História Bonequinha de luxo. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 113
Palavras 3.421
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


eaidhibhib
VOLTEI
NÃO ME MATEM ;-;
Mudei a minha forma de escrever para melhor entendimento da história para vcs
recomendo escutarem Crazy love da Queen B enquanto leem esse capítulo
espero que tenham uma boa leitura
bjs da omma

Capítulo 5 - Contrato


Fanfic / Fanfiction Bonequinha de luxo. - Capítulo 5 - Contrato

(S/N) ON❤

❤Acordei com um forte incomodo devido a luz do sol que vinha na janela, e batia em meus olhos, fazendo-me não conseguir abri-los direito, então me virei e senti uma fore dor em minhas pernas, uma forte dor mesmo, que acompanhava com dores em  minha virilha, vagina, coluna, pescoço... Enfim, estava com meu corpo completamente dolorido. Então com um -muita- pouco de dificuldade, me levantei da cama, mas acabei me sentando novamente, pois minhas pernas amoleceram quando me levantei, mas tirei forças (não sei de onde) e me levantei, então comecei a andar, com muita dificuldade  pelo gélido quarto, o chão de mármore negra estava completamente frio, o que dava a impressão que não estava pisando no chão. e sim num cubo de gelo, as paredes também eram frias, o que era diferente do que eu sentia ontem, pois o quarto estava extremamente quente e abafado, não sei se, era porque eu estava fazendo sexo, ou se era porque realmente esta sendo uma noite de muito calor... Por um minuto me esqueci que eu tinha feito sexo com Jimin, já que ele não estava na cama, nem no quarto... Com certeza não sou eu a sortuda de ter transado com ele, mas sim ele por ter sido a minha primeira  vez, afinal, com ele qualquer uma de vestido curto e que fique dando mole para ele, consegue uma bela de uma transa, afinal convenhamos que, ele é um grande de um galinha! Que fica ciscando de mulher em mulher...❤

❤Então tomei a decisão de tomar um banho, tirar tudo de mim, as dores com uma bela de uma água quente, o suor ainda grudado em meu corpo moreno... Então percebi que, conforme eu andava, podia ver várias roupas (rasgadas) minhas no chão, assim como objetos quebrados, que ficavam encima da penteadeira, e que foram jogados por Jimin, quando o mesmo me colocou sob a mesma. E ver tudo aquilo jogado, quebrado, rasgado, me deixou uma cruel, mais uma dúvida cruel mesmo!❤

♖(S/N)♖ :Eu e Jimin fizemos sexo ou uma grande luta de WWE?- Disse dando risada, e continuando a andar, até chegar a porta do banheiro girando a maçaneta fria para a esquerda abrindo a porta do mesmo.

♥️Ao abrir a porta do banheiro, me deparei com um local enorme, e completamente luxuoso, de paredes de "madeira"  e o chão de marmore puxado para um tom bege, com quatro espelhos  grandes de bordas negras, que ficavam encima de armários brancos, que eram muitos, tinha flores brancas em vasos de vidros, algumas portas de vidro que davam até a sacada, e dava para ver o brilhante Sol da manhã, seis velas, separadas em dois grupos de tres, com tamanhos diferentes, uma em tamanho grande, outra em tamanho médio e outra em tamanho pequeno, e tinha também, dois 'degraus" negros, que davam até uma enorme banheira branca, e tinha também um lustre magnífico encima da mesma, que por mero acaso, estava Jimin, olhando sensualmente para meu corpo, enquanto tomava uma taça de vinho, me fazendo corar, e minhas pernas tremerem, e minha vagina se molhar, apenas com seus (magníficos) olhos, em sua direção.♥️

♖(S/N)♖: D-desculp-pe op-oppa,,, D-deveria t-er..-

♜Jimin♜ : Não haja como se nunca tivesse me visto nú, isso só me dá mais vontade de te punir Kitty- Ele me olha malicioso, se levantando da banheira deixando seu "Sexo" á mostra para meus olhos verem, me deixando extremamente corada, me fazendo fechar meus olhos, e colocar minhas mãos na frente, tampando os mesmos.- Tão gostosa, tão inocente... Tão minha...- Podia sentir sua respiração próxima ao meus pescoço, sinal que ele estava do meus lado.- Se eu não tivesse uma reunião hoje, iria de punir Kitty, te punir por sempre que te vejo, me deixar completamente duro... Se é que me entende.- Abri meus olhos, e senti um  forte chupão em meu pescoço, e logo depois um forte tapa em minha bunda, seu sorriso malicioso era completamente perfeito... Ele então, deu uma piscadela para  mim, e se retirou do local, me deixando paralisada, e tentando pensar em tudo que estava acontecendo e tudo que tinha acontecido agora. Coloquei meus dedos em minha intimidade e... Estou tão molhada... Tudo por culpa dele.

