História Bleach Your Life - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach
Personagens Ichigo Kurosaki, Orihime Inoue, Renji Abarai, Riruka Dokugamine, Rukia Kuchiki, Sado Yasutora, Uryuu Ishida
Tags Bleach, Drama, Ichihime, Romance
Exibições 99
Palavras 1.760
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Visual Novel
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo Akihiro Desu!

O Capítulo está sendo contado pelo protagonista Ichigo Kurosaki!

Não tenho muito o que dizer sobre esse Capitulo, APENAS LEIAM KKKKKKKK

A ideia de fazer um sobre este tema veio do NADA, eu estava no google Imagens e me deparei com a imagem desse capítulo e dei muita risada imaginando o que causaria essa imagem, não me veio nada além de TPM (me desculpem)

(me desculpem as meninas, mas o que acontece neste capítulo é pura verdade kkkkkkk)

Boa Leitura a Todos!

Capítulo 7 - TPM de Orihime


Fanfic / Fanfiction Bleach Your Life - Capítulo 7 - TPM de Orihime

Depois de esclarecermos várias coisas, nós finalmente entendemos as nossas dores...

E aquela ressoante frase vai ficar gravada comigo por toda a minha vida...

“Sempre estarei ao seu lado”!

Descobrir que eu a amo ainda mais...

E Um Mês se Passou...

- Ei vamos logo... Orihime!

- Calma!

- Orihime você está atrasada!

Gritei de fora da casa dela, ela apareceu na janela e me mandou a chave de sua casa.

- Desculpa, entra aí!

- Você não tem jeito mesmo!

Disse entrando, subi as escadas e fui direto para o quarto dela, quando abri a porta, ela estava apenas de sutiã e calcinha, ela se virou e tomei uma bronca...

- EI NÃO SAIA ENTRANDO ASSIM, VÁ JÁ PARA FORA!

- Ei Orihime eu já te vi assim várias vezes de biquíni!

- Biquíni é diferente!

Onde? Arh “Mulheres”...

- SAI DAQUI!

Disse ela disparando o seu poder, eu saí rapidamente e fechei a porta do quarto dela, sorrindo eu caminhei até a sala e sentei num sofá esperando por ela... Não demorou muito para que ela aparecesse na sala.

- Vamos Ichigo!

- Certo, vamos!

- Ah, espera tem uns pães para levar para a sua chefe, a Ikumi-san!

- Tem certeza, ela vai acabar ficando viciada nisso Orihime!

- Não diga isso, você não quer é dar ela né!?

- Não por mim tudo bem...

- Então não reclama!

- Certo...

A Orihime anda assim ultimamente, parece até que estou sendo ameaçado por uma laminan...

- Ei Orihime, você não está brava comigo está?

- Eu brava?

- Sim...

- Não, por que eu deveria estar?

- Não é isso...

- Você fez algo para que eu esteja brava?

- Não, não, é que você está meio diferente...

- Diferente como, estou mais feia é isso?

- EI CALMA AÍ EU NÃO DISSE NADA DISSO!

Hoje ela está definitivamente difícil!

- Então diz logo!

- Dizer o que Orihime?

- O que está diferente em mim?

- Diferente?

- Não é você quem disse?

- Sim... Você está brava!

- Já disse que não, droga!

Você não está me ajudando Orihime!

- Sim você está brava com alguma coisa, não tem outra explicação!

- Não! Não estou não, é você quem está bancando o chato, deixa disso eu NÃO estou BRAVA!

- Pois não parece!

- EI ICHIGO, PARE DE ME IRRITAR IMBECIL!

Ta legal isso me surpreendeu, mas eu continuei a insistir nisso todo o caminho...

- Não precisa de gritar Orihime, estou do seu lado!

- Eu estou vendo Ichigo, não sou cega!

Uma patada atrás da outra... Isso tudo vai ter troco um dia Orihime, ah si vai... Pensei enquanto que por impulso eu parei na frente da Orihime e fiquei encarando ela, fiquei um tempinho quase Um minuto parado só a encarando...

- Saia!

Disse ela me empurrando para o lado.

- Não pare na minha frente do nada, Ichigo!

Completou ela com uma aura negra ao redor...

- Certo, desculpe!

