História Boys In Luv - Series - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jihope, Namjin, Taekook Yoomin, Vkook, Yoonseok
Exibições 45
Palavras 2.390
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OLÁAAAAAAA Como estão? Venho aqui trazendo mais um capítulo dessa gostosura! Então, espero que gostem. :3

Capítulo 4 - Wishing On a Star


Kim Taehyung POV 

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

                                                                     -  Desafio você a Beijar Kim Taehyung. 

Meu coração para, meus ouvidos não recebem mais algum som, apenas minha boca se abre involuntariamente. Meu cerébro não responde, meu corpo travou de vez. Meus olhos vão direto a Jungkook que também está me encarando. Consigo ver o brilho em seus olhos negros e isso me deixa nervoso, seu olhar é de um pouco de desprezo. 

-Não quero fazer isso. -Diz ele. Mas realmente não consigo mudar minha ou reação. Estou em choque.

-Você pediu desafio não foi? Pois então, esse é o meu desafio. -Ele cruza os braços em um sorriso malicioso. -Ou você é covarde? 

-Não sou covarde! -Jungkook diz com raiva.

-Então beije Kim Taehyung. -Ele diz por fim.

-Espera! -Diz Seokjin, meus olhos vão para ele. -Vocês nem estão perguntando pro Taehyung se ele quer fazer isso. 

-Claro que ele quer! -O desafiante diz. -Quem rejeitaria um dos Três Pecados?

-Não custa perguntar! -SeokJin olha para mim. -Então, Taehyung? Tudo bem em beijar Jungkook? -Não consigo responder, estou parado encarando SeokJin que está curioso em saber a resposta.

-Taehyung? -Diz Namjoon me dando um empurrão no braço. 

-É BOM É...

-Fale logo, não temos a noite toda! -Diz o desafiante. Olho pra Jungkook o mesmo me encara, meu Deus... Não me olhe assim!

-Eu... T-Tanto f-faz... -Digo baixo.

-Fale alto, Kim! 

-TANTO FAZ! -Grito desesperado, o que deixa muitos com olhos arregalados. 

-Vamos lá, Jungkook. Beije o garoto. -Jungkook revira os olhos e se levanta.

-Se levante, vamos. -Diz ele estendendo a mão para mim. 

Meu Deus, será que pego sua mão? Sentir a pele de Jungkook, sentir seus lábios nos seus... É um sonho certo? Não tem como ser verdade, isso é impossível. 

-Vamos logo, antes que eu desista dessa ideia! -Diz ele se abaixando e pegando minha mão me puxando.

Eu estou tocando na mão de Jungkook! EU ESTOU TOCANDO NA MÃO DELE!!!!!!!!!! ALGUÉM ME HELPA, EU NÃO TÔ BEM! 

-AH e o beijo tem que ser de Língua! -Diz o garoto que estou começando a odiar e amar ao mesmo tempo.

-Tcs que saco... -Jungkook me arrasta até a parede e me deixa encurralado. Ouço alguns gritinhos de animação. -Você já beijou, né? 

Dessa vez ele pega minha nuca e olha nos meus olhos. Seus olhos são tão bonitos, consigo sentir seu perfume, é um cheiro emadeirado, seu hálito tem cheiro de menta com baunilha. 

-S-Sim... -Minha voz sai falha, estou nervoso.

Coloco minhas mãos em sua cintura, encaro seus lábios. Eles são tão perfeitos, tão bem desenhados, ele está tão perto. Antes de nossos se encostarem meus olhos o encaram e ele também faz o mesmo, nos encaramos, seus olhos voltam ao meus lábios. Nossos narizes estão se encostando, nossos lábios ficam se roçando. 

Ele finalmente sela nossos lábios, fecho meus olhos e aproveito. Nunca no sonho mais profundo eu tinha imaginado que Jungkook me beijaria. Abri levemente meus olhos outra vez, para ver se era ele mesmo, e sim, era ele. Seus olhos estavam fechados e sua expressão estava concentrada. Ele então entra com a língua em minha boca. Meu Deus, seu gosto é ainda melhor do que eu imaginei. Ele tem gosto de baunilha com menta, isso é tão. Suas mãos começam a massagear minha nuca dando alguns puxões nos meus cabelos. Isso tá me deixando louco, minhas mãos começam a apertar sua cintura, ele coloca a perna direita entre minhas pernas apertando meu membro. Esse ato me faz arfar, Jungkook beija tão bem. Puta que pariu... 

