História Bet - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Mpreg, Namjin, Vhope
Visualizações 431
Palavras 1.154
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OPA GALERA KKKKKKKKK COMO SEMPRE EU DEMORANDO, NADA DE NOVO SOB O SOL. Esse capítulo está curto? Está, mas eu achei ele fofo, espero que vocês também achem.
Boa leitura!

Capítulo 11 - É verdade, Jimin?


Jimin acordou extremamente indisposto aquela manhã; seus pequenos olhinhos expressavam a completa falta de vontade em estar naquele colégio e naquela sala, e de ter acordado cedo pra descobrir, ao chegar na escola, que praticamente não iam ter aulas hoje, já que dois dos três professores do dia haviam faltado. 

Ele suspirou baixinho, sem qualquer ânimo, o frio lá fora só o dava mais sono ainda enquanto a professora eventual mascava um chiclete da forma mais barulhenta possível; qual era o problema de sua mãe ter deixado que ele tivesse ficado em casa dormindo? 

Depois de uma noite cansativa rolando e rolando em sua cama sem conseguir dormir sua expressão era visivelmente cansada, tudo isso por conta do assunto sobre contar a Jungkook sobre estar grávido que sua mãe levantara. Deveria confessar que nunca pensaria em contar a Jeon sobre isso, sequer chegou a ponderar dize-lo, mas agora tinha praticamente a obrigação de dizer a ele sobre isso, mesmo que esperasse uma resposta negativa da parte do moreno. 

Jimin murchou ainda mais a expressão ao notar que ainda faltava muito para o intervalo e que até lá teria de ficar sem fazer absolutamente nada naquela sala tediante. Taehyung havia faltado hoje, ou seja, mesmo seu intervalo seria tão tedioso quanto ficar na sala, se lembraria de ameaçar o primo depois para que não faltasse mais a escola, era totalmente chato ficar sem ele naquele lugar onde praticamente não tinha amigos. 

Jimin deitou a cabeça sobre os braços na mesa, seu corpo estava ainda mais cansado que o normal nos últimos tempos em consequência da gravidez, sentia sua barriga esticar, crescer para abrigar a criança que havia ali, isso o preocupava, a insegurança sobre seu corpo sempre fora algo muito presente, e agora ia engordar mais ainda. 

O menino soltou o ar de uma vez, deixando as bochechas gordinhas apertadas contra a blusa fofinha de cor azul bebê, seus olhinhos foram se fechando lentamente, até que estivesse pegado no sono de vez. 


...


Jimin acordou num pulo quando o sinal indicando o intervalo soou na escola inteira. Park respirou pesado, apertou os dedinhos contra a blusa e logo depois soltou o ar que havia prendido sem nem perceber; ainda sonolento, saiu da sala já vazia, andando vagamente por entre os adolescentes. 

Não tinha fome, mal tinha forças pra andar na verdade, não comera nada desde cedo por conta de um enjoo repentino que o impossibilitava de comer qualquer coisa sem vomitar tudo alguns minutos depois. Era fato, Jimin estava acabado, e não sabia o que fazer sobre isso. 



...


- Aish, Namjoon, eu não quero ver você e o Jin hyung se agarrando. - Jungkook fez uma careta desgostosa assim que o amigo simplesmente o ignorou e voltou a devorar os lábios do castanho em seu colo com alguma fome sobrenatural. 

- N-nam... Amor, Já disse pra não fazer isso na frente do Jungkook, ele não gosta. - Jin repreendeu o mais novo desgrudando os lábios com um estalo. Namjoon formou um bico inconformado e Jungkook riu, mostrando a lingua para o outro em forma de provocação. 

- Mas ele já fez pior do que isso, Jinnie. O que importa que ele veja? - o loiro aumentou o bico, que foi prontamente mordido pelo menor. 

Jin somente riu do namorado, achando aquela reação fofa, Namjoon era fofo demais em sua percepção. 