Após isso passei a andar um passo atrás dela... Até chegarmos na casa da Ikumi-san.

- Chegamos Orihime!

- É eu percebi! Como eu tinha dito antes... EU NÃO SOU CEGA!

 

Disse ela e logo entramos na loja da Ikumi-san, hoje eu estou com uma incrível sensação de derrota no coração... O que eu te fiz... Orihime?!

- Ei Ikumi-san!

- Chegou cedo Ichigo, veio trabalhar?

- Nem ferrando, eu vou trabalhar é anoite, vim aqui por que a Orihime veio lhe trazer Pães!

- Ahhh! Você é um preguiçoso mesmo seu inútil! Ah e muito obrigada Inoue-san!

- Não tem problema, sempre que quiser é só avisar o inútil do Ichigo que eu lhe trarei mais!

- Ei, ei eu ainda estou aqui!

- Ahhh não sei como agradecer... De verdade muito obrigada!

- Não a de que!

Fui completamente Ignorado, como um inseto... Não até um mosquito tem mais atenção do que eu...

- Você está muito bonita Inoue-san...

- Obrigada Ikumi-san você também está!

Oi, oi o que está acontecendo aqui, o clima mudou completamente, e a Orihime ficou dócil novamente...

- Ahhh! Eu não acredito que o Ichigo é seu namorado, como pode gostar dele Inoue?

- Sabe que também não sei, hoje cedo ele me aborrecendo e disse que eu estava diferente, disse que eu estava brava e feia!

- PERA AÍ, EU NÃO DISSE ISSO NÃO!

- Vai dizer agora que eu estou mentindo Ichigo, você não me chamou de Brava e disse que eu estava diferente?

- Sim eu disse isso, essa parte é verdade!

-  TA VENDO IKUMI-SAN ELE ME ODEIA!

- Não distorça o assunto Orihime!

Haaaaa o que ta acontecendo aqui, porque você está distorcendo tudo que eu falo?!

- Ichigo! Como pode dizer isso dessa pessoa incrivelmente gentil, você não a ama mais, não me diga que você usou e agora quer jogar fora?

- Mas que? Claro que não! Eu a amo sim, e nunca disse que ela estava feia, ao contrario ela está mais linda do que nunca, eu só disse que ela parecia um pouco diferente, é só isso eu juro.

- Se eu estou mais linda significa que vocêm e achava feia não é verdade?

- Como eu já falei, não distorce o que digo, por favor, Orihime!

- Hump! Isso não importa, vamos embora você está atrasando a gente!

Disse Orihime se virando, olhei para Ikumi-san e ela ria escondida, percebi que ela sabia o que estava acontecendo...

- Estamos indo Ikumi-san até mais!

- Sim até mais Inoue-san, e muito obrigada pelos pães!

Eu aproveitei a deixa e perguntei rapidamente a Ikumi-san...

- Ei me ajuda, o que ela tem?

- Ichigo... A verdadeira prova de amor para um homem é amar a mulher nessa hora, aquele que a fazer sorri nesse dia terá a sua recompensa e sempre ira faze-la feliz, lembre-se disso... Isso se chama TPM BOA SORTE ICHIGO-CHAN!

Após as sábias palavras de Ikumi-san, eu passei a andar sempre a meio metro de distancia da Orihime e a cada movimento brusco que Orihime fazia eu me preparava para apanhar ou tomar bronca... Por sorte não aconteceu nada além de uns sustos e assim chegamos à faculdade...

- IIIIICHIIIIIIGOOOOOO!!!!

- Há quanto tempo... Keigo!

Disse dando-lhe uma chave de braço no pescoço.

- Continua fera como sempre Ichigo!

- Como foi à viagem de campo?

- Foi incrível!

- Você foi para qual país mesmo, México?

- Errado! Fui para o Brasil!

- Oh serio?

- Sim e o Mizuiro foi para o México, cara como o Brasil é incrível, embora a língua seja bem difícil de falar e eles não falam muito inglês também...

- Nem você, então isso não é um problema...

- Nossa como você estraga as coisas...

- Que língua eles falam, Espanhol?

- Errado novamente, eles falam o Português! É a língua mais complexa e difícil de aprender sabia?

- então quer dizer que você conheceu o país do futebol?