Nosso beijo antes era calmo, mas agora estava bem quente, minhas mão foram até seu peitoral, sua mão esquerda estava no meu ombro e a outra continuava em minha nuca. Ele é tão gostoso, sua língua se enrosca com a minha, e ficamos nessa briga de quem domina mais. Mordo seu lábio inferior e ele arfa, voltamos a nos beijar intensamente. Realmente, esqueci do mundo lá fora, não me importo com o número de pessoas vendo, eu estava beijando Jeon Jungkook. O amor da minha vida. 

Suas duas mãos vão até minha bunda apertando e me suspendendo o que faz eu ficar de pontas dos pés. Puta que pariu, esse garoto quer que eu enlouqueça. Quando minhas mãos vão até a barra de sua camiseta algo nos interrompe.

-EI EI EI! Era só um beijo, não era pra fazerem sexo. -Diz o garoto que desafiou Jungkook. 

Jungkook então separa nosso beijo, que droga. Estava tão bom, maldito seja esse garoto, por interromper algo que eu estava amando. Jungkook descola o seu corpo do meu e me encara um pouco vermelho e consigo ver seus lábios inchados, os meus devem estar também. Estou tão brisado, parece que fumei maconha, não consigo reagir. Jungkook então sai da minha frente e volta ao seu lugar para se sentar. Eu ainda estou grudado na parece sem reação pelo que acabou de acontecer, eu não consigo ter ideia do que fazer. 

-Venha, Kim Taehyung! Ou vai ficar aí o dia todo? -Diz uma voz feminina.

-É-É já -t-tô indo. -Vou andando, minha voz está trêmula.  Sento do lado de Namjoon que está com a boca aberta. -P-Para de ficar me encarando... -Ele se aproxima do meu ouvido e sussurra.

-Você é sortudo, conseguiu beijar o cara que você gosta. E ainda recebeu uns amassos.

Olho pra ele corado e ele dá um sorriso safado. Esse Filho da Puta, deu vontade de voar em Namjoon e enche-lo de tapas. Acho que baixou o Min Yoongi em mim. Olho para Jungkook que pegando a garrafa para girar, ela cai em Namjoon. Eita.

-Namjoon, não é? -Pergunta Jungkook e Namjoon confirma. -Verdade ou Desafio?

-Verdade -Diz Namjoon.

-É verdade que gosta de Kim Taehyung? Romanticamente falando. -QUE PORRA DE PERGUNTA É ESSA?

-HÃ? N-N-Não! Ele é só meu melhor amigo! -Diz Namjoon desesperado. Na mesma hora ele passa seu olhar para SeokJin que o olha intrigado e curioso.

-Então, qual o seu tipo ideal? -Pergunta Jungkook apoiando a cabeça em seu braço em cima do joelho.

-M-Meu t-tipo...? -Namjoon está nervoso. -É-É o ti-tipo d-delicado... E-Eu acho.

Namjoon abaixa a cabeça e encara seus próprios dedos, olho para SeokJin que está do seu lado, dando um sorriso contente. Nossa, tô achando que SeokJin gostou da resposta. 

-Ok, vai Namjoon! -Diz SeokJin colocando a mão em seu ombro. Namjoon gira a garrafa e ela para em Park Jimin.

-FINALMENTE CAIU EM MIM UHHUU! -Diz Jimin animado, quem comemora isso meu Deus?

-Park Jimin, Verdade ou Desafio? -Pergunta Namjoon.

-DESAFIO CLARO! -Ele diz rindo.

-Te desafio... A tirar a roupa de cima. 

-Aff que desafio besta. Isso é tão fácil, mas é claro não tem ninguém pra provocar com isso. -Ele faz um bico. -Tem alguém que quer ser provocado ein?  - A  maioria solta gritinhos.

-Tudo bem então! É-É Tire a roupa de cima e provoque... Kim Taehyung! 

-PORRA POR QUE AGORA ME COLOCAM EM TUDO QUE É DESAFIO?! -Berro com raiva. Já é terceira vez que me colocam nessa merda. 

-Irei adorar, hahahahaha.

Jimin se levanta e retira seu casaco esportivo e depois a camiseta, não mano, Park Jimin não, se fosse Jungkook eu estaria no céu. 

-NÃO, PELO AMOR NÃO! -Digo tapando os olhos.

