História "Better things are coming" - Jikook - Capítulo 68


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Namjin, Taeyoonseok
Visualizações 128
Palavras 1.250
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello hello!

Espero que gostem do cap. de hoje!!!
Tem recadinho nas notas finais!!!

Não esquece de comentar e de favoritar para ajudar a gente a chegar aos 200 favoritos ainda essa semana!!!!


BOA LEITURA

Capítulo 68 - "Então..."


Anteriormente...

 

Adormeci em seus braços pensando em como poderia matar a Hyuna...

Brincadeira...

Ou não?

Mentira...

Por mais que a vontade seja grande eu não sou igual a ela e nunca iria me rebaixar a ela.

Um beijo!

HAHAHAHA!

 

O Kookie vai começar a dar aula de educação física no colégio onde a gente estudou e quer que eu vá junto.

Eu vou só para não o deixar sozinho e ver se vai ter professoras putas.

Porque se tiver o Kookie nem ai trabalhar lá.

 

Atualmente...

 

~Jimin~

 

 

Lembro que dormi nos braços de Jungkook, mas quando eu acordei ele não estava mais lá.

Havia um cobertor em cima de mim que antes não estava.

Escutei barulho vindo da cozinha e fui ver o que estava acontecendo lá.

-A bela adormecida acordou! - Minha Omma disse assim que me viu.

 

-Onde o Kookie está? – Perguntei esfregando meu olho com os dedos.

 

-Ele foi para casa dele, disse que tinha que se arrumar para uma entrevista de emprego e disse que você queria ir junto, mas ele não queria te acordar-

 

-Ai caralho! Eu tenho que ir junto! – Sai da cozinha correndo e escutei minha Omma gritar “Olha a boca!”, mas ignorei e fui me arrumar.

Mandei mensagem para o Kookie falando que eu já tinha acordado e estava me arrumando, ele disse que passaria aqui para a gente ir.

Quando terminei de me arrumar a campainha tocou e eu desci as escadas correndo quase escorregando.

-PARK JIMIN! CUIDADO! – Meu Appa disse quando viu que eu tinha quase escorregado.

Abri a porta de casa e o kookie estava lá todo arrumadinho.

Fechei a porta atrás de mim, dei um selinho no Kookie e fomos para o seu carro.

 

Chegando no colégio já bateu aquela nostalgia...

Fomos direto para a sala do diretor e quando chegamos na frente da sala batemos na porta e uma voz lá de dentro falou.

-Pode entrar! –

Entramos e o diretor reconheceu a gente na hora e veio nos abraçar.

-Nossa como cresceram! Estão mais bonitos! –

 

-O senhor está ótimo também- O kookie falou assim que ganhou o seu abraço.

 

-Claro que estou! Não paguei 200 reais em cremes para a pele atoa! – Ele riu junto a nós e fez um gesto para que a gente se sentasse.

 

-Minha ajudante disse que viria eu só não sabia que o senhor Park viria também- Ele se pronunciou assim que sentamos.

 

-Queria rever a escola bateu aquela saudade sabe? – Falei sorrindo e ele voltou a falar.

 

-Ah sim... Já devem conhecer a minha ajudante não sei se vão gostar de quem é, mas achei interessante ela ter vindo aqui me procurar e acabei aceitando a oferta dela- Ele disse e a porta atrás de nós se abriu e eu rapidamente olhei.

Queria não ter visto...

Queria estar em casa ainda...

Dormir estava tão bom...

Hyuna...

Essa vadia deveria estar no trem do inferno!

-O que ela faz aqui?! – Falei um pouco mais alto que o normal.

 

-Depois que ela foi liberada da cadeia ela veio me procurar para que pudesse ter alguma renda fazendo algo que gostava- Ela deixou um papel na mesa e saiu da sala.

 

-Não era ela que fazia bullying com crianças frágeis e indefessas?! Porque eu me lembro muito bem quem ela chamava de baleia e lembro muito bem quem ela batia e ameaçava! E não eram suas amiguinhas! – Continuei a falar.

 

-Hyuna não irá atrapalhar o trabalho do senhor Jeon ela nem ao menos sabe que o senhor Kim Namjoon dá aulas de inglês aqui, me certifico de que ela ficará bem longe dele, Park-

 

-Não é essa questão! Ela vai maltratar crianças e as crianças não vão conseguir fazer nada pois tem medo de que as palavras de merdas que ela fala sejam verdades! A criança que é alvo de bullying não pode fazer nada pois tem medo de apanhar pelo atacante que no caso é e sempre foi Hyuna! Não achei que o senhor contratava pessoas que saíram da prisão senhor diretor! O senhor me impressionou! –

 

Senti algumas lagrimas rebeldes que caiam de meus olhos e molhava meu rosto.