- Sim... E é mesmo incrível... Eu fui num jogo onde o time estava perdendo de 1 a 0, e o time que estava ganhando tinha uma grande vantagem por causa do primeiro jogo, o time que estava perdendo deveria fazer 4 a 1 para passar para a outra fase, parecia impossível, mas sua torcida começou a gritar “Eu acredito, eu Acredito” e o time que estava perdendo passou nossa foi incrível, sim lá é mesmo o país do futebol!

- Ei, eu não precisava saber disso!

- Não seja duro comigo, eu tive várias experiências bacanas, só quero contar sobre elas!

- Que seja, foi bom te ver!

- Certo... Certo também irei para sala... Sei quando não sou bem vindo!

Nem parece o Keigo... Ele realmente tomou jeito, embora ainda dê trabalho às vezes, ele vai ser um bom empresário.

Orihime é da mesma sala que eu... O Dia foi inesperadamente difícil...

- Eu esqueci a caneta, me empresta a sua Ichigo!?

- Mas se eu te emprestar eu vou ficar sem, só trouxe uma!

- ENTÃO VAI ME NEGAR UMA CANETA, VOCÊ NÃO GOSTA DE MIM É ISSO?

- Claro que não é isso, toma pode ficar!

Pois é como eu disse, nem preciso dizer que o dia foi difícil né, e tudo que Orihime me falava eu tinha que fazer o contrario... Por fim as aulas terminaram.

- Hoje foi puxado!

- O que disse Ichigo?

- Hoje você está incrível Orihime!

Ela corou... Finalmente ela mudou a afeição, mesmo que só um pouco...

- Hump, o que você quer!?

Sabia ela realmente corou, será que está sem jeito...?

- Não quero nada, só estou dizendo que minha namorada é incrível!

- Não diga isso atoa você fica ridículo, e é embaraçoso!

Disse ela um pouco corada.

- Não paro não, afinal você está realmente incrível hoje, Orihime!

- Vá embora para o seu serviço e me deixe sozinha!

- Não mesmo, não deixarei minha incrível namorada ir para o trabalho sozinha!

- Por que, acha que alguém pode tentar me seguir?

- Sim eu acho isso!

- Hump, se isso acontecer eu acabo com ele!

- Isso mesmo é com o perseguidor que estou preocupado!

Ela fechou os olhos e deu uma risada sincera e muito linda a qual eu já não ouvia há muito tempo.

- Orihime!?

Ela logo levou a mão sobre a boca, não a palma da mão, mas o lado de trás, e corou não de leve, ela corou muito, eu aproximei meu rosto do dela e perguntei o que ela tinha...

- Você está bem, Orihime?

- Você...

- Eu?

- Incrível!

- Incrível? Sim você é!

Embora estivesse tímida ela segurou a minha mão e entrelaçou os meus dedos com os dela.

Ela estava envergonhada estava corada embora seu rosto estivesse para frente, seus olhos estavam mirando para o lado, ela estava embaraçosa e ao mesmo tempo estava linda!

E com dificuldade ela Disse...

- Eu deva estar realmente chata hoje, e mesmo assim você não saiu de perto de mim nem por um segundo e seguiu me aturando a todo o momento e ainda me fez sorri desse jeito... Desculpa...

- Orihime...

- Você também é realmente Incrível... Ichigo!

“Aquele que a fazer feliz nesse dia, terá a sua recompensa, e sempre ira faze-la feliz”...
Acho que entendo agora... Ikumi-san...

.

.

.

- Obrigado, Orihime!

 

"Momentos assim eu sei que vai acontecer mais vezes, mas a certeza de vela sorrir a todo o momento faz tudo valer a pena!"

 

E Ele Domou a Fera!

Continua...


Notas Finais


Então Gostaram? Espero que sim, este cap sem duvida foi o mais divertido de escrever, e eu poderia facilmente escrever mais e mais sobre ele, o assunto é muito amplo e ver a Inoue Orihime de TPM fui muito legal, pelo menos para mim.

Como fiz anteriormente deixarei o nome do próximo capítulo também...
CAPITULO 8: "Convivendo com Ele!"

Vai mostrar a evolução do relacionamento e também como eles """Estudam""" para a semana de provas!

Mata Ashita! (Até Amanhã)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...