História Billdip !Swap - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Dipper Pines, Mabel Pines, Pacifica Northwest, Personagens Originais, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines
Tags Billdip, Gravity Falls, Romance, Yaoi
Visualizações 42
Palavras 924
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Festa, Luta, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sushi :Enquanto o Bill Tava nos pega...O Dipper Tava assim

Kuroneko : vai ter muita treta

Capítulo 25 - A armadilha de uma cobra



Cap. 24 A armadilha de uma cobra!
Pov. Dipper
Estamos agora em Reverse Falls (KN- enquanto o Bill tava lá com o Dani, eles já estavam aqui) estou na frente da mansão dos reversos.
Dusa- eu vou na frente- ela disse se transformando em uma cobra- quando tudo estiver ok eu mando uma das minhas cobras te guiar pela mansão até você chegar no Tyrone- ela disse passando por uma fresta na parede.
Nesse meio tempo fiquei pensando no Bill “será que ele está bem? Comeu direito? Tomou banho? eu sei que ele odeia tomar banho... Será que ele vai me perdoar algum dia?”. Até que a porta abre e uma das cobras da Medusa aparece, eu a sigo como a Medusa falou e vou andando pela mansão até achar aquela cobra mutante.
Dusa- ai dentro- ela disse com um sorriso que eu não sabia se era pervertido ou sádico.
- hum- não respondi e apenas toquei naquela maçaneta dourada me perguntando se abria ou não, se meu irmão estava bem ou não e o principal se ele vai me perdoar ou não.
Dusa- tic tac querido, vamos logo com isso- ela disse fingindo ter um relógio no pulso e assim com muito medo abri a porta e vi algo pior que a morte.
- Ty... – sussurrei, ele estava deitado no peito daquele Will filho de uma... Eu não sabia o que dizer ou fazer só ficar lá brincando de estatua e com certeza estava ganhando.
Ty- hum... Bom dia Will- ele disse nem notando minha presença e com isso pude vê-lo melhor ele não mudou nada só que o cabelo dele está meio preso por um boné posto pra trás.
Will- bom dia Ty... AH!
- AH!
Ty- AH!- Gritamos todos juntos.
Will- sai desgraça!- ele usou um poder de levitação que deixou seus olhos azuis mais brilhantes.
Ty- Não Will!- ele disse segurando o braço do Will me fazendo cair de bunda no chão T-T.
Will- ok quem é você?- ele pergunta me olhando de cima a baixo, mas eu estava paralisado não falava, não me mexia eu só... Desmaiei.
Pov. Tyrone
Eu não podia acreditar depois de 4000 anos meu irmão tá aqui, aqui no meu quarto, Tem um demônio no meu quarto! Vendo-me quase nu! Mas não importa ele já me viu pelado mesmo.
Will- o que fazemos com o corpo? Queimamos?- ele disse com um sorriso maligno.
- Não! Ele é meu irmão- ele me olhou surpreso.
Will- irmão? Você nunca disse que tinha um irmão!- ele disse com um pouco de raiva.
- eu não achei necessário sem contar que eu e Mason não nós damos bem- disse me lembrando daquele dia (Sushi- drama do caralho).
Will- o que ele fez?- ele tinha que perguntar isso?
- eu não quero falar disso- disse e ele me olhou com pena, acho que estou com os olhos molhados.
Will- ok então, mas o que fazer com ele?- eu pensei e tive uma ideia.
- vamos leva-lo para a cozinha- Will me olhou com duvida, mas fez meu pedido e foi levando o Mason com seus poderes- coloque ele na bancada- ele assim fez- agora pegue para mim sal grosso, agua e chocolate- ele pegou cada coisa e pôs a minha frente.
Will- pra que isso?- ele perguntou me vendo pegar o sal com uma colher bem grande (Sushi- daquela colher de pau de mexer sopa).
- vou fazer isso- joguei o sal no Mason, ele acordou gritando de dor, joguei água nele e dei um tapa na cara dele... Mas por fim peguei meu chocolate e sai correndo pro quarto.
Pov. Will
 Tyrone fez essa armada e saiu correndo com o chocolate, quando ele faz isso é porque ele tá magoado.
Mason- ai meu corpo- eu olhei pra ele que reclamava e pude ver alguns hematomas, manchas vermelhas no rosto e seu olho esquerdo sangravam.
- nossa! Você tá bem?- perguntei afinal quem se machuca tanto com sal, agua e um tapinha do Ty que não é um cara lá muito forte, né?
Mason- eu to mais ou menos, mas não me admiro que ele tenha feito isso era pra ele ter feito pior- ele disse tentando se levantar.
- quer ajuda?- perguntei vendo que ele realmente tava sentindo dor.
Mason- não precisa- ele disse, mas eu fiz questão de ajudar- valeu cara, ei você e o Ty são... Você sabe... Namorados?- ele perguntou sorrindo.
- somos, já tem um ano de namoro- disse me lembrando do nosso aniversario que foi semana passada, que bom que o Mason veio hoje, porque semana passada o Ty nem andava.
Mason- que bom, mas você ainda tortura ele?- ele perguntou meio assustado.
- não! Claro que não! Eu amo ele!- disse bem sincero pra ele sacar a ideia.
Mason- espera... Se você não tortura ele então AQUELA COBRA DE DUAS CABEÇAS!!!- ele gritou com muita raiva.
- calma cara! Que isso?- disse o vendo caminhar até a porta.
Mason- vou atrás daquela... – ele parou de falar ao bater na porta- que? Eu não consigo sair!- ele disse batendo num tipo de barreira que o impedia de passar pela saída.
- pera me deixa tentar- botei só o braço e consegui passar normalmente.
Mason- mas que merda é essa?- ele disse olhando pra redoma (KN- é tipo aquela da cabana do Mistério).
?- Bem meu querido, pareci que o jogo virou, não é mesmo?- apareceu uma mulher com cabelo de cobra, um vestido preto com as pontas da saia verdes e seus olhos brilhavam.


Notas Finais


Zemat

; -; where is you


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...