História Billdip !Swap - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Gravity Falls
Personagens Bill Cipher, Dipper Pines, Mabel Pines, Pacifica Northwest, Personagens Originais, Stanford "Ford" Pines, Stanley "Stan" Pines
Tags Billdip, Gravity Falls, Romance, Yaoi
Visualizações 73
Palavras 2.705
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Festa, Luta, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sushi- vamos explicar algo importante nas notas finais. A fic acabou

KN- T-T SAD!

Sushi: curtam o último capítulo

Capítulo 27 - Pactos,ilusões e muito mais! Hoje na rede globo



*Cap. 26 Pactos, Ilusões e muito mais! Hoje na Rede Globo*
Pov. Dipper
?- olá Tyrone e suponho que você seja o Dipper- disse um senhor de idade que aparentava ser sego.
Ty- olá senhor Idai- ele disse tocando no ombro do senhor e cochichando algo em seu ouvido.
Idai- entendi o recado...
- olha eu entendi tudo aqui- falei ironicamente.
Ty- caralho seu viado, tu é o pior irmão de todos os universos, mas eu vou te ajudar porque ninguém merece ficar sem amor- ele disse reclamando- basicamente ele vai nos ajudar a mandar a cobrinha pra estratosfera e levar você de volta pro seu Bill.
- ele?- apontei pro senhor de idade que estava sempre de olhos fechados.
Idai- você sabe quem eu sou garoto?- ele perguntou com a voz roca e velha.
- não, senhor- disse educadamente afinal ele é um velhinho. 
Idai- aí está o erro dos demônios- nessa hora me surpreende por ele saber disso- eles só veem a parte de fora- ele fez um gesto com a mão e se transformou num homão da porra!- agora vamos repassar o plano, ok?- sua voz agora era melodiosa e simpática.
Ty- ok Idai, mestre dos portais- ele disse se curvando e eu fiz o mesmo.
- mas se você é o mestre dos portais, por que tá aqui?- perguntei estranhando.
Idai- eu fui acidentalmente puxado por uma força de energia negativa que rodeia essa dimensão e vim parar aqui nessa casa, mas eu tinha perdido minhas forças por causa da nuvem de negatividade do portal e meu amigo Tyrone me ajudou- ele disse sorrindo pro Ty- e agora vou retribuir te ajudando. Com uma parte de meus poderes recuperados e seus poderes podemos abrir um portal para 1- a dimensão gelada, 2- minha dimensão e por ultimo a sua- ele disse sorrindo.
- ok, mas pra quê a dimensão gelada?- perguntei.
Ty- cobras ou qualquer réptil que ficar em um ambiente gelado corre grandes riscos de morrer- ele explicou e eu assenti.
- ok só que como, quando e onde vamos fazer tudo isso?- perguntei desconfiado afinal tudo tem que ser friamente calculado.
Idai- vamos fazer assim: vamos fazer no seu quarto antes dela chegar, depois você vai fingir que aceitou a Medusa como esposa e tente seduzi-la e leva-la para o seu quarto lá eu e Ty vamos segurar o portal, quando vocês entrarem tente ser rápido e a empurre no portal- ele explicou e eu assenti.
Ty- mas nós vamos conseguir segurar o portal?- ele perguntou cruzando os braços- eu não sou tão forte quanto o Dipper.
Idai- vamos conseguir! Mas Dipper não demore mais que 5 minutos- assenti e ele continuou- depois que a cobrinha sair de cena eu vou abrir o meu portal e por fim quando eu sumir você fala o nome da dimensão e pula antes do portal fechar!
- saquei, mas depois eu vou poder voltar pra ver o Ty?- perguntei com o olhar meio triste no Ty.
Idai- eu não sei, mas no pior dos casos- ele parou de falar e coçou a cabeça- quer saber vocês vão conseguir sim!- ele disse determinado.
- beleza! Quando a jararaca volta?- perguntei olhando no relógio que já era 18h 19min.
Idai- se meus poderes não me enganam daqui uma hora!- ele saiu procurando entre as gavetas velhas- achei!- ele tirou um livro- vamos logo com isso!- começamos a correr pela casa até chegarmos ao quarto e faltava uns 45 min.
Pov. Bill (Sushi-enquanto isso em Gravity Falls)
