História Boss - Imagine Jungkook - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Comedia, Hoseok, Interativa, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Romance, Sexo, Sexual, Suga, Taehyung
Exibições 610
Palavras 1.142
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Hentai, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem os erros ortográficos e não desistam de mim! Amo vocês!
Vocês são demais!
Então daqui pra frente eu não vou soltar de uma vez o que aconteceu com o Jk, vai passar uns minis flashback's contando um pouco da grande historia.

Capítulo 17 - Crazy


Flashback* 

Jeon*

 

Depois que perdi a Senhora Kim para o Jimin eu achava que nunca iria achar alguém... Mas conheci a Mel, eu iria me declarar para ela hoje... Estou nervoso eu nunca me senti assim. 

 

 

Flashback off*

 

Eu só espero encontrar ela no apartamento... Espero que ela esteja sozinha... Ah não ser que...

 

Jimin*

 

Meu Deus... Jungkook otário... Mas acho melhor eu avisar a louca lá que ele está rastreando o celular dela. 

 

Peguei seu número na discagem rápida. 

 

Eu: Senhorita ____? – Tentei segurar o riso.

____: Ah... Jimin? Por que está me ligando numa hora dessas?

Eu: É melhor você desligar o seu celular.

____: Por que?

Eu: O Jeon vai te rastrear amor... Ah não ser que ele já tenha feito isso...

____: AHHHHH....

Eu: É melhor você gritar e aposto que você está com o Kim Taehyung certo? Bom, se quer uma noite tranquila... Vão para outro lugar ele estava ao lado da sua casa amor... Não se arrisque ele é louco. – Desliguei.

 

Bom... Não sei porque mas ela me diverte demais, fazia tempo que não ria das desgraças alheias sabe, ela é legal e tudo... Eu sou um cara romântico quando eu quero. 

 

Jin*

 

Minha nossa senhora, vou perder meu emprego preciso ligar logo para o Nam... MAS NUMA HORA DESSAS ACHO QUE ELE JÁ DEVE TER LIGADO PARA PERGUNTAR DELA.

 

Liguei para o Nam. 

 

Eu: Nam? 

Nam: Fala Jin! 

Eu: Você falou para o Jungkook onde a ____ estava né?

Nam: É eu falei... Por que?

Eu: Meu Deus... 

Nam: Fala o que houve? 

Eu: Nam porra! Ela está com outra pessoa...

Nam: Caralho JIN! Fodeu...

Eu: Fodeu mesmo!

Nam: Ah... Não podemos fazer nada... Nosso garoto está apaixonado de novo...

Eu: Pois é... Criamos ele a base de leite ninho e olha agora! MAS PORRA NAMJOON ELE VAI MATAR O TAEHYUNG!

Nam: Oh esse é o nome do meliante?

Eu: HAHAHAHAHAHAHAHA. 

Nam: HAHAHAHAHAHAHA. 

Eu: VOCÊ É HILARIO! MAS É SERIO NÃO SOMOS PADRINHOS MÁGICOS! NÃO PODEMOS FAZER NADA SE ELA ESTA AFIM DE OUTRA PESSOA... 

Nam: EU TIVE UMA IDEIA, NÓS DEVEMOS LIGAR PARA A SENHORA SEON! (O sobrenome da mãe adotiva do Jeon é Seon mesmo só que ela decidiu dar uma parte da fortuna para o seu menino e impediu que ele colocasse seu sobrenome, porque ela não queria tirar o nome de nascença dele... Mas em compensação ela casou com um cara rico que tinha como sobrenome Jeon então... Não fez tanta diferença – mais a frente vocês verão).

Eu: Ah qual desculpa você vai inventar? 

Nam: Ah SEOKJIN NÃO FAZ PERGUNTA DIFÍCIL! 

Eu: Caralho deixa quieto. 

Nam: Bom mudando completamente de assunto, você está me devendo um bolinho de limão. 

Eu: Porra Namjoon vai a merda! Olha vou fazer porque eu sou legal demais!

Nam: Ehhhhhhhhh...

Eu: Preciso ir agora, vou sair com a So... 

Nam: Ui conquistador... UAU! 

Eu: Você é idiota! – Desliguei. 

 

Ah santo Cristo, Taehyung e ____... Meu Deus... Se alguém morrer eu irei saber daqui, já que é aqui no final da rua.

