História Blind love. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Camren G!p
Exibições 61
Palavras 1.077
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Josei, Orange, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


FALA coxinhas beleza????
Eu espero que gostem dessa fic.
Tenho essa ideia a um tempo, espero de verdade que gostem!!!1

Capítulo 1 - Fish é um traidor!


Era estranho esse escuro em que estava vivendo, eu não conseguia dar dois passos sem bater em alguma mobilha da casa dos meus pais, e tentei levar Sofi para brincar no parque e acabei derrubando duas crianças, era constrangedor toda essa situação, mas com a ajuda de Fish eu estava melhorando, já conseguia ir na sorveteria que tinha perto de casa e nos meus melhores dias eu consegui sair um pouco e pensar na vida.

 

-Mãe, a senhora pode ligar para as meninas?-O som da torneira parou e escutei sua voz por perto.

 

-Claro kaki, só um minuto querida-Seus passos se distanciaram, mas depois de alguns minutos eles reapareceram-Aqui.

 

Peguei o telefone e coloquei contra a minha orelha, uma semana e meia eu havia sido afastada da banda por motivos óbvios, o problema era que eu não estava acostumada a toda essa distancia, era irritante, mas era a ordem do meu medico.

 

-MILA!-Mani gritou do outro lado e um sorriso apareceu em meus lábios, eu sentia falta das minhas amigas-Eu estava morrendo de saudades sua vadia, nem para me ligar! Eu e as meninas estávamos para enlouquecer!-Ouvi uma movimentação do outro lado da linha-Sai daqui meio metro quem esta falando com a mila sou eu...AIIII...BISCATE!-Ri da mini briga.

 

-Mila?! Ai Jesus que saudades amorzinho, como você esta?-Ally sempre foi a mais carinhosa e meiga o resto era um bando de ogros.

 

-Estou bem Mama Brooke e vocês? Soube que amanha vocês voltam para Miami.

 

-Estamos bem, mas morrendo de saudades e os rumores estão certos viajaremos hoje a noite para Miami, e prometo que nossa primeira parada será te visitar! Selena quer falar, tchau Mila até amanhã.

 

-KARLA SUA PIRANHA ESQUECEU O NUMERO DAS AMIGAS EIN?! TEM CELULAR PARA QUE? SÓ  PARA FICAR MARCANDO O SEU CARO E VESGO AMIGO SHAWN NAS SUAS POSTAGENS?! JURO QUE VOU LEVAR UMA ARMA PARA DAR UM TIRO NO MEIO DO SEU RABO!...ai que saudades do meu macaquinho, como você esta bebe?-As vezes eu achava Selena maluca.

 

-Muito bem, mas ficar sem enxergar é uma droga, sinto muito por não ter ligado é que eu fiquei em um estado de negação, sinto muito mesmo.

 

-Tudo bem, desculpe por ter pirado e mencionado Shawn, sabe depois dele você sabe...-É eu sabia, ele havia sido alguém a qual eu prefiro não mencionar nem o nome, o pior era que por sua causa Hailee havia saído da banda-Macaquinho nós temos que ir, beijinhos até amanhã, melhoras bebe, as meninas estão mandando beijos!-Sorri triste, eu estava com muitas saudades.

 

-Outro Selly, eu amo vocês!-Então a ligação foi encerrada, um nó se formou na minha garganta, eu queria estar lá e cantar junto com elas, queria ver o sorriso dos fãs e sentir aquela energia magica, mas isso seria impossível durante dois meses, dois malditos meses.

 

Deixei o celular na bancada e apoiei minha cabeça nas minhas mãos.

 

-Kaki por que não vai tomar um sorvete?-Mama apareceu na cozinha junto com Fish que latiu e correu até mim, levei minha mão até o som d sua respiração ofegante e senti lambidas em minha mão, ele era a coisa mais fofa do mundo!

 

-Claro! Fish vamos!-Segurei na guia do meu cachorro e caminhei ate a porta-Tchau mama!