Uma pequena falta de ar se fez pressente em mim e o Jungkook pegou em minha mão na tentativa um pouco eficiente de me acalmar.

-Eu sinto muito pela senhora Hyuna ter feito tais coisas com você... -

 

-Não é culpa sua, quem deveria me pedir desculpas seria ela, mas a gente só pede desculpa quando se arrepende e ela não se arrepende de nenhuma palavra que falou! Ela não se arrepende de nenhum tapa que deu em mim! Não se arrepende de ter praticado bullying com um menino que havia acabado de perder o amor da sua vida! –

Jungkook começou a acariciar minha mão me acalmando cada vez mais...

-E olha aonde estão! Vocês estão juntos mesmo depois de tudo que aconteceu com vocês! –

 

-Fale logo o que o Kookie teria que fazer aqui- Falei e cruzei os braços.

 

-O senhor Jeon deverá vir dar aulas de educação física todas as segundas, quartas, quintas e sextas o horário nós combinamos mais tarde se o senhor aceitar. O pagamento será sempre ao final do mês e será uma quantia moderada-

 

-Eu gostaria de pensar antes de te dar a resposta definitiva se o senhor permitisse- O Kookie falou sem parar de olhar para ele.

 

-Claro, ficarei feliz por você estar pensando sobre-

 

-Já vamos, obrigado pela oferta te dou a resposta por mensagem ou por ligação-

Nos despedimos dele e quando saímos da sala Hyuna estava escutando a conversa pela porta.

-É melhor você sair daqui bem rápido se não quiser levar um tapa nessa sua cara de bunda-

Ela arregalou os olhos e saiu correndo.

Comecei a andar mais rápido para chegar o mais rápido em casa e o Jungkook tentava me acompanhar.

-Jimin! Espera ai! – Ele segurou minha cintura me fazendo parar de andar.

 

-O que foi?! –

 

-Podemos conversar?! Ou vai ficar correndo mesmo?! –

 

-O que quer falar?! Quer aceitara o emprego?! Aceite! Mas depois terá consequências se eu pensar em ver você ao lado daquela puta! –

 

-E o que eu poderia fazer se não aceitar esse emprego?! Me fala aí porque eu não sei! –

-Eu sei lá! Tem outras escolas espalhadas pela cidade! Vai virar personal treiner ou cria uma academia! -

Ele iria falar alguma coisa, mas parou e falou.

-Jimin você é um gênio! – Ele me puxou e me deu um beijo.

 

-Eu sei que sou, mas por que? –

 

-Vem comigo! – Ele segurou em minha mão e me puxou até o carro.

Entramos no carro e colocamos o cinto de segurança e ele deu partida no carro.

Ele estava quatro vezes a mais do que o limite estabelecido pela cidade.

-Kookie! Você está indo muito rápido! –

Vi ele morder os lábios e ir mais rápido do que antes.

Chegamos na frente da casa do Jin e eu acho que minha alma ficou lá atrás de tão rápido que ele andou.

-Tudo bem? – Ele perguntou passando a mão em meu cabelo.

 

-Claro... QUE NÃO! -

 

-Desculpa meu amor, mas eu precisava vir correndo-

 

-O que estamos fazendo na casa do Jin? -

 

-Vamos conversar...-

 

Ele sorriu e me puxou para um beijo.

Saiu do carro e eu logo sai indo atrás dele.

Tocamos na campainha e o Jin logo abriu.

Deixou a gente entrar e nos sentamos todos nos sofás um de frente para o outro.

 

-O que aconteceu minhas crias? – Jin perguntou assim que nos sentamos.

 

-Então Jin... –

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continua?...


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!
Comenta o que achou e favorita para ajudar a gente a chegar aos 200 favoritos!!!
Não esqueça de me seguir para ficar sempre ligado quando tem cap. novo!!

Gente... Preciso de algum conselho... Meus pais sabem que eu escrevo, mas não sabem o que eu escrevo...
e eles falaram que querem porque querem ver o que é, mas eu não posso mostrar pra eles porque a minha fic é +18 e eu tenho -18... O que eu faço???
Me ajudem por favor!!!


Um beijo e até o próximo cap.

-Tha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...