Eu e o Dani estamos aqui em casa assistindo uns desenho animado, meus tios já voltaram de viajem e fizeram mil perguntas sobre o Daniel e o Dipper e eu fui obrigado como sempre a responder, mas isso foi a dois dias atrás quando o Dani passou a noite aqui e vocês já sabem “ Ford- BILL QUE POHA É ESSA?!”. O Dani veio morar aqui, pois ele ia ficar para investigar os mistérios e criaturas de Gravity Falls e não tinha lugar pra ficar. 
Dani- ei Bill- ele me chamou tirando a atenção da TV.
- hum?- falei o olhando e percebi que ele estava corado.
Dani- eu quero te perguntar uma coisa, mas tenho medo- ele disse nervoso.
- pergunte- afirmei comendo meu pacote de doritos.
Dani- eu sei que nos conhecemos há pouco tempo, mas o que eu vou dizer é totalmente verdadeiro- ele mudou de vermelho corado pra branco pálido!
- você tá se sentindo bem?- me preocupei com seu nervosismo.
Dani- e- eu a- ano... A- moi... – segurei sua mão e ele realmente estava suando frio.
- calma, respira e me diz de uma vez- disse o olhando atentamente.
Dani- ok... Eu estou apaixonado por você e eu simplesmente queria dizer que te amo e perguntar se você me... – eu o cortei na hora com um beijo é obvio que eu me magoei com o Dipper, mas eu tenho que seguir em frente, depois de uns minutos nos separamos do beijo por falta de ar.
- eu também gosto de você e acho que podemos fazer isso dar certo- digo sorrindo pra ele.
Dani- ah se vai- ele me olha maliciosamente e me pega no colo estilo noiva e me carregou até o meu quarto.
- D- Dani tem certeza disso?- disse meio nervoso.
Dani- mais do que nunca tenho- ele começou a me beijar e... 
(Sushi- vamos voltar pros planos lá em Reverse Falls)
Pov. Dipper (KN- enquanto eles se pegavam lá)
Está tudo pronto só falta fazer o ritual e finalmente estarei livre... Ou quase.
Idai- agora deem as mãos- e assim fizemos- agora repitam o texto.
Todos- Retirus xanainos paradavios!- dissemos juntos e um portal branco em formato de espiral se abriu no chão.
Idai- dimensão gelada- o portal ficou azul com uns floquinhos de neve- agora Dipper solte a mão e vá correndo receber sua esposa- assim fiz e eles continuaram lá encima.
Pov. Medusa 
Estou na minha casa na dimensão Praieira, tive a brilhante ideia de adaptar minha casa para mim, meu marido e quem sabe uma, duas, três ou mais crianças hehehe. Mas ao ver que já era quase 19h decidi voltar.
(Em Reverse Falls)
Cheguei em casa e fui direto pra sala ver se tinha alguma coisa interessante acontecendo, mas nada.
- onde tá tudo mundo?- perguntei pro eco do lugar.
?- eu to aqui meu amor~ - “esse é o...”.
- DIPPER?!- ele tava sem camisa e com uma coleira escrita DADDY.
Dip- quem mais seria?- ele falou se aproximando- vamos nos divertir um pouco?- começou a beijar o meu pescoço.
- D- Dipper- gemi um pouco com o ato- A- Aqui?- perguntei pelo fato de estarmos na sala.
Dip- claro que não- ele tirou garrafa de vinho magicamente do nada- vamos brindar o novo começo de uma nova historia- ele coloca a bebida em duas taças de cristal e me dá uma- á nos?
- á nos- brindamos e eu bebi tudo de uma vez, mas eu to meio tonta- Dipper o que tinha nessa... – quando fui ver já estava no quarto e tinha: um fudendo portal pra sei lá onde e um povo que eu sei lá quem é!
Dip- boa viagem ao mundo gelado- ele falou me empurrando naquele portal e eu fui parar na dimensão gelada.
- VOCÊS ME PAGAM FAMILIA CIPHER!
Pov. Tyrone 
Idai- agora o meu portal, dimensão Portais- ele disse e o portal ficou roxo com flores.
Dip- sua dimensão parece ser bem fofinha- ele disse tirando sarro do Idai.
- pare de brincar com ele Dipper! Ele já ajudou a gente- reclamei com meu irmão.
Idai- bem... Até a vista crianças- ele falou pulando no portal.
- vai rápido maninho, tá lasca segurar esse portal- reclamei por esta muito esforço é serio!
Dip- ok, Dimensão Gravity Falls- ele disse e o portal ficou amarelo com pinheiros azuis ao redor- Tchau Ty, nunca vou esquecer isso- ele disse sorrindo.
