História Breathe Me - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Visualizações 914
Palavras 905
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


TENTEI FAZER UMA PARTE ROMANTICA E MEIGA, MAS NÃO DEU POR ISSO DEMOREI A POSTAR. RECOPENSO VOCÊS COM UM CAPÍTULO HOT KJBGDHBGH.

Capítulo 28 - The Best Love


Fanfic / Fanfiction Breathe Me - Capítulo 28 - The Best Love

Estávamos deitados em sua cama, Justin brincava com os meus cabelos enquanto eu fazia pequenos círculos imaginários em seu peitoral.

- Quero te levar para algum lugar.

- Que lugar?

- Não sei exatamente. Tem um cara que vende cachorro quente no Confederation Park, é muito bom. Eu sei que muitos meninos levam suas namoradas para jantar em restaurantes chi... – eu o cortei

- Eu adoraria comer cachorro quente – sorri para ele – E eu não me dou muito bem em restaurantes chiques – ele sorriu para mim

- E sem contar que e prefiro comidas normais a aquelas cheias de mimimi – continuei

- Garota, eu te amo demais. – sorri largamente ao ouvir essas palavras

- Eu também te amo muito. – o beijei com muito desejo – Então, vamos para o parque? To morrendo de fome.

- Prefere comida do que seu namorado?

- Mil vezes – respondi brincando

- Legal em.

- Pois é.

Fomos de ônibus até o parque que ficava um pouco longe de onde Justin morava. Sentamos no fundo do ônibus, Justin perto da janela e eu do lado com minhas pernas sobre as dele. Ficávamos olhando a cidade e comentando algumas coisas sobre as casas, bares, lojas e outras coisas que nós víamos pela grande janela. Rimos do banner de um sex shop que tinha de um lado desenhado pênis e vibradores das cores e símbolos dos “Vingadores”.

Após alguns minutos chegamos até o parque e logo vimos um carrinho de cachorro quente, minha boca salivou só por ver o carrinho. Eu estava com fome.

 

[...]

 

Mal entramos em sua pequena casa e já estávamos tirando nossas roupas, fazíamos de tudo para não desgrudarmos os lábios enquanto tirávamos nossas roupas. Quando estávamos totalmente nus, nos agarramos um no outro, eu entrelaçava meus dedos em seus cabelos dourados enquanto ele mantinha uma das mãos em minha cintura e outra em minha bunda. Entrelacei minhas pernas eu sua cintura e ele caminhou até seu quarto onde tinha sua cama, me deitou nela e deitou em cima de mim. Eu mantinha minhas pernas abertas para ele ficar no meio delas, senti várias vezes seu pênis tocar minha vagina ou a parte interna das minhas coxas. Eu estava louca para senti-lo dentro de mim, mas ele brincava comigo, me excitando. Justin ficava passando seus dedos em meu clitóris ou colocando seu pênis na minha entrada o enfiando um pouco e depois tirando, enquanto isso eu me contorcia embaixo dele. Mordia  meu lábio inferior e arranhava seus braços. Justin desceu sua mão para a minha vagina e penetrou um dedo, delirei de prazer quando ele começou a movê-lo para dentro e para fora, ele enfiou mais outro dedo e seu dedão quando dava excitava mais o meu clitóris. Eu gemia seu nome e implorava para ele me foder logo de uma vez e parar de me enlouquecer daquele jeito, ele se excitava e divertia com a situação. MALDITO!

Eu estava preste a chegar no meu orgasmo, ele tirou seus dedos de dentro de mim e começou a lamber e chupar a minha vagina, segurei sua cabeça prensando-a contra a minha vagina o deixando trabalhar naquele local com sua língua áspera e prazerosa.

- Eu vou... Vou gozar – avisei a ele ofegando, ele não tirou sua boca de lá e começou a me lamber e chupar mais rápido ainda.

Senti em corpo entrar em espasmos e um líquido quente saiu de mim me aliviando. Justin lambia meu liquido, após bebê-lo todo ele me olhou com um sorriso sacana no rosto e subiu distribuindo beijos pela minha pélvis, barriga, seios, queixo, até chegar à minha boca, me deu um beijo e depois se posicionou de joelhos, segurou seu pênis e o posicionou na entrada da minha vagina. Após se posicionar ele colocou seus braços um de cada lado do meu corpo e penetrou forte e rápido me dando um impulso para cima fazendo-me gemer alto. Justin continuou a investir forte contra os meus quadris, ele abaixou-se mais, eu passei meus braços nos dele colocando minhas mãos em suas costas a arranhando perto dos ombros. Ele fazia bons movimentos de vai e vem e gemia baixo perto de meu ouvido enquanto eu fazia o mesmo perto do dele . Justin tinha dom para isso. Meus seios subiam e desciam no ritmo de suas investidas fortes e rápidas.

- Vai Justin, por favor. Own, vai – eu falava delirando para ele continuar.

Ao ouvir meu suplico ele começou a fazer movimentos lentos rebolando em mim e fazendo os movimentos de vai e vem. Aquilo tava bom demais. Ele aumentou a velocidade de novo, eu podia sentir que eu estava perto de mais um orgasmo. Mais algumas investidas fortes dele depois eu gozei novamente e ele não parou após disso, estava aguardando a sua vez de chegar ao seu orgasmo, suado e ofegante ele continuou. Minutos depois eu senti seu jato de líquido quente dentro de mim, seu corpo de aliviou, ele se deitou em cima de mim ofegando, e um tempo depois se deitou ao meu lado, eu me deitei em cima dele apoiando minha cabeça em seu tórax. Não falamos nada, só dava para ouvir nossas respirações se normalizando aos poucos.

- Eu gozei dentro de você – ele disse ainda com um pouco de dificuldade.

- Amanhã eu dou um jeito de tomar um anticoncepcional. – sorri olhando para ele o tranqüilizando.

Essa simplesmente foi a melhor transa, ou melhor, amor que nós fizemos.


Notas Finais


Comentem please, obrigado de nada. Vou arrumar os capítulo de Stalker para postar segunda feira.
http://socialspirit.com.br/fanfics/historia/fanfiction-justin-bieber-stalker-1868179


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...