História Breathe Me - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Visualizações 2.309
Palavras 1.647
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, boa leitura!

Capítulo 2 - Escola nova


Fanfic / Fanfiction Breathe Me - Capítulo 2 - Escola nova

Cheguei em casa e nem tomei banho fui logo me deitando na cama pois meu voo sai às oito e quarenta.

[...]

Já estou dentro do avião indo para o Canadá.Quase morri de tanto chorar antes de embarcar,parecia que eu,Rafa e Anada íamos inundar o aeroporto  haha’ somos muito dramáticas.Logo o avião pousou e eu sai.Eu,minha irmã e meu pai pegamos as malas e fomos para casa de táxi .Já era bem mais das duas da manhã.No caminho para casa eu coloquei meu fones de ouvido e dei play em “Good Time”.Chegamos na nossa nova casa,meu pai pagou o taxista,pegamos nossas malas e entramos.A casa já era toda mobiliada.

– Querem ver os quartos de vocês?

– Sim

– Ok – disse subindo e eu subi atrás dela com minhas

Fui até o quarto que meu pai falou e entrei.Ele era lindo,do jeito que eu gosto.Arrumei minhas coisas e logo fui dormir, estava com sono e amaná eu tenho aula.

No dia seguinte...

Acordei com o meu celular despertando,só não o taquei no chão pois meu pai não iria comprar outro para mim.Levantei com uma preguiça danada,fui para o meu banheiro e lá fiz minha higiene matinal.Coloquei uma calça jeans clara,uma regata verde e uma blusa de frio marrom escuro, meu fiel all star preto e desci para tomar meu café da manha.Após isso eu e Julia seguimos para a escola,ela disse que sabia o caminho pois o papai ensinou para ela.No caminho fui ouvindo musica.

Chegando lá estava cheio de gente.Alunos em grupo conversando,algumas cheerlíders e mais.Logo o sinal tocou e a porta se amontoou de gente.Meu Deus parecíamos uma colônia de  formigas.Eu entrei na escola,Julia não pois ela tem 23 anos e está na faculdade.Fui para a sala da diretora e no caminho acabei esbarrando em alguém.

- Opa desculpa! –  falei de cabeça baixa e segui meu caminho para a diretoria,assim que cheguei lá bati na porta e ouvi um breve “entra” e assim eu fiz – diretora... – olhei em um lugar lá e estava escrito “Helena Fanning” – Fanning eu sou aluna nova e gostaria de pegar meu horário e o numero do meu armário 

- Oh claro.Você é Brooke Montes, certo?

- Certo! – ela me estendeu um papel

- Ai está a numeração da sala para saber onde fica

- Ok. Obrigada! – agradeci e sai da diretoria.

O corredor estava um pouco mais vazio,eu olhava no papel,procurei um pouco e achei meu armário.Peguei o que eu precisava e segui em direção a sala de História.Logo achei a H-3 que era a sala da aula de História e bati na porta.

- Posso entrar professora?

- Claro – a mulher ruiva falou – Você é a aluna nova,certo?

- Sim, sou – ela parecia simpática 

- Procure um lugar para se sentar – ela falou e eu dei um meio sorriso.

Olhei pela sala,as mesas eram em duplas e tinha um menino sozinho lá no fundo caminhei até lá e perguntei baixo para não atrapalhar a aula da professora 

-Posso me sentar aqui? – O menino que estava sentado de mal jeito – digamos que jogado -  só olhou para mim com cara de tédio e tirou sua mochila da cadeira ao seu lado – Obrigada! – sorri simpática e ele me ignorou e ele continuou a desenhar em seu caderno,era um desenho que parecia que estava começando,parecia um formato de um rosto.

Ele parou de desenhar e olhou para mim,me encarou com aqueles olhos castanhos cor de mel.

- Desculpe! – abaixei a cabeça depois a ergui para prestar atenção na aula que a professora dava

[...]

- Como foi a escola hoje? – perguntou meu pai no jantar

- Normal,nada de diferente – falei dando ombros e colocando o garfo na boca

- Fez algum amigo? – perguntou meu pai de novo

- Não

- Hum

[...]

Eu já estava em casa,agora eu estou deitada na cama tentando dormir pois já passa das onze da noite mas aqueles olhos cor de mel não saiam da minha cabeça,toda vez que eu fechava meus olhos eu via aquele par de olhos hipnotizantes e penetrantes.Eu só posso estar louca.Depois de um tempo lutando contra esses pensamentos eu dormi.

[...]

 PIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII’ 

Fazia o despertador em cima do criado mudo.Mais um dia de aula hoje,mal posso esperar para que o fim de semana chegue logo.Tomei meu café da manhã dei tchau para o meu pai e fui sozinha para a escola já que aprendi o caminho ontem.Eu aprendo as coisas rápido.Cheguei lá e vi o mesmo de ontem,só uma coisa diferente.Vi aquele mesmo menino lá da aula de História,ele estava entrando na escola.Hoje ele usava um gorro vermelho com um pouco do cabelo aparecendo na frente,uma camiseta social marrom claro aberta e uma camisa branca gola V por baixo,um colar,brincos parecido com alargador mas não era,usava um Supra preto e uma calça jeans escura caída.Esse menino se veste muito bem.

