História Bloodsport - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Austin & Ally
Personagens Ally Dawson, Austin Moon, Dez, Patricia "Trish" Maria De La Rosa, Personagens Originais
Tags Auslly
Exibições 176
Palavras 1.188
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


HELLLLLLLOOO PIPOU, TUDO BOUM COM VCS? CMG TA TUDO OTIMO!!!
VOLTEEEI COM OUTRO CAPITULO CAMBADA... Espero que gostem!
Obrigada pelos comentários e favoritos, vcs são foda!
enjoyyy!

Capítulo 21 - Capitulo 21


Estavam todos parados observando os dois, ainda não tinha caído a ficha para Ally. A pergunta do Austin se repetia constantemente na sua cabeça como um eco, ela olhava pra ele sem acreditar completamente atônita. Austin olhava pra Ally de olhos arregalados, a demora da morena em responder estava o deixando em pânico.  

— Ally? - O loiro a chamou. — Você aceitar namorar comigo 

ou não?  

— É tudo o que eu mais quero! - A morena afirmou o beijando logo depois. 

— Eu te amo. - Ouvir isso fez o coração da Ally disparar, seu corpo tremeu nos braços do namorado.  

 O que se ouviu depois foram assobios e aplausos. Trish e Dez se abraçaram felizes pelos dois, Thomas que os observava de longe depois da resposta da Ally foi até a saída da faculdade cabisbaixo.  

— Eu também te amo. - Ally beijou os lábios dele novamente.  

— Vem vamos embora daqui. - O loiro a puxou pra fora da faculdade.  

Ele tinha tudo planeado, Trish até o emprestou o carro depois de algumas ameaças e juramento. Correram até o estacionamento sempre de mãos dadas, completamente felizes. Austin estava do lado esquerdo do carro e a Ally do lado direito, antes de entrarem se olharam mais uma vez, sempre com um sorriso enorme no rosto. 

— Pra aonde a gente vai? - Ally perguntou pra ele assim que adentraram.  

— Para o paraíso. - Ele piscou pra ela a arrancou o carro.  

Ally pensava que tudo isso não passava de um sonho, e, que a qualquer momento o alarme podia tocar e acabar com tudo. Encostou a cabeça no vidro observando a paisagem, não fazia a mínima ideia pra onde estavam indo. Do nada e mesmo sem querer seus pensamentos voaram até a conversa com a Trish, agora ela tinha alguém que a prendia em NY. Olhou para o Austin de relance e viu aquele lindo sorriso, ela não podia o deixar não podia o abandonar, não agora. Não depois dele ter se declarado pra ela e pedi-la em namoro, ela não queria e nem podia fazer isso.  

Ir para Japão estava fora de questão. 

Deu um longo suspiro fazendo o Austin olhar pra ela, ele estava feliz demais. Nunca foi tão feliz em toda a sua vida, e se foi já esqueceu. Ele sentia coisas que nem sabia que as pessoas podiam sentir, só queria sorrir até as maçãs do rosto doerem. Ele já havia esquecido de como é bom amar e ser amado.  

— Estamos quase chegando. - Ele quebrou o silencio. 

— Será que pode me falar pra onde esta me levando? - Insistiu mesmo sabendo, que ele não iria falar. 

— Eu já falei : pro paraíso.  

— Chato. - Mostrou a língua. 

— Quem mostra a língua pede beijo, sabia? 

— Bobo.  - Ela sorriu. — Isso tudo é tão surreal. 

— É muito real Ally, pode acreditar. - Pegou a mão dela passando a dirigir apenas com uma mão.  

Depois de um bom tempo na estrada, finalmente chegaram. Desceram do carro e Ally olhou ao redor, era praticamente um nada. Ally o olhou confusa, o tal "paraíso" era totalmente deserto. 

— Austin?  

— Bem-Vinda a Watkins Glen State Park. - Lhe deu um selinho. — Espero que goste de acampar.  

— Oi? - O olhou incrédula. — Não sei se você percebeu mas eu só tenho a roupa que tenho no corpo.  

— A Trish cuidou dessa parte pra mim, seu namorado pensa em tudo.  

