História •Blume• - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Namjin, Taekook, Yoonseok
Exibições 36
Palavras 1.389
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Visual Novel, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá bolinhos de arroz

Cap novo

Boa leitura🌌🌌🌌

Capítulo 4 - 🌸•Quem Eram Aqueles Caras?•🌸


🌸


Pov's Autora

Os dois estavam se olhando sem dizerem nenhuma palavra. Hoseok estava perdido no breu dos olhos do moreno, o brilho que as orbes negras do menor emitiam era incrivelmente hipnotizante. O ruivo estava completamente desatento a qualquer coisa que poderia acontecer com os dois.

-Ho... Seok... Ah... - o moreno disse seu nome com pouco fôlego e lentamente, logo fechando os olhos finos devagar. Hoseok se desesperou com tal ato do menor, ele poderia estar morto, mas o ruivo sabia que não estava, apenas desmaiou.

-É incrível sua capacidade de me hipnotizar. - o maior disse sorrindo de lado, mexendo no cabelo do moreno em seus braços. - Você acabou com minhas noites de sono Min Yoongi... Nem pede desculpas... - o ruivo disse se levantando com o menor nos braços. Ele o deitou no sofá que havia ali perto, ele terminou o curativo em seu peito e se afastou do menor.

Hoseok olhou em volta e viu a bagunça que aquela casa estava, teria que fazer algo para deixar tudo arrumado. Ele olhou no relógio de parede que havia ali, marcavam 00:27. "Nossa, está tarde", pensou o maior. Ele estalou os dedos e uma chama pequena azul apareceu entre seus dedos, ele a lançou no chão, o pequeno fogo azul começou a se movimentar pela casa, arrumando toda a bagunça.

Hoseok se ajoelhou no chão cansado, ele não usava seus poderes para fazer feitiços concretos, ele apenas os usava para coisa simples, como arrumar a casa, e essas coisas. Quanto mais usava sua magia, mais o maior perdia forças, mas nada com que uma boa noite de sono não resolva. E esse era o problema, não existiam boas noites de sono para o maior, e o motivo estava desmaiado no sofá ao seu lado.

Lentamente o ruivo virou seu rosto para o moreno deitado ali ao lado, e apreciou seu rosto enquanto dormia tranquilamente. Hoseok não se conteu em olhar para seu abdômen que possuía um curativo. O moreno cerrou os olhos em um ato preocupativo. Aquilo era sua culpa, exatamente, o ruivo estava se culpando por ter acontecido tal coisa com o menor. Se ele não tivesse vindo para essa cidade, nada aconteceria.

-Tomara que você não se lembre de nada... Mas esse machucado vai dar problema... Eu não posso curar, estou fraco. Droga de poderes limitados! - Hoseok disse se levantando e passando a mão dos cabelos do menor, a chama que antes rodava a casa arrumando tudo que estava bagunçado havia evaporado. O ruivo se dirigiu até a porta dos fundos e saiu da casa. - Eles vão voltar logo... Preciso ficar de olho.

•Nesse mesmo momento em outro lugar•

-Como assim não o trouxeram?!!! - gritava um homem de cabelos escuros longos e olhos vermelhos, irritado. - Vocês são dois incompetentes!!! Eu mandei traze-lo para mim, e oque vocês fizeram? Nada!!!

-Desculpe Mestre Wu, estávamos com o garoto em mãos, mas aquele mago traidor apareceu e aquilo chamou a atenção dos Elven, e nós fugimos antes que fôssemos presos. Nós perdoe Mestre. - o homem loiro de antes disse colocando a mão no peito se reverenciando. O homem sentado em um trono grande e escuro, como tudo naquele local, bateu o pé no chão e fechou os olhos pensando.

-Saiam daqui! Vocês falharam na missão é agora não quero ver seus rostos nem tão cedo. - ele disse irritado, e os dois homens ajoelhados no chão apenas assentiram. - SAIAM AGORA!!! - o homem gritou e os outros dois saíram do local rapidamente.

"Eu ainda mato esse desgraçado". O homem moreno pensou cerrando os dentes irritado.

∆^∆

Pov's Yoongi

Acordo com alguém me balançando. Abri os olhos lentamente e olhei quem interrompera meu sono, era minha Omma. Ela me olhava irritada, olhei em volta e eu estava no sofá, com uma puta dor na região do abdômen.

-Min Yoongi!! Oque está fazendo a essa hora deitado no sofá?!! Já está atrasado para o colégio!! Levante daí é vá se arrumar, rápido!! - ela disse realmente irritada, me levantei num pulo e corri para o banheiro, quando tirei minhas roupas avistei um curativo em meu abdômen, como isso veio parar aqui? Retirei o curativo e avistei um corte, oque aconteceu comigo?