 

Devagar caminhei até a sorveteria mais próxima era de uma senhora de oitenta anos que fazia um dos melhores sorvetes caseiros na minha opinião, eles eram incríveis! Abri a portinha e o sininho de boas vindas se fez presente, nesse horário havia varias pessoas com família ou sozinhos mesmo que passavam para aproveitar para se refrescar com os sorvetes da Betty.

 

-Camila querida, o mesmo de sempre?!-Sorri de lado, eu era bem conhecida por lá.

 

-Claro Dona Betty, com capricho!

 

-Pode deixar-Me direcionei até a mesa que eu sempre me sentava, ela era de frente para a vista da praia, e ficava em baixo do ar condicionado, podia sentar seis pessoas naqueles estofados e macios bancos, me sentei e coloquei Fish ao meu lado.

 

-Cachorro bonito-Me assustei com uma voz rouca em frente a mim, havia alguém sentado junto comigo-Assim como a dona-Serio mesmo?

 

-Eu já estava sozinha aqui, tem como sair?

 

-Ummm....não, bom EU estava sentada aqui primeiro, então...-Bufei irritada, que cara de pau! Fish latiria se houvesse alguém sentado.

 

-Fish me avisaria!-Exclamei irritada, quem essa garota acha que é?

 

-Eu acho que ele gosta demais de mim para isso, senhorita...-Meu cachorro não me trairia assim!, quem essa britânica idiota acha que é?

 

-Não te interessa o meu nome!

 

-Auch! Essa doeu, está irritada assim só porque o seu cachorro gosta mais de mim que você?

 

-Fish nunca me trocaria por um estranho qualquer!-Ouvi uma risada baixa, ela estava brincando com fogo, qual é eu sou uma latina! Sangue quente corre em minhas veias e se ela me irritar mais um pouco ela não vai sair viva daqui!

 

-Bom, me chamo Lauren, é um prazer Camila-Abri a boca, como ele me conhecia?!

 

-Como sabe o meu nome?

 

-Esta escrito no seu sorvete e bom você é uma cantora famosa, mas eu ainda acho que é a primeira opção, ummm... eu adorei essa combinação de banana e creme com uma generosa camada de chocolate!-Vadia! Ela havia comido o meu sorvete! NINGUEM COME O MEU SORVETE!

 

-Você comeu o meu sorvete! Abusada!-Ela riu e se eu não estivesse puta eu acharia uma das risadas mais fofas do mundo parecia um bebe...foco Camila!

 

-Só provei para ver se não estava envenenada só isso!

 

-Meu Deus eu vou matar você!

 

-Calma aí, tem uma coisa que Jesus fez que se chama dividir, você não quer dividir isso garota?

 

-NÃO!-Era errado cometer um assassinato em uma sorveteria da vovozinha Betty? Eu espero que não.

 

-Bom, as pessoas estão olhando, mas qual é desse tampão?

 

-Não é da sua conta intrometida!-Peguei o meu sorvete e Fish e fui até o caixa-Aqui Betty-Estendi cinco dólares para ela que pegou-Obrigado e tchau-Sai o mais rápido o possível dali, quem aquela maluca achava que era?!

-Eu adorei a sua companhia, poderíamos nos ver mais vezes-Isso só podia ser brincadeira!

 

-Nem nos sonhos sua maluca-Apressei o passo.

 

-Que tal amanhã?

 

-Não

 

-Sábado?

 

-Eu disse que nunca sairia com você!

 

-Você disse nos meus sonhos!

 

-Você pode ser uma paparazzi ou uma fã maluca!-Ela riu novamente, da onde ela via tanta graça?

 

-Não sou paparazzi e nem fã maluca, se tem duvida pesquise por Lauren Jauregui, estarei esperando por uma resposta Camila.

 

-E você já tem: não.

 

-Vamos ver então.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, perdoem qualquer erro de escrita, comentem e favoritem meu amores até a proxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...