- Aish, ficar de vela não é pra mim. Vou dar uma volta, depois eu volto. - os mais velhos assentiram, gostavam muito de Jungkook mas era inevitável negar a vontade de se agarrarem a todo momento. 

Jeon deu alguns passos para longe do refeitório, ele estava procurando alguém, estava procurando Jimin; é claro que o assunto gravidez não saíra de sua cabeça desde o dia anterior, óbvio, era mais do que óbvio para si que se Park estava grávido realmente, o filho com certeza era seu. 

Ele conhecia Jimin o suficiente pra saber que jamais seria traído, e o único com quem o menor fora pra cama foi com ele, não haveriam dúvidas se houvesse mesmo uma criança sendo gerada no ventre de Jimin: essa criança era filho deles. 

O moreno atravessou o corredor até a velha árvore na qual o rosado costumava sentar-se durante o intervalo. Seu coração batia forte, não podia negar, era seu sonho ter uma família, ainda mais com aquele pequeno serzinho que amava tanto. 

E então foi como a visão do paraíso, foi como ver um anjo, perfeito. Jimin tinha os olhos fechados, apreciando os raios de sol sob sua pele, vez ou outra o pequeno sorria, refletindo seu eyes smile ainda mais iluminado e terrivelmente bonito. 

Jeon sorriu bobo, tremeu um pouco as pernas como um adolescente apaixonado, e por Jimin ele realmente era, um idiota apaixonado. Ele o observou de longe por um tempo, cada gesto, cada movimento, até mesmo o tremer dos cílios compridos e o curvar dos lábios rechonchudos, mas o ato que mais o surpreendeu e o deixou curioso, foi quando viu as mãos pequenas pousarem sobre a barriga sem nenhum volume aparente, acariciando a região com um cuidado e delicadeza excepcionalmente diferentes, Jungkook encantou-se com a cena, não pôde deixar de reparar no sorriso ligeiramente feliz, sincero e emocionado da parte do de fios róseos. Era lindo. Mais lindo ainda pensar que muito provavelmente haveria um filho seu crescendo ali dentro.

Mas como tudo o que é bom dura pouco, Jimin abriu os olhos no momento seguinte, olhando justamente para onde Jeon estava. 

O baixinho arregalou os olhos e se ajeitou rapidamente. O que ele estava fazendo ali? O observando de maneira tão intensa? Park levantou-se meio embasbacado e nervoso por não saber ao certo o que Jungkook fazia ali e caminhou rápido para sair da visão do mais velho de uma vez por todas, mas Jeon agarrou seu braço e o segurou, o puxando para si com calma. 

Jimin sentia medo, medo do que aqueles dois olhos grandes e redondos poderiam estar tentando dizer sendo tão escuros e sérios. Seu corpinho tremia todo, suando frio, o que exatamente Jungkook fazia o observando? 

- Eu quero que me diga a verdade agora, Jimin, até porque vou saber se mentir pra mim. - Park engoliu a seco, se remexendo inquieto com aquele assunto no mínimo esquisito. - Você está esperando um filho meu? 

Jimin estremeceu mais ainda diante da pergunta. Como Jeon ficou sabendo? Como ele...

- Não importa quem me contou. Apenas me diga, é verdade? - o mais alto indagou firme, fazendo com que o menino abaixasse a cabeça e começasse a sentir o coração palpitar rápido, bem como os olhos enchendo em lágrimas, não teria como negar, era verdade, porém tinha medo da reação alheia, o amava, assim como também amava aquele serzinho mesmo tão pequeno em sua barriga, não suportaria ouvir algum tipo de ofensa que fosse da parte de Jungkook.

E mesmo temendo pelo que viria, Jimin lhe respondeu. 

S-sim... É verdade.



Notas Finais


E aí? O que acharam? Comentem, galera. Perdão pelos erros, não revisei. Obrigada por lerem, beijinhos! ♡♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...