Respirei fundo, deixando o ar tomar conta de meus pulmões e matarem a saudade como se nunca tivessem se visto durante anos, já que durante a presença de Jimin no banheiro, não conseguia respirar com facilidade. Então, resolvi entrar na banheira, que tinha o doce cheiro dele, dei um sorriso bobo, pois estou na mesma água que Jimin utilizou para tomar seu banho, e com certeza irei ficar com seu cheiro doce, mas ao mesmo tempo forte. Comecei a passar o sabonete lentamente pelo meu corpo, e tomei a liberdade de dar uma "golada" no resto de vinho que Jimin  deixará na banheira, e o gosto.. Não estava tão diferente como o da primeira vez, mas me dava uma sensação ruim, ao lembrar que eu fiquei extremamente bebada ontem, devido ao vinho, não parava de vomitar, estava tendo náuseas, alucinações, sem falar no enorme calor que subia em minhas pernas durante todo o trajeto que fizemos do restaurante até em casa. Me lembro que estava quase me masturbando ao olhar para Jimin, sem falar nas palavras recheadas de malícia que falava para o mesmo, dentro do carro.❤

❤Fechei meus olhos lentamente, e me afundei na banheira, molhando o restante do meu corpo, então fiquei assim... Afundada na banheira, por um tempo, até que o ar se fez ausente em meus pulmões, e tive então que me levantar, e ao abrir meus olhos, olhei meu reflexo no espelho, e me assustei com o que vi... Meu pescoço está coberto de chupões enormes, meus olhos estava com olheiras profundas, sem falar que a minha pele naturalmente morena, agora está pálida, e com algumas marcas roxas, meio azuladas espalhadas pela mesma, que com certeza, era resultado dos chupões de Jimin.... Meu pescoço ainda tem marcas da coleira que Jimin usará em mim na noite anterior... Minha preocupação é: Como que eu vou para a escola nesse estado meio zumbi meio humano? Já sou considerada "diferente" na escola, e aparecer com todas essas marcas só irá piorar o meu estado de '"popularidade" na mesma, não que eu ligue muito para status, mas também ninguém merece ser chamada de "puta" por toda escola, durante o ano todo, e até mesmo em seu trabalho... Coreano é o cão!❤

❤Levantei da banheira nua, e como estava sem toalha, pingava água por todo lugar onde passava, alagando tudo, até eu chegar no quarto e pegar uma toalha, me secando na mesma. Olhei para Jimin, que estava se trocando, colocando uma camisa social branca, que marcava todo seu corpo já que a mesma parecia apertada no mesmo, não que ela realmente fosse pequena, mas é que o corpo dele é tão lindo... Musculoso... Perfeito... Aish! Para de pensar nisso! Vamos ao ponto!

♖(S/N)♖: Jimin!- o chamei e o mesmo veio até mim, abotoando sua camisa.

♜Jimin♜- O que foi...-Ele me olha fixamente- Sabe, não sou muito de ficar julgando se alguém é feio ou bonito, fofo ou estranho... Mas você eu tenho que admitir... É realmente muito linda,  com essas curvas desenhadas, essa pele morena, esses cabelos macios e cheios, esse seu cheiro.... Ai Deus, não sabe como me excita...-ele sorriu, o fazia seus olhos fecharem, então passou sua mão em meu cabelo molhado, bagunçando o mesmo, me fazendo sorrir,- Pode falar Kitty.

♖(S/N)♖; B-bem, é que eu estou coberta de chupões e... Não sei como vou para a escola desse jeito.- Corei-.

♜Jimin♜: Aish... Tem mesmo que ir para a escola?

♖(S/N)♖: Omo! Mais é claro que tenho que ir! quero ter um futuro, uma vida boa! Voce já nasceu sendo rico!

♜Jimin♜: Acho melhor voce fechar a sua boca antes que eu feche... E vai por mim, não vai gostar se for do meu jeito.-Ele me olhou de um jeito, que quase tive um ataque de tanta vontade de chorar... Ele consegue  ser bem assustador quando quer...

♖(S/N)♖: Desculpa, saiu sem querer... Onde esta meu uniforme?- Perguntei para ele um pouco corada- e preciso de roupas íntimas também...

♜Jimin♜: Só tenho lingirie negra, e uma branca, mas é um espartilho..-ele e olhou pensativo.

