História Between wolves (EXO) ChanBaek - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), BEAST (B2ST), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jang Hyun-seung, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lee Ki Kwang, Lu Han, Rap Monster, Sehun, Son Dong Woon, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Yang Yo Seob, Yong Jun Hyung, Yoon Doo Joon
Tags Baekhyun, Beast, Bts, Chanbaek, Chanyeol, Exo, Hunhan, Kaisoo, Sulay, Taoris, Xiuchen, Yaoi
Visualizações 94
Palavras 1.510
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Ficção, Lemon, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Super Power, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Protect - Cute!


P.O.V Baekhyun

 

No outro dia, acordo ao som do despertador, desligo o mesmo, me levanto de vagar, e depois faço minha higiene pessoal, me troco e arrumo meu material, então vejo se não estou esquecendo nada, pego as coisas, e desço para cozinha, a mesma inalava um cheirinho de café, e logo que chego lá, encontro Luhan, Lay, Suho e Tao já comendo, então apenas pego uma maça, quando estava saindo da cozinho Suho me chama.

 

-Baek, não precisa se incomodar conosco...a casa é sua-Ele diz

-Não estou incomodado-Ele olha para a maça- É que não estou com muita fome.

-Hum sei, mas porque está indo tão sedo para a escola?

-Prometi aos meus amigos, que conheceríamos o local -Respondi, na verdade era mentira, eu apenas queria ir para falar com o rei.

-Entendi, então melhor ir, e não os deixar esperando-Lay diz sorrindo, eu apenas acento, e saio do local, e então vou para escola.

 

Chegando lá uma moça muito gentil pergunta o que eu fazia ali tão cedo e eu apenas respondi que queria falar com o rei, ela estava me levando para a sala do mesmo, até que fomos barrados pelo Chanyeol, que acabou por perguntar o que eu fazia ali, a moça super gentil explicou tudo, e o mesmo insistiu em nos deixar passar, e então eu me irritei.

-Qual seu problema comigo? -Pergunto me alterando-Como você disse não preciso de babá, então será que dá para sair da minha frente? -Digo e o encaro, meu olhar era de raiva e o dele também, já dos outros dois que acabaram de chegar (Kai e Sehun), era de surpresa.

-S-Senhor Byun se acalme, você está falando com a vossa alteza -A moça diz

-Eu sei, e me desculpo por isto, mas não importa se ele é o príncipe ou não, eu quero respeito a minha pessoa-Digo-E se a senhorita quiser ir fique à-vontade, já sei como chegar a sala da vossa alteza

-Ok senhor, com licença-Ela diz e ia foi em direção contraria de que estávamos indo.

...

-Agora da licença, príncipe, exijo falar com seu pai, e tira estes olhos de raiva de cima de mim, porque se você esta com fome, problema é teu-Digo e

Passo enquanto ele estava confuso mas ainda parecendo furioso, os outros dois não me barraram nem nada, e então fui a sala do rei, chegando lá converso com o mesmo, que acaba por me explicar toda a situação que eu não entendi, e também ele me apresentou a fada que seria minha companhia, e depois sai da sala, segundo uma sacola com 3 livros, que o mesmo me deu para poder aprender sobre algumas coisas sobre a realeza, e meus poderes, pelo que entendi, ele acha que se eu for avançado no assunto poderei progredir bastante para o reino, há, ele também disse que já falou com meus pais, e que os mesmos não se importaram em deixar seu filho (eu), nas mão da família real.

Agora eu estava na biblioteca lendo os livros do rei, quando sinto presença de mais pessoas na sala, eu não ligo até que percebo ser Tao e os outros, então fico com medo da reação deles, pois eu menti. E na hora que percebo que eles me viram, a reação deles foi diferente do esperado.

 

-Cadê seus amigos Baekhyun? -Kris pergunta

-Eles deixaram você esperando? -Agora foi a vez de Lay perguntar

-Não-Digo e todos me olham sem entender nada, então respiro -Eu não vim mais cedo para encontras com eles, eu vim porque queria falar com o rei, e também porque eu não queria atrapalha-los.

-WoW, nossa esta é nova

-Você mentiu, só para nosso bem? -Suho pergunta e eu confirmo

-Besta, não se preocupe conosco, agora você é um de nós, e nosso amigo, certo? -Luhan pergunta e eu afirmo-Então...não precisa se preocupar com coisas como esta.

...

-Agora nos diz, o que são estes livros? -Xiumin pergunta

-O rei me deu, na intenção de eu ficar avançado no assunto do reino-Digo

-Estranho nunca tinha vistos estes livros-Chen diz

-Nem eu-Suho confirma e logo escuto uma voz que pretendia não escutar mais hoje, invadir a sala

....