- vai esquecer sim, tu tá me devendo agora- disse e ele pulou no portal- tchau maninho.
Pov. Mabel
Desde que meu irmão sumiu eu venho tendo pressentimentos ruins e bons, mas agora esses pressentimentos tão piores.
Ford- você tá bem?- ele perguntou tocando no meu ombro.
- sim sogrinho- disse voltando ao meu estado animado, o Kill saiu em turnê de luta com o Stan pela Europa e eu fiquei aqui com medo do Dipper voltar chorando.
Ford- ok, eu vou lá pra academia você fica bem sozinha?- ele pergunta pegando seu casaco e uns papeis de contas pra pagar.
- fico sim, tchau Sogrinho- ele acenou da porta- agora eu to sozinha de novo, o que fazer?- então me deito no sofá e fecho meus olhinhos.
Mente Da Mabel om
Vejo uma Gorgona andando pelo gelo, ela está meio desolada “coitada”.
Mab- ei quer ajuda?- perguntei estendendo a mão.
?- claro que sim!- seus olhos começam a brilhar e sinto meu corpo começar petrificar.
Mab- mais oque?!- quando dei fé já estava petrificada.
?- agora você me paga Dipper!- ela gritou.
(Sushi- A Mabel é um demônio da salvação, ou seja, ela senti que alguém precisa de ajuda e se ela se concentrar- o que é raro de acontecer - ela pode se tele transportar para ajudar a pessoa)
Pov. Dani (KN- o tele transporta demora então... Vamos ver como eles estão).
Acordei no meio da madrugada, está fazendo frio lá fora, mas aqui no quarto tá muito quente. O Bill tá dormindo tranquilamente “ele fica tão fofinho quando dorme” não reste e dei um beijinho na testa dele o fazendo acordar.
Bill- Dani?- “OMG ele é muito fofo!”.
- desculpa ter te acordado- pedi desculpas sendo abraçado por ele.
Bill- que horas são?- ele disse olhando no relógio- nossa! São 5 horas ainda- ele disse reclamado.
- você não tem aula hoje né?- perguntei sorrindo.
Bill- sim! Hoje é dia do estudante- ele disse sorrindo bem animado.
- vamos levantar?- perguntei pegando uma blusa e a vestindo.
Bill- tá bom- ele se levantou e pegou sua cueca.
- que tristeza- falei com olhar triste.
Bill- o que?- ele perguntou já de cueca e blusa.
- ver você vestido hahaha- ri um pouco da cara que ele fez.
Bill- idiota- ele disse se levantando da cama- ai!- ele caiu no chão.
- hahaha!- eu ria tanto que não sei como Stan e Ford não levantaram.
Bill- me ajuda!- ele pediu e assim fiz o ajudando a chegar à cozinha- to com fome!- ele disse com a cabeça na mesa feito criança.
- vou fazer o café- ele sorriu e eu comecei a fazer o café, torrada e café- tá ai- entreguei o prato pra ele com umas torradas e uns ovos.
Bill- obrigado- ele pegou a sua caneca com uns triângulos pintados em amarelo.
Ficamos conversando durante o café e entre conversas uns beijinhos hehehe, mas eu notei que o Bill estava um pouco distraído.
- fofinho você tá bem?- perguntei vendo que ele mexia o café já faz tempo sem dizer nada.
Bill- sim estou bem, vou tomar um pouco de ar- ele se levantou saindo. 
Pov. Bill
Estou sentindo algo estranho, como se tivesse cometido um crime... “Será que eu estou me sentindo culpado pelo Dipper? Não pode ser isso! Ele mentiu pra mim sem contar que o Dani é tão bom comigo, mas e se eu tivesse escutado ele será... Não! Já decide o que fazer!”
- ok Bill, respire e se acalme- disse me sentando no sofá do lado de for, nessa hora ouvi um barulho vindo da floresta- mas o que foi isso?- me levantei deixando a caneca no chão e andando um pouco em direção à floresta.
Pov. Dipper
Isso! Venha cá Bill! Eu só conseguia pensar que ele estava ali, não mudou nada nesse tempo. 
?- Bill!- um garoto o chamou- você tá bem?- ele perguntou se aproximando o fazendo parar no meio do caminho. “MAIS QUEM É VOCÊ?!”.
Bill- estou bem Dani, só ouvi um barulho- ele disse ainda olhando pras arvores onde eu estava escondido.
?- deve ser um esquilo ou algo assim- ele disse abraçando o Bill por trás! “COMO ASSIM BITCHES?!”.