— Hmm que namorado esperto que eu tenho. - O abraçou de lado.  

Austin pegou as coisas necessárias no porta-malas e Ally o ajudou. Caminharam em silencio ate entrarem numa pequena trilha, Ally olhava tudo em volta era tão lindo. Andaram por mais um pouco até Austin largar as mochilas, ficaram perto de um lago. 

— Que lindo Austin, olha esse lugar. - Ally estava deslumbrada com as aguas cristalinas. — Lugar perfeito. Namorado perfeito. Tudo perfeito. - Listou dando um suspiro. 

Eram quase 14 quando acabaram de montar tudo, a barriga de Ally deu sinal de vida. Ela fez uma careta acariciando a barriga por cima do tecido, não comia nada desde que saiu de casa.  

— Parece que alguém esta com fome. - Ele constatou. — Se importa de comer enlatado? - Ela negou dando um sorriso torto. — Então senta ai que já, já nossa comida estará pronta.  

Ally entrou na barraca enviando uma mensagem para a Trish e o Jake que estaria fora por uns dias, logo depois se sentou observando o Austin preparar tudo. De vez em quando o Austin se atrapalhava e ela soltava com gargalhada, estava tudo perfeito. Quando, finalmente estava tudo pronto comeram e namoram um pouco. 

— Quer dar um mergulho? - Austin olhou para a lagoa.  

— Está frio. - Alegou a morena se pendurando no pescoço do loiro. — Que tal a gente entrar na barraca e ficar juntinhos? 

— Não sabe o que está perdendo, já alguma vez fez sexo na água? - Perguntou mordendo o lóbulo da orelha da morena. 

— Austin... - Ela deu um tapa no ombro dele. 

— Não se faça de recatada Ally. - A morena cerrou os olhos pra ele e ele deu os ombros. — Vai dizer que não ficou nem um pouco curiosa? - Ele perguntou distribuindo beijos pelo pescoço dela. 

Ally podia ser tímida com toda a gente, mas quando o assunto é Austin é tudo menos tímida. Desde da época que namorava o Dallas sempre faziam algumas loucuras, ela já obrigou o moreno a fantasiar-se de bombeiro e ela mesma já realizou vários fetiches que o moreno tinha. Mas o loiro sempre a surpreende, ela nunca tinha feito amor na água e com a proposta do Austin ficou tentadíssima.  

— Você já fez? - Ela olhou pra ele e ele meneou a cabeça.  

— Mas podemos, e nem vamos gastar água. Olha esse azul cristalino nos chamando. - Ela riu em negação. 

— Então diz pra ela que fica pra uma outra altura, que agora eu vou descansar um pouco. - Entrou de novo na barraca deixando o loiro pra trás, mas não por muito tempo. 

Ele entrou na barraca e antes de se deitar fechou até metade, deitou-se ao lado da morena e colocou a cabeça entre os seios dela. Colocou a mão por baixo da blusa fazendo um carinho ali, Ally ficou arrepiada com isso. Ela começou a mexer nos fios loiros por pouco tempo já, que ele levantou a cabeça e olhou pra ela ainda deitados. 

— Amo você. - Ele disse antes de beijar os lábios dela.  

—Amo você. - Ela disse assim que separaram o beijo. 

Ficaram se encarando até um deles tomar a iniciativa de beijar o outro, nesse caso foi o Ally quem o beijou. As roupas foram se espalhando pela barraca ate ficaram completamente nus, Austin beijava cada parte do corpo da amada com delicadeza. Ally tinha os olhos fechados aproveitando cada toque, cada beijo... 

Austin já se encontrava por cima da garota fazendo movimentos vai e vem, ela segurava seus ombros e ambos olhavam nos olhos um do outro. De todas as vezes que os dois já se relacionaram desse vez foi diferente de todas, porque dessa não era apenas sexo era amor. 

Essa foi a primeira vez que Austin fez amor. 

 

 


Notas Finais


EAI??????
O que será q a nossa bichinha vai fazer? mto complicado né...
Até ao proximo cap. bjssss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...