguk.

- Ei.. Vocês não vem? Estamos somente esperando vocês para avisar a Jimin para ele descer. – SeokJin disse, parando perto dos dois.

- Ah.. Claro.. Hyung, entregue ao Jimin o bouquet por favor.. – Disse Taehyung, entregando o conjunto de rosas para SeokJin, o maior assentiu e desejou “Boa Sorte” a Jeongguk , antes de subir as escadas. – Eu acho melhor ir la para meu lugar.. Você vem Jeongguk?

Jeongguk estava pensativo, ele queria poder voltar atrás, já que o mesmo sempre foi apaixonado por Taehyung, e somente desistiu por medo da rejeição, também.

- Hm? Ah sim.. Claro.. – Respondeu meio incerto, e suspirou. Taehyung assentiu e beijou a testa de Jeongguk como de costume.

- Pra sempre meu Maknae.. – Sorriu e andou para fora, indo ao jardim onde tudo estava decorado, com flores, os convidados já se encontravam sentados nos bancos. Havia a família Park, a família Jeon e os pais de Taehyung, qual Jeongguk fez questão de chamar.

Taehyung caminhou ate o altar, queria ele poder ficar no lugar do Jimin, mas não. Se juntou aos outros padrinhos de Jeongguk , tais que se chamavam YoungJae e Jackson, amigos da faculdade de Jeongguk.

Viu Jeongguk vir, com um sorriso no rosto. Jeongguk cumprimentava alguns familiares de Jimin e cumprimentou sua família. Assim que chegou no altar, olhou para Taehyung, o acastanhado assentiu e sibilou um “ficará tudo bem” para o moreno. Jeongguk amava a maneira que mesmo tudo estando desmoronando, Taehy via , ainda assim, o lado bom.

E mesmo que com o coração partido, queria tudo bem.

Jeongguk se perguntava se aquilo estava certo, se era a decisão certa, e se dava para fugir daquela situação.

Tirou sua atenção de Taehyung, quando ouviu a música tocar, Taehyung respirou fundo, e ajeitou sua postura. Jeongguk se virou, após uma dose de coragem, e avistou seu noivo, Vestido de branco, assim como Taehy e os outros dois padrinhos de Jeongguk.

O moreno queria poder mentir, mas embora Jimin fosse lindo, Taehyung ficava ainda mais lindo com aquela roupa. Seus cabelos e olhos combinavam perfeitamente com o tom quase beje do terno branco.

Jimin caminhava sorridente, segurando o bouquet avermelhado em mãos. Ah aquele sorriso, aquele lindo sorriso que Jeongguk adorava.

Taehyung desistiu assim que percebeu como perderia fácil para o falso ruivo. Esse sorriso, Taehyung achava o seu além de feio, estranho.

Mal sabia Taehy, que na cabeça de Jeongguk durante a noite, ele sonhava com sua doce gargalhada e seu sorriso único, retangular e contagiante.

Assim que Jimin estava sobre o altar, e a música havia parado, o padre começou com todo aquele discurso.

A cada palavra, a cada frase, a cada segundo Jeongguk pensava se tinha certeza, e ao olhar para Taehyung que se encontrava de cabeça abaixa, teve certeza que não.

Não tinha feito a escolha certa.

Jeongguk não pensou direito, nem esperou o padre chegar na parte em que pergunta se alguém tem algo contra, e se pronunciou.

- Eu! Eu quero interromper esse casamento! – Jeongguk disse sorrindo, animado.

Foi audível o espanto de todos, Jimin o olhava assustado, e Taehyung levantou imediatamente seu rosto, encarando Jeongguk.

- Oh.. Tem algo errado senhor Jeon? – O padre perguntou, meio incerto.

- Meu amor.. Esta tudo bem? – Jimin sussurrou a Jeongguk, preocupado.

- Não Jimin.. Me perdoa.. Mas eu não posso, não com você.. – Jeongguk desceu do altar e apenas sorriu para Taehyung, o mesmo sorriu ao receber a mensagem que aquele sorriso transmitia, e não demorou muito para que os dois meninos, estivessem correndo para fora daquela casa, daquele jardim, daquela festa.

Todos no casamento, estavam assustados, menos Namjin e Yoonseok. Os quatro estavam felizes por finalmente ver seus amigos felizes Juntos.

Jeongguk correu ate um campo afastado da casa e parou, esperando Taehyung o alcançar. Assim que o acastanhado parou na frente dele ofegante, os dois se olharam e soltaram uma gargalhada, em sintonia.

- Você está maluco Gukkie? – Taehyung perguntou, após a respiração dos dois voltarem ao normal e se sentarem um ao lado do outro no gramado, observando o céu ensolarado.

- Sim Taehy.. – Jeongguk olhou para seu Hyung, e sorriu, ao ver que o mesmo retribuiu o olhar. – Estava maluco ao pensar que seria feliz com outro a não ser com você, e hoje sou completamente louco por você..

Jeongguk levou sua mão ate a bochecha de Taehyung acariciando, enquanto o acastanhado fechava os olhos, com medo de que aquela miragem sumisse. Sorriu retangular ao sentir os lábios do Coelho em sua testa e abriu os olhos.

- Eu te amo, Bunny.. – Taehyung falou balbuciando, e olhou nos olhos do moreno, vendo ele se aproximar mais.

- Eu te amo, Alien.. – Jeongguk disse e sem pressa, mas com muita vontade, selou seus lábios nos de Taehyung, sentindo aquele misto delicioso de sensações , um frio na barriga e o calor quente dos braços de Taehyung o abraçando.

Foi somente um selinho, mas suficiente para o casal apaixonado. Sabiam que uma hora teriam que arcar com as consequências, enfrentar todos e se explicar. Mas o que importava agora era retomar o tempo perdido, os beijos que poderiam ter dados e os momentos únicos um ao lado do outro.


Notas Finais


Ahhh gostaram??
Por favor! Espero que sim

Estou pensando em fazer uma Parte 2;
Pois eu sei que muitos esperavam um momento mais quente entre o casalsinho mais amado!
Entao se quiserem me diz! Prometo dar meu melhor no segundo!

Annyeong!! 🤗😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...