História Best Friends Forever - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, One Direction, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Niall Horan, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Amizade, Camila, Niall, Selena, Shawn
Exibições 5
Palavras 1.511
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura!!

Kisses ♥

Capítulo 11 - Dez


- Ai meu pé!

- Camila, para de reclamar!

Aquela já era a terceira vez que Shawn gritava com a garota. Estávamos subindo para o topo do Diamond Head. Quem disse que deveríamos ir lá primeiro foi Niall, já que ele amava vulcões. A ideia de subir muitos metros de escadas e rampas com uma disposição baixa e pulmões não muito bons me amedrontou um pouco, confesso, mas decidi que não me importava mais com isso. Eles até perguntaram se eu não queria subir de carro, mas que graça teria ? Meus amigos estavam fazendo uma super caminhada, e eu precisava fazer parte disso, precisava estar com eles. Não foi para isso que viemos?

- Vocês são incrivelmente irritantes. - disse - Niall, espera aí.

Dei uma leve corrida até ele.

- Olha só isso. Dá pra ver tudo daqui. - ele parecia encantado.

- Quero uma foto! - sorrimos.

Peguei meu celular e nós nos abraçamos, colando os rostos, com a maravilhosa visão da praia atrás de nós e grandes e felizes sorrisos estampados na face. Tiramos a segunda, dessa vez fazendo caretas e depois voltamos a andar.

- Gente, espera! - ouvi Camila gritar atrás de mim. - Olhem para a câmera.

Niall e eu olhamos pra trás e Camila estava com o aparelho virado para nós, e Shawn, que estava ao nosso lado, sorria e dava acenos enquanto comia alguma coisa e continuava andando. Ela chegou perto de nós.

- Vou gravar nossa caminhada até o topo. Acho bom melhorarem essas caras. - ela olhou para a câmera e volramos a andar - Então, gente, esses banais não querem falar nada, porque são chatos reclamões, mas a gente vai falando até lá.

- Quer falar de quem? Você reclamou desde lá de baixo! - falei com a voz aguda.

- O que vamos fazer pra câmera? - Niall perguntou.

- Poderíamos cantar.

- Fala uma música então, Shawn.

Ficamos quietos andando devagar esperando ele falar alguma coisa.

- Let's dance in style, lets dance for a while, heaven can wait we're only watching the skies - Shawn começou - Hoping for the best but expecting the worst. Are you gonna drop the bomb or not?

- Let us die young or let us live forever. We don't have the power but we never say never - continuei - Sitting in a sandpit, life is a short trip. The music's for the sad men.

- Forever young, I wanna be forever young - cantamos juntos - Do you really want to live forever? Forever, forever young.

Começamos a fazer graça para a câmera enquanto continuávamos o trajeto.

- Some are like water, some are like the heat. - Camila soltou a voz - Some are a melody and some are the beat, sooner or later they all will be gone why don't they stay young.

- It's so hard to get old without a cause I don't want to perish like a fading horse - Niall - Youth like diamonds in the sun, and diamonds are forever.

- Forever young, I want to be forever young. Do you really want to live forever? Forever or never. Forever young, I want to be forever young. Do you really want to live forever? Forever, or never.

- So many adventures couldn't happen today, so many songs we forgot to play - Camila - So many dreams swinging out of the blue We let them come true.

- Forever young, I wanna to be forever young do you really want to live forever? forever, or never. - percebi que eles me deixaram cantar sozinha, o que não durou muito, já que em seguida nos juntamos outra vez em nosso refrão favorito.

- Forever young, I wanna to be forever young. Do you really want to live forever? Forever, or never. Forever young, I wanna to be forever young. Do you really want to live forever? Forever, or never. Forever young, I wanna to be forever young. Do you really want to live forever? Forever, forever young.

Terminamos e ficamos rindo, por nossa "apresentação". Algumas pessoas passavam por nós e nos olhavam estranho, como se fôssemos anormais.

Talvez até fôssemos mesmo. Os melhores anormais que poderiam existir.

Vamos dançar com estilo,
Vamos dançar um pouquinho
O paraíso pode esperar
Nós estamos apenas observando o céu
Torcendo pelo melhor mas esperando o pior
Afinal, você vai deixar cair a bomba ou não?