Eu caminhei até a entrada da escola até que uma menina me para.

- Oi,meu nome é Mandie.Você deve ser a Brooke,certo? – ela nem deixou eu responder e falou – Prazer – estende a mão e eu apertei – Você não é de falar muito,né?

- Você que não deixa a menina falar Mandie – chega um menino de belos olhos azuis por trás da Mandie

- Cala a boca Jackie! – diz Mandie irritada

- Aff – rola os olhos – prazer eu sou o Jackie,Jackie McLodian  - estende a mão para mim

- Brooke - falei e apertei sua mão – e o prazer é todo meu

- Bem vamos entrar ou vamos chegar atrasados – falou Jackie 

Finalmente entramos na escola e eu cheguei no meu armário,por sorte os armários de Jackie e Mandie eram pertos do meu. Após tirar meu livro de Sociologia lá de dentro senti alguém passar rápido por mim  e o doce cheiro de seu perfume foi inalado pelas minhas narinas,era o menino de olhos castanhos.Eu fiquei o olhando até ele sumir da minha vista.

- O nome dele Justin Drew Bieber– falou Mandie me fazendo levar um susto

- Hã? Nome de quem?

- Do menino que você estava olhando.Ele é estranho,não conversa com ninguém daqui da escola à não ser se for muito importante – explicou Mandie

- E fiquei longe dele – falou Jackie ao chegar perto de nós

- Por que? – não deu tempo deles responderem  pois o sinal bateu e cada um foi para sua sala. Na aula de Sociologia eu não conseguia prestar atenção na aula. Por que diabos eu não posso ficar perto desse tal Justin?

As três primeiras aulas passaram até rápido e eu consegui tirar aquele menino da minha cabeça – eu acho. Depois de pegarmos nossos lanches, eu, Mandie e Jackie nos sentamos em uma mesa. Estávamos comendo de boa até que vejo aquele tal Justin sentando afastados de todos em uma mesa sozinho em um canto.

- O que ele tem?

- Ele quem?

- Aquele menino. O tal Justin que vocês me falaram

- Ninguém sabe

- Dizem que ele é um vampiro – eu ri

- Vampiros não existem.É um mito criado há muito tempo atrás

- Ah vai me dizer que você não gosta de Crepúsculo? – disse Mandie rolando os olhos

- Sim. Eu não gosto de Crepúsculo,até gosto das partes de ação mas o resto não

- Você é anormal

- Ela tem celebro. Só idiotas assistem aquilo – disse Jackie zoando 

- Vai tomar no... – Jackie interrompe

- Olha a boca. Seja educada!

- Ah, então vai tomar onde os patos não tem pena – disse sínica e eu ri

- Pelo menos foi educada de não falar um palavrão – Jackie disse zombeteiro e dando ombros

O horário do intervalo acabou e cada um foi para sua devida sala. Cheguei na sala onde seria a minha aula de Álgebra,entrei na sala e vi Justin sentando rabiscando um caderno. Abaixei meu olhar quando ele olhou para mim e segui até uma mesa que ficava do outro lado de onde ele ficava. Não queria ficar perto dele.

Logo a sala foi se enchendo e o professor chegou.

- Hoje será um trabalho que vocês começaram aqui e terminarão em casa e é para me entregar depois de amanhã já que amanhã vocês não têm aula comigo. O trabalho será em dupla...Fala Diego – ele disse após um dos meninos do fundo levantar a mão

- Pode ser dupla de três senhor Croming?

- Não existe dupla de três senhor Hill. Então como eu estava falando: O trabalho irá ser em dupla e não pode ficar nenhum aluno sozinho. Podem fazer a duplas de vocês  e depois eu entrego a folha – logo depois que terminou de explicar. Eu olhava para o lados e não achava ninguém que eu pudesse fazer dupla.

Patricinha estava com patricinha. Jogados de basquete com jogador de basquete. Nerd com nerd e etc...Só uma pessoa estava sozinha e era Justin.

-Brooke Montes – disse o professor

- Sim

- Sente-se com o Bieber – Justin olha para o professor e eu olhava para Justin

- É...Tá bom então – hesitando um pouco peguei minhas coisas e minha mesa e a levei com dificuldade até o lugar de Justin mas levei

O professor passou entregando as folhas após eu pegar eu disse.

- Eu não sei fazer nada disso.Não sou boa em álgebra – Justin pegou o trabalho da minha mão e riu

- É fácil, é só pensar  - a voz dele é linda

- Oh ele sabe falar – falei baixo olhando para o outro lado da sala

- Hã? – inclinou a cabeça me olhando

- Nada – sorri e voltei a olhar para a folha 

- Ahm – passou a língua entre os lábios avermelhados – Eu irei te ensinar


Notas Finais


Peço mais uma vez que comentem e favoritem. Obrigada pelos comentários!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...