História Bons garotos como bandidos - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Dean Winchester, John Winchester, Mary Winchester, Meg Masters, Miguel, Sam Winchester
Tags Castiel, Dean, Destiel, Supernatural
Exibições 206
Palavras 896
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Científica, Lemon
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - It took only one night to love you


Fanfic / Fanfiction Bons garotos como bandidos - Capítulo 4 - It took only one night to love you

Na manhã seguinte, fui acordado pelo som da chuva batendo na janela ao lado da cama que eu estava deitado. Mas algo parecia diferente. Abri os olhos lentamente ao descobrir que eu estava nu e um braço tatuado estava caído sobre meu estômago.

Eu pensei que era um sonho ruim. Aparentemente não. 

Eu calmamente sai da cama, puxando minhas boxers e minha jeans skinny o mais rápido que pude. Enquanto eu caminhava em direção à porta, ouvi sussurro vindo da cama. 

"Deixando o quarto tão cedo, Dean?" Uma voz rouca e profunda perguntou. 

"Uh .. meus pais vão estar preocupados se eu não chegar em casa agora .."  Que ótimo eu só fiz soar como uma criança. 

Virei-me para o homem mais velho, ele estava sentado na cama com os cobertores caídos em seu colo.

"Você precisa de uma carona para casa?" Ele perguntou, dando um leve sorriso na minha direção.

"Uh .. Se você quiser me dá uma carona", eu sussurrei, olhando para os meus pés nervosamente. Eu queria passar um pouco a mais de tempo com ele já que eu provavelmente nunca mais vou vê-lo novamente.

"Volte para a cama por mais alguns minutos", ele sorriu, batendo no lugar ao lado dele na cama.

Eu lentamente me aproximei da cama, só para ele pegar minha mão e me puxar para baixo ao lado dele. Ele passou os braços em volta de mim e eu descansei minha cabeça em seu peito. Ficamos deitados em silêncio juntos por cerca de 10 minutos até que meu telefone começou a tocar. 

Agarrei rapidamente, pressionando o pequeno botão resposta verde.

"Olá?" 

"Dean, onde está você?" Foi Sammy e ele parecia realmente preocupado.

"Eu ainda estou no Benny. Eu estarei em casa em breve .." Eu sussurrei em seguida, virei-me para Castiel, que estava levantando a sobrancelha para mim.

"Good .. Eu preciso falar com você mais tarde ..", ele desligou antes que eu pudesse responder. Espero que ele esteja bem. 

Eu coloquei meu telefone de volta na cama antes de me voltar para Castiel. 

"É melhor eu levá-lo para casa agora", disse ele, saindo da cama e puxando suas roupas. Eu realmente não queria sair, mas eu sabia que algo estava errado com Sammy e eu provavelmente deveria ir falar com ele o mais rápido possível. 

 Conseguindo sair da casa de Benny sem ser pego, Castiel abriu o caminho para o carro que estava estacionado do lado de fora. Entrei no lado do passageiro, em seguida, passei a mão pelo meu cabelo agora úmido. A chuva estava ficando muito ruim.

Castiel entrou no lado do motorista e piscou para mim, que me fez olhar rapidamente para fora da janela. Merda, por que ele tem que fazer isso ..

Quando o carro começou a se mover, concentrei minha atenção sobre o que estava acontecendo lá fora. Minha mente estava uma pilha de nervos. Eu tinha dormido com alguém que eu nem sabia nada além do nome e idade. Estou com medo de que eu poderia estar desenvolvendo sentimentos por ele. Ele era tão gentil e carinhoso na noite passada. 

Fui tirado de meus pensamentos como sua grande mão repousando sobre minha coxa.

"Dean, você está tremendo" 

"Uh desculpe .. Só não estou me sentindo muito bem.." Eu sussurrei de volta antes de tomar uma respiração lenta na tentativa de me acalmar.

Nós estivemos no carro por cerca de 10 minutos e eu estava dando indicações Castiel para chegarmos a minha casa e antes que eu percebesse, já estavam lá.

 Virei-me para Castiel que deslizou um pequeno pedaço de papel na minha mão, "Chame-me se precisar de mim para qualquer coisa", ele piscou novamente, em seguida, mudou-se para me beijar.

Ele pressionou os lábios nos meus por um breve momento antes de tomar a decisão de sair do carro. Foi apenas alguns segundos, mas aquele beijo era perfeito. 

Vi o carro dele deixar a rua antes de ir para a minha casa. Eu rapidamente corri para cima em direção ao meu quarto e cai na minha cama em exaustão. 

Será que aquele beijo significa que ele gosta de mim também? Por que ele me deu o seu número? Talvez eu deveria chamá-lo mais tarde ..? Não .. eu não posso. E se ele só me deu o número por pena ..? 

Aposto que ele viu minhas coxas na noite passada. Quem estou enganando ..? É claro que ele teria pena de mim. 

Puxei meus joelhos no meu peito e suspirei profundamente. Ele provavelmente pensa que eu sou patético.

O que um cara como ele quer de alguém como eu ...? 

Eu gostaria que ele  sentisse algo por mim embora .. Acho que já me apaixonei por ele e foi apenas uma noite.

 
 
 
 
 
 


Notas Finais


AMANHÃ TEM SUPERNATURAL ♡
Desculpe este capítulo foi uma porcaria. Vou tentar fazer o próximo mais interessante!


Okay?? ♡


***Por favor comente e favorite ***


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...