Bill- hahaha Dani isso faz cocegas- ele estava realmente feliz com isso?!
Dani- só vou parar se você me der um beijo- ele disse virando Bill para se mesmo.
Bill- mas é claro- ele beijou aquele cara “ele me trocou?” nessa hora só podia sentir ódio desse Dani e queria por tudo mata-lo.
Pov. Dani 
Bill estava me beijando e estava simplesmente ótimo, mas eu sentia uma energia poderosa por perto.
?- VOCÊ!- um cara começou a flutuar na nossa frente, ele tinha um poder incrível e muita raiva!
- mais quem é você?!- perguntei ficando na frente do Bill caso ele ataca-se.
?- não te interessa- ele disse com raiva.
Bill- Dipper! Para!- ele gritou “espera esse é o Dipper”.
- então você é o Dipper, que bom que podemos nos conhecer- disse saindo do meu corpo- então vamos resolver uns assuntos- meus olhos ficaram com um brilho azul e os dele ficaram pretos de raiva.
Bill- PAREM OS DOIS!- eu o prende dentro de uma bolha protetora para ele não se machucar. 
- relaxa fofinho, eu vou acabar com esse idiota rapidinho!
Dip- calma minha princesa, esse fantasma já vai voltar ao mundo dos mortos!- ele disse me atacando com uma bola de fogo azul que eu desviei fácil.
- só isso?- começamos uma batalha de ódio vs amor e detesto admitir, mas ele é forte viu!
Dip- já tá cansando?- ele perguntou vendo que eu já estava voltando ao chão- bem vamos acabar logo com isso- ele preparou uma bola de energia que com certeza eu não ia conseguir desviar ou resistir.
- BILL!- ele me olhou desesperado- desculpa meu fofinho- disse já sem força.
Bill- NÃO!- ele conseguiu quebrar a bolha que já estava fraca e ficou na minha frente antes daquela bola me atingir!
Eu/ Dip- BILL!- falamos ao mesmo tempo quando Bill caiu no chão.
- Bill! Acorda! Por favor!- eu gritava em desespero.
Dip- o que eu fiz?!- ele chorava.
- VÁ EMBORA COISA RUIM, DEMONIO MALDITO, OLHA O QUE VOCÊ FEZ!- gritei com muito ódio e ele saiu correndo pra floresta.
Pov. Dipper
“O que eu fiz?! Agora o Bill pode estar morto e é tudo culpa minha!” só pensava nisso enquanto corria pelas arvores da floresta chorando.
Dusa- olha quem apareceu- aquela voz era dela.
- vá embora!- gritei correndo.
Dusa- ei olha por onde anda pra não bater em nada ou em alguém- ela disse isso e eu senti um impacto com algo.
- mas que merda... MABEL, TY?!- eles foram transformados em estatuas- não! O que você fez sua cobra!- ela apareceu.
Dusa- bem... A Mabel sentiu a minha dor e foi me ajudar como um demônio da salvação faz, depois roubei uma parte de suas forças e a transformei em pedra junto com o Tyrone- ela falava enquanto tocava nas estatuas- e só eu posso trazê-los de volta.
- o que você quer?- já sabia o que era mesmo.
Dusa- você- ela abriu um portal e eu vi uma casa na dimensão Praieira- você vem comigo pra lá, sem comunicação, sem poderes e sem nada ou eu destruo sua irmã e seu irmão!- ela disse.
- ok eu vou, mas vamos fazer assim: eu te dou meus poderes e você salva eles, e eu ainda vou com você só que não pra lá e sim pra algum lugar aqui da terra- disse e ela pareceu surpresa.
Dusa- então tá- ela desfez o feitiço e Mabel e Ty voltaram ao normal.
Mab- mais o que?!- ela estava tonta.
Ty- Dipper!- uma cobra o mordeu e outra cobra a Mabel os fazendo desmaiar.
Dusa- pronto- ela tele transportou eles pra cada dimensão certa- agora você- eu apertei sua mão e ela sugou até á ultima gota dos meus poderes.
- agora vamos pra?- perguntei sem expressão.
Dusa- Califórnia- ela diz abrindo um portal- vamos- ela entrou e eu olhei pra trás pensando em tudo que aconteceu comigo naquela cidade.
- adeus Bill, eu te amo- sussurrei pra ela não ouvi e entrei naquele portal.
FIM!
 


Notas Finais


Sushi/KN- TROLLEI

KN- vcs achavam mesmo q ia acanar aqui?

Sushi- vai ter segunda temporada que eu espero q vcs estejam conosco

KN- valeu a todos por essa primeira fic.

Sushi- até a proxima fic


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...