História Blind love. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Camren G!p
Exibições 42
Palavras 791
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Josei, Orange, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


EAIIIIIIIIIIII, bom espero que gostem, o cap ta pequenino, porque eu estou com uma cólica do diabo, mas ok
MUITO OBRIGADO pelos comentarios e favoritosEspero que gostem

Capítulo 2 - Mulheres são confusas.


Eu esperava o show começar, eu havia convencido minha família que ir no festival que haveria seria a melhor coisa do mundo, o motivo? Fifth harmony iria cantar, o grande problema era: não tinha lugar, nem no backstage e nem no espaço normal, rodamos quatro vezes o local e não achamos uma misera vaga para sentarmos.

 

Desisti de andar e me sentei em algum lugar em que eu não faço ideia.

 

-Karla sai dai, já tem uma garota sentada-Eu não queria sair, havia sombra.

 

-Não se preocupem, sintam-se a vontade para se sentarem-Ela não, DROGA, Camila sua anta porque você se sentou bem onde ela estava?-Eu já conheço a filha de vocês.

 

-Mama eu não achei um lu...-Sofia havia paralisado, que estranho-AI MEU DEUS LAUREN JAUREGUI ESTA AQUI!!!-Ouvi um baque ao meu lado e um resmungo de dor.

 

-SOFIA SAI DE CIMA DELA!- Pai gritou, ouvi seus passos apressados se aproximarem, eu corei de vergonha, provavelmente o povo estava vendo Lauren ser atacada pela minha irmã e também vendo meu pai fazendo sei lá o que e ouvindo minha mãe xingando em espanhol-Caramba Sofia tem cola na mão?

 

-Aí-Lauren resmungou de dor ao meu lado, eu estava com dó-As unhas dela faz estrago.

 

-Sinto muito Lauren-Sussurrei para ela.

-Tudo bem, já estou acostumada, mas eu só te desculpo se você topar sair comigo.

 

-Então vou ficar sem seu perdão-Dei de ombros, essa conquistadora barata não ia sair ganhando nunca.

 

-Bom o que fazem aqui?-Lauren perguntou.

 

-Nós viemos para ver as amigas da minha filha-Meu pai estava no meio, entre eu e Lauren, acho que ele havia percebido as intenções de Lauren-E você?

 

-Vou me apresentar junto com a banda, mas a nossa apresentação vai acontecer só à noite.

 

-Não acredito, vou ver a minha banda favorita se apresentar! Precisamos tirar uma selfie!-Sofia estava histérica, credo-Se juntem!

 

Meu pai passou os braços pelo meu ombro e encostou sua cabeça na minha, um click foi escutado junto com um gritinho de animação da Sofi.

 

-Então Lauren, quantos anos você tem?-Era minha mãe, ela parecia interessada demais, umm ai tem coisa!

 

-Tenho vinte.

 

-Ah, você é muito novinha que pena.-Meu pai virou bruscamente.

-Qué está pasando Sinuhe?-Eu queria ver a cara da Lauren agora.

 

-Nada. Así que estoy pidiendo mi amor-Segurei o riso.

 

-Sei, meu amor vamos comprar comida, vem Sofi-Não me deixe sozinha, droga.

 

-Sabe não precisa ter medo em ficar sozinha comigo, eu não vou fazer nada eu juro.

 

-Acho bom mesmo.

 

-Por que você é tão desconfiada?-Porque eu me machuquei confiando demais em uma pessoa.

 

-Não é da sua conta-Ela bufou.

 

-Você não vai me contar?

 

-Eu só te conheço há um dia e meio, não somo lá muito intimas.

 

-Vamos mudar isso, me faça perguntas.

 

-Lauren Jauregui Morgado.

 

-Irmãos?

-Tenho três: Michelle, Chris e Taylor.

 

-Quem é o mais velho?

 

-Eu e Michelle.

 

-Espera você tem uma irmã gêmea?

 

-Sim, mas ela é mais velha por dois minutos.

 

-Sempre quis ter uma irmã gêmea.

 

-É incrível, mas as vezes é irritante, como por exemplo eu quero usar uma roupa então quando eu saio do quarto Elle esta com a mesma roupa, isso irrita.

 

-Por que você quis ser cantora?

 

-Eu fui para o the x factor por causa do meu avô, ele amava a musica e tudo derivado dela, quando ele morreu eu decidi que eu tentaria por ele, quando falaram que eu ia fazer parte de uma banda com seis garotas junto eu odiei, queria fazer aquilo sozinha...

 

-E depois?-Perguntei.

 

-Eu amei fazer aquilo junto com minhas garotas! Elas se tornaram minhas irmãs.

 

-Pensei que você ia dar uma de Zayn.

 

-Não mesmo, eu nunca trocaria minhas meninas por uma carreira solo e você?

 

-Eu também acho isso, mas o problema é que eu acho legal fazer musica, então eu fiz uma com Shawn e os fãs surtaram, eles acham que eu vou sair da banda ou qualquer coisa assim, tem alguns que dizem que eu odeio as meninas, isso é loucura.

 

-Eu sei como é, as vezes eles são intensos demais, houve uma vez em que eu espirrei em um meet and greet e uma fã começou a chorar pensando que eu ia morrer-Gargalhei, eu sentia o olhar de Lauren em mim.

 

-Tadinha, me fale mais de você-Okay, ela era interessante e não era totalmente otária.

 

-Eu tenho tatuagens.

 

-Quantas?

 

-87-Meu queixo caiu, como cabia tudo isso de tatuagem em alguém?

 

-Jesus, ta bom né, quantos metros?

 

-1,70

 

-Sabe, eu estou curiosa, como você é?

 

-Bom, meus olhos são verdes, cabelos pretos e só-Bufei-O que?

 

-Você é só isso? Olhos e cabelos?

 

-O resto eu já te disse!

 

-Meu Deus!

 

-Nada Lauren.

 

-Mulheres são confusas-Resmungou e eu sorri, ela era fofa, mas eu não contaria isso a ela.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, comnetem e favoritem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...