 

____*

 

Eu desliguei o celular, eu não queria mais que o Jeon estragasse o que eu tenho com o Taehyung.

Eu estava deitada com o Taehyung no sofá do apartamento dele e como sempre ele me abraçava carinhosamente. 

 

Eu: Tae... Conseguiu arrumar emprego? – Perguntei algo nada vê... Você é idiota ____!

Tae: Ah sim consegui, eu arrumei no prédio “inimigo” daquele idiota... – Se referia ao Jeon. – Não sei como consegui, mas estou ganhando bem... 

Eu: Ah Tae você é bom... Só por isso... Sabe eu senti falta disso... – Colocava minha mão em cima das suas.

Tae: É... Eu também senti... – Deu um beijo em minhas costas. 

Eu: Ah Tae... – Me virei para ele, o sofá era pequeno para nós dois. 

Tae: Te amo ____, de verdade... – Fechava os seus olhinhos era uma coisa linda... A voz grossa dele o deixava mais lindo ainda... 

Eu: Tae... – Dei um selinho nele e comecei, coloquei minha língua e ele cedeu... Ele me agarrou me fazendo ficar por cima dele e nos beijávamos loucamente naquele sofá, eu passava a mão em seu peitoral nu devagar e tremula dele me negar de novo, eu quero tentar de verdade. 

 

Ficamos ali nos beijando e ficamos sem ar, até que nos desequilibramos e acabamos caindo no chão e ele ficou em cima de mim.

 

Tae: Me descul... – O puxei para um beijo, sinto um pouco da sua ereção em meu ventre.

Eu: Tae eu quero ser sua... Ah... – Dizia ofegante. – Eu quero ser sua... Eu quero te dar todo esse tempo perdido... – Eu estava louca.

Tae: Oh... ____... Você tem certeza? – Dizia com a respiração acelerada. – Não quero que faça isso por obrigação... – Eu assenti com a cabeça. – Depois eu quero você peça demissão daquele lugar... E venha comigo, eu não vou aguentar ter que ver você no mesmo ambiente com ele... Por favor... – Me olhava triste. 

Eu: Sim... Eu faço tudo por você... – Ele me pegou no colo me levando até a cama e me deitou com carinho na mesma e mexeu nos meus cabelos sorrindo. 

 

Eu sei que você não quer que eu saia... Você sabe muito bem o que podemos fazer sem o Taehyung ver...

Primeiro. Da próxima vez que você entrar aqui eu só quero te ver de calcinha... Segundo, não ouse falar com o SeokJin sem eu estiver por perto... Terceiro, mesmo você querendo ou não senhorita ____, eu vou atrás de você porque você é só minha... Quarto, não ouse ir para casa do Park Jimin outra vez se não eu terei que tomar medidas drásticas...

Eu quero você... 

 

JEOONNNNNNNNN???!!!

 

Comecei a respirar alto... Fechei meus olhos... E abri MAS O QUE? EU NÃO ESTAVA COM O TAEHYUNG? 

 

Jk: Eu quero você meu amor... – Me mordiscava. – Vou ser carinhoso eu não quero te machucar... – Via o seu olhar mais escuro ele iria me comer. 

Eu: J-Je... – Fecho meus olhos com força e depois os abro e vejo o Tae.

Tae: Amor? Você está bem? 

Eu: TAEHYUNG... DESCULPA... EU... EU ESTOU TRAUMATIZADA... – Ele se sentou na cama e eu fiz o mesmo. 

Tae: Calma amor... Você está suando... Vamos tomar um banho vem... 

 

Jeon*

 

Eu estava dentro do apartamento... Eu tinha perguntado sobre o Kim Taehyung para recepcionista e ela disse que não pode me responder... Então fiz melhor eu pedi um quarto pra mim, nessa espelunca! Mas dava para o gasto...

 

Ela me faz falta... Ah... Doce... ____... Como queria foder sua boca. 

 

Flashback*

Jeon*

 

Estou com flores, cartas e mais outras coisinhas para que ela veja o quanto eu sou romântico... Eu estou com medo, ela não entende minhas ligações. Mas eu a amo tanto que não consigo ficar bravo com ela.   

 

Remember the way you made me feel

Such young love but

Something in me knew that it was real

Frozen in my head


Notas Finais


Favoritem vão me ajudar muito e comentem quero saber o que estão achando!!
Agradeço quem tiver lido.
Bye bye.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...