História BLUE SKY - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts Yaoi Romance
Visualizações 12
Palavras 828
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Fluffy, Hentai, Josei, Lemon, Mistério, Seinen, Shonen-Ai, Shounen, Yaoi
Avisos: Adultério, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 6 - Capítulo 6


Apenas tomaram o pequeno almoço e saíram de bicicleta, ao principio Taehyung tivera um pouco de medo, achara mesmo que  iria cair, mas agarrando-se bem em hoseok alegrou-se ao sentir o vento bater em seu rosto enquanto sentia o cheiro daquele homem tão amável.          A paragem foi numa casa enorme com os belos jardins a adornar, para Taehyung era tudo encantador e para hoseok não deixava de ser mas já estava habituado a ver aquela casa e aquele jardim todos os dias, aliás conhecia cada pequeno canto do jardim melhor que ninguém por que não era nada mais, nada menos que o jardineiro daquela belíssima mansão.         Deixou o garoto sentando num pequeno banquinho em cimento para ir buscar algumas ferramentas de jardinagem que precisaria e quando voltou, ficou espiando o garoto encostando a uma árvore, sorrindo por o ver encantado pela simplicidade de uma borboleta, ficou observando ele se levantar e tremelicando tentou correr atrás daquele insecto contudo suas pernas fraquejando e hoseok percebendrosada..o correu para junto do menino acudindo-o. _ Tu estás bem?_ Perguntou segurando nele. _Sim… olha._ Apontou para a borboleta que permanecia bailando ao redor de uma flor._ É bonita não é? _Tens razão borboletas são muito lindas…._  Seus olhos desviaram-se da borboleta e encararam os olhos do menino que cintilavam igual a duas poças de água cristalina, de novo seus rostos estavam próximos e seus lábios abeiravam se tocar, um ruido apenas foi o suficiente para os afastar. Contudo não fora apenas um ruido qualquer, tratava da patroa de hoseok e isso acabou deixando o moço um tanto embraçado. _Bom dia hoseok, vejo que trouxeste companhia contigo, isso é muito raro…_ Comentou caminhando até junto dos dois. _ Pensei que não teria problema Emiko-san, ele não vai atrapalhar, prometo…._ hoseok ainda segurava  Taehyung pelos ombros e o menino os olhava silenciosamente, não podendo deixar de achar aquela mulher muito bonita. _Claro que não tem problema, é uma gracinha esse menino, mas…. Não posso deixar de reparar que as roupas são muito grandes para ele…_ Comentou depois de dar uma olhadela no garotinho. _É que bem… ele veio viver comigo mas não trouxe nenhum pertence com ele…_ hoseok tentou justificar-se,  trabalhava o tempo suficiente naquela casa para conhecer Emiko e sabia que era uma pessoa muito gentil, ainda assim tinha receio de ser repreendido. _Compreendo… acho que tenho algumas roupas que o meu filho já não usa que lhe possa dar, tudo bem?_ hoseok sorriu pela generosidade da senhora. _Agradeço._ Deu uma cotovelada a Taehyung que o olhou sem entender._ O mínimo que tens que fazer é agradecer. _Sim!_ Perdeu-se sem saber para qual dos dois olhar e logo se voltou para Emiko._ Muito… obrigada!_ Sua face corou de leve e Emiko riu, realmente achava o menino uma gracinha e depois de dar umas indicações a hoseok duque ele deveria fazer deixou os dois para ir procurar as roupinhas que falara em dar ao menino. Atsushi teve que apegar ao seu trabalho, podava uns arbustos enquanto Taehyung ficara observando os pássaros, as flores e principalmente ele, agora entendia como os olhos verdes de hoseok fazia um belo contraste com  os verdes que o rodeavam, a pele morena  e os músculos esculpidos eram sinal de trabalhar com ardor todos os dias e tudo isso não deixava Taehyung indiferente. Era costume hoseok levar o almoço dele e naquele dia foi igual, mas ao invés de se juntar com os outros funcionários na cozinha decidiu levar o garoto para um lugar que gostava, um pequeno campo coberto de trevos, fez mensura de pelo caminho ensinar o menino a caminhar direito igual a uma criança Sentaram-se entre os trevos e hoseok colocou a salada entre eles. _Ontem reparei que não parecias gostar de peixe… agora entendo, então fiz uma salada, não leva nenhum animal só vegetais._ Sorriu e logo o menino se serviu deixando hoseok surpreso, ambos comeram contemplando o céu azul e no fim da refeição ainda houve tempo para brincarem. _Costumava fazer isso para a minha irmã._ hoseok comentou terminando a coroa feita com flores de trevo._  Fica-te bem…_ Afirmou colocando a coroa na cabeça do menino de alguma forma o deixava com um ar ainda mais angelical. _O…obrigada…_ Olhou as florzinhas pensando que deveria fazer também algo para hoseok, pegou uma e com o caule enlaçou-o junto ás pétalas formando um anel._ É… É para ti…_ Falou sentindo a face arder mas não por culpa do sol que lhe batia no rosto. _Nunca ninguém fez um assim para mim…_ Esticou sua mão e Taehyung delicadamente colocou o frágil anel no seu dedo, mais uma vez seus rostos estavam próximos, aquele momento de apenas eles os dois e os trevos os rodeando adquiria uma clima romântico, foi inevitável o beijo não acontecer, os dois caíram entre os trevos enquanto as suas línguas se enlaçavam. _hoseok…_ Taehyung acariciou-lhe o rosto no término do beijo._ Estou tão feliz por gostares de mim._ hoseok olhou o menino de face rosada.



Contínua.....


Notas Finais


Desculpa qualquer erro 😛


Bjs até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...