Começo a escutar uma risada familiar, é a risada de Jungkook, ele está rindo. Destampo meus olhos e vejo ele dando risadas gostosas, dou um sorriso pequeno.

-ELE RIU AAAA -Diz Jimin com a blusa tirada. Quando vejo ele... puta que pariu... Meu Deus, nem hétero resiste meu bem. Seu corpo é definido e malhado, ele é sexy. -O que foi Hyung? Gostou da visão do seu Dongsaeng ein? 

-É-É...

-Não precisa ficar nervoso, Hyung. -Ele se abaixa até mim e pega minha mão. -Pode tocar se quiser.

Ele coloca minha mão em um de seus gominhos do abdômen, porra mano. A voz de Park é sedutora e ele é sexy, vou pirar, agora entendo o porque de Yoongi ficar envergonhado com ele.

-Vamos, Hyung... Deixe seu Dongsaeng feliz... -Diz ele se aproximando da minha orelha e mordendo o meu lóbulo, eu sem querer solto um gemido. PUTA MERDA, NÃO DEVIA TER FEITO ISSO! -Você é tão sensível, Taehyung... 

-Pa-Park... -Digo baixo.

-Ou ainda está excitado pro causa do beijo com Kookie? -Sussurra ele, só eu consigo escutar.

-O-O que? C-Como assim... 

-Eu sei que você está apaixonado por ele, querido Hyung. Eu sei que se esconde na sala de música para vê-lo.... -O QUE? - No começo pensei que era pra me ver, afinal a maioria sempre me quer, mas quando você beijou Kookie, ahh percebi que não era eu quem você observava.

-P-Para, Park.  -Ele dá um sorriso malicioso e sai de perto de mim  e vai se sentar. 

-Então, devo continuar sem roupa pessoal? -Pergunta a voz fina de Jimin. Todos respondem um sim dando gritinhos. -Tudo bem então... Hihihi.

Como ele descobriu sempre tive cuidado em fazer isso, eu estou chocado. E se ele contar para Jungkook? Ele irá pensar que sou um louco. QUE DROGA! Ele vai me ameaçar? É isso? Será que ele vai fazer alguma coisa comigo? Estou com medo... Park Jimin não é alguém com quem se brinca. Estou fodido. Jimin pega a garrafa e gira, e cai em SeokJin. O mesmo dá um sorriso e se anima.

-Então, Jin-Hyung, Verdade ou Desafio?

-Verdade.

-É verdade que você tem uma queda pelo Namjoon desde ontem quando paramos na mesa dele? -Pergunta Jimin com um sorriso malicioso. Olho para Namjoon e vejo que ele está corado, então ele abaixa a cabeça.

-J-J-Jimin! -Exclama SeokJin -N-Não faça esse tipo de pergunta! 

-Você escolheu verdade, agora aguente! 

-B-Bom hehehe sabe... é-é... -SeokJin não está nem conseguindo falar, meu Deus, será que ele sente alguma atração por Namjoon? Se ele tiver, tudo será resolvido, pois Namjoon ama muito Jin.

-Vou considerar como sim! -Diz Jimin alegre e malicioso, esse garoto não presta!

-Ji-Jimin! -Diz SeokJin envergonhado e nervoso.

-Hyung! -Diz Jimin no mesmo tom, imitando Jin.  Dou uma pequena risada admito, Namjoon continua olhando para baixo e com vergonha.

Olho para meu relógio, já 1:30 da manhã! O tempo passou tão rápido que nem percebi, isso foi estranho. Eu me diverti e também me envergonhei muito, tive o primeiro beijo com o amor da minha vida, e fui provocado por Jimin, e também descobri SeokJin tem uma queda por Namjoon. Uau, o que um Verdade ou Desafio pode fazer! 

-Namjoon, já são 1:30 da manhã, precisamos ir. Disse para minha mãe que não ia chegar tarde. 

-Tudo bem, Taehyung. -Me levanto e ele me acompanha.

-Pessoal, foi muito louco hoje. Mas precisamos ir. -Digo fazendo uma reverência. 

-O QUE? TaeTae não vá! Pensava que iriamos passar a noite acordados! Iriamos brincar com vocês até amanhecer! -Diz Jimin manhoso. TaeTae, é a primeira vez que me chamam assim, já me chamaram de Tae, mas TaeTae é a primeira.

-TaeTae? -Digo com uma cara confusa e ele dá um sorrisinho  - Bom, não posso, minha mãe está sozinha em casa e eu preciso ir. Mas eu gostei muito. -Ah se gostei, eu beijei JUNGKOOK!!

