História Blood and Shadows - Capítulo 8


Escrita por: ~ e ~KawaiiLover123

Postado
Categorias As Tartarugas Ninja
Personagens Anton "Bebop" Zeck, April O'Neil, Baxter Stockman, Casey Jones, Chris "Dogpound" Bradford, Donatello, Hamato "Karai" Miwa, Hamato "Mestre Splinter" Yoshi, Ivan "Rocksteady" Steranko, Leonardo, Michelangelo, Mona Lisa, Personagens Originais, Raphael, Renet Tilley, Shinigami, Tang Shen, Tiger Claw (Garra de Tigre), Xever "Fishface" Montes
Visualizações 29
Palavras 627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Canibalismo, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - Pequena Apresentação...


P.O.V Emma

Após aquele incidente, contei para Tommas o que tinha acontecido...

Eu esperava uma reação como:

"Nem hoje, nem nunca vamos esperar essas coisas nos encontrarem!! Vamos sair daqui agora antes que eles façam algo que possa impedir a fuga depois!!"

Mas envés disso, a reação dele foi:

"Amanhã a noite, estaremos lá... Vamos descobrir o que são essas coisas..."

Realmente me surpreendeu... Tommas não é do tipo que se coloca em risco, ainda mais se vai me colocar em risco também...

Alguma coisa aconteceu enquanto eu estava no banho... E eu vou descobrir o que é...

Ei, Tom! Quer jogar comigo? _Perguntei da maneira mais fofa que podia_

Jogar? Que jogo? _Ele perguntou talvez interessado_

É assim, eu falo palavras e você diz a primeira coisa que vier em sua mente... _Falei e ele afirmou_ Então, vamos começar... Fruta.

Banana... _Ele falou_

Legume? _Falei_

Batata. _Falou_

Gelo. _Falei_

Sorvete. _Falou_

Titanic? _Falei_

Iceberg. _Falou_

Quente? _Falei_

Frio. _Falou_

Olhar? _Falei_

Penetrante... _Ele falou parecendo lembrar de algo_

Estou perto do meu objetivo...

Sangue. _Falei observando a camisa dele manchada de sangue e ele suspirou_

Chupão... _Falou_

Hein..?

Noite. _Falei_

Escuridão... _Falou_

Estava tentando pensar em algo e assimilar tudo aquilo...

Tom tinha um olhar nostalgico de algo bom, claramente...

Sem querer, desci meu olhar para baixo e notei algo que me fez arregalar os olhos...

Dava pra se notar um bulto entre as pernas de Tommas...

A ereção dele estava formada...

Pensando... Pensando... Pensando...

Ah, não pode ser... Ele não... Eles não... An?

Não! Com certeza não é isso! Talvez... Ele só esteja nervoso e por isso, teve essa reação...

Mas... Talvez isso faça sentido, já que ele quer conhecer o...

Não, não faz sentido! Não pode fazer!!

Melhor vou ao meu quarto dormir...

No Noite Seguinte...

Andava a passo lento com Tommas ao meu lado, olhando todas as direções em busca de algo...

Parece que vocês realmente têm coragem... _A voz que sussurrou perto de mim antes falou_

Nos viramos rapidamente, nos encontrando com quatro figuras próximas da janela, onde a luz da lua iluminava em partes...

Quem... O que são vocês?! _Exclamei é um deles soltou uma gargalhada_ Qual é a graça?!

Você é mesmo valente, pequena... _Um dos seres falou, ele é o dono da voz que falou comigo antes_ Mas... Será o bastante pra isso? _Em um piscar de olhos ele estava em minha frente_

Pude observar melhor seu rosto...

Tinha um tom de pele verde e olhos azuis safira...

Seu corpo era bastante robusto, e me fazia sentir mesmo bem pequena perante ele...

Seu sorriso, é incrivelmente encantador...

Não conseguia dizer nada...

Não encontrava palavras para dizer qualquer coisa...

Surpresa? _Ele falou e soltou uma pequena risada_ Você ainda não viu nada...

Ele ampliou o sorriso, me deixando ver seus caninos afiados...

Senti minhas pernas tremerem...

Não precisa ter medo... Não vou te machucar... Muito... _Ele falou e colocou suas mãos em minha cintura, depois me puxou para um beijo_

Senti seus lábios gelados contra os meus...

Suas mãos acariciando minha cintura...

E apenas senti quando minhas costas se encontraram com a parede, sem saber em que momento ele me havia prensado ali...

Desviei meu olhar para onde Tommas estava, mas ele não estava mais lá, nem ele, nem nenhum daqueles outros seres...

Procurando por seu irmão? Não se preocupe, Raphael vai cuidar muito bem dele... _Ele falou_ Logo vou te apresentar meus irmãos, e a propósito, me chamo Leonardo, mas pode me chamar por... Léo...

Voltei meu olhar para ele, que estava me observando de forma penetrante e pervertida...

Ele me puxou para mais um beijo, e sem nem pensar, rodeei meus braços em seu pescoço...

Não sei quanto tempo se passou...

Soltei um ligeiro gemido quando senti uma de suas mãos entre minhas pernas e a outra em minha coxa...

Você gosta disso? _Ele perguntou_

Não respondi, então ele começou a acariciar aqueles pontos, me fazendo morder o lábio inferior para não gemer...

Vamos lá... Quero ouvir você falar... _Ele sussurrou e começou a dar leves mordidas em meu pescoço_ Diga meu nome...

L-Leonardo... _Gemi quando senti seus caninos perdurarem minha pele, sugando meu sangue_



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...