História Brasileira(imagine B.M) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias K.A.R.D
Tags Kard
Visualizações 124
Palavras 710
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


FINALMENTEEEEE!
Eu demorei mas tô aqui!
Fiquei setembro sem postar,me desculpem.
Talvez,eu disse TALVEZ,eu poste dois caps esse mês.
Ah,feliz dia das crianças pra vc que ainda toma Toddynho (tipo eu),ou que não chegou nos 13.
Boa leitura!

Capítulo 21 - XX-Obrigada.


~anteriormente

Espera...

Tudo isso...

Foi uma distração?

[...]

            POV JIWOO ON

Depois de torturar (S/N),James veio em minha direção.

Olhei desesperada para (S/N) mas a mesma estava desmaiada.

Alguém nos ajude.

J-oh querida,porque essa cara de desespero? Estamos apenas brincando...-pegou meu rosto apertando minhas bochechas com uma mão só-como nos conhecemos a mais tempo,vou fazer uma brincadeira especial com você!-foi até um armário,o abriu e pegou uma duas ratoeiras, álcool e um vibrador.

-o-oque vai f-fazer com essas coisas?

J-ficou na minha frente-só vou me divertir um pouco...querida.

James começou a tira minha roupa,fazendo com que eu me desesperasse mais ainda.

-p-pare!

J-shhhh!

Pegou uma mordaça -que já estava separada antes da gente vir pra essa sala-e colocou em minha boca.

J-vamos...começar!

            POV SOMIN ON

Depois de lutarmos com alguns capangas ouvimos barulhos e vozes. Consegui identificar uma... Matthew!

Fomos em direção ao lado que o Matthew tinha ido. Chegando em uma sala vejo Sarah sendo presa e ele parado olhando para o chão.

-Matthew!-ele se quer me olhou-oque aconteceu?-digo me aproximando

B-distração...

-o que?

B-TUDO ISSO FOI UMA DISTRAÇÃO SOMIN! ELAS ESTÃO EM OUTRO LUGAR! ELAS PODEM ESTAR SENDO MORTAS NESSE EXATO MOMENTO E NÓS ESTAMOS AQUI SEM FAZER NADA!

JS-Calma cara! Nós também estamos preocupados com elas...elas não estão aqui, certo?

B-sim...

-vamos pegar o celular da Sarah,deve ter alguma coisa lá!

Pegamos o celular da vadia e fomos em direção aos contatos. Ela havia falado com uma pessoa poucos minutos antes de chegarmos, então ligamos.

            POV JIWOO ON

James começou a passar uma das ratoeiras pelo meu corpo até chegar em um dos meus seios,onde prendeu o bico com a mesma.

Pegou a outra e começou a passar cm mim novamente,mas quando ia botar em meu peito seu celular toca.

J-aish!

               POV JAMES ON

Eu tinha acabado de começar minha tortura,quando meu celular começa a tocar.

-aish

Vejo o nome na tela e aparece que Sarah está me ligando. O que ela quer comigo?

-alô.

-quem fala?

-Sarah?sou eu,James. Está bebada? Devia saber para quem liga!

-a-ah...eu...

-adivinha só,a estrangeira já desmaiou, só falta a outra!

-e-eu preciso desligar!

A ligaçáo foi encerrada.

-oux! Lokona! Agora...vamos voltar à brincadeira.

               POV B.M ON

-James...ele não é aquele "amigo" (S/N)?

S-amigo?

-Sim,ele até foi no hotel em Los Angeles.

JS-mas porque eles sequestrou a Jiwoo também?

-não sei,mas vamos parar de enrolar e rastrear o número.

[...]

Rastreamos o número é descobrimos que o verdadeiro local-assim esperamos-que elas estão não é tão longe daqui.

Entramos no carro da polícia e fomos.

                POV JIWOO ON

Já fazia mais de meia hora que James estava me torturando. Eu não aguento mais!

-p-ara,p-por favor!-falei com dificuldade por conta da mordaça

J-parou de me cortar-que era oque estava fazendo no momento-e me olhou-olha Jiwoo...acredite,eu não faço isso SÓ por prazer,é meu trabalho,eu preciso fazer isso ou eu morro, entende?

-p-porque não escolheu outra profissão?

J-ha-riu sem humor-quem disse que eu escolhi? Meu pai foi chefe de uma das maiores máfias de Los Angeles,eu meio que fui obrigado a seguir os passos dele,e olha onde eu estou hoje! No Brasil,um país que eu nunca pensei que conheceria,torturando duas garotas em troca de um pouco de dinheiro e vida.

-você podia seimplismente nos soltar

J-não é tão fácil assim querida Jiwoo... não é.

Ficamos nos encarando por um tempo mas fomos enterrompidos por um barulho do lado de fora do quarto onde estávamos.

J-o que está acontecendo?

James saiu do quarto,trancando a porta.

                 POV B.M ON

Chegamos no local e rapidamente saímos do carro. Era uma casa meio velha e grande.

Os policiais arrombaram a porta e nós entramos.

Vimos dois carinhas no cômodo onde estávamos e os policiais apontaram suas armas para eles.

P-PARADOS ONDE ESTÃO! DEIXEM QUALQUER ARMA QUE POSSUAM NO CHÃO E NOS DÊ AS VÍTIMAS!

Os capangas deixaram suas armas no chão mas não falaram nada.

P-VAMOS, CADÊ AS VÍTIMAS?

Saíram correndo para o subsolo e nós fomos atrás. Chegando lá vimos James parado no corredor com cara de confuso.

J-o que está acontecendo?

B-onde elas estão?

J-você acha mesmo que eu vou te dizer?

Parti pra cima dele,batendo no mesmo repetidamente sem dar tempo dele atacar.

Parei ao ver que o mesmo já estava sangrando.

B-FALE LOGO!

J-você é tão burro que não percebeu a única poeta do corredor?

Me levantei de cima do mesmo e fui até a porta.

Trancada.

-me dê a chave!

Os policiais prenderam ele pegando a chave,logo me entregando.

Abri a porta e a cena que eu vi ali,eu não desejo ver nunca mais.(S/N) estava cheia de sangue com vários cortes espalhado pelo seu corpo,apenas de roupas íntimas e desmaiada. Jiwoo estava nua,com ratoeiras em seus seios,com cortes em seu corpo,chorando.


JW-obrigada!









Continua??





Notas Finais


Foi isso,espero que vcs tenham gostado!

~begeos da Mizuki


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...