História Black Cat - LizKook•Liskook - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jisoo, Jungkook, Lisa, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Suga, V
Tags Blackpink, Bts, Jungkook, Lisa, Lizkook
Visualizações 61
Palavras 777
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Hentai, Magia, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpa as demoras para postar, é que a vida ta bem corrida ultimamente. Espero que entendam😄
Boa Leitura 😚

Capítulo 4 - Tu é muito errado!


Fanfic / Fanfiction Black Cat - LizKook•Liskook - Capítulo 4 - Tu é muito errado!

Jungkook 

A Lisa estava em cima do meu membro, estava rebolando pra lá e pra cá, fazendo ele ficar mais ereto. Eu não queria que ela continuasse, mas estava tão gostoso. 

-Ah, sim... -eu não continha os gemidos e palavras sem contexto de meus lábios. 

Lisa rebolava muito rápido, ela estava realmente sentindo prazer com aquilo. Eu não queria que ela parasse, mas para minha sorte o telefone tocou e eu rapidamente tirei a garotinha inocente de cima de mim. 

Ligação de Jin on;

- Jungkook, eu estou indo aí e.. 

- Jin Hyung, eu adotei um...-Jungkook olha para Lisa. -Uma garotinha. 

- Que bom! Eu vou levar a Rosé para as duas brincarem! 

- Rosé? Você adotou uma criança? Por isso queria que eu adotasse uma também?! 

- Ué, cê disse que precisa de uma distração.. 

- Inspiração. -Ele corrige o mais velho. 

- Tanto faz. Tô indo pra sua casa em meia hora, Tchau. 

- Hyung, espera...! 

Ligação com Jin finalizada;

Fudeu

Como é que eu vou explicar ao Jin que adotei um híbrido?! Ele sabe que também sou um, mas a primeira coisa que vai dizer é que híbrido cuidando de híbrido não é bom. Ele vai querer que eu a devolva, mas eu prometi a ela que ficaríamos juntos, agora me sinto na obrigação de cumprir essa promessa. 

Eu olho para ela e a mesma estava de bruços no sofá, dormindo. 

[…] 

- Híbrido cuidando de híbrido não dá certo, Jungkook! Onde era que cê tava com a cabeça de adotar ela?! Ela é metade humana metade gato, e vocês são diferentes. Sabe o quanto é difícil cuidar de um híbrido inocente no cio?!! 

- Acho que tenho uma breve noção.. 

- COMO ASSIM?? -Jin me puxou pelo braço e me levou até a varanda de casa. 

- Sem querer ela viu minhas orelhas e pulou no meu colo... 

- E..? 

- Ela começou a fazer movimentos para frente e para trás... -Jin me Interrompe. 

- Não preciso saber o resto! -Jin franziu as sobrancelhas juntamente com uma cara de nojo. 

- Não teve nada além disso, então está tudo bem.

- Tudo bem, tudo bem... Quero só ver até onde isso vai! 

Nós observávamos Lisa e Rosé brincando com as bonecas da garota com cabelos longos e negros, as duas sorriam e conversavam muito, colocavam as bonecas para dormir ou comer. Lisa as vezes olhava para mim e sorria com os olhos marejados, ela estava com sono, normal de um híbrido criança, me lembro de dormir muito em minha infância. 

- Jungkook, ela vai crescer... Vai, ter que interagir normalmente com as pessoas e sem um treinamento correto, as pessoas irão lhe machucar. Para o mundo ela será uma aberração que deve ser morta, ou servir como rato de laboratório. -Jin cerrou os punhos e mordeu seu indicador. 

- Não quero deixá-la! Não vou! Ela é minha filha e eu à amo! Não me interessa se as pessoas não entendem, eu entendo, eu sou igual a ela. Eu à entendo. 

Jin não me respondeu, apenas deu um sorriso sarcástico e olhou para mim, depois voltou á admirar as pequenas. 

- Appa! Eu também quero orelhinas fofas que nem as da Lisa. -Rosé sorri e Jin retribui o sorriso. 

- Appa... -Lisa fala em um tom baixo, e olha para mim novamente com os olhos marejados, ela os coça e boceja. 

- Hum, vamos filha. Vamos comprar uma dessas pra você na volta para casa, vem meu amor! -ele abre os braços e Rosé pula nos mesmos, assim, abraçando Jin. 

-  Tchau Liz! -Rosé acena e sorri. Ela tem um sorriso doce e sincero, não mentia ao sorri, parecia realmente gostar de Lisa. -Nos vemos depois para brincarmos juntas! 

Jin se despede de Lisa e de mim com um tipo de "Se cuida" de Pai. Uma visão da porta se fechando me permite vê-los entrando no carro de Jin. 

Lisa vem até mim, pede braço e assim eu faço, ela apoia sua cabeça em meu ombro e passa os braços pequenos em volta de meu pescoço. 

- Appa... -MEU DEUS ELA ME CHAMOU DE PAPAI. -Eu tô com sono. 

- Não quer comer nada antes de ir deitar, filha..? -comecei a acariciar seus cabelos enquanto andava até meu quarto--que era o único com cama--e a coloquei lá. 

- Não, não... Dorme comigo, Appa?-ela estica as mãozinhas e eu me deito com ela.  -Appa, seu nome é Jungkook, certo? 

- Como sabe? 

- Eu escutei você e o Jin conversando. 

- Ah, bom, sim. 

- Kookie Appa... -ela se aconchega ao lado do meu peito e eu à abraço. 

Tenho que admitir que eu adoro uma dificuldade. 




Notas Finais


Desculpa a demora pra postar, mas vou tentar postar com mais frequência.
Tipo às Sextas e Domingos😗💓
Desculpa qualquer erro😅😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...