Desisti de tentar entender e tomei um banho rápido, fiz outro curativo, pois aquilo estava doendo pra caralho. Fui para o quarto e coloquei uma blusa branca, calça preta com alguns rasgos nos joelhos, meu tênis e uma jaqueta xadrez vermelha, peguei minha mochila e meu celular, corri para o andar de baixo peguei uma torrada e me despedi da minha Omma.

∆^∆

Quando finalmente cheguei na escola, avistei Jimin sentado em um banco, ele estava olhando para a tela do celular, e escrevia algo. Me aproximei e me sentei em seu lado, praticamente me joguei no banco. Ele olhou para mim e guardou o celular, ele estava com um sorriso bobo no rosto. Alguém esqueceu de tomar a pílula do amor.

-Que sorrisinho é esse? Ta apaixonado? - eu conheço o Jimin-shi, quando ele fica com aquele sorrisinho, podem ter certeza que é por que ele está afim de alguém.

-Bom dia para você também Yoonie! - ele disse desfazendo o sorriso.

-Bom dia. Agora fala o por que do sorriso bobo.

-Lembra o cara que estava me mandando mensagens? Ele disse que eu ficava fofo corado, daí eu fiquei completamente corado e ele mandou uma mensagem falando: "Viu? Fofo". E eu fiquei pensando, a única coisa por perto era o vento. Quem diabos está fazendo isso é um ótimo stalker! E sabe... Ele é a pessoa mais fofa do mundo... - Jimin fala sorrindo bobo novamente. - Ele sempre acha uma hora para me elogiar... Mas ele também é um tarado.

-E você está afim de um cara que você nunca viu? Meu Deus!

-Qual é o proble-

-Bom dia primo, bom dia Jiminie! - MinJae diz sorrindo enquanto se aproxima de nós, e Jimin deu um leve sorriso e pegou novamente seu celular, ignorando totalmente a nossa presença.

-Oque aconteceu com ele? - MinJae pergunta um tanto cabisbaixo.

-O tal anônimo, ele viciou nele. E você? Tem algo para me falar? - perguntei e MinJae ficou paralisado, ele ficou nervoso de repente. Quando ele ia abrir a boca o sinal soou e ele se despediu indo diretamente para a sala, é como dizem, salvo pelo gongo. Mas esse daí não me escapa.

-Vamos Yoonie! - Jimin me chama e eu assinto e vou logo atrás dele, a primeira aula é de física e depois educação física, como eu vou fazer educação física com esse machucado que brotou na minha barriga? Droga!

-Bom dia turma! - disse o professor entrando na sala, eu e Jimin estávamos sentados lado à lado, ele prestava atenção, mas eu apenas fiquei encarando meu caderno preto, todo ferrado... Incrível que algo como isso contém tantas coisas sem explicação, esse era o meu caderno de desenhos.

∆^∆

A aula de física passou rapidamente, e como sempre eu não prestei atenção em nada. Jimin saiu na frente para se trocar, a aula de educação física iria começar, eu não gosto de educação física, e com esse machucado poderei ter uma desculpa para não fazer essa aula. Andei em passos calmos até a quadra e avistei o professor fazendo o mesmo. Corri até ele e o chamei, fazendo o mesmo se virar para mim.

-Professor Kim!

-Olá sr. Min, qual será a desculpa dessa vez?

-Minha barriga está machucada.

-A é? Essa foi fraca, você tem desculpas melhores.

-É sério! - falei levantando levemente a camisa, ele encarou o curativo com uma certa dúvida. Revirei os olhos e tirei lentamente o curativo, aquilo doía. Quando o tirei por completo, o machucado começou a sangrar um pouco.

-Min Yoongi! Vá para a enfermaria agora! Você está sem condições de fazer a aula. Vá logo antes que isso piore! - ele disse e eu apenas corri para a enfermaria e logo peguei uma toalha e a molhei com a pia que havia ali, passei na minha barriga lentamente sobre o machucado, limpando o sangue que escorria.

-Yoongi! Você está sangrando! - falou uma voz grossa vindo da porta. Me virei rapidamente e avistei Hoseok em pé me olhando. Espera... É como se ele soubesse disso, por que não consigo me lembrar do que aconte... Agora eu lembro, uns caras invadiram minha casa, me penduraram e fizeram isso em mim... O Hoseok estava lá... Ele me ajudou....

-Hoseok... Quem eram aqueles caras de ontem?


🌸


Notas Finais


Eaewww~~

Gostaram?

Comenta aew que eu gosto dos comentários de vocês🐻🌌🌌

🚫👻Nada de fantasmas👻🚫

Kissus de Açúcar🐻❤🌌


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...