História Big Heart - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO, Got7, SHINee, Sistar
Personagens D.O, Jackson, JR, KiBum "Key" Kim, Mark, Personagens Originais, Tao
Exibições 22
Palavras 1.422
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente...
Mais um cap...
Bjos... Que rápido kkk

Capítulo 17 - Festa do Pijama ll


Fanfic / Fanfiction Big Heart - Capítulo 17 - Festa do Pijama ll

       
              Festa do pijama

            Grazzy Pov's


Já eram 20:00 e todas nós já estávamos na casa de Jay faz tempo. Íamos fazer a festa do pijama das meninas, Jay disse que os meninos haviam ido para um jogo de basquete e iam chegar tarde, quando eles chegassem acho que já estaríamos dormindo.
Manu foi a que chegou mais tarde, ela estava muito estranha, muito calada,  muito diferente da Manu que me ligou animada dizendo que já estava chegando. Alguma coisa aconteceu para ela estar assim, algo muito grave  e eu tenho que descobrir.

A Taeyeon, Jay, Dasom e a Bora estavam lá em cima arrumando tudo e ficou eu , a Manu e a Amanda na cozinha. Era a hora.

Vi Amanda olhar para a escada para a ver  se vinha alguém e passar o olhar para Manu, um olhar preocupado, acho que ela também percebeu. Mas não havia como ignorar.

— Manu, o que aconteceu ? —  Amanda perguntou chegando mais perto de nós mas parece que Manu de tão aérea não ouviu nada. — Manu,  você me ouviu ?
— Ahh, O quê? —     Manu olha atordoada por ter sido pega aérea.
— Eu perguntei se aconteceu alguma coisa ? Você está bem ? — Amanda pergunta de  novo e eu fico atenta para o que a Manu vai dizer, porque além  de Amanda eu também estou preocupada.
— Ahh, não nada... — Manu fala dando os ombros. Ah, ela acha que a gente vai cair nesse papo dela de que não está acontecendo nada.    Avá.
— Ah Manu por favor, né ? Você tá com uma cara que parece que morreu alguém. Então não venha pra cima da gente dizendo que não aconteceu nada. Porque aconteceu alguma coisa. Então desembucha logo. — interfiro olhando impaciente para ela.
Ela solta o ar como se estivesse com ele preso e  baixa os ombros pesadamente.

— Quando eu estava vindo pra cá, eu encontrei o Jay na casa  de Killa, não sei do quê estavam falando, mas sei que ela estava toda assanhadinha pra cima dele e quando me viram ela fez questão de jogar na cara que tinha meu ponto fraco nas mãos.  Aish, eu não suporto essa garota, ela faz de tudo para ter  tudo o que é meu, faz de tudo para me destruir.Sério, pensei que ia estrangular ela, ela e aquele sorriso cínico dela. E como ele pode ficar perto dela ? Ele não percebe que ela é uma víbora ? Aish Homens! — Manu para pegando fôlego, ela falou tão rápido que nem percebeu que precisava de ar. Eu e Amanda estávamos rindo bem baixinho quando ela virou para nos encarar. — Porque vocês estão rindo ? Não tô vendo graça no que aconteceu.

— Manu você acabou de admitir que tem um fraco pelo Jay Park. Você nunca admite nada. Eu percebi os seus  olhares para o Jay mas nunca pensei que você fosse admitir que tava na cola dele. — fala Amanda ainda rindo.
— Eu também sabia que você tava assim, nunca pensei que Manu iria se declarar. — eu concordo meio que debochando dela, até porque Manu havia acabado de falar que gostava de alguém.

— Eu cansei de sempre esconder meus sentimentos. O povo só me conhece por a Manu brincalhona, a Manu engraçada e não vê que eu também tenho sentimentos. — ela fala emburrada. — Sério meninas, o Jay não dá a menor bola pra mim e a Killa tá dando em cima dele até me ver sofrer. O que eu faço? Eu não sei mais o que fazer ?.
— Primeiro fique calma... — começo mas ela logo me interrompe.
— Manter a Calma, você só pode tá brincando comigo né? Se o Mark não desse a menor bola pra você, você ia saber como eu estou me sentindo. Mas não, a diferença é que o Mark gosta de você. — ela vocifera. O que ela acabou de fazer ? — E tá na cara que vocês dois se gostam, é impossível não ver os olhares.
— Mas...— Não acredito o que ela acabou de falar ? Como ela teve coragem ?
A raiva tava crescendo em mim. Sentei no banco perto da bancada antes que eu falasse alguma coisa que magoasse alguém. Ninguém fala assim dos meus sentimentos, sei que ela esta está com raiva mas Ela. Não. Podia. Fazer. Isso.