-Uma pena TaeTae... Gostei de você! O Namjoon-Hyung vai com você? 

-Sim -Diz Namjoon.

-AHHH NÃOOOO Até você! Se você ficar, faço Jin-Hyung beijar você! 

-JIMIN! -Exclama SeokJin. 

Namjoon olho pra baixo super envergonhado, esse Park não tem vergonha mesmo.

-Tudo bem, dessa vez eu deixo vocês irem! Nos vemos segunda ok? -Pergunta Jimin.

-Ok... -Digo.

-Ei e não esquece de mandar um beijo pro Yoongi-Hyung. -Ele começa a pensar um pouco. -Falando nele, cadê ele? E aquele amigo extravagante de vocês? -Ele pergunta desconfiado, não posso dizer que a última vez que os vimos eles estavam se pegando no carro. 

-Eles foram embora mais cedo, Yoongi bebeu mais do que deveria. -Minto.

-Ah tudo bem -Diz ele um pouco triste -Thau!! 

-Thau, Park. Thau SeokJin-Hyung e... -Exito um pouco ao ter que falar esse nome, ele olha para mim com um olhar curioso e profundo. -T-Thau, Jungkook...

-Thau, Taehyung. -Diz ele dando um pequeno sorriso.

Tiros e mais tiros, meu coração não tá aguentando tantos tiros.

Me viro e vou andando. Ouço Namjoon falar com eles.

-Obrigado, foi muito bom e divertido. Thau, Jimin e Jungkook. Thau, Jin-Hyung. 

-T-Thau, Namjoon. A gente se vê! -Diz a serena voz de SeokJin.

Eu e Namjoon saímos da casa, e ainda vemos o carro de Yoongi estacionado no mesmo lugar. 

-Topa ver o que aconteceu lá dentro? -Digo.

-Topo.

-Eu vou bater uma foto e se eles brigarem de novo digo que a consequência da briga deles deu nisso. -Gargalhamos alto, essa foi ótima.

Vamos nos aproximando do carro, vejo pelo vidro Yoongi com uma coberta azul bebê pequena e e Hoseok debaixo dele, dá pra ver que os dois estão pelados. Hoseok tem suas mãos no cabelo de Yoongi enquanto Yoongi está com a cabeça no peito de Hoseok. Fofos, porém bizarros.

-Sinistro. -Diz Namjoon. 

-Além de sinistro. -Digo. Damos algumas risadas.

-Não vai bater a foto? 

-Tava brincando, lesado! Claro que não. Bora, eu tenho um contato de Táxi.

Pego meu celular e ligo para o Táxi, demora uns cinco minutos e ele chega, eu e Namjoon entramos e e vamos até nossas casas, a de Namjoon é mais perto então o taxista deixou ele primeiro. Namjoon pagou o motorista me disse um thau e foi embora. 

Quando cheguei em casa, minha mãe estava dormindo no sofá, com uma manta se cobrindo, a televisão estava ligada. Pego ela no colo e a levo até sua cama, embrulho ela e lhe dou um beijo na testa.

-Eu te amo, mãe. -Digo saindo do quarto.

-Eu também te amo, meu filho. -Diz ela dando um sorriso ainda com com os olhos fechados.

Saio de seu quarto e vou para meu, tomo um banho e coloco um pijama. Ao deitar na cama lembro do beijo que Jungkook me deu, eu realmente estava feliz e nervoso. Jungkook... Por que eu te amo tanto? Olho pela janela do meu quarto, vejo a lua brilhosa e grande, estrelinhas ao seu redor. Quando menos espero vejo uma estrela cadente, pareço uma criança fazendo isso, mas não me importo, vou fazer. Irei fazer um pedido a Estrela.

                         Quero que Jeon Jungkook lembre desse beijo e que ele me Ame. 

                          Por favor, que esse desejo se realize.


Notas Finais


Entãoooo? Gostaram? Digam que sim por favor!!!!!!!!! Esse capítulo foi meio difícil de fazer, mas estou me esforçando -- comecei a escrever ele a tarde e olha que horas estou postando! Sim, só terminei agora!!!!!!! O capítulo deveria ser enorme, mas minha criatividade estava me dando muito trabalho. Vou tentar postar todos os dias, já que próxima semana não irei poder postar, então entupir vocês de capítulos kkkkkkkkkkkkkk Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...