-Logico que não, ele é o queridinho do meu pai-Chanyeol diz, e eu fico quieto, até que ele se aproxima -Neh?!-Não digo nada, apenas levanto e bato na cara dele

-Você já está me dando nojo, que chato do caralho, se não gosta de mim, não precisa ficar me seguindo-Digo pego minhas coisas, e saio dali sendo acompanhado por D.O?!Oxi

 

-Baek, escuta-Ele diz e eu o olho- Não fique bravo com ele, ele não tem culpa de estar com ciúmes, entenda, o pai dele não quer dizer nada sobre o reino, e você está com livros que o deixam no mesmo nível que ele, ele apenas está com medo de alguém, mais especifico você tirar o lugar dele-Ele termina de falar e me olha

-Eu sei disso, e entendo -Só aí percebo Chanyeol e os outros observando nós dois- Mas mesmo ele tendo este tal "ciúmes", eu acho que mereço paz e ser respeitado, porque senão eu sou capaz de desistir.

-Você não seria capaz de desistir seria?!-Ele pergunta surpreso

-Sei lá, por agora, sim eu seria...-Digo e logo recebo uma mensagem olho o celular e era Tae -Se me dá licença, meus amigos já estão me esperando

 

Saio dali e vou em direção as escadarias onde avisto Tae e Hoseok, e logico os 11 ainda me seguiam, e eu apenas fingi não perceber, por mim e pelos meus amigos, mas chegou uma hora que ficou irritante, o Tae me perguntou porque eles estavam nos seguindo, expliquei mais o menos para ele, e ele apenas jogou seus braços no meu pescoço, estranhei tal movimento, mas relaxei quando ele disse "é apenas encenação, sabemos fazer isto melhor do que qualquer um neh?" Eu apenas confirmei, logo Hoseok percebe a encenação e também começa a encenar, até que chagamos na sala de aula, e logo Sehun sai do "esconderijo" junto com Kai, e se sentam.

Digamos que fiquei em fingia, por toda a hora que estava lá, mas logo que todos os outros alunos haviam embora, eu já perdi minha paciência, não avia mais o porquê de tudo aquilo.

 

-Será que dá para, parar de me seguir sério tah ficando chato-Digo e olho para eles, que me olham surpreso- Se for por causa que eu disse que poderia desistir, relaxem, não farei isto. Mas só porque o Luhan pediu. -Digo e o mesmo sorri

 

Para explicar, ele fez uma telepatia comigo um pouco mais cedo, então pude entender todo este lado marrento de Chanyeol, e também o porquê do rei querer a mim, sendo que havia mais um representante da luz na escola (sim eu pesquisei).

 

Logo vejo todos relaxarem, e então sorrirem (até Kris e Chanyeol), retribuo o sorriso, eles acabaram ficando comigo, e para falar a verdade foi divertido, tirando o fato de Chanyeol nem me pedir desculpa, é foi legal.

Estava tudo indo bem até que na hora que fomos sair da sala, um engraçadinho havia trancado a porta, não totalmente e logo depois de eu abrir, as únicas coisas que vi e senti, foram as mãos de alguém me puxando para trás e depois um balde com agua, caindo. O que eu mais estranhei foi quando a pessoa me abraçou, então olhei de lado, e vi que era Chanyeol, então lembrei do que Luhan disse.

 

"Chanyeol perdeu sua amada irmã, quando vários caras, coloram um balde de leite na porta, mas esqueceram uma pedra junto, e quando sua amada irmã abriu a porta, a pedra caiu em sua cabeça, e a mesma acabou tento um corte que atingiu o local mais preocupante, e dias depois ela morreu, em todo este tempo Chanyeol estava lá observando, e ele se sente culpado de não ter salvado ela"

 

Com isto que veio em minha mente, eu levei minhas mãos até seus braços, e comecei a acariciar, até dizer "calma eu to bem" e depois "obrigado" e segurar seu braço literalmente quando ele me apertou mais. Os outros que estavam ali, estavam muito ocupados, vendo quem poderia ter feito uma brincadeira dessas. Demorou um pouquinho até Chanyeol me soltar.

-Você está bem mesmo? -Ele pergunta

-Sim, obrigado -respondo, eu estranhei um pouco sua preocupação, normalmente era para ele estar com vergonha.

Depois os outros voltaram, avisando que não haviam encontrado ninguém, e eu apenas disse para deixar para lá, mas Chanyeol existiu em procura-los amanhã, e então todos foram para suas casas, correção, para minha casa e do Tao, chegando lá alguns se surpreenderam, pois nunca haviam estado em uma casa como aquela antes, inclusive Chanyeol, que olhava tudo com muita atenção e parecia adorar tudo que via, fazendo o fofo.

 

ESPERA...ESPERA...PARA BAEKHYUN não começa, se concentra, você não pode achar fofo o cara que te irritou mais cedo...além do mais isto seria como se tivesse gostando dele? PARA...PODE PARA...eu hein mente chata. Mas será que posso estar começando a gostar dele? ...hum será...?

 

To be continued....


Notas Finais


Kkkkk..ai ai...
desculpe os erros, espero que tenham gostado..
e Até sexta >3<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...