♖(S/N)♖: E-eu aceito a negra.... Meu uniforme...

♜Jimin♜: Bem, a lingirie negra, esta na segunda gaveta do... Do quarto de "brincar", e eu pego seu uniforme..-  Sorriu de lado.

 Saí do quarto dele, e comecei a andar pelo grande corredor, procurando o quarto de "brincar" do Jimin. Não demorou muito para achar o mesmo e entrei no mesmo, já procurando a gaveta e a lingierie... Coloquei ela, e parei um pouco, para ver os "brinquedos" que têm pendurados na parede, as coleiras, os chicotes, vibradores, entre outros objetos que não faço a minima ideia do que são, ou para que servem. Me retirei do local, e voltei para o quarto de Jimin, que estava sentando de pernas cruzadas na cama, segurando o meu uniforme, me olhando um tanto malicioso (como sempre).❤

Jimin♜; Sabia que eu tenho um grande fetiche por roupas de estudante?

♖(S/N)♖: N-não por quê?

♜Jimin♜: São exatamente 5:13 AM... Que tal darmos uma rapidinha?

♖(S/N)♖: Já estou coberta  de chupões, e não quero ficar com mais! Aliás... Me fale mais sobre aquele "contrato' que é tipo uma adoção... E tem alguma maquiagem aqui?- Pergunto pegando o uniforme de sua mão, e o colocando em meu corpo.

♜Jimin♜: Bem, estou com ele aqui, se quiser pode ler...- Ele me entregou o mesmo.

 

AS PARTES CONCORDAM COM OS TERMOS ABAIXO

1 - Os termos a seguir são parte de um contrato vinculante entre o Dominador e a Submissa.

TERMOS FUNDAMENTAIS

2 - O propósito fundamental do presente contrato é permitir à Submissa explorar de maneira segura sua sensualidade e seus limites, respeitando e considerando devidamente suas necessidades, seus limites e seu bem-estar.

3 - O Dominador e a Submissa concordam e confirmam que tudo que ocorra sob os termos do presente contrato será con- sensual, confidencial e sujeito aos limites acordados e aos procedimentos de segurança estabelecidos no presente contrato. Limites e procedimentos de segurança adicionais poderão ser acordados por escrito.

4 - O Dominador e a Submissa garantem não sofrer de doenças de natureza sexual, séria, infecciosa ou que constitua uma ame- aça à vida, incluindo, mas sem se limitar, aids, herpes e hepatite. Se, na vigência do presente contrato (tal como definido acima), ou em qualquer extensão da vigência do presente contato, qualquer das partes for diagnosticada com ou tiver ciência de quaisquer dessas doenças, a parte em questão se encarregará de informar a outra parte imediatamente e antes de qualquer forma de contato físico entre as partes.

5 - A adesão às garantias, acordos e compromissos acima (e quaisquer limites e procedimentos de segurança acordados sob a cláusula 3) são fundamentais para a validade do presente contrato. Qualquer quebra o tornará imediatamente nulo e as partes concordam em assumir total responsabilidade uma perante a outra pela consequência de qualquer quebra.

6 - Tudo no presente contrato deve ser lido e interpretado à luz do propósito fundamental e dos termos fundamentais estabe- lecidos nas cláusulas 2-5.

OBRIGAÇÕES

7 - O dominador se responsabilizará pelo bem-estar, pelo treinamento, pela orientação e pela disciplina adequados da Submis- sa. Ele decidirá a natureza dos referidos treinamento, orientação e disciplina e o tempo e o lugar de sua administração, sujeitos aos termos, limitações e procedimentos acordados no presente contrato ou previamente acordados, em consonância com a cláusula 3.

8 - Se, em qualquer tempo, o Dominador deixar de cumprir os termos, os limites e os procedimentos de segurança acordados estabelecidos no presente contrato ou acordados em forma de aditamento sob a cláusula 3, a Submissa tem o direito de ter- minar o presente contrato no ato e deixar de servir ao dominador sem aviso prévio.


9 - De acordo com esta condição e com as cláusulas 2-5, a Submissa deve servir e obedecer ao Dominador em tudo. De acordo com os termos, limitações e procedimentos de segurança acordados estabelecidos no presente contrato ou acordados em forma de aditamento sob a cláusula 3, ela oferecerá sem questionar ou hesitar o prazer que ele solicitar e aceitará sem ques- tionar o treinamento, a orientação e a disciplina do Dominador na forma que for.