Deixe-nos morrer jovens
Ou nos deixe viver pra sempre
Não temos o poder mas nunca dizemos nunca
Brincando numa caixa de areia,
A vida é uma viagem curta
E a música é para homens tristes

Eternamente jovem
Eu quero ser eternamente jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre e para sempre jovem

Alguns são como água, outros como fogo
Uns são a melodia e outros são o ritmo
Cedo ou tarde todos estarão mortos
Porque eles não continuam jovens

É tão difícil envelhecer sem um propósito
Eu não quero parecer como um cavalo moribundo
A juventude é como um diamantes ao sol
E os diamantes são eternos

Eternamente jovem
Eu quero ser eternamente jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre, ou nunca Eternamente jovem
Eu quero ser eternamente jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre, ou nunca.

Tantas aventuras não poderiam acontecer hoje
Tantas canções que esquecemos como tocar
Tantos sonhos surgindo fora do azul
Nos deixe realizá-los.

Eternamente jovem
Eu quero ser eternamente jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre, ou nunca.

Eternamente jovem
Eu quero ser eternamente jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre, ou nunca
Pra sempre jovem
Eu quero ser pra sempre jovem
Você quer viver pra sempre jovem?
Pra sempre e todo sempre
Pra sempre jovem, eu quero ser sempre jovem
Você realmente quer viver pra sempre?
Pra sempre, para sempre jovem
Jovem.

[...]

- Uau.

Foi o que dissemos em uníssono quando chegamos ao topo. Camila virou a câmera para a paisagem, registrando tudo ainda na gravação.

- Olha só isso. Isso se chama Havaí, meus caros.

- Pessoal, estamos ao vivo do vulcão Diamond Head. Sintam o frescor das cinzas e muita inveja. - disse, rindo.

- Deixem de ser problemáticas e venham aqui tirar foto.

- Pra que, se a gente tá gravando?

- Porque sim. - Niall me puxou e Camila nos seguiu.

Ficamos, da direita para a esquerda, Niall, eu, Shawn. Camila ficou meio abaixada na minha frente, já que é menor do que eu.

Uma mulher que devia ter uns 50 anos que estava nos fotografando e, depois de um bom tempo e muitas fotos, finalmente agradecemos e deixamos ela ir embora, mesmo que ela não parecesse nem um pouco incomodada de estar ali de favor.

Ficamos lá até o horário limite, depois tivemos que descer. Shawn ficou um pouco traumatizado depois que um Animal Não Identificado (um misto de jacaré com raposa e algo do tipo, denominado ANI por nós) apareceu no caminho e Camila me ajudou a espantá-lo enquanto os meninos corriam na frente. Claro, isso gerou ótimas risadas e zoações da nossa parte durante a volta para o hotel.

Mal chegamos e encontrei tia Sin no saguão, dançando Hula com uns havaianos que estavam ali.

- Por favor, diz que aquela ali não é a minha mãe.

Os meninos caíram na gargalhada e eu não me aguentei, acabei rindo junto. Camila ficou de cabeça baixa, resmungando algo inaudível e nós fomos até minha tia.

- Olá meninos! Como foi o passeio? - ela estava muito animada e continuava dançando enquanto falava com a gente.

- Legal, mãe.

- Muito bom, tia.

- Demais! - os meninos falaram juntos.

- Que ótimo! O que acham de uma festa havaiana agora à noite?

Olhei para os meus amigos e fui a primeira a falar.

- Acho ótimo!

- Tudo bem! Vou esperar vocês aqui.

- Tá.

Subimos rápido para nos trocar. Enquanto eu esperava minha prima sair do banheiro, peguei meu celular, lembrando de algo. Disquei o número que, depois de algumas tentativas consecutivas de ser atendida, acabei memorizando.

Esperei que Mikael atendesse, mas sem sucesso. Depois de tentar de novo pelo menos umas três vezes, desisti e vi Camila se aproximando de mim.

- O que foi?

- Nada não. - levantei e fui para o meu banho.

[...]

As luzes estavam muito coloridas e uma música típica tocava ao fundo. Algumas pessoas dançavam sacudindo as roupas de palha e batendo alguns cocos. Ri com a cena. Tia Sin logo nos deixou para dançar e nós procuramos uma mesa. Senti mãos em minha cintura e ouvi Niall falar em meu ouvido.

- Você tá linda.

Olhei para ele, que piscou para mim enquanto nos sentávamos ao redor da mesa. De fato, eu estava me sentindo linda naquele lugar. Estava como uma típica turista, com um vestido leve branco, cabelos soltos, com uma mecha presa por uma flor no lado esquerdo.

- Obrigada. - sussurrei de longe.

Nos acomodamos e me preparei mentalmente para guardar aquele momento em minha memória.


Notas Finais


Continua...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...