— Vamos conversar isso depois meninas, nós viemos para a nossa festa do pijama, lembrem-se que as meninas dessem já. — Amanda fala com a voz da razão. Eu fico emburrada em um canto e Manu em outro.

°°°°°°°°°

Ficamos conversando por um bom tempo sentadas em uma rodinha. Já eram 20:30 e eu já estava com muita fome.
— Gente eu tô com fome, tem alguém que tem o Jin na cabeça e faça alguma coisa pra gente comer ? — pergunto.
— Eu faço... — ela se levanta da nossa roda na cama mas no primeiro passo surge uma gritaria provavelmente de meninos.
— Vocês ouviram isso ?— Da som pergunta.
— Sim, Jay você não disse que não ia ter ninguém aqui ?— Bora diz fazendo outra pergunta.
— Mas não tem ninguém. Meus pais viajaram e os meninos foram no jogo de basquete e só voltam tarde. — ela responde.
— Ai gente, deve ser na casa vizinha. Bom eu vou fazer algo para a comer.
— Amanda fala saindo do quarto e  descendo as escadas.

              Amanda Pov's


As meninas estavam com fome então saí do quarto para a cozinha. Já no segundo degrau quando ouvi o som da televisão, será que alguém tinha entrado na casa ?
Desso a escada em passos lentos para não ser percebida pelo invasor e isso acabar mal.

No último degrau dou uma espiadinha para a sala... Não apenas um invasor tinha cinco invasores. Chego mais perto e tento ver se conheço...
Peraí, são os meninos : Jay Park, Mark, Jackson, D.O e Bambam. Eles estavam assistindo um jogo de futebol, Paris Saint German X Real Madrid, pelo que eu sei apenas o Bambam torcia para o PSG. Eu gosto de assistir jogo de futebol e gosto do PSG, o placar tava de  1x0 pro Real Madrid.
Sentei no último degrau e fiquei ali assistindo em silêncio. O Paris Saint German estava prestes a empatar e ele vai, ele vai, ele vai, ele vai.
E é  gol do PSG......

— Eeeeeeee..... — levantei ficando em pé a pouco metros do sofá pulando que nem uma doida, as cinco cabeças viram e olham pra mim como seu fosse um fantasma. — Vamos ganhar, vamos ganhar ....
— Sempre escondida né Amanda ? — Bambam fala interrompendo minha comemoração mas eu ainda contínuo gritando vamos ganhar. — Dá para você para de gritar ?
Paro mas logo Bambam se levanta e pula na frente da televisão gritando e me junto a ele comemorando e pelas caras dos meninos eles não estavam gostando nada nada...

Eu e Bambam paramos já estavamos cansados de pular e os meninos pareciam que iam pular em cima da gente.
Bambam voltou para o lugar dele e eu sentei no espaço entre D.O e Jackson que ainda olhava pra mim como se eu fosse um ET.
' SEM OFENSAS QUERIDO THAEYUNG' V

— Que foi ? Sou eu Amanda ? Lembra de mim ? Fantasmas não existem, sabia Jackson ? — falo debochando da cara do Jackson e o mesmo revira os olhos. Mas o que eu posso fazer ele que tava me olhando com uma cara de idiota.
— O que está fazendo aqui ? — ele pergunta ignorando meus debodela .
— Ahh, eu e as meninas estamos fazendo uma festa do pijama. Mas a Jay disse que vocês ia para um jogo... — comento intrigada.

Ele ia comentar alguma coisa mas foi interrompido por uma voz:
— Amanda ? Porquê a demora, estamos com fome.... EITA MERDA.... — viro e os meninos fazem o mesmo e vemos a Grazzy violentamente corada .

MAS O QUÊ TÁ ACONTECENDO COM ELA?

Olho para ela procurando algo preocupante, quando olhei para baixo foi que percebi : Grazzy estava com uma blusa curta de manga longa e um shorte azul pequeno.

— Grazzy ... — Grito correndo para perto dela e um vulto sai em disparada  na minha frete. Quando chego para cubrir Grazzy, Mark já estava lá ficando de frente cobrindo minha Panda...

O quê eu disse MARK ?

MAS O QUE TÁ ACONTENDO ?



Continua.......


Notas Finais


Oiá a borrada Jay Park
Coitada da Manu
ET... Kkkkkk
Ihhh Grazzy...
Até o próximo...
Bjos de açúcar e ETs kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...