VIGÊNCIA E TÉRMINO

10 - O Dominador e a Submissa celebram o presente contrato no Início da Data de Vigência plenamente cientes de sua natureza e se comprometem a cumprir plenamente suas condições.

11 - O presente contrato vigorará por um período de três meses a partir do Início da Vigência do Contrato (“a Vigência”). Finda a Vigência, as partes discutirão se o contrato e os acordos que celebraram sob o presente contrato são satisfatórios e se as necessidades de cada parte foram atendidas. Cada parte pode propor a extensão do presente contrato sujeita a ajustes de seus termos ou aos acordos que fizeram na vigência do mesmo. Não havendo acordo para tal extensão, o presente contrato terminará e ambas as partes serão liberadas para retomar suas vidas em separado.

DISPONIBILIDADE

12 - A Submissa estará disponível para o Dominador das noites de sexta-feira até as tardes de domingo todas as semanas du- rante a Vigência em horas a serem especificadas pelo Dominador (“as Horas Designadas”). Mais horas designadas podem ser mutuamente acordadas ad hoc.

13 - O Dominador se reserva o direito de destituir a Submissa de suas funções a qualquer momento e por qualquer razão. A Submissa pode solicitar sua liberação a qualquer momento, devendo tal solicitação ser concedida a critério do Dominador, sendo resguardados apenas os direitos da Submissa mencionados nas cláusulas 1-5 e 8, acima.

LOCAL

14 A Submissa se colocará à disposição durante as Horas Designadas e as horas adicionais acordadas em locais a serem de- terminados pelo Dominador. O Dominador assegurará que todos os custos de viagens incorridos pela Submissa para este propósito sejam cobertos pelo Dominador.

CLÁUSULAS DO SERVIÇO

15 - As seguintes cláusulas do serviço foram discutidas e acordadas e receberão a adesão de ambas as partes durante a Vigên- cia. Ambas as partes aceitam que possam surgir assuntos não cobertos pelos termos do presente contrato ou pelas cláusulas de serviço, ou que certos assuntos possam ser renegociados. Em tais circunstâncias, outras cláusulas podem ser propostas a título de emenda. Quaisquer cláusulas ou emendas adicionais devem ser acordadas, documentadas e assinadas por ambas as partes e serão sujeitas aos termos fundamentais estabelecidos sob as cláusulas 2-5, acima.

DOMINADOR

15.1- O Dominador tornará prioritárias a saúde e a segurança da Submissa em todos os momentos. O Dominador, em tempo algum, solicitará, exigirá, permitirá ou ordenará que a Submissa participe de atividades detalhadas no Apêndice 2 ou de qual- quer ato que uma ou outra parte julgue inseguro. O Dominador não realizará nem permitirá que se realize qualquer ato que possa causar dano sério ou risco à vida da Submissa. As subcláusulas restantes da presente cláusula 15 deverão ser lidas e sujeitas à presente disposição e às questões fundamentais acordadas nas cláusulas 2-5, acima.

15.2 - O Dominador aceita a Submissa como propriedade sua, para controlar, dominar e disciplinar durante a Vigência. O Do- minador pode usar o corpo da Submissa a qualquer momento durante as Horas Designadas, ou em quaisquer horas extras acordadas, da maneira que julgar apropriada, sexualmente ou de outra maneira qualquer.

15.3 - O Dominador proporcionará à Submissa todos os treinamentos e orientações necessários de modo a permitir que ela sirva adequadamente ao Dominador.

15.4 - O Dominador manterá um ambiente estável e seguro em que a Submissa possa cumprir suas obrigações no serviço do Dominador.

15.5 - O Dominador pode disciplinar a Submissa conforme o necessário para assegurar que a Submissa valorize plenamente seu papel de subserviência ao Dominador e para desencorajar condutas inaceitáveis. O Dominador pode açoitar, espancar, chicotear ou castigar fisicamente a Submissa como julgar apropriado, para fins de disciplina, para seu prazer pessoal, ou por qualquer outra razão, a qual não é obrigado a explicar.

15.6 - No treinamento e na aplicação da disciplina, o Dominador assegurará que não sejam deixadas marcas permanentes no corpo da Submissa nem sejam provocados ferimentos que possam exigir cuidados médicos.

15.7 - No treinamento e na aplicação da disciplina, o Dominador assegurará que a disciplina e os instrumentos usados para os fins disciplinares sejam seguros, não sejam usados de modo a causar danos sérios, e de modo algum excedam os limites defi- nidos e detalhados no presente contrato.

15.8 - Em caso de doença ou ferimento, o Dominador tratará da Submissa, cuidando de sua saúde e segurança, encorajando-a e, quando necessário, buscando cuidados médicos.

15.9 - O Dominador manterá sua boa saúde e buscará cuidados médicos quando necessário para manter um ambiente livre de riscos.

15.10 - O Dominador não emprestará sua Submissa a outro Dominador.

15.11 - O Dominador poderá prender, algemar ou amarrar a Submissa a qualquer momento durante as Horas Designadas ou em quaisquer horas extras acordadas por qualquer razão e por períodos de tempo prolongados, tendo a devida consideração com a saúde e a segurança da Submissa.

15.12 O Dominador assegurará que todo equipamento usado para os fins de treinamento e disciplina serão mantidos sempre em perfeito estado de limpeza, higiene e segurança.

SUBMISSA

15.13 - A Submissa aceita o Dominador como seu amo, com o entendimento de que é agora propriedade do Dominador, para ser usada como bem aprouver ao Dominador durante a Vigência em geral, mas especificamente durante as Horas Designadas e quaisquer horas extras acordadas.

15.14 - A Submissa obedecerá às regras (“as Regras”) estabelecidas no Apêndice 1 do presente contrato.

15.15 - A Submissa servirá ao Dominador de qualquer maneira que o Dominador julgar adequada e se esforçará para agradar ao Dominador em todos os momentos, da melhor forma possível.

15.16 - A Submissa tomará todas as medidas necessárias para conservar-se em boa saúde e solicitará ou buscará ajuda médica sempre que necessário, mantendo o Dominador informado de quaisquer problemas de saúde que venham a surgir.

15.17 - A Submissa assegurará adquirir contraceptivos orais e assegurará fazer uso dos mesmos conforme o prescrito para evitar a gravidez.

15.18 - A Submissa aceitará sem questionar todo e qualquer ato disciplinar julgado necessário pelo Dominador e se lembrará sempre de sua condição e de suas obrigações em relação ao Dominador.

15.19 - A submissa não se tocará ou se dará prazer sexualmente sem a permissão do Dominador.

15.21 - A Submissa aceitará ser chicoteada, açoitada, espancada, varejada ou surrada ou receber quaisquer outros castigos que o Dominador decidir aplicar, sem hesitação, questionamento ou reclamação.

15.22 - A Submissa não olhará diretamente nos olhos do Dominador salvo quando especificamente instruída a fazê-lo. A Sub- missa manterá os olhos baixos e conservará uma atitude calma e respeitosa na presença do Dominador.

15.23 - A Submissa sempre se conduzirá de maneira respeitosa para com o Dominador e só se dirigirá a ele como Senhor, Sr. Grey, ou outra forma de tratamento que o Dominador indicar.

15.24 - A Submissa não tocará o Dominador sem a permissão expressa deste para fazê-lo.

ATIVIDADES

16. - A Submissa não participará de atividades ou quaisquer atos sexuais que uma parte ou outra julgue insegura ou de quais- quer atividades detalhadas no Apêndice 2

17. - O Dominador e a Submissa já discutiram as atividades estabelecidas no Apêndice 3 e registraram por escrito no Apêndice 3 seu acordo em relação às mesmas.

CÓDIGO DE SEGURANÇA

18 - O Dominador e a Submissa reconhecem que o Dominador pode fazer exigências à Submissa que não podem ser satisfeitas sem que ocorram danos físicos, mentais, emocionais, espirituais ou outros na hora em que as exigências forem feitas à Sub- missa. Em tais circunstâncias, a Submissa pode usar um código de segurança (“o[s] Código[s]”). Dois códigos serão invocados dependendo da gravidade das exigências.

19 - O Código “Amarelo” será usado para chamar a atenção do Dominador para o fato de que a Submissa chegou perto de seu limite suportável.

20 - O Código “Vermelho” será usado para chamar a atenção do Dominador para o fato de que a Submissa não pode tolerar mais qualquer exigência. Quando esta palavra for dita, a ação do Dominador cessará completamente com efeito imediato.

CONCLUSÃO

21 - Nós, abaixo assinados, lemos e entendemos plenamente as disposições do presente contrato. E por estarmos assim justos e contratados, assinamos o presente instrumento.

O Dominador: Park Jimin

Data

A Submissa: (SN/SB)

Data: 01/12/2016

Jimin♜; Então... Está interessada?


Notas Finais


sgsagYGYGGUGGUYGUWGWYGC
eae porra
VOLLTEI
TUSTTUSTUST
ENTAUM
A s/n vai ou não assinar o